Quinta-feira, 28 de Abril de 2011
O nosso leitor Sr. Artur Lalanda  disse sobre a desconfiança a Santana-Maiana Quarta-feira, 27 de Abril de 2011 às 17:02:

     

Em 2013 os eleitores, afectos ao PSD, terão duas opções:

1ª - votar no candidato escolhido por esta 
Comissão Concelhia, de que se conhece,
apenas, o total descrédito e a ausência de
confiança política, por parte dos eleitores,
ou

2ª - votar nos actuais vereadores, cuja 
actuação vem merecendo a admiração e 
aplauso generalizado, como nunca acon-
teceu, nos últimos 20 anos.

A escolha parece óbvia. As marionetas têm os
dias contados...

 

 

 

 

Caro Sr.Lalanda

 

Parece-nos que a ilação que retira, é a acertada.

 

Cumprimentos

 

Miguel Abrantes 

 



publicado por porabrantes às 09:37 | link do post | comentar

Quarta-feira, 27 de Abril de 2011

O ditador ex-proletário e ''Presidente da Bielorrússia, Alexandre Lukachenko, insultou Durão Barroso, Presidente da Comissão Europeia, considerando- o culpado da sua não participação nas cerimónias de Chernobyl.

“Ele (Durão Barroso) é simplesmente um canalha! Por isso não quero falar de diferentes Barrosos, de outros cabrões (козли), touros, etc. No que respeita aos cabrões (козли), tais como Barroso e outros, quem é ele, esse Barroso? Conheço um tal Barroso em Portugal, foi corrido e arranjou emprego na Comissão Europeia”, declarou Lukachenko, enfurecido.''

in 

 

Da Rússia

 

 

Não vou usar as expressões vernáculas do ditador nacional-comunista sobre o Sr.Barroso, mas recordarei que o homem fugiu às suas obrigações,

resultantes de um mandato popular e nacional, em troca dum tacho em Bruxelas.

 

O Barroso celebrizou-se por berrar '' nem mais um soldado para as colónias'' ao serviço da seita maoista-arnaldista.

 

 

Quem votou nele deve ter ficado com uma cachola semelhante à do  Lukachenko e com vontade de lançar pragas e insultos ao gajo que preferiu as mordomias de Bruxelas à honra de governar Portugal. E certamente não se esquecerá que enfiou o barrete

Somos a favor de que quem é eleito para um cargo não engane o eleitorado e que cumpra as suas obrigações enquanto eleito. Em democracia é tão honroso servir o povo no Poder como na Oposição.

 

Por isso exprimimos a nossa admiração por Belém Coelho e Santana-Maia Leonardo por terem assumido que um lugar na Oposição é tão honroso como no Poder e por terem vindo a realizar uma oposição eficaz à maioria, exactamente o contrário do que fizeram Pedro Marques e um tal Moreno no mandato anterior.

 

A esses yes-men do Sr.Nelson Carvalho, a esses profissionais da unanimidade, ao valoroso excursionista ao Japão, Pedro Marques ninguém lhes retirou a confiança política.

 

Especialmente Nelson Carvalho que tinha muita confiança neles e que precisava que as criaturas estivessem de boca fechada para que não se falasse no seu processo no DIAP.

(ou havia mais alguém envolvido do bloco central de interesses?)

 

Finalmente o chefe da seita deve ser barrosista de alma e coração.

 

O engenheiro ético Marçal insultou o povo de Abrantes que votara nele para Vereador

 

e fugiu para um cargo de Governador Civil.

 

Que ganda ética! Digna da Edite a maior admiradora do Marçal!

 

Miguel Abrantes

 



publicado por porabrantes às 12:20 | link do post | comentar

Publicamos de seguida um documento revelador: a convocatória  de 16 de Abril da seita marçalista, naturalmente assinada por Pedro Marques, homem da confiança do filho do dr. Ruivo da Silva, desde os alegres tempos em que a Construtora Apolinário Marçal ainda não dera o estouro ....

 

 

 

 

 

Como se pode ver no texto anexo a ''Assembleia de Secção'' é convocada apenas para ''análise da situação política''.

 

Como se sabe, Santana-Maia não é membro desta secção.

 

 

Se lhe queriam montar um julgamento popular à maneira abandalhada do gonçalvismo mais primário, o mínimo que havia a fazer, era especificar na ordem de trabalhos o que se ia discutir e chamar o ''acusado'' para que se pudesse defender.

 

Até aos tribunais plenários do fascismo, ouviam os acusados, apesar da pena já estar ditada.

 

Naturalmente não fizeram isso, prova das convicções ''éticas'' desta tropa alaranjada.

 

 

Um julgamento popular é uma caricatura de justiça e por isso só merece ser representado através dum cartoon

 

 

      julgamento popular à brasileira in café com história 

 

 

Ditada a sentença, para satisfazer o cacique, comunica-se a coisa em primeira mão à rádio da Voz da Dona, em vez de notificar o Vereador da pena aplicada.

 

 

Com isto estão definidos, se  não o estavam já antes.....

 

Devo continuar a falar da coisa ou recordar a máxima de Óscar Wilde citada por Santana Maia?

 

Concluindo por agora, porque o assunto tem pano para mangas, essa corja (obrigado, Camilo) trabalha para a Maria do Céu Albuquerque ou seja para a marionete que está nas mãos da Chefa.... 

 

Miguel Abrantes

 

 

 



publicado por porabrantes às 09:25 | link do post | comentar

A tese habitual na nossa historiografia é que o clero regular (frades) e secular (diocesano) foi sustentáculo do absolutismo entre nós traduzido no movimento político chamado miguelismo.

 

 retratosreaisportugueses.blogspot.com

 

Com efeito muitos frades e sacerdotes distinguiram-se pelo seu apoio à causa miguelista, mesmo depois da queda do regime absolutista, sendo o mais célebre de todos o Padre Casimiro que lançou a Revolução da Maria da Fonte.

 

 

 

Teria sido assim  em Abrantes? Jota Pico já jurou que o seu ''antepassado'' o famoso P.Batista era miguelista. Já mostrámos que Frei José Teixeira, Prior de São Domingos em 1822 era um ardoroso liberal ( a menos que o Frade tenha dado depois em vira-batinas e se tenha destacado a gritar

''morte aos malhados'' (1)).

 

Vamos publicar uma pequena notícia do Diário de Governo de 20 de Abril de 1822 onde constam os sacerdotes do clero regular e os frades (com grande destaque para o Prior de São Domingos Frei José Teixeira) que mais se distinguiram na propaganda liberal.

 

 

 

Abrantes.

''O  Juiz de Fora, diz, que é do seu dever o participar o zelo com que muitos Párocos, e mais Sacerdotes tem eficazmente promovido o actual Sistema , e aqueles do seu distrito que igualmente se empenham  num objecto tão proveitoso : O Prior do Convento de S. Domingos Frei José Teixeira, da primeira vez que explicou aos Povos o que era, e viria a ser a nossa Constituirão, os deixou tão convencidos, que nada os pode desviar dos seus sentimentos, e firme adesão; o mesmo tem feito Frei João Jacinto da mesma Ordem de S. Domingos; e Frei Francisco da Piedade, da Ordem de S. Francisco; que não são menos eficazes os quatro Párocos da Vila, Manuel Inácio dos Santos e Sousa, Vigário de S. Vicente; Manuel Jorge, Vigário de S. João; Joaquim José Temudo Moreno, Prior de Santa Maria do Casteloo Doutor Luiz António Ferreira Bairrão, Prior de S. Pedro; também têm concorrido os Curas das Aldeias , como são Manuel Lourenço  , da Freguesia de S. Miguel; António Pimenta do Tramagal; António José Honrado, de Rio de Moinhos; António dos Santos, de Monte Alvo; Manuel Vicente Rosa, do Souto; João Pereira Godinho, de Penhascoso; sendo também digno de muito Louvor Domingos José da Costa, Cura da Freguesia da Bemposta, que está colocado numa posição, por onde transitam Salteadores, tem sido o seu maior perseguidor, ele fez prender um por nome Joaquim da Silva Gordo, que praticando bastante resistência foi gravemente ferido, e remetido remetido ao Hospital.''

 

(sublinhados nossos e ortografia ''modernizada'' também por nós.)

 

Naturalmente só o estudo das fontes primárias nos permitirá saber se alguns dos Reverendos deram em Miguelistas, podendo nós adiantar no entanto que o Doutor Luís Bairrão, Prior de São Pedro, parece ter sido um desses, por ter sido eleito Procurador às Cortes no reinado de D.Miguel.

 

Finalmente uma publicação da época que recolhe um dos Sermões pregados em Abrantes por um dos frades citados.....

  (colecção Marcello de Noronha)

Marcello de Noronha 

 (1) Informa-nos um investigador local que em ‎25 de Abril de 1828 boa parte dos frades de São Domingos fizeram parte das 150 pessoas que  aclamaram D.Miguel, Rei Absoluto.



publicado por porabrantes às 08:25 | link do post | comentar

Terça-feira, 26 de Abril de 2011

 

 

 

A 7 de Abril escrevia este gajo  a propósito da sua actividade laranjista '' um militante que não interfere nos destinos do partido há mais de 15 anos''.

 

A coisa saía no Ribatejo e a data era sete e não um de Abril.

 

Portanto não se tratava duma galga de primeiro de Abril.

 

Aliás, o gajo teria imaginação para isso???

Desculpem usar a expressão ''gajo'' mas é o que me apetece, depois de ver a pouca vergonha da retirada da confiança política a Santana-Maia.

Eu não tenho os pruridos do Sr.Marcello de Noronha em questões de vocabulário.

 

Naturalmente o ''gajo'' tinha de falar de ética''.

 

 

Eis, quem não mexeu um dedo nos destinos do partido nos últimos 15 anos.

 

A cena é nas eleições atribuladas de 26-2-2011 para eleger a CPC do PSD de Abrantes.

 

Fevereiro é antes de Abril.

Psd Abrantes

A foto está aqui. Ou seja na página do facebok da seita marçalista.

 

Onde por certo metem as convocatórias para as eleições, mas ainda não meteram a ''desconfiança'' votada a

 

 

o mais curial é se a coisa é a página oficial, e serve para meter as convocatórias,  terem publicado a actazinha onde a desconfiança foi votada.....

 

Sempre gostávamos de saber os nomes dos que votaram....

 

Pelo contrário foram despejar a infâmia aos ouvidos beatos da

 

 

 

Voz da Dona, aqui presente numa sessão organizada pelo PSD   onde.....

 

um dos oradores ......

 

OH!!!! Divina Supresa!!!!!- Como disse charles maurras quando os nazis desembarcaram em Paris.....

 

 

 

 foi Humberto Lopes.....

 

 

 

nas fotos não está o ''gnomo'' anafado para abraçar o Dr.Humberto.

 

Seria o abraço do século.......

 

http://liviakyara.blogspot.com/

 

Miguel Abrantes

 

créditos: página do facebook dos laranjas abrantinos 



publicado por porabrantes às 22:24 | link do post | comentar

Realiza-se na próxima sexta feira, dia 29 de Abril, pelas 21h, o primeiro recital da Temporada de Concertos para o ano de 2011, na Capela do Paço Ducal de Vila Viçosa. 
Este primeiro evento, designado por “A Paixão de Cristo, por Maria”, da autoria de G. B. Pergolesi (1710-1736), será composto por um recital de Canto e Piano.
Os interv...Ver más
Hace 7 horas ·  ·  · Compartir


publicado por porabrantes às 22:07 | link do post | comentar

Com a devida vénia reproduzimos do reexistir por abrantes este post do peticionário e nosso amigo

Dr.Santana-Maia Leonardo

 

 

''26 de Abril de 2011

Santana-Maia Leonardo

 

O meu querido amigo Belém Coelho chamou-me ontem a atenção para uma notícia inserta no site da Antena Livre que dizia o seguinte: «os militantes do PSD de Abrantes, reunidos no sábado, dia 16 de Abril, aprovaram uma moção em que é retirada a confiança politica ao seu vereador Santana-Maia Leonardo.»

 

Ao princípio, pensei tratar-se de uma brincadeira da rádio.

 

De facto, não dei notícia que tivesse sido convocada qualquer reunião da comissão política ou qualquer plenário do PSD de Abrantes de onde constasse um ponto da ordem de trabalhos com essa gravidade: retirada da confiança política a um vereador.

 

E apesar de os actuais dirigentes concelhios (sobretudo, os três dirigentes de facto), não pugnarem nada pela lisura dos procedimentos, não me parecia possível que fossem capazes de aprovar às escondidas uma moção deste tipo.

 

Todos sabemos que o ódio cega e que Armando Fernandes, José Marçal e Pedro Marques não perdoam eu ter a ousadia de lhes ter dito na cara o que toda a gente diz em surdina, inclusive a actual presidente da concelhia (pelo menos, até há três meses, quando era desconsiderada e humilhada publicamente pelo Dr. Armando Fernandes em qualquer sítio que este a encontrasse).

 

No entanto, ninguém esperava que tivessem a ousadia de utilizar o nome do partido e três ou quatro militantes sempre dispostos a empunhar a bandeira do lado que sopra o vento para uma vingança tão mesquinha que, a ser verdade, só servia para confirmar o mau carácter dos vingadores.

 

Até porque ainda muito recentemente a própria presidente da concelhia deu público testemunho, no Mirante de 7 de Abril, da confiança política nos vereadores e no seu valoroso: «Os vereadores têm desempenhado um trabalho com o qual nos temos solidarizado. São pessoas voluntariosas, que se dedicam à causa pública e ao partido». 

 

Ora, era preciso muita hipocrisia para tamanha cambalhota.

 

A não ser que os dirigentes concelhios do PSD já fossem mais socráticos do que o próprio José Sócrates.

 

No entanto, tendo sobretudo em conta os acontecimentos recentes, que em nada abonam sobre a verticalidade dos actuais dirigentes concelhios (os dirigentes de facto), procurei informar-me se a notícia tinha algum fundamento.

 

Em boa verdade, foi difícil a confirmação porque nem mesmo os mais assíduos aos plenários tinham ido àquele.

 

Mas, por incrível que pareça, é mesmo verdade.

 

Ou seja, «uma larga maioria» da meia-dúzia de militantes que compareceu ao plenário convocado para analisar a situação política apresentou e votou uma moção para me retirar a confiança política.

 

Por este andar, qualquer dia convoca-se um plenário para analisar as pedras da calçada e acaba-se a aprovar uma moção para retirar a confiança política a Cavaco Silva,  Barack Obama e sabe-se lá a mais quem, apresentada e aprovada, por unanimidade, pelo único militante que correspondeu a tão entusiasmante convocatória.

 

Se o ridículo matasse, a larga maioria da meia-dúzia de militantes que se auto-intitula PSD de Abrantes teria morrido naquele instante.

Todos nós já tínhamos ouvido histórias de pessoas internadas em hospícios que se intitulavam "Napoleão", agora, haver meia-dúzia de militantes que se auto-intitulavam PSD de Abrantes é caso único e digno de registo e de galhofa...

 

Que a comissão política concelhia (órgão executivo) retirasse a confiança política aos vereadores ainda se poderia admitir em tese, desde que fundamentasse, obviamente, com a nossa actividade enquanto vereadores (porque é apenas isso que está em causa) e em reunião convocada expressamente com esse ponto na ordem de trabalhos.

 

Agora, meia-dúzia de militantes retirarem a confiança política a um vereador???!!! E para mais quando todos as intervenções apresentadas na Câmara até foram sempre subscritas pelos dois vereadores do PSD????!!!!.... É só mesmo para rir!!!...

 

Francamente, não é que me incomode não merecer a confiança política de pessoas que não são sequer dignas de confiança.

 

Mas, sendo militante do PSD, custa-me ver o nome do partido ser usado e posto a ridículo por pessoas a quem o cheiro do poder está, manifestamente, a toldar o juízo...''


 

 

 

 

A ilustração é da responsabilidade da petição

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 20:41 | link do post | comentar

 

 

 

 

 

 

A única coisa que o preocupa é o poleiro. Parece o Armando Fernandes tal como o descreve o peticionário

Santana-Maia Leonardo aqui .  A favor do Nobre haverá o facto de não ter uma personalidade feminina secreta.

 

Programa???? Para que serve isso? Quero é sentar-me na cadeira do Jaime Gama.

 

Edite Fernandes

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 19:17 | link do post | comentar

Miguel Relvas foi chamado pela acusação a depor

 

 

O secretário-geral do PSD e cabeça de lista dos laranjas por Santarém será ouvido amanhã no caso dos sobreiros de Benavente, onde entre os arguidos estão alguns abrantinos.

 

Relvas fala a pedido do MP.

 

O processo está relacionado com um alegado financiamento irregular ao CDS-PP.

 

Ler a notícia no Público.

 

Adérito Abrantes 



publicado por porabrantes às 18:47 | link do post | comentar

Os senhores da CMA parece que têm uma postura sobre a publicidade comercial nas fachadas e montras das lojas que obriga a certas burocracias algumas das quais são a meu ver ilegais.

 

 

Se querem saber como se aplicam leiam isto:

 

Arquivo: Edição de 30-04-2009

Sociedade

''Em causa faixa a anunciar os 115 anos de aniversário da farmácia de Abrantes 
Farmácia contesta multa camarária por publicidade não licenciada 

foto
  Imprimir ArtigoComentar ArtigoEnviar para um amigoAdicionar aos favoritos

 

A Câmara de Abrantes enviou um processo de contra-ordenação ao proprietário da Farmácia Silva por ter colocado na fachada do prédio, localizado na praça Raimundo José Soares Mendes, uma faixa amovível de cerca de sete metros com a inscrição: “Farmácia Silva 115 anos”. O sócio-gerente da farmácia, Joaquim Ribeiro não entende que este anúncio, colocado a 1 de Abril, seja uma forma de publicidade defendendo que o mesmo se trata de “pura informação” relativa a uma efeméride pelo que não aceita ser multado. A faixa permanece no local uma vez que Joaquim Ribeiro apresentou reclamação por escrito, aguardando resposta da autarquia.

De acordo com o vice-presidente da câmara e responsável pelo Departamento de Urbanismo, Pina da Costa (PS), “em causa está uma faixa com uma altura aproximada de 6/7 metros na fachada de um prédio contíguo a um edifício classificado” pelo que, de acordo com a legislação em vigor, “necessitava de licenciamento prévio para aferir a conformidade dos critérios a aplicar e a gestão da estética e ambiente urbano”.

Joaquim Ribeiro, que é também dirigente local do CDS/PP, diz que está a ser “vítima de perseguição política” e que esta não é a primeira vez que tem problemas com a autarquia. “Estamos a prestar uma informação numa faixa amovível, presa por arames que pode ser tirada a qualquer instante”, refere, salientando que esta é a farmácia mais antiga do concelho. “Quando recebemos esta carta registada ainda pensámos que seria a dar-nos os parabéns pela dita idade”, ironiza. Mas Pina da Costa não aceita a teoria de perseguição política. “Se por ser da oposição julga que está à margem das leis e das normas, não me merece qualquer comentário”, riposta.

O queixoso afirma ainda que este ano a Câmara de Abrantes isentou a publicidade no centro histórico, sendo esta mais uma razão pela qual não entende a coima, que pode chegar aos 3 mil euros. O vereador explica que mesmo assim qualquer informação a aplicar nas fachadas carece de licenciamento prévio. “Sempre que haja dúvidas devem ser consultados os serviços da câmara. A porta deste estabelecimento dista cerca de cinco metros dos nossos serviços de licenciamento”, acrescenta.

A Farmácia Silva não foi a única a ser autuada pela autarquia por publicidade não licenciada. Segundo o vereador Pina da Costa, em 2008, foram multados 48 estabelecimentos da cidade pelos mesmos motivos. “Reconhecemos que muitos dos incumpridores são empresas de fora do concelho, talvez desconhecedoras do regulamento municipal”, aponta o autarca.''

 

 

Ou seja segundo o inefável Pina da Costa além de impedirem que um dos estabelecimentos mais antigos do concelho celebrasse o seu 115º aniversário,  em 2008 multaram 48 empresas por causa da publicidade.

 

Não vou perguntar quanto pagaram de direitos de autor por terem incluído em edições municipais fotografias e desenhos do espólio do dr.Rogério Ribeiro.

 

Como este desenho:

 

Desenho de Rogério Ribeiro, incluído numa edição municipal

 

 

Mas não tenho dúvidas que se não há um documento escrito cedendo os direitos à CMA, haverá que pagar aos herdeiros de Rogério Ribeiro por o terem reproduzido numa edição venal.

 

 

E também não duvido que uma família a quem a Cidade e a CMA devem inúmeros favores, pela própria reconhecidos quando deram o nome do ilustre  bairrista e farmacêutico Rogério Ribeiro ao ring de hóquei, foi maltratada pela arrogância saloia de Pina da Costa.

 

Entretanto há quem seja bem tratado.

 

Na página da CMA está esta publicidade comercial a uma festa pimba

 

 Gala

 

É a borla?

 

Se é, vão-me dar o direito de no mesmo espaço e durante o mesmo período de tempo de inserir isto:

 

A CARRILHADA É UM CRIME 

 

ou o espaço é só para empresas onde o esposo da Chefa exerce o cargo de António Ferro do PS local????

 

Finalmente citando o Pina (já tou farta do gajo!!!!):  “Se por ser da oposição julga que está à margem das leis e das normas, não me merece qualquer comentário”

 

''Se por serem da situação julgam que estão à margem das leis e das normas, merecem este e muitos mais comentários''.

 

Suzy de Noronha, adepta da mini-saia, quer queiram ou não os ex-seminaristas.

 




publicado por porabrantes às 17:07 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

La Vanguardia destaca o p...

Gina Esteves, a aluna da ...

A vingança de Jeová

Voluntariado para combate...

Tenho o slogan

RIP Dr.Adelino Nogueira V...

Carreira Pombo para a Est...

Cabral de Moncada e o odi...

Assaltos nas Mouriscas (c...

Teatro no Tramagal (1974)

arquivos

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carlos marques

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Abril 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds