Sábado, 1 de Maio de 2010

Era o que nos faltava!

 

Ter de defender o medíocre político, o hábil politiqueiro, o cacique socrático, o abrantino made  in alentejo, o jurista das mais absurdas teses constitucionais e o ministro que tem o descaramento de dizer que o homem da manhosa licenciatura não sabia da compra da TVI.

 

Aonde tínhamos de chegar!

Não ao Pego socialista, mas aos resíduos neo-fascistas e clericais do Pinhal, aos defensores do pide Lázaro Viegas, aos homens do Vigário que tentaram usar o nome honrado de D. Duarte de Bragança para enganar os abrantinos, sustentando que o Duque não respeitava a cultura portuguesa, os monumentos que os seus maiores ergueram e que desprezava a vontade popular.

 

Pois bem, sustenta o Vigário (depois de protestar pelo PSD não ter metido nas listas nenhum clérigo neo-fascista e por ter resistido às pressões internas para reeditar em Abrantes a vergonha aventura socialista que foi o consulado ecuménico-marxista do Padre Belo no Crato) que o Sr.Dr. Jorge Lacão faz parte do pior governo desde Maria II.

 

 

Foto Público

 

 

Já é uma vergonha que o herdeiro da triste memória dos clérigos trauliteiros do Pinhal, das corjas que chefiando rurais analfabetos espalharam o terror à base do cacete e das forcas para manter viva a Inquisição e D.Miguel, ouse falar da Rainha que trouxe a liberdade, a civilização e o progresso a Portugal.

B.Nacional

 

Foi a espada e a pena de fidalgos e populares abrantinos, de Soares Caldeira ao Conde da Taipa, aliados à diplomacia de Palmela, e ao génio e à bravura militar de Fronteira e Saldanha que enterraram as fogueiras da Inquisição e as forcas do Usurpador.

 

Biblioteca Nacional

 

Os miseráveis ataques desencadeados contra a Marquesa do Faial tinham motivos ocultos com raízes na cupidez eclesiástica que esperava ansiosa que a ilustre aristocrata  testasse a favor do lobby do pingue negócio dos lares e indústrias similares e que encontrou na Marquesa a mesma firmeza e oposição mostradas por D.Manuel Falcão, o fidalgo Bispo Resignatário de Beja.

 

 

As terras que ao longo de gerações foram dos seus maiores devem continuar a perpetuar os valores cristãos da Família, da Tradição e da Honra.

 

 

O ódio do que resta do miguelismo clerical misturado com sequazes do salazarismo viam ainda no apelido Holstein-Beck, herdeiro  das lídimas tradições liberais  dos Palmelas, o fantasma da justiça da Rainha que fez morrer numas masmorras de Castelo Branco em 1836, o Padre Lourenço Pires, um dos caudilhos das milícias do Pinhal que tomaram Abrantes aos franceses, por ter tomado partido pela Tirania contra a Liberdade, e pelas Forcas e Fogueiras contra o estandarte azul e branco porque morrera enforcado um dos antepassados de Manuel Alegre

 

 

Sustenta o boletim do Padre que o governo de Sócrates, onde Lacão se dedica com febril agitação a atirar poeira para os olhos dos portugueses, é o pior desde que os homens do Mindelo restauraram a Liberdade em Portugal.

 

 

 

Pior que os governos deste gajo ?

João Abel Manta

 

Está V. Reverência enganada. Não há nada pior que a falta de Liberdade!!!.

 

O péssimo governo de Sócrates é melhor que os de Afonsa Costa, Salazar ou Vasco Gonçalves.

 

Pelo menos não nos proíbe de sermos livres, apesar da corja de boys, dos negócios da TVI e do provincianismo saloio de boa parte dos Ministros

 

Com os nossos cumprimentos

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 13:01 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

O Milagre de Tomar

Quando a Câmara violava o...

Mercado Diário : Bloco ac...

Presos políticos abrantin...

Fanáticos perdem em Insta...

Padre de Abrantes aprova ...

Leia os colegas

Deveres de Cortesia: Ephe...

Anti-Fascistas da Resistê...

Médico do Tramagal denunc...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds