Sábado, 3 de Abril de 2010

O Sr. José Dias Mariano foi um dinâmico industrial de Alferrarede (o cérebro das Rações São Marcos), autarca no tempo da Ditadura (foi Vereador), militante do CDS depois do 25 de Abril, homem de bem e mecenas de vários projectos de interesse local. A Gazeta de Alferrarede lançou em boa hora uma campanha para que fosse homenageado com a atribuição do seu nome a uma rua local.

 

 

Tudo bem e homenagem justa.

 

O que não passava pela cabeça de ninguém é defender esta postura com a justificação de que a Avenida Fernão de Magalhães tinha de mudar de nome, porque o navegador não tinha nada a ver com Alferrarede.

 

O único argumento plausível é que Fernão de Magalhães não tinha nada a ver com Portugal, por ser um traidor a soldo de Castela.

 

Mas tudo isto se desfaz, quando o homem que deu a primeira volta ao Mundo, tem naturalmente a ver com toda a Humanidade, de que a população de Alferrarede é parte, embora tenha o conjunto de autarcas com as vistas mais curtas do Concelho, começando pelo Presidente da Junta.

 

Enquanto Alferrarede dizem que não têm nada a ver com marinheiros, em Hamburgo fazem isto

 

 

 

''Cultura para atrair turistas
Hamburgo, uma das cidades mais ricas da Alemanha, teve sua crise nos anos 80, com a decadência de setores tradicionais como os estaleiros e as siderúrgicas, mas conseguiu recuperarse nos anos 90 e hoje esbanja prosperidade. Tem taxa de crescimento de 1,5%, acima da média alemã (de apenas 0,5%, segundo o Departamento Federal de Estatística) e taxa de desemprego de 7,7%. Em algumas regiões alemãs, esta chega a 14%.

Para atrair e manter turistas, outro investimento é em cultura.
Hamburgo, que tem na região metropolitana 4,3 milhões de habitantes tira proveito mas também sofre com a proximidade com Berlim, a capital. Com o trem de alta velocidade, a viagem de Berlim a Hamburgo dura pouco mais de 1 hora e meia.

Turistas que desembarcam de navio em Hamburgo pegam o primeiro trem para Berlim.

Os teatros, o Pavilhão de Arte de Hamburgo e a Galeria de Arte Contemporânea podem se medir bem com os museus das metrópoles européias. A HafenCity, a nova cidade dentro da cidade de Hamburgo, deverá tentar atrair habitantes e empresas também com o Museu Mundial Marítimo, que mostra a história da navegação, e o terraço de Magalhães (Magellan), em homenagem ao navegador português Fernão de Magalhães. De todos os lados, o projeto recebe elogios. A única crítica é o fato de oferecer mais espaço (70%) a prestadores de serviços que a apartamentos residenciais.'' (ler mais aqui)

 

Diga--se que um dos arquitectos da obra é Herr Speer, filho do arquitecto de Hitler a que a arquitectura de Carrilho da Graça deve tanto.

 

E antes que digam que Alferrarede não tem nada a ver  com o mar, aqui vão os dados sobre o antigo navio Alferrarede:

“ Alferrarede “
1927 – 1961
Soc. Geral de Comércio, Indústria e Transportes, Lda.

O "Pluto" da D.G. Neptun depois "Alferrarede"
postal da Companhia

Nº Of.: 361-F > Iic.: H.A.L.F. > Registo : Lisboa, 30.06.1927
Cttor.: J.C. Tecklenborg A.G., Geestemunde, Alem., 05.1905
ex “Pluto”, D. G. Neptun Line, Bremen, 1906-1916
ex N.R.P.“Sado”, Lança minas da Armada, 191?-192?
ex “Sado”, Transp. Marítimos do Estado, Lisboa, 191?-1927
Máq.: J.C. Tecklenborg,1905 > 1:Te > 700 Ihp > Vlc. 10 m/h

O "Alferrarede" em Leixões
imagem (c) Fotomar, Matosinhos

1º Registo
Tonelagens : Tab 1.452,18 to > Tal 865,28 to
Cpmts.: Pp 70,06 mt > Boca 11,02 mt > Pontal 4,56 mt
Equipagem : 27 tripulantes

2º Registo
Nº Oficial : 361-F > Iic.: C.S.A.C. > Registo : Lisboa, 1946
Tonelagens : Tab 1.452,18 to > Tal 865,28 to
Cpmts.: Ff 73,91 mt > Pp 70,06 mt > Bc 11,02 mt > Ptl 4,56 mt
Equipagem : 27 tripulantes

O “Alferrarede”
desenho de Luís Filipe Silva

O navio regista um encalhe na barra do rio Douro, a 30.01.1934, tendo sido possível concretizar a rua recuperação, regressando ao serviço comercial. Foi vendido à empresa Sofamar, de Lisboa em 1961. Conservou a matrícula em Lisboa, mas alterou o nome para “João Diogo”. Naufragou dois anos depois, após encalhe a norte de Peniche, em 08.01.1963.  (in blogue Navios e Navegadores).
Portanto Alferrarede também teve a ver com o mar, quer queira o Sr. Martinho, quer não.
Sendo justa a homenagem a José Dias Mariano, é injusto e provinciano sanear Fernão de Magalhães, glória universal e por isso portuguesa e de Alferrarede.
Marcello de Ataíde



publicado por porabrantes às 19:11 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Lacão, em bicos dos pés, ...

Restaurar a democracia na...

Milagre do Pai Bento: Len...

PS encosta gestora da Tej...

O irmão do Pinto de Sousa

A Universidade deles

Para o Estudo da Idade Mé...

Tramagal, 1936

Dia do Senhor: Ciganas sa...

Os desastres do cacique d...

arquivos

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

baptista pereira

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

pcp

pego

pegop

petição

pico

pina da costa

política

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

links
Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
13
14
15

20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds