Sexta-feira, 1 de Julho de 2011

 



publicado por porabrantes às 23:47 | link do post | comentar

Tantas vezes vai o pote à fonte, que uma vez lá fica.

 

(provérbio popular)

 

Como é sabido tem havido uma acesa polémica sobre a Fonte de São João e a qualidade da sua água, uma das faces da polémica foi esta declaração da Presidente a 30-5-2011:

 

“A fonte de S. João (ou dos Pastores) na Av. de Aljubarrota, em Abrantes, não integra a rede pública de abastecimento de água como tal não está sujeita ao programa de controlo da qualidade da água (PCQA). Nos termos do n° 6 do artigo 16° doDecreto-Lei no 306/2007, de 27 de Agosto, as entidades gestoras devem colocar placas informativas de água não controlada ou de água imprópria para consumo humano, conforme o caso, nos fontanários que não tenham sido integrados no PCQA. Esta determinação legal foi executada em todo o concelho de Abrantes, embora as placas de alguns fontanários sejam objeto de vandalização sistemática.

A exceção foi para a Fonte de S. João tendo em conta a sua grande utilização. Neste fontanário, é feito o controlo analítico com realização de análises do tipo de CRi, CR2 e CI, ou seja, as previstas no PCQA, exceto a medição do desinfetante residual (cloro). Este parâmetroé condição para assegurar a ‘água de qualidade garantida’. No entanto, a incorporação de desinfetante retiraria a caraterística de ‘água natural’ à água deste fontanário, precisamente o elemento que a torna atrativa.

Este ponto de água é ainda objeto de alguma manutenção. A quando de situações de identificação de coliformes ou outras contaminações de natureza microbiológica são efectuadas intervenções que passam pela limpeza e desinfeção das caixas a montante da fonte, para além de ações de limpeza sazonal.

Assim, uma placa informativa indicando ‘água não controlada’ não seria exata, porquanto é controlada.

 A placa ‘água imprópria para consumo humano’ também não seria correta visto as

análises indicarem o contrário e, quando tal não acontece, tem havido intervenções para

reporem a qualidade necessária para consumo humano.

Todas estas situações são do conhecimento e articuladas com a Autoridade de Saúde, incluindo a informação que consta da placa atualmente afixada.

 Se forem detetados elementos que contrariem os valores legalmente admissíveis, em articulação com a Autoridade de Saúde ou por determinação desta, será afixada placa com a informação prevista no citado diploma legal.”

Face ao exposto pelos SMA, a Presidente da Câmara referiu que a proposta do PSD não poderá ser aceite, uma vez que a “água de qualidade garantida” implicaria a utilização de cloro.

Tendo em conta os esclarecimentos prestados pela senhora presidente, designadamente a realização de análises periódicas à qualidade da água e que a tabuleta “Água de Qualidade Não Garantida” é a adequada quando a água está em condições de ser utilizada, os vereadores eleitos pelo PSD decidiram retirar a presente proposta de deliberação.

A Presidente da Câmara sugeriu que os Vereadores do PSD solicitassem informação sobre as suas pretensões e só conduzissem a proposta de deliberação o que realmente se justifique, ao invés de andarem a trabalhar para a acta.

(Acta da data referida)

 

Como se nota a

 

 

 

autarca terminou elegantemente a sua intervenção, onde se detecta leitura atenta da prosa ordinária do Pina da Costa.

 

 

No final o PSD santanista e o resto dos vereadores chegaram a um acordo!!!! Os curiosos podem ler o milagroso acordo na página municipal.

 

Era altura de perguntar, depois de salientar o tom à Pina dos decotes da Presidente, indo de novo à sabedoria popular: tanto é agraz, que já despraz, tanto barulho para nada???

 

Ou tantas vezes vai a bilha à fonte, que numa delas sai quebrada?????? (ditado popular)

 

Coisa que iremos ver.......hoje ou amanhã

 

  geocaching

(está errada a datação, é do século XX)

 

 

M.Abrantes



publicado por porabrantes às 19:26 | link do post | comentar

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

                   

 

                     

 

                      foto da propaganda camarária

 

 

                      Há um velho princípio que reza : quem resiste, ganha.

                      A petição ou seja a alma de Abrantes  resiste.

                      Sumavielle já era. A desastrosa gestão da Kultura

                      e a estranha relação

                      com certo licenciado alentejano pautaram a

                      sua conduta.

                      Neste momento é uma alma-penada, em termos de política.

                      Ganhámos.

                      O próximo objectivo da petição está assinalado.

                      Esperamos sobre ele traçar um X.

                      Quem resiste, ganha.

                      E a menina Cura, que é feito dela?

                             

                     Miguel Abrantes

               



publicado por porabrantes às 16:57 | link do post | comentar

 

        

M48 A5 Patton -entrada da EPC

 

 

 

ler mais aqui.       

 

texto de edite fernandes, grande conhecedora das fontes de Vinhais.

 

 

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 11:47 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Directora do MIAA, procur...

A casa incendiada

O PUA é sagrado

As redes sociais, ágora d...

Questão de teatros

Não digam que é descabido...

Aluga-se terminal ferrovi...

O Banquete de Natal dos B...

Um bruto chamado Baptista

Elogio de Cecília Matias

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds