Terça-feira, 31 de Julho de 2012

O Zé Luz comenta-nos 

sobre Direito de resposta: A Santa Casa de Constância na Segunda-feira, 30 de Julho de 2012 às 17:24:

 

     

Não tenho a sentença. Pedi-a e o escrivão lá do tribunal perguntou-me com que legitmidade? Por escrito. Sendo eu testemunha do Estado e denunciante, entenderam os serviços que não tinha acesso nessa qualidade. Até me doi a barriga...

O processo prescreveu em Dezembro de 2009.

Tenha imensa curiosidade em saber o que aconteceu. Deve haver alguma suposta facturação à margem da lei, calculo.

Eu pensava que o meu nome aparecia no comentário.

José Luz (Constância).

 

 

Olá Zé, 

 

Desculpa o atraso na edição do teu comentário.

 

Sobre o Tribunal: qualquer pessoa pode pedir cópia de uma sentença. Se está transitada em julgado ou seja não está pendente de novas actuações judiciais. Mesmo um processo onde houve despacho de arquivamento, isto é onde o MP entendeu que fica a aguardar melhor prova, pode-se pedir cópia (através de certidão desse despacho). Foi o caso do despacho de arquivamento aqui parcialmente transcrito sobre a investigação onde Nelson Carvalho e Júlio Bento foram arguidos. Houve partes do processo ( escutas telefónicas) que não podem ser consultadas, mas a maior parte é acessível.

 

Deves pedir certidão do processo, mas é pago.

 

Qualquer bom jurista abrantino, como Santana-Maia Leonardo ou Eurico Consciência te pode dar esclarecimentos complementares.

 

Cumprimentos

Marcello de Noronha 



publicado por porabrantes às 22:54 | link do post | comentar

O sr. Paulo Delgado, Director de Programas da Antena Livre, postou a 29-6-2012, isto na sua página do facebook : ''O inevitável parece estar a acontecer. É com tristeza que soube esta manhã que o meu Amigo Mário Rui Fonseca e creio que aLurdes Gonçalves, estão legalmente a suspender as suas funções na Tágide, visto a estação ter chegado a uma situaçãoincontrolável, ao nível das verbas em atraso a estes dois funcionários (pelo menos). Para quem conhece a realidade, em nada esta situação me admira. A Tágide corre agora o risco de fechar. Já não tem locutores. Nem Jornalistas. É triste. Mas é mais triste ainda, que muitos dos seus cooperantes tenham assistido ao longo dos anos a tudo o que se tem passado sem nada fazerem. Toda a gente sabe e ninguém faz nada. Eu, tentei, há alguns anos atrás, com a Anabela Maia o Jorge Duarte e oCarlos Clemente. Não acreditaram...Afastaram-nos! O resultado está à vista. Fantástico que agora alguns falem na "Arte & Ritmo", empresa que criámos para gerir os destinos da cooperativa. Agora o que importa, é lamentar esta "perda". Para todos. Estou triste, e deixo aqui o meu abraço de solidariedade aos colegas e amigos da Tágide!''

 Foto del perfil

Depois ilustrou a declaração de ''solidariedade'' com isto

 

 Foto: O inevitável parece estar a acontecer. É com tristeza que soube esta manhã que o meu Amigo Mário Rui Fonseca e creio que a Lurdes Gonçalves, estão legalmente a suspender as suas funções na Tágide, visto a estação ter chegado a uma situação incontrolável, ao nível das verbas em atraso a estes dois funcionários (pelo menos). Para quem conhece a realidade, em nada esta situação me admira. A Tágide corre agora o risco de fechar. Já não tem locutores. Nem Jornalistas. É triste. Mas é mais triste ainda, que muitos dos seus cooperantes tenham assistido ao longo dos anos a tudo o que se tem passado sem nada fazerem. Toda a gente sabe e ninguém faz nada. Eu, tentei, há alguna anos atrás, com a Anabela Maia o Jorge Duarte e o Carlos Clemente. Não acreditaram...Afastaram-nos! O resultado está à vista. Fantástico que agora alguns falem na "Arte & Ritmo", empresa que criámos para gerir os destinos da cooperativa. Agora o que importa, é lamentar esta "perda". Para todos. Estou triste, e deixo aqui o meu abraço de solidariedade aos colegas e amigos da Tágide!

 

A crise da Tágide não é nova, e já foi aqui abordada. É óbvio que num momento de crise económica sistémica, a base económica de sustentação das rádios locais está ameaçada pelo retraimento do mercado publicitário. Por isso através de protocolos e subsídios vindos das autarquias e outras instituições as Rádios e outros media têm procurado outras formas de subsistência.

A mesma situação na imprensa escrita onde por exemplo o jornal O Ribatejo, do mesmo grupo que a Antena Livre, de que o cronista das quarta-feiras, Armando Fernandes é sócio minoritário, vem neste momento tendo tiragens ínfimas, batido pela concorrência implacável do Mirante e também pela luta pelo favor autárquico.

Daremos aqui um dia destes, transcrevendo documentos, nota dessa situação,

   

O problema é que um media subsidiado está nas mãos de quem paga os subsídios. Perde independência e credibilidade. Tende a ser a voz do dono.E sabemos que são os donos da Antena Livre.

Recordarei ao Sr. Paulo Delgado que antes de ser Antena Livre, sociedade por quotas onde Albano Santos tinha uma quota minoritária, 

 

a RAL foi uma cooperativa e que houve quem avisasse do que significava a operação de aquisição do alvará pelo Grupo Lena,

 

 

         

 

 

Além do Paulo Jorge Sousa, hoje funcionário da CM Sardoal e responsável pelo excelente Boletim Municipal daquela autarquia, mais gente avisou do que vinha aí......

 

 

    

 

Como podem ver os signatários são os responsáveis do CDS-PP de 2001, entre eles o António Castel-Branco agora correligionário político

 

no PSD do Fernandes, partido onde há uma pugna pela designação do candidato contra Maria do Céu.......e resistências dum conhecido político do Tramagal a ser candidato....

 

O aviso foi profético, todos sabemos o que aconteceu e este senhor mais,

 

 

 

mas o que não previram foi a crise que arrastou o Grupo Lena pelas ruas da amargura (basta ver as acções que entram dia a dia contra a Construtora Abrantina no Tribunal da Comarca) e que hoje certas rádios só vivem de subsídios.

 

Podia-se aceitar um regime temporário da autarquia para salvar os medias locais, mas não é isso que acontece. A Rádio Tágide levou só uma pequena fatia dos subsídios e a sua Rádio levou a parte de leão.


Com pormenores relevantes como o PSD a sugerir queixa ao MP e ao IGAL .

 

E as coisas vinham de mais longe, nesses eventos culturais de música pimba que o sr. anima a meias com o Jerónimo Jorge, lá está o financiamento camarário às vezes em situações de conflitos de interesses, ....

 

 

 

Porque raio é que nós temos de pagar o vosso gosto pela música pimba ou a D.Isilda Jana a contar lendas já publicadas há 50 anos?

 

Porque razão não é o mercado que deve funcionar e levar à falência empresas inviáveis????

 

Só porque a vossa existência favorece o poder?????

 

 

É demasiado caro.

 

De forma que as suas críticas à Tágide cheiram-me a lágrimas de crocodilo. No fundo estão satisfeitos  pela perda dum concorrente, mas é melhor porem as barbas de molho.

 

Uma Câmara que não tem dinheiro para pagar as assinaturas do Jornais da Biblioteca, dentro em pouco não terá dinheiro para vos sustentar.

 

E o Mirante tragará o Ribatejo.

 

Por um dia, digo:

 

Viva o Mercado!!!!


Miguel Abrantes


fotos do facebook enviadas pelo leitor Paulo Morgado


artigo da Nova Aliança fornecido por um arquitecto (grande ''admirador'' do armandinho) que pede desculpa pela má qualidade da fotocópia


artigo do Primeira Linha- arquivo Marcello de Noronha


busca nos arquivos-Edite Fernandes, especialista em empresários de Lagarelhos 



publicado por porabrantes às 18:02 | link do post | comentar

 

 O trolha acaba de plagiar um post nosso, lendo-o sem entender e copiando-o sem pudor, deformando o que aqui se tinha escrito .

 

Naturalmente não explica porque é que o concurso ''público'' da Domus Anaclética não está publicado como tinha de estar.

 

Acontece que a transparência que exige aos outros (ilegalmente) é para esconder quando se trata dos amigalhaços da Cabeça Gorda, dos seus problemas com a polícia e do beatério.

 

Assim sendo, resta mandá-lo para as obras....

vergar a mola.

 

A redacção 



publicado por porabrantes às 16:26 | link do post | comentar

Durante as obras de construção da Escola da Bemposta a Câmara fez esta fotografia, onde o licenciado Serrano (que outro dia Duarte Castel-Branco  ridiculizou com sapiência, estou a vê-lo ao catedrático a assinar a exposição da Tubucci e a dizer : pagava para ver a cara do Serrano quando ler isto) e a Maria do Céu (também licenciada) visitavam as obras

 

 

 

e garantiam que elas avançavam a bom ritmo.

 

Era 14-1-2011 e o prazo de execução era de 365 dias.

 

O Presidente local Francisco Bentes 

 

anunciava o convite ao ''povo'' para o bodo aos pobres que transcrevo:

 

 ''O Presidente da Junta de Freguesia de Bemposta, tem o prazer de convidar todos os Professores/as, bem assim Auxiliares, que exerceram a sua atividade, nas Escolas de Bemposta, Água Travessa, Fóz, Chaminé, Vale de Horta, Brunheirinho e Valer de Açôr, e neste momento já na situação de aposentação, a estarem presentes na inauguração do novo Centro Escolar de Bemposta, a qual se irá realizar no próximo Domingo dia 20/05/2012 pelas 16,00 horas,
com a presença da Senhora Presidente da Câmara Municipal de Abrantes.
Esperamos a v/ visita até lá.
Francisco Bentes''



20 Maio era o Dia da Espiga, Festa Tradicional daquela simpática freguesia, que vive ainda hoje sob o signo do Ministro da Ditadura Manuel Rodrigues

 

 

 

Uma inauguração pressupõe que a obra já está pronta

 

 

 

 

É isso que deve ter dito o Camarada Beirão, boss do Agrupamento Escolar D.Miguel de Almeida, afirmação que o meu amigo e actual Presidente da Assembleia Municipal, dr. Manuel dos Santos, um eterno jovem socialista, é muito mais jovem que o Bruno Tomás que já nasceu velho, não devia acreditar ser certa dada a sua cara desconfiada......

 

 

E tinha razão.....

 

 

Há pouco dias novo ajuste directo ao Sr. José Manuel da Silva Fidalgo ( e agora o nif para contentamento do Rev.Cónego Graça, do sacristão diplomado por equivalência Jota Pico e do Ministro  Baptista:174792000) 


com a seguinte descrição:


Detalhe do Contrato


DATA DE PUBLICAÇÃO NO BASE 25-07-2012
TIPO(S) DE CONTRATO Empreitadas de obras públicas
TIPO DE PROCEDIMENTO Ajuste directo
DESCRIÇÃO Contrato da Empreitada de Alterações ao Centro Escolar de Bemposta - Abrantes
FUNDAMENTAÇÃO Artigo 19.º, alínea a) do Código dos Contratos Públicos
FUNDAMENTAÇÃO DA NECESSIDADE DE RECURSO AO AJUSTE DIRETO (SE APLICÁVEL) ausência de recursos próprios
ENTIDADE ADJUDICANTE - NOME, NIF MUNICÍPIO DE ABRANTES (502661038)
ENTIDADE ADJUDICATÁRIA - NOME, NIF JOSÉ MANUEL DA SILVA FIDALGO (174792000)
OBJETO DO CONTRATO A Empreitada de Alterações ao Centro Escolar de Bemposta - Abrantes consiste designadamente na execução dos seguintes trabalhos
-Substituição de teto falso em revestimento contínuo e acústico com acabamento estanhado liso por teto falso em placas de gesso perfurado;
-Redução das áreas de tapetes em fio de PVC entrelaçado e colocação de pavimento epoxy autonivelante sobre betonilha;
-Colocação de grelhas de enrelvamento em PVC preenchidas com gravilha tipo bago de arroz;
-Colocação de uma porta de batente tipo (idêntica às existentes em todo o centro escolar) no acesso à Biblioteca;
-Alteração de porta (de duas folhas) de acesso à cozinha, para porta CF 30;
-Alteração de puxadores;
-Colocação de painel de corticite com 5mm de espessura numa das salas de atividades;
-Colocação 6 caixas de pavimentos, com capacidade para 6 aparelhos cada;
-Aplicação de contactor, para peladora de batatas;
-Colocação de um filtro a montante do contador;
-Correção e reposição de estrutura de apoio à bateria de painéis solares.
CPV 45214210-5, Construção de escola primária
DATA DE CELEBRAÇÃO DO CONTRATO 17-07-2012
PREÇO CONTRATUAL 64.768,86 €
PRAZO DE EXECUÇÃO 30 dias (30 dias)
LOCAL DE EXECUÇÃO - PAÍS, DISTRITO, CONCELHO Portugal, Santarém, Abrantes
CONCORRENTES JOSÉ MANUEL DA SILVA FIDALGO (174792000)
ANÚNCIO -
INCREMENTOS SUPERIORES A 15% -
DOCUMENTOS -
OBSERVAÇÕES -



Ora bolas: uma Escola que foi


inaugurada,


não significa



que já estava pronta?????


O pormenor mais delicioso é que inauguraram a Escola aparentemente sem puxadores!!!!!



É preciso uma lata do caraças, só ao alcance de Maria do Céu Albuquerque e de João Pico, para 3 meses depois da inauguração já ser preciso gastar quase....

 

 

70.000 euros a alterar uma obra com 3 meses....

 

é este tipo de administração que leva este Concelho à falência......

 

 

que pensaria disto a antiga Presidente do PCP

 

 

a professora primária D.Irene que substituiu o anti-fascista Zé Valamatos à frente da autarquia, porque este tinha excesso de currículum anti-fascista, porque já em 1958 acompanhara Costa e Simas, Correia  Semedo e Duarte Castel-Branco na campanha de Humberto Delgado, enquanto a D.Irene ainda era novinha e o famoso Manuel Dias prudentemente ficava a talhar coletes ou a virar casacas numa alfaitaria de vão de escada,

 

 

 

 

que pensará disto  ????



só para terminar o adjudicatário do ajuste directo já tinha recebido outro




Detalhe do Contrato


DATA DE PUBLICAÇÃO NO BASE 22-12-2010
TIPO(S) DE CONTRATO Empreitadas de obras públicas
TIPO DE PROCEDIMENTO Concurso público
DESCRIÇÃO Construção do Centro Escolar de Bemposta
FUNDAMENTAÇÃO Artigo 52.º, n.º 2 do DL nº 72-A/2010, de 18.06
FUNDAMENTAÇÃO DA NECESSIDADE DE RECURSO AO AJUSTE DIRETO (SE APLICÁVEL) Não Preenchido
ENTIDADE ADJUDICANTE - NOME, NIF MUNICÍPIO DE ABRANTES (502661038)
ENTIDADE ADJUDICATÁRIA - NOME, NIF JOSÉ MANUEL SILVA FIDALGO (174792000)
OBJETO DO CONTRATO Construção do Centro Escolar de Bemposta - consiste na construção de edifício escolar de piso térreo, de espaços exteriores e execução das respetivas infra-estrutures.
CPV 45214210-5, Construção de escola primária
DATA DE CELEBRAÇÃO DO CONTRATO 13-12-2010
PREÇO CONTRATUAL 1.781.884,13 €
PRAZO DE EXECUÇÃO 365 dias (1 ano)
LOCAL DE EXECUÇÃO - PAÍS, DISTRITO, CONCELHO Portugal, Santarém, Abrantes
CONCORRENTES -
ANÚNCIO DETALHE DO ANÚNCIO
INCREMENTOS SUPERIORES A 15% -
DOCUMENTOS -
OBSERVAÇÕES -


no valor de quase  1.800.00 euros para fazer um trabalho que três meses depois de entregue já tem de ser refeito.....



e para terminar o sr. Fidalgo é um Felizardo.....




DATA DE PUBLICAÇÃO NO BASE 16-04-2012
TIPO(S) DE CONTRATO Empreitadas de obras públicas
TIPO DE PROCEDIMENTO Concurso público
DESCRIÇÃO Empreitada de Construção de Lar de Idosos Centro Social do Pego
FUNDAMENTAÇÃO Artigo 19.º, alínea b) do Código dos Contratos Públicos
FUNDAMENTAÇÃO DA NECESSIDADE DE RECURSO AO AJUSTE DIRETO (SE APLICÁVEL) Não Preenchido
ENTIDADE ADJUDICANTE - NOME, NIF CENTRO SOCIAL DO PEGO (502591161)
ENTIDADE ADJUDICATÁRIA - NOME, NIF JOSÉ MANUEL DA SILVA FIDALGO (174792000)
OBJETO DO CONTRATO Construção de um Lar de Idosos para 57 utentes, com três pisos, com a área bruta de
construção de 3.352,40 m2, abrangendo as especialidades de Arquitetura, Estrutura, Águas e Esgotos, Instalações Eléctricas, ITED, Arranjos Exteriores.
CPV 45215212-6, Construção de lar para idosos
DATA DE CELEBRAÇÃO DO CONTRATO 04-04-2012
PREÇO CONTRATUAL 1.769.839,68 €
PRAZO DE EXECUÇÃO 609 dias (1 ano e 8 meses)
LOCAL DE EXECUÇÃO - PAÍS, DISTRITO, CONCELHO Portugal, Santarém, Abrantes
CONCORRENTES -
ANÚNCIO DETALHE DO ANÚNCIO
INCREMENTOS SUPERIORES A 15% -
DOCUMENTOS -
OBSERVAÇÕES -

 


advinhem quem é o benemérito que preside ao Lar do Pego?????



e porque é que na base de dados não estão os dados do ''concurso público'' que o Centro Social das Paróquias de Abrantes teve de lançar para que a Alpeso ficasse com a obra da Domus Anaclética????



deve ser segredo de confissão.....

e se a embargássemos ?????



Miguel Abrantes


créditos: P. Bemposta- Portal das freguesias


Fotos da Inauguração: CMA


Foto de Jota Pico: não publicada para não assustar as criancinhas da Bemposta


Dicas ao blogue: Funcionária da CMA devidamente identificada que pediu o anonimato   



publicado por porabrantes às 13:24 | link do post | comentar

dedicado ao Sr.Bispo de Portalegre e Castelo Branco

 

 

Rádio Renascença 

que coitado...tem de gramar muita coisa

 

 

 

 

terá tempo de ler o Público e de encontrar os amigos do Sr.Pico, do Sr.Cónego que por acaso também são amigos do Sr.Sócrates ????

 

 

investigadores suspeitam de empresa da mãe de Sócrates
José António Cerejo



A  Mecaso, uma sociedade gestora de participações sociais criada em 1999 pela mãe de José Sócrates, por um primo paterno e por um cidadão inglês de origem indiana, está referenciada num processo em que são investigadas suspeitas de corrupção relativas à Câmara da Amadora, noticiou ontem o semanário Sol. 
De acordo com a mesma fonte, os investigadores do caso Freeport admitem agora que José Paulo Pinto de Sousa - filho de um irmão do pai de Sócrates que possui uma espingardaria na Praça da Figueira, em Lisboa, e tem forte ligações a Angola - possa ser o primo a que Charles Smith se referiu em várias situações como veículo do suborno alegadamente pago ao então ministro do Ambiente.
O inquérito judicial em que são investigados indícios de corrupção e tráfico de influência na Câmara da Amadora, dirigida por Joaquim Raposo (PS), arrasta-se há quase uma década e tem oito arguidos. Em Outubro de 2004 e Julho de 2005 foram feitas dezenas de buscas não só em edifícios camarários como em escritórios de empresas e casas particulares, incluindo a de Joaquim Raposo.
Em causa estão suspeitas relativas ao licenciamento de algumas grandes urbanizações, algumas delas, como a do Neudel, ligadas a empresas de Jorge Silvério, mandatário de Raposo nas eleições de 1997 e 2001. 
Muitos desses casos prendem-se com denúncias feitas pela CDU local, desde 1999, e também com factos revelados pela antiga mulher de Jorge Silvério. Segundo o Sol, a referência à Mecaso foi encontrada pelos investigadores do caso no computador pessoal de Joaquim Raposo.
No decurso das buscas efectuadas em 2005, a polícia esteve nos escritórios de um dos maiores construtores civis do país, José da Conceição Guilherme. Conhecido pela sua proximidade com autarcas de vários partidos, entre os quais Isaltino Morais e Raposo, José Guilherme foi um dos beneficiados, em 2005, com a alteração dos limites da Zona de Protecção Especial de Moura/Mourão, no mesmo dia em que foi alterada a ZPE de Alcochete. Foi nos seus escritórios da Amadora que teve sede, em 1989, uma empresa de importação de pneus (Sovenco) de que Sócrates, Armando Vara e um sócio de Jorge Silvério foram sócios cerca de dois anos. 
O processo em que são investigadas relações entre Raposo, o PS e empreiteiros locais arrasta-se há dez anos.

http://forum.autohoje.com/off-topic/71096-socrates-testemunha-corrupcao-central-de-compostagem-cova-da-beira.html

MN



publicado por porabrantes às 08:06 | link do post | comentar

 

''Aos 95 anos os 95 anos o Senhor Padre Rosa continua activo como Director do Blogue Pico do Zêzere. Foi um homem de letras desde muito cedo e fundou o extinto Jornal Souto do Zêzere, onde foi Director atacando sem piedade a maçonaria, o comunismo, o socialismo e o liberalismo. Como já não havia União Nacional foi candidato pelo CDS-PP nas últimas eleições. Também foi Pároco do Pego onde baptizou vários conhecidos políticos abrantinos. Também foi Capelão da Família Pimenta.''



Tubucci no facebook



Fomos simpáticos com o nonagenário que baptizou o próximo cliente da Clínica Centrista para tratamento ideológico



Este


 JOÃO PICO



Mas vamos ser impiedosos com o tipo que violando a Lei de Deus e da República se candidatou para aldrabar o povo.



Quem nos garante que o Rosa seja Padre????


Apresentou o nonagenário saudosista da Pide-DGS e do Tarrafal certidão que comprovasse que era cura?


Não apresentou porque senão o Tribunal da Comarca tinha-o chumbado liminarmente.


Pode não ser padre.


As prosas que assinou no pasquim fascista Souto do Zêzere denotam uma incultura incompatível com uma formação no seminário.


Portanto pode ser um agente Jeová ou qualquer outra coisa.


O mesmo raciocínio, a aplicar-se ao candidato socialista à Câmara do Crato que ganhou as eleições, com o alegre patrocínio do Bispo Augusto César , 

 

um tal Belo

 

 

que também não terá entregue certidão de Padre no tribunal e quem sabe nif de clérigo quando se candidatou por uma formação marxista

 

 

 

onde havia tipos que defendiam a luta armada e a tinham praticado, como o caríssimo Palma Inácio,

pode indiciar que o Camarada Belo não possuía as habilitações necessárias para dizer missa ou que

pelo menos tinha tido equivalência como o Relvas

 

 

Tudo isto é obviamente uma ficção para desmontar os raciocínios absurdos que o sacristão do Rev.Padre Rosa debita com anaclética sabedoria, bebida em convívio com a alta finança da Cabeça Gorda,  a mando da autoridade eclesiástica.

 

Já agora pode o Pico apresentar o nif de sacristão e o Sr.Cónego ir ajudá-lo a cortar a erva da Maison?

 

Miguel Abrantes

 

fotos do clero: Memórias de Casais Revelhos excepto a do Bispo de Roma que nunca foi candidato por nenhuma das tretas partidárias que levaram Portugal à ruína.

 

 



publicado por porabrantes às 00:15 | link do post | comentar

Segunda-feira, 30 de Julho de 2012

 

Queremos solidarizar-nos publicamente com o grande abrantino e aristocrata, académico, anti-carrilhista primário (porque o licenciado careca alentejano não consegue fazer coisas que não mereçam mais que uma oposição primária) Arq. Doutor António Castel-Branco que foi vítima de ataques ignóbeis dum grupo de incultos capitaneado pelo Padre Rosa,  e pelo João Pico num blogue que dá pelo nome de Pico do Zêzere, que é o herdeiro directo do pasquim fascista e analfabético Souto do Zêzere, mais tarde ressuscitado pelo Vereador laranja João Regedor Pico, onde por exemplo o João Pimenta disse algumas alarvidades dignas da Cabeça Gorda.

 

Terá o nosso amigo toda a nossa solidariedade para meter a canalha na ordem e agradecemos a um conhecido aristocrata e académico a entrega a este blogue duma série de documentos referentes à herança da piedosa D.Amélia Baeta e outras escrituras e documentos confidenciais que aqui publicaremos sobre a nefasta acção dum conhecido clérigo desta cidade.

 

Deixamos um abraço ao António e voltamos a publicar o notável documento com que o Arq.Duarte Castel-Branco meteu contra a parede o licenciado Rui Serrano.

 

tubucci Duarte 2012 I.jpeg

 

Rui Serrano

 

tubucci Duarte 2012 II.jpeg

 

A única coisa que nos admira é que Rui Serrano ainda não se tenha demitido.

 

A redacção



publicado por porabrantes às 21:58 | link do post | comentar

Um antiquíssimo São Sebastião é de novo vítima das sevícias, não agora dos legionários romanos, mas da Comissão Fabriqueira de S. João, cujo boss é o Cónego Graça e o Anacleto Baptista o nº 2. O templo ,monumento nacional, deixou de estar debaixo da tutela do Estado, como devia estar, depois duma escritura polémica protagonizada pelos 2 citados e por mais alguns. Ao lado do Santo uma belíssima coluna renascença vem sendo comida pelo salitre, desde há décadas. Não se conhece nenhuma intervenção projectada para o templo, que nem sequer tem plano de protecção conhecido, apesar do seu recheio inestimável, e que necessita de obras estruturais urgentes.
Enquanto isto o Presbítero Graça nada em dinheiro, administrava as mais raras instituições e prepara-se para gastar mais de 2 milhões de euros numa aventura irresponsável, onde já cometeu erros de gestão que custaram mais de 100.000 €.
Assim se perde a alma de Abrantes.
 
Tubucci no facebook
MN


publicado por porabrantes às 18:08 | link do post | comentar

A Câmara de Maria do Céu Albuquerque continua a persistir na violação da Lei.

 

 

Artigo 62.º
Periodicidade das reuniões ordinárias

 

1 - A câmara municipal tem uma reunião ordinária semanal, salvo se reconhecer conveniência em que se efectue quinzenalmente. 
2 - A câmara municipal ou, na falta de deliberação desta, o respectivo presidente podem estabelecer dia e hora certos para as reuniões ordinárias, devendo neste caso publicar editais, que dispensam outras formas de convocação. 
3 - Quaisquer alterações ao dia e hora marcados para as reuniões devem ser comunicadas a todos os membros do órgão, com três dias de antecedência, por carta com aviso de recepção ou através de protocolo.

 

Lei das Autarquias

 

 

 

Reproduzo o Edital 

                                       

 

 

É evidente que a Autarquia não podia  decidir como decidiu.

 

Os senhores edis têm direito a Férias e a Praia mas não têm direito a violar a Lei.

 

 

Informei a Tubucci de que sou sócio e dizem-me da Associação que agirão de acordo a Direito.

 

 

Marcello de Noronha, da Tubucci



publicado por porabrantes às 12:15 | link do post | comentar

Domingo, 29 de Julho de 2012

O sr. regedor (aposentado) escreveu isto seu blogue '' Na segunda-feira, o dia em que levei os nomes à sede na Rua da Barca e depois de nesse fim de semana anterior lhes ter feito uma entrega de 500 contos de um apoiante para a campanha e ter mostrado o Norte ao arquitecto e ao Engº Jorge Gonçalves, o presidente da concelhia e dar-lhe a conhecer muitos desses candidatos, e outros apoiantes, recebi "ordem de despedimento" do Arquitecto, que com uma mão nas costas me aconselhava a regressar a Lisboa, porque já tinha um candidato melhor para o 2º lugar, que era o próprio Engº Gonçalves e para a Assembleia iria o dr. José Vasco Matafome desentendido com o PSD...''

 

14-8-2008

 

O escrito deverá ter sido revisto ortograficamente pelo Director do Blogue Sr.Padre João Rosa, que posteriormente o terá abençoado.

 

O sr. Regedor entregou ao Arquitecto alegadamente 2.500 euros (mais ou menos) sem pedir recibo de alguém, da Cabeça Gorda talvez.

 

gorda maquia/gorda cabeça 

 

O Graça é o boss da Associação Social da Cabeça Gorda.

 

Há um tal Guilherme com relações com o Graça, com farta casa na Cabeça Gorda, currículum quase tão sugestivo como o honestísimo Dias Loureiro (que dizem ter relações com o Graça em patuscadas alentejanas), relacionado com o baptismo de certa valência para drogados, negócios angolanos, mais coisas curiosas segundo me contou a minha Tia Judite,  que é encarnada      

 

 

 Por exemplo relações com o Benfica....

 

 

O sr.Regedor  escreve em 2012 '' Aqui fica outra abordagem do indígena sobre um empresário da Cabeça Gorda. Terá sido o mesmo empresário a quem o candidato de 2001 do CDS recebeu dinheiro para a campanha autárquica, e um mês depois já lá estava no escritório do dito empresário, a pedir mais dinheiro.''

 

 

Portanto foi o mecenas da Cabeça Gorda,  que terá dado dinheiro ao CDS de Abrantes (e a....)

 

 

Pode o excelentíssimo Regedor ou o Sr. Padre Rosa confirmar a este blogue que foi o construtor civil José Guilherme, grande amigalhaço do sr.Cónego José da Graça,  que passou o cheque ao CDS????

 

O Sr.Pico e o Santo Rosa são uns insensatos....

 

Acabam de nos levar onde queríamos ao envolvimento do Graça com outro benfeitor amigo do Isaltino

 

 

 

com problemas com a Judiciária, negócios atípicos de terrenos, aventuras futebolísticas que estão agora nos Tribunais , pessoa naturalmente muito recomendável.....e benemérita...

 

 

Só fazemos a pergunta por pura curiosidade, dado que na Cabeça Gorda não há muitos mecenas que andem a distribuir cheques de 2.500 aos partidos e a cónegos....

 

Isto promete....

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 21:04 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

O acidente de trabalho na...

Independentes em Rio de M...

Os Esgotos nas traseiras ...

Ecomarcha chega amanhã

Proposta da CDU para inte...

A Cigana era da Bemposta ...

Arrogância caciquista

Empresa do Creativ Camp c...

Prof. Manuel Rodrigues

Cheira a pecado

arquivos

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

arqueologia

assembleia municipal

baptista pereira

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diogo oleiro

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

museu iberico

nelson carvalho

nova aliança

património

pcp

pego

pegop

petição

pico

pina da costa

política

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

vale das rãs

todas as tags

links
Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13


25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds