Terça-feira, 13 de Abril de 2010

''Não reconhecemos na vereadora Isilda Jana, neste domínio (embora noutros, mais próximos das suas qualificações pessoais, profissionais e académicas, tal seja admissível), perfil de competência para a administração na área empresarial, numa empresa que se desviou do seuo bjecto social inicial e que é, agora, uma empresa imobiliária de acompanhamento das políticas ambientais. Não acreditamos que consiga a Dra. Isilda Jana desempenhar as suas funções com vários Pelouros atribuídos na Câmara Municipal e diversas funções derepresentação inerentes, em paralelo com esta exigente missão de gestão de empresas, ondeé preciso ter disponibilidade de tempo para acompanhar a actividade da empresa e para olhar,entre outros, a critérios como a qualidade e fiabilidade de informação económica e financeira, aanálise e selecção de projectos de investimento, a análise de elementos de natureza contabilística (geral e analítica), conceitos de gestão comercial, de marketing, de gestão de recursos humanos, garantindo a rendibilidade económica e financeira e a remuneração dos capitais próprios, neste caso e até ao momento, dinheiros públicos injectados pelo Município.”

 

Pedro Marques & João Salvador in acta de 7-4-2003

 

Qualquer tipo ficava zangado se espetassem isto numa acta municipal sobre a sua Santa. Mas temos de concordar que tudo o que diz é verdadeiro e só peca por extrema moderação.

 

Uns rapazes muito bem educados o Marques e o João Salvador!!!!

 

Se fosse o chefe do Marques, na altura, a escrever isto, a coisa saía com uma casca muito mais grossa!!!!

 

Como uma do Pico, no boletim eclesiástico, em que desqualificava a dama com o seu vocabulário e sintaxe rural (na época ainda o Presbítero não lhe corrigia os textos).

 

A artigalhada do Pico laranja (ainda não tinha salvo erro mudado de camisola) mereceu uma resposta indignada não da Senhora visada, mas do marido.

 

Podia ter sido dos filhos.

 

Uma vez o Paulo Portas no Independente escreveu uma coisa sobre o uso de veículo do Estado pela escritora Agustina Bessa Luís, e houve gente da família a prometer-lhe umas bofetadas.

 

Mas os filhos são pacifistas.

 

Alves Jana anda ultimamente a fazer penitência por ter censurado António Castel-Branco e ter publicado uma prosa do Baptista Pereira.

 

A penitência leva-o directamente ao caminho da Santidade, certamente através da oração, do jejum, da abstinência e de outros coisas, recomendadas pelo Padre Escriva no seu best-seller eucarístico ''Caminho''.

 

Mas antes da Santidade, há o grau de beato.

 

Alves Jana já o alcançou quando contratou o Marques para perorar na Rádio do Sr.Barrocas Rodrigues. Esqueceu o atestado de incompetência passado numa acta pública à mulher ou reconheceu que as opiniões do Marques e do João Salvador eram acertadas e levou o

Pedro Marques para a Rádio.

 

Agora falta adquirir o grau de Santo.

 

Avisamo-lo que se apresse, para aproveitar a vinda papal, onde a canonização em vida, poderá ser proclamada com a devida pompa, no Santuário de Fátima.

 

Para isso só tem de contratar João Pico para a mesma rádio e a Santidade está ganha!





 

E o programa ganhará audiência!!!!

 

Não propomos a contratação de Santana-Maia Leonardo, porque isso seria demais, apesar dos últimos piropos do líder social-democrata à esposa do Santo.

 

Departamento de Estudos Religiosos

com assessoria do Rev. S.Martins



publicado por porabrantes às 13:04 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Lacão, em bicos dos pés, ...

Restaurar a democracia na...

Milagre do Pai Bento: Len...

PS encosta gestora da Tej...

O irmão do Pinto de Sousa

A Universidade deles

Para o Estudo da Idade Mé...

Tramagal, 1936

Dia do Senhor: Ciganas sa...

Os desastres do cacique d...

arquivos

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

baptista pereira

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

pcp

pego

pegop

petição

pico

pina da costa

política

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

links
Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
13
14
15

20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds