Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

faial 1.png

 

faial 2.png

 A Marquesa do Faial em 1918

 

 

faial 4.png

 

faial 5.png

 Os Marqueses do Faial em 1931 

faial 6.png

 

Edição da Câmara de Lisboa,'' Ana Maria Holstein-Beck, Álbuns de Família,'' mais concretamente do Arquivo Fotográfico da CML  donde se reproduzem as fotos e textos com a devida vénia

 

É uma iniciativa que se saúda da edilidade do dr.António Costa.

 

Que a Câmara de Abrantes aprenda com eles. Não percam os leitores a possibilidade de saber quem foram os Marqueses do Faial, que tanto viveram em Alferrarede e a quem essa terra tanto deve.

 

E que não se aflijam por D.António ter sido combatente por

franco.jpg

 António de Spínola também foi......

 

MN

 

 

 



publicado por porabrantes às 16:21 | link do post | comentar

A notícia natalícia tinha de vir do Pego, esse florescente centro de poluição termoeléctrica. Os oligarcas do oligopólio eléctrico (que devia ser pura e simplesmente nacionalizado) contestam a tarifa social da electricidade, através da qual o governo neo-liberal do partido do Armando Fernandes (que espumava de raiva outro dia numa crónica radiofónica contra o direito à greve, com que os trabalhadores da TAP, contestam, em nome do interesse nacional, a política do governo de liquidar a TAP)   resolveu dar um presente de Natal aos ''pobres''.

Entre os oligarcas está naturalmente o Pina Moura, ex-burocrata comunista, que saltou para o PS e depois para uma poltrona capitalista, à maneira do Júlio Bento.

 

images6EQGSOEL.jpg

 

Entretanto as centrais pegachas vão certamente dar um cheque ao cónego das seringas e das escrituras de justificação amanhadas e outras migalhas aos oligopólios da caridadezinha enquanto enchem os bolsos com tarifas confiscatórias na electricidade e poluem a atmosfera.

Não é por nada mas o post mais visto este ano, aqui, foi este  

poluição.jpg

 

''Um grupo de populares de etnia desconhecida deslocou-se a Abrantes para protestar com veemência contra a poluição termoeléctrica no Pego e as chuvas ácidas que assassinam a floresta lusitana.......''

 

Entretanto o blogue do cónego continua a defender a Lena e o Sócrates e a insultar Carlos Alexandre.

carlos alexandre.jpg

ânimo

 

Devemos agradecer as boas-festas que nos chegaram, e ainda desejá-las e aqui fica o agradecimento a todos e em particular aos amigos da Tubucci, ao dr. António Velez com um abraço especial,  ao Duque de Bragança, à Real Confraria de São Nuno, a todos os amigos que participaram no lançamento do livro Real Convento de São Domingos em Abrantes e àqueles que participarão hoje em Lisboa, em nova jornada de denúncia contra a carrilhada, na Livraria Ferin .

 

real.jpg

 

Finalmente um abraço especial ao ex-autarca socialista abrantino que apresentou queixa contra as trapalhadas financeiras dos industriais das seringas, processo que pode fazer correr muita tinta em 2015.

 

a redacção

    



publicado por porabrantes às 11:54 | link do post | comentar

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

Cinema no Teatro São Pedro, como deve ser, em exibição a Terra dos Carecas

 

s.pedro I.jpg

 uma realização do ''Espalha-Fitas'' que ao longo dos anos de enorme devoção cinéfila soube construir um público sabedor e fiel e também graças à acção de Maria de Lurdes Martins uma Escola de Cinema

s.pedro 2.jpg

 A CMA quer, com a conivência objectiva do ético pasquim, propriedade daqueles senhores, que a imprensa séria, como o Correio da Manhã e o Sol, dizem ser amigalhaços do Sócrates, que o Espalha-Fitas passe para um empreendimento privado, num bairro frequentado por marginais, num atentado óbvio à cultura e à regeneração do centro histórico.

 

A este ritmo aguarda-se que a famosa Torre do Careca ( para alojar o MIAA) seja também deslocalizada para o Vale dos Batráquios.

 

Roubei estas fotos ao nosso amigo e deputado da Esquerda, Armindo Silveira.

 

MA

objectivamente quem favorece o capitalismo dos amigalhaços não é da esquerda, é socrático- dizia Aristóteles a Alexandre Magno 

 



publicado por porabrantes às 22:08 | link do post | comentar

É o que deseja SAR o Duque de Bragança e família aos leitores.

 

rei.jpg

 

 

Vimo-lo em 2014 dar uma lição a vândalos e incultos em Abrantes e estamos gratos ao seu magistério moral e à sua defesa de Abrantes.

Outros estarão gratos a José Sócrates......

 

Ou ao Cavaco.....

el-rei.jpg

 Nós e Portugal contamos com ele e com os amigos dele....

 Por Portugal!

a redacção

 



publicado por porabrantes às 21:13 | link do post | comentar

O comunicado ou coisa parecida que a que a maioria PS fez, sobre os frescos da Igreja do Castelo, com o disciplinado acatamento dos edis oposicionistas, diz que vão procurar na ''multissecular historiografia abrantina'' indícios sobre pinturas murais a fresco.

Aquilo só merece uma franca e clara gargalhada, obrigada Eça, ora essa, porque a historiografia abrantina começa no século XIX com o capitão Mourato. É certo que ele fala dos apontamentos do Bispo da China, um dominicano enterrado em São Domingos. Mas aparentemente estes apontamentos do século XVII estão perdidos. Haverá coisas inéditas certamente nos arquivos privados e municipais.

Mas poderiam procurar on-line.

E logo descobririam, se fossem hábeis que um dos primeiros pintores de murais de que há referência é abrantino, e viveu no século XIII.

lourenço martins, pintor de murais.png

 Sobre o carácter único das pinturas murais abrantinas poderiam telefonar ao Pina da Costa e inquirir se há frescos em Sernancelhe, porque os há em Rio Mau.

E as pinturas murais a fresco já as temos no tempo dos mouros.....

freco.png

 Como estamos em quadra natalícia dá-se a bibliografia aos municipais. É este estudo do autor ontem citado (e ouvido pelo Público) Luís Urbano Afonso e para  a identificação do pintor abrantino de murais, remete para mestre Saúl Gomes, que tem participado nos encontros da APOC, organizados pelo Prof. Albuquerque Carreiras.

Moral da História: Ler Educa.

Já agora uma rua que tenha nome de político estalinista, fascista, aldrabónico ou qualquer outra espécie, que lhe seja mudado o nome para Lourenço Martins de Abrantes. É mais honesto ser pintor de frescos que político.

MA

créditos : imagens: Luís Urbano Afonso , Em demanda da pintura medieval portuguesa, 1100-1400

APOC-Associaçõ Portuguesa da Ordem de Cister

 

   



publicado por porabrantes às 20:25 | link do post | comentar

Já o derrotámos uma vez, dizem as crónicas antigas, que Aben Jacob, califa (ou miramolim como lhe chamavam os cronistas), dos mouros de Marrocos esbarrou nas muralhas do Castelo e teve de bater sola, sem saque, rapina, escravos e acartando vasta cópia de ''verdadeiros crentes'' enviados para o paraíso de Alá, o Clemente, pelas lanças e adagas abrantinas.

Mas como não desistem já têm um horário abrantino para saber como se deve jejuar no Ramadão cá em Abrantes ....

ramadão.png

 .....vamos tomar providências e chamar a bófia para que meta os fanáticos na ordem (cristã e ocidental)

islap.jpg

 Polícias bem formados como os Dupont e Dupond poderão ser chamados de França ou da Bélgica para monitorizarem os cursos sobre como tratar tarados tentados a combater pelo Califa.

Há quem distinga entre califas radicais e moderados....

imagesTFCF4IY0.jpg

 confessamos a nossa incapacidade de distinguir entre uns e outros, era um problema que já tinha o primeiro orago de Abrantes, o islamófico Santiago

 

 

a redacção

Pode ver aqui um bom trabalho sobre as dúvidas de Santiago da autoria do reputado historiador de arte José António Falcão

 



publicado por porabrantes às 17:09 | link do post | comentar

Sábado, 20 de Dezembro de 2014

 Proveniência: Convento dominicano da Graça de Abrantes, que grupo de acéfalos municipalizado demoliu na Vila de Abrantes nos finais da monarquia liberal

brincos.png

 

''Ouro e diamantes
7,1 x 6,1 cm (pendente); 4,6 x 2,9 cm (brincos)

Autor desconhecido.'' (MNAA)

Exposto no Museu Nacional de Arte Antiga, donde se reproduz a foto com a devida vénia. Estão lá muito mais peças da Graça, que depois da morte da última freira Madre Angélica Godinho, foram levadas para Lisboa.

Uma política municipal decente de património já teria organizado uma exposição delas (ou de parte) em Abrantes.

Mais informações aqui

 

MN

 

   



publicado por porabrantes às 23:09 | link do post | comentar

 

 diz este jornal

 

millenium.jpg

 era a CMA de Abrantes que o dizia e que reabilitara o São Pedro, através do POC, também por esta época natalícia havia um autarca que dizia que o Espalha-fitas era uma infiltração de perigosos bloquistas que havia que travar, também tinham acendido a árvore de Natal e iam construir um teleférico ...

pediam aos tribunais mão dura com os agitadores vândalos....

mudaram os tempos, mudam as vontades, mudam as construtoras que mandam na cidade, está detido um Sócrates por alegadamente estar corrompido, a Lena diz que esta prisão a compromete e agora a autarquia quer obrigar o povo a ir ao cinema ao Millenium....

a propósito quantos ,dos vandalizadores  mencionados,

estão a cumprir penas de prisão maior????

abrantes vale das rãs.jpg

ler aqui notícia do Sr Pepino

a redacção

 

presente de Natal: regressaram as crónicas do dr.Eurico no Jornal do sr.Pepino!

 

 



publicado por porabrantes às 17:07 | link do post | comentar

frescos.jpg

 Foto do Público de Hoje

 

com artigo de Cláudia Carvalho

 

santa maria anos 40 dgmn.jpg

dgmn anos 40-Diogo Oleiro? já estão à vista os frescos por cima dos túmulos!

 

que se remete para este post nosso aqui

 

e de novo a pergunta porque não esclareceu sobre isto: ''

Aproveitou para referir que, já no âmbito desta intervenção, foram levantadas pelos técnicos algumas questões, tendo sido solicitada a presença célere do IGESPAR, que já fez levantamento e orçamento para a realização de outras intervenções. '' disse a cacique, em resposta a Santana Maia.

 

santa maria figurativos 5.jpg

cma

 

E a resposta era:''

Nessa altura, os trabalhos pararam e avisou-se a DGPC daquela situação de risco. “Tivemos de suspender tudo, houve uma mudança de planos para a qual precisávamos de nova autorização”, conta José Artur Pestana.
Um ano depois, em Junho, a DGPC deu luz verde para a intervenção dos conservadores e foi então que se começou o trabalho de consolidação dos azulejos.

E, mais uma vez, o inesperado aconteceu: “O afastamento que os azulejos tinham em relação à parede permitiu-nos ver que a pintura de cima continuava.” “Isto veio acabar com uma das grandes bases da historiografia abrantina de que os azulejos são de origem — não são. Removendo alguns azulejos e analisando pelo tipo de reboco que tem, o tipo de areia, percebemos que só foram colocados aqui depois”, explica, argumentando ainda que não houve um critério na colocação daqueles azulejos. “Há um grande desfasamento, acabam a alturas diferentes, têm vários padrões, isto foi um reaproveitamento, agora de onde, não sabemos, mas que é anormal esta amálgama de azulejos, isso é.”''.

 

Porque é que a cacique não deu a informação total a Santana Maia?

Era segredo de estado?

Finalmente não se compreende que a Mural da História tenha começado a intervenção sem ler o que havia na DGMN sobre os restauros dos anos 60.

E ainda convém ler este artigo de Luis Urbano Afonso, que faz justas aclarações no artigo do Público. 

MN

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 13:44 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

Bolas nem na quadra natalícia trégua nos dão!

Os Municipais ,através do douto Vereador da Cultura, querem mandar o Espalha-Fitas, o cine-clube abrantino, do centro da cidade, ou seja do cinéfilo São Pedro (onde cresce o musgo na pala da entrada, é mister do gerente das Iniciativas, dr. Luís  Moura Neves Fernandes ralhar com a CMA) para o cu de judas ou seja para o Vale das Rãs, pró Millenium, um sítio que estava sempre a ser assaltado pela ciganagem e afins, onde o Sr.José de Almeida é agora feliz concessionário, depois de atribulada candidatura, que falhou no concurso público..

 

s.pedro.png

 

 Terminar as sessões de cinema no centro da cidade é dar mais um passo para assassinar o centro histórico, entregue cada vez mais à insegurança e ao vazio.

 

Manifestamos a nossa solidariedade a todo o colectivo de voluntários que mantêm a sétima arte viva no centro de Abrantes.

s.pedro.jpg

E condenamos naturalmente o ajuste directo, como  é nosso timbre e larga tradição.

a redacção

imagem:igogo



publicado por porabrantes às 21:51 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Pedrógão no New York Time...

Quando a cacique queria p...

Câmara despreza antigo co...

Fogos reais para animar t...

Pego perde investimento d...

Tropa eucaliptiza Bempost...

Julgar os homicidas de Pe...

Folha de S.Paulo destaca ...

A dama e o varino.

Combater catástrofes sem ...

arquivos

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

arqueologia

assembleia municipal

baptista pereira

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diogo oleiro

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

museu iberico

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

petição

pico

pina da costa

política

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

vale das rãs

todas as tags

links
Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds