Quarta-feira, 5 de Junho de 2013

 

foto

 

 

 

 

 

A Câmara de Abrantes vai substituir 32 plátanos por árvores de menor porte de modo a evitar que voltem a aparecer danos no pavimentos, infra-estruturas, muretes, guardas e outros elementos existentes no largo do Cruzeiro, espaço que está a ser alvo de uma requalificação até Outubro. O corte das árvores, a 28 de Maio, provocou algumas manifestações de descontentamento mas, de acordo com o presidente da Junta de freguesia do Pego, António de Oliveira Moedas (PS), na reunião que esta autarquia levou a cabo, no ano passado, para apresentar o projecto de requalificação do espaço público _ e onde participaram cerca de trinta pessoas _ apenas uma votou contra o abate das árvores.

De acordo com informações da câmara de Abrantes, os plátanos vão ser substituídos por espécies com a dimensão adequada ao jardim, optando-se ainda por reduzir o número de árvores no local. "Para além de se efectuar uma alteração da base da palmeira existente - e que será mantida - a arborização do Largo contempla a plantação de três novas espécies arbóreas, entre dez castanheiros da Índia "Aesculus hippocastanum", seis "Prunus Serrulata Kanzan" e duas magnólia grandiflora", discrimina a autarquia em comunicado.

"Quem me conhece sabe que ninguém gosta mais de árvores que eu mas, neste caso, não havia mesmo outra solução. As raízes dos Plátanos, que são a sua base de sustentação, cresceram de forma exagerada e já não se podia passear no jardim, a pé ou com um simples carrinho de bebé, sem se correr o risco de tropeçar nas raízes", explicou a O MIRANTE o presidente da Junta de Freguesia do Pego.

Um dos cidadãos que contesta o abate, refere em defesa da sua posição, que "a generalidade dos plátanos estava, garantidamente, em boas condições de conservação e não constituía risco de qualquer espécie". Joaquim Gil Couvelhas pergunta se a requalificação do espaço não poderia ter sido concretizada "com o respeito pelas árvores abatidas". Segundo diz a situação ocorrida provocou uma "forte indignação e descontentamento" na população. Questionado sobre o assunto, o presidente da Junta reitera que a reunião feita para proporcionar às pessoas dizerem de sua justiça foi aberta à participação de todos e que, apesar de admitir que houvesse quem não gostasse de ver abater as árvores a maioria percebeu a necessidade de isso ser feito.

 

in Mirante

 

 

O Moedas resolveu explicar-se e mete os pés pelas mãos.

 

1-Diz que ele é a pessoa que gosta mais de árvores. Parece-me segundo o texto que o Sr.Gouvelhas gosta mais.

 

2- Diz o Moedas que fez uma reunião com o ‘’povo’’ para apresentar o projecto e apenas um houve um voto contra. Como foi convocada a reunião????


Por edital????

Ou por carta registada com aviso de recepção a cada eleitor pegacho para que pudesse participar??

 

3-O Projecto também era municipal e disseram aos Vereadores do PSD que só iam fazer uma substituição gradual das árvores: ‘’Sendo entendimento dos serviços da Câmara Municipal de Abrantes que os plátanos deverão ser substituídos, de forma gradual, por outras espécies adequadas às características do espaço em que se irão implantar. ‘’ (2010)

 

4- Portanto se os serviços técnicos achavam que a substituição era gradual, porque foi total?????

Por ideia do Moedas ou dos Serviços Camarários????

 

5- Diz ainda o Moedas que reuniu 30 populares e só um votou contra. Ora as decisões em democracia representativa tomam-se nos órgãos próprios na Junta ou na Assembleia de Freguesia e não em ajuntamentos de populares que nem sequer representavam 1% do eleitorado pegacho.

 

6-Se o Moedas queria consultar o povo a Lei permitia o recurso ao referendo popular. Se o Moedas não o convocou foi porque tinha medo de perder. Isto é que o povo votasse não ao corte dos plátanos.

 

7- Finalmente é extremamente curioso que os ‘’serviços da CMA’’ produzam no curto espaço de 3 anos estudos contraditórios: em 2010 não preciso nem aconselhável fazer uma razia total e em 2013 já era preciso. Terão sido os mesmos técnicos a assinar os ‘’estudos’’?

 

8-  É o Sr.Moedas, membro da Assembleia Municipal . Já lhe ocorreu perguntar à Presidenta como morreu a heróica pegacha Paulina Pereira ou não é conveniente....?????



hertz


a redacção



publicado por porabrantes às 12:02 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Fátima, Poema do Mundo

Trump é o melhor amigo do...

Intercâmbio Cultural entr...

Uma campanha sórdida da N...

A grande obra social do P...

Valamatos e o falso conce...

Nossa Senhora dos Gays

Assim vai a Greve

O exemplo do dono da Vict...

A vóvó narco-traficante o...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10


20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds