Sábado, 28 de Maio de 2011

 

 

  • MUNICÍPIO DE ABRANTES
  • NULL DULCE MARGARIDA DE JESUS LOPES

 

 

 

 

 

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PARECER JURIDICO

6.000,00 €

Detalh

 

 

Objecto do contrato:
Prestação de Serviços - Parecer Juridico



Data da celebração de contrato:
20-05-2010

 


Preço contratual :
6.000,00 €

 

Prazo de execução:
6 dia(s)

 

Local de execução:
  • Portugal - Santarém - Santarém

Critério material de escolha do ajuste directo:
Artigo 27.º, n.º 1, alínea b) do Código dos Contratos Públicos
Continuando.....
  • NULL MUNICÍPIO DE ABRANTES
  • NULL LICINIO LOPES MARTINS

 

   

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PARECER JURIDICO

6.000,00 € Detalh
Data de publicação:
20-05-2010


N.º Procedimento:
167497


Listagem de entidades adjudicantes
NIFNome entidade adjudicante
502661038 Município de Abrantes


Listagem de entidades adjudicatárias
NIFNome entidade adjudicatária
164775145 Licinio Lopes Martins



Objecto do contrato:
Prestação de Serviços - Parecer Juridico


Data da celebração de contrato:
20-05-2010


Preço contratual :
6.000,00 €

Prazo de execução:
6 dia(s)

Local de execução:
  • Portugal - Santarém - Abrantes

Critério material de escolha do ajuste directo:
Artigo 27.º, n.º 1, alínea b) do Código dos Contratos Públicos
Posso continuar?
Vale a pena?   Vá o leitor à base de dados pública http://www.base.gov.pt/  e explore-a por sua conta e risco.
Eu só quero perguntar para que foram estes pareceres dados por juristas que não são os habituais que trabalham com a CMA?
Porque raio de coicidência (certamente fortuita) os 2 contratos foram celebrados no mesmo dia?
Certamente por motivos de rapidez tipo Speedy Gonzalez..... 
é que os 2 contratos tinham um prazo de 6 dias de execução?
E quero felicitar os juristas por trabalharem com honorários de mil euros/dia e terem de trabalhar ao fim de semana.
20 de Maio de 2010 foi uma quinta-feira.
Com um prazo de seis dias o parecer tinha de ser entregue a 27 de Maio!!!!!
Coisa que obrigava a trabalhar sábado e domingo!!!!
A CMA podia respeitar os dias de descanso dos senhores juristas!!!!
Miguel Abrantes 
(nota: a falta de acentos ex Licinio em vez de Licínio é responsabilidade do Governo. Como é dia de descanso, eu não me vou cansar a pôr assentos em prosa alheia) 


publicado por porabrantes às 19:21 | link do post | comentar

 blogue Santa Margarida

 

 

Segundo informação reservada dos SIS (secreta) está elaborado o PSSHA (Plano Secreto de Salvação dos Habitantes de Abrantes) em caso de conflito étnico.

 

Os técnicos inspiraram-se nesta notícia do Jornal de Abrantes e segundo o plano toda a população que não pertença a minorias étnicas será evacuada em caso de crise, acompanhada pelas Forças de Ordem e instalada num país terceiro ''onde haja ordem e disciplina militar''.

 

Aponta-se no relatório a possibilidade de serem instalados os transferidos na ''República Federal da Alemanha, Suíça ou eventualmente Gronelândia'' ( esqueceram-se que a Gronelândia não é um país, mas uma colónia dinamarquesa, o espião deve feito o curso nas 'Novas Oportunidades''.)

 

O Relatório aponta que nos ''novos destinos'' a ''população'' terá ''melhores salários, melhor qualidade de vida, melhor segurança social, políticos mais credíveis, menos poluição e poderá aprender a falar idiomas estrangeiros sem ter de frequentar cursos duvidosos de ''inglês técnico''.

 

O Relatório diz que a ''República Federal Alemã é o destino ideal dada a sua experiência comprovada a tratar de minorias étnicas por métodos científicos, estarem fartos de emigrantes islâmicos que só causam problemas e o país ser governado por uma mulher como a Cidade de Abrantes e assim a população deslocada não se sentiria desambientada''.

 frau merkel (suastic zeitung

 O Relatório reafirma ainda a sua crença ''que a presença de muitos edifícios de estética nazi, projectados por Albert Speer, seriam uma mais-valia para a classe política dirigente abrantina se integrar, uma vez que aprecia muito calhaus deste tipo como é o caso da encomenda milionária que fizeram a um arquitecto alentejano''.

O Relatório considera uma mais-valia para a segurança nacional a ''transferência dos abrantinos para qualquer sítio no estrangeiro'', uma vez que deserto o concelho, excepto São Macário (onde seria ''instalada uma reserva indígena, segundo o modelo da dos Navajos no Arizona, que nos foi gentilmente cedida pela CIA'') podia ser usado indiscriminadamente para exercícios de fogos reais por parte da Brigada Nato estacionada na vizinha Santa Margarida.

 Departamento de Estado

No documento, está um carimbo onde diz ''TOP SECRET''

e visado pela  

 

 

plano cedido ontem à noite a Suzy de Noronha por um agente do SIS que bebera 4 garrafas de 

 

s.n,



publicado por porabrantes às 17:16 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Procura-se Assassino Convento S. Domingos:recompensa 13 milhões de euros.
El miércoles a las 0:24 ·  ·  · 
in salvem o Real Convento de São Domingos.
A imagem mais vista no facebook na nossa página esta semana. A visada pode agradecer a ''criação'' ao blogue marçal-ruivista. Dizem-me que a criadora foi a Edite. 
 
Não sei porquê isto recorda-me o Far-West, e é muito apropriado dado que o ambiente urbano da cidade é agora animado por tiros......
resultado à brasileira da nova moda abrantina do tiro ao alvo in infosaj.com.br
com o inevitável humor da terra de Vinícius de Moraes.....
 fazendavirtual.com
(leia aqui uma descrição bem humorada do ambiente do Rio)
Vai o mediador das minorias andar vestido como JC para apaziguar os chefes dos clãs?
Porra, com a caloraça que aí vem....
e agora habitante típico de Abrantes se a situação continua a evoluir na continuidade:
 mex.com
com o seu lema :

''Em Abrantes, um disparo quanto antes''.

PS- Alguém me conta pormenores da gloriosa trifulca entre clãs no Manuel Constâncio, depois do tiroteio?
Miguel Abantes 


publicado por porabrantes às 15:34 | link do post | comentar

Depois da retirada por parte da seita marçal-ruivista da confiança política a Santana-Maia, que a seita fez às escondidas, sem o sequer comunicar oficialmente ao visado e sem o ouvir, o dr. Santana-Maia

 

 

in notícias de arronches

 

recebeu este sms anónimo, que divulgou em entrevista à Nova Aliança,

 

«O psd e principalmente os abrantinos muito agradecem 
um gesto nobre da sua parte: DEMITA-SE DE VEREADOR. 
Estamos fartos da sua prepotência, autoritarismo 

e falta de vergonha. O seu egocentrismo asfixia-o. 
De uma coisa pode ficar certo só descansarei quando 
excomungar as laranjas podres da nossa secção. 
Os energúmenos como vossa excelência têm
 os dias contados.» 
 
 
Se a direcção da petição verificar que algum dos 
mafiosos envolvidos  no envio do sms e noutras manobras 
ainda mais porcas, que são obviamente 
orquestradas por um javardo especialista em gamelas,
 

 
constar na lista dos peticionários, será irradiado 

sem apelo nem agravo.!!!!

 
Para que conste,
Miguel Abrantes, atirador com pontaria especial para porcos-bravos
 
 
 


publicado por porabrantes às 12:16 | link do post | comentar

 

fotos do blogue http://gambozino-alentejano.blogspot.com (Júlia Galego)

 

Recebemos este comentário: 

Sara Correia disse sobre Comércio de Abrantes-1 A Casa Correia na Quinta-feira, 26 de Maio de 2011 às 18:47:

 

     

Uma casa com muita história, eu também farei parte dela..... =)
Muito obrigada .
S.C.

 

 

Cara Sara,

 

Muito obrigado pelo seu simpático comentário. Como está o Mestre de Judo Fernando Correia?

 

Não fizémos mais que a nossa obrigação. Nós e a cidade é que temos de agradecer à família Correia ter conservado este histórico imóvel em boas condições, enquanto a política municipal não se preocupa pelo Património de Abrantes.

 

Voltaremos ao assunto.

 

Um beijo à Sara!

 

Suzy de Noronha



publicado por porabrantes às 11:21 | link do post | comentar

             

 

Texto de suzy de noronha. posto por adérito abrantes

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 09:56 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27 de Maio de 2011

 

 

 

Um peticionário enviou-nos isto.

 

 

Ë a foto do dia e penso que a opinião maioritária do País

 

 

 

 

 

 

 

 

posto por Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 23:00 | link do post | comentar

Do blog do nosso amigo António Colaço, 2 fotos da ânimo (excelentes, António) onde se mostra o que é arquitectura

 

 

 

A polémica Igreja do Restelo de Troufa Real

 

 

 

Viva o Troufa Real!

 

Imaginação ao Poder!

 

O Cubo do Carrilho para o lixo!!!!

 

Miguel Abrantes 

 



publicado por porabrantes às 19:54 | link do post | comentar

Página inicial

Roubaram carro da presidente da Câmara de Abrantes 
(© Jornal O Templário, em 26-05-2011 12:03, por Jornal O Templário)

A viatura foi encontrada dois dias depois nos arredores da cidade 

 

A notícia é publicada no Correio da Manhã e no Jornal de Notícias mas nem todos os dados são coincidentes.
Facto é que a viatura pessoal da presidente da Câmara de Abrantes, Maria do Céu Albuquerque, foi furtada da garagem da sua casa, na manhã de segunda-feira, dia 23. A autarca deu por falta do carro na tarde desse dia.
O JN refere também o furto de uma bicicleta enquanto o Correio da Manhã noticia o furto de um computador portátil. A Lusa acrescenta “vários outros objetos”.
O ladrão andou com o carro dois dias e acabou por abandoná-la nos arredores da cidade, sendo localizada cerca do meio-dia de quarta-feira.


Abrantes: População preocupada com aumento de assaltos e tiroteios na via pública
http://sicnoticias.sapo.pt/Lusa/2011/05/25/abrantes-populacao-preocupada-com-aumento-de-assaltos-e-tiroteios-na-via-publica

 

posto por s.noronha



publicado por porabrantes às 19:29 | link do post | comentar

O nosso amigo 


 Cidadão abt disse sobre Imagens do tiroteio em Abrantes na Sexta-feira, 27 de Maio de 2011 às 00:18:

 

     

Estimados Por Abrantes.

Pese o facto deste episódio envolver gangster's de etnia cigana, isto não viabiliza a idéia de que todo o cigano encerre em si um delinquente em potência.

Cá o Cidadão abt conhece e convive com alguns que são excelentes pessoas, cumpridores da sua cultura e tradições, pese algumas delas bastante fechadas no tempo, chocarem com os conceitos mais liberais de nós, gadjos, como o caso do tratamento do elemento feminino como um ser dependente, controlado e subjugado pela família e depois pelo marido, com todo um humilhante ritual de casamento escolhido e encomendado desde a mais tenra infância das jovenzinhas que não chegam a saber o que é liberdade e a paixão arrebatadora de amar alguém verdadeiramente.

Com as atitudes condenáveis de uma determinada corja que resolveu instalar-se aqui em Abrantes há a tendência para se generalizarem conceitos erróneos, desenvolvendo os genes da xenofobia. 
Notem que muita da delinquência é praticada por indivíduos não ciganos, servindo estes de bodes expiatórios!

Demolir o labirinto de Vale de Rãs não se afigura a melhor solução para o problema porque nele habitam famílias que nada têm a ver com a situação, famílias pacatas e de bem, boa gente que quer viver os seus dias em paz, que tem as suas dificuldades económicas e a labuta do dia a dia para enfrentar!É reparar nos olhos e na beleza da juventude que pelas primeiras horas do dia se acumula junto às paragens do autocarro e verão que tal solução seria terrível, cruel e desumana. 
Seria caucionar o futuro de muitas famílias que em segredo, vivem as as dificuldades.

Acreditando que essa radicalização não passa de uma figura de estilo, haja um pouco de humanismo para contornar uma solução tão radical.

Quanto ao São Macário, isso sim!
A conversa é outra!

É um foco de desrespeito a todas as regas de urbanismo e um constante atropelo à cidadania, atraindo os diversos ramos das famílias que ali encontram permissividade para instalarem indiscriminadamente as barracas em madeira, zinco e cimento, e da noite para o dia, canalizarem a água da fonte, sacarem a electricidade sem que ninguém lhes vá à mala, provavelmente porque todos estão na casa dos 16 anos e se encontram contemplados pelo diagnóstico do "Conselho Municipal de Segurança" presidido por Maria do Céu Albuquerque a aguardar pelo 5 de Junho não se sabe de que ano!

  PS 2009

 

o responsável político pela insegurança em Abrantes  

 

 

Caro Cidadão,

 

Em primeiro lugar, obrigado pelo seu comentário.

 

É da troca de ideias, que nasce a luz e não dum discurso autista e dogmático como parece ser o da Autoridade Municipal, até que o flagelo da insegurança lhe caiu em casa.

 

Estou curioso, para ver se a Snra Presidente muda de discurso.

 

Já mudou um bocadinho, mas continuava a usar o politicamento correcto como manto diáfano (obrigado, Eça!!!!) para ocultar a incapacidade de alinhar um discurso coerente e realista sobre a segurança no concelho.

 

Refiro-me a quando disse que desistia do projecto de construir cerca de 2 dezenas de fogos de habitação social no Rossio em troca (diz ela) da reabilitação de imóveis degradados.

 

Todos sabemos que foram as pressões das forças vivas dessa freguesia (conotadas com o PS) que transmitiram à autarca a oposição popular a um novo Vale das Rãs exactamente por medo da insegurança.

 

E a Presidente, sem autoridade política face ao aparelho do Partido, foi obrigada a vergar-se.

 

E o dinheiro gasto nos projectos do Rossio, vai para o lixo?

 

 Rossio ao Sul do Tejo 012 Carlos Silva in http://cincodemaio.blogs.sapo.pt    

 

 

Este exemplo serve para ilustrar o fracasso total da política de habitação social do PS de Abrantes que dominou o município quase totalmente desde o 25 de Abril (fora o tempo de Humberto Lopes) .

 

Produziram o Vale das Rãs e é um desastre.

 

Isso se bem me lembro vem do tempo do eng.Bioucas, o dr. Nelson Carvalho não gastou um tostão em habitação social. E pouco parece-me em manutenção daquela de que o município é senhorio.

Isto é fez uma política digna do neo-liberalismo mais selvagem, que a Srª Tatcher aplaudiria, mas com um rótulo de esquerda.

 

E delapidou milhões e milhões em obras de fachada!!!!

 

Coisa que a Srª Tatcher não fez!!!!

 

Um liberal acha que o Estado deve funcionar apenas como polícia, e que o mercado regula tudo.

 

Pois bem, o Sr.Carvalho (Manuel Alegre dixit) tinha nas suas mãos a polícia do ordenamento do território, usou e abusou dela para multar um desgraçado que fazia um muro ilegal e os senhores fiscais da CMA nunca viram que em São Macário crescia um enorme acampamento cigano, como bem diz o Cidadão!!!!

 

O laxismo dessa gente, a falta de coragem política, a falta de cultura, a cobardia perante o politicamente correcto, criaram uma bomba-relógio para a doce Maria do Céu e um inferno para os cidadãos de Abrantes.

 

Quando dizemos que é preciso demolir o Vale das Rãs não estamos a incitar os cidadãos a agirem por conta própria. Estamos a intimar a CMA a fazer aquilo que é do seu foro. Reabilitar o bairro e dotá-lo de infra-estruturas dignas para a população que lá vive.

 

Quanto a São Macário, defendemos o camartelo pura e simples.

 

Se o dr.João Soares abateu o Casal Ventoso, porque não pode a D.Maria do Céu demolir São Macário?

 

Resta-nos a comunidade cigana. É óbvio que há ciganos ordeiros, trabalhadores e respeitadores da lei que todos conhecemos. E há malandros.

O laxismo municipal e policial criam as condições para a insegurança e é esse laxismo (e mais alguma coisa que não digo) que está a criar as condições sociais para uma onda de racismo.

 

A situação não é só abrantina, mas nacional.

 

Não abrange só os ciganos, mas múltiplas comunidades com dificuldades para se integrarem nos valores comuns da maioria da população. Basta aparecer um demagogo tipo Alberto João e fundar um grupo de extrema-direita eficaz, para que a situação portuguesa caminhe para ser parecida com a da França.

 

Onde Madame Le Pen pode andar pelos 20% de votos.

 

 Liberatión

 

Caro Cidadão, a Presidente não tem desculpa para não fazer uma política de integração e habitação social. 

Dinheiro há!!!!

 

Gaste os 20 milhões de euros do MIAA nisso e servirá Abrantes.

 

Marcello de Noronha

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 18:38 | link do post | comentar | ver comentários (2)

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

O Pintor da Eica denuncia...

António Botto elogia Sala...

Um neo-liberal às aranhas...

Tramagalenses romanos?

A dona dos plátanos

Do charuto do capitalista...

A despedida

O Serviço Nacional de Saú...

Nove mil euros para corta...

A lesma abrantina: arion ...

arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds