Quarta-feira, 29 de Maio de 2013

 

Este é o Sr.  Vieira do interessante blogue Coisas de Abrantes

 

A minha fotografia

 

no Coisas de Abrantes pedem ajuda para identificar umas fotos. Aqui vai:

 

Serviço Rápido:

 

Primeira foto, à direita do Senhor Dom António, o capitão ou major  Manuel Machado, Presidente da CMA, a quem lembro de ter cumprimentado numa quinta que era dele (ou da mulher?) para os lados de Constância:

 

 

Esta foto foi publicada pela Tubucci por cortesia do Sr.Nuno Carola, grande bairrista e estudioso de Alvega, a 12 de Março de 2013. Diz a legenda da Tubucci, com base nos dados do Nuno: ''D.António Ferreira Gomes, Bispo de Portalegre em 1951 visita pastoral a Abrantes em Alvega. Cortesia do amigo da Tubucci Nuno Carola. D.António 7 anos depois, já Bispo do Porto demoliria o salazarismo numa carta a Salazar e passaria a viver no exílio. A seu lado o capitão Machado, Presidente da CMA''

 

Não se identificou o Senhor da esquerda. Estou certo que qualquer Senhor/a com umas juvenis 80 anos a identifica.

 

 

Lamento informar que o meu amigo Dr. Jorge Moura Neves Fernandes, certamente já restabelecido dum azar, certamente acabado de almoçar no Grémio Eça de Queiroz ou no Turf, não pode ser esse senhor gordinho, de papillón ao pescoço, porque era um rapaz 19-20 anos talvez quando essa foto foi tirada. O Jorge Moura Neves (tás bom, ò Jorge ?????) é este:

 

      

O a) deve ser o dirigente da União Nacional (Viva Salazar!)  Dr. Emídio.Salgueiro. Por acaso a casa do sogro dele, o Sr. Joaquim Morais está à venda em Alferrarede. O Dr. Salgueiro era cunhado do médico abrantino Dr. Santana Maia. Encontrei outro dia a filha do Sr.Salgueiro no Estoril, contribuindo para a santa missão de ajudar a China. Foi o Sr. Dr.Emídio Salgueiro que fez o plano com Diogo Oleiro de realizar um Dicionário Biográfico de abrantinos de que tenho cópia dalgumas das fichas. E o anúncio de saída da obra foi anunciado no Jornal de Abrantes dos anos 20. Acho que a sala onde é a conferência  se situa na Casa do Ribatejo em Lisboa. Foram agora despejados graças à nova Lei das Rendas do Governo. Se lhe oferecessem uma sala em Abrantes talvez aqui abrissem a sede.  E tínhamos uma esplêndida biblioteca.

 

 

E agora que fiz um favor ao Sr.Viana, faz-me ele outro donde vieram as ''misteriosas fichas'' de autor desconhecido em que se baseia para escrever a História Militar de Abrantes, no Jornal de Alferrarede.????

 

Pode responder para porabrantes@hotmail.com.

 

Ah! Perguntava o Sr .Vieira noutro post onde estavam os arquivos da Liga dos Amigos de Abrantes. Ficaram na posse da CMA depois do despejo ilegal ordenado por Nelson Carvalho. Portanto terão de estar em posse municipal.

 

Cumprimentos

M. de Noronha 

 

os 2 não identificados devem ser procurados nalguma publicação da Casa do Ribatejo. 



publicado por porabrantes às 15:31 | link do post | comentar

Laurinda Pereira, uma das vítimas

O Mirante

 

http://www.omirante.pt/noticia.asp?idEdicao=54&id=60884&idSeccao=479&Action=noticia#.UaXsodI4EbA

 

e a canalha ainda a monte?????

 

ainda???? será assim?????

 

O Mirante ouviu fonte policial. Ora eu ouvi outra fonte tão boa como a policial.

 

 

Mas não vamos espantar a caça, como diria o meu Avô, espingarda em riste, esperando na charneca, que o perdigueiro levantasse o bicho....

 

Só um maduro dum lisboeta é que atira sobre uma perdiz no chão, um desportista espera que o cão faça levantar a peça.

 

Um lisboeta atira no caçador que está ao lado, o meu Avô recusava-se a caçar com lisboetas porque lhe encheram de chumbo uma pálpebra.

 

Um homem da charneca dispara  sobre a perdiz....

 

Certeiro?

 

É um dos tiros mais difíceis ! Mas às vezes acerta-se....

 

Que a Judite acerte.

 

MA

 

 

 



publicado por porabrantes às 13:37 | link do post | comentar

(....Em finais dos anos 90 do século XX e inícios do novo século era difícil garantir a presença de um arqueólogo no âmbito da construção de uma auto-estrada (veja-se o caso do IP6 – Abrantes/Mouriscas), ou, era normal as obras terem início sem acompanhamento arqueológico (veja-se os casos do IP6 – Mouriscas/Gardete e da A15 – Lanço Rio Maior/Santarém). Por vezes, no início deste processo de acompanhamento das grandes vias de construção, foi mesmo necessária uma intervenção mais incisiva por parte da tutela para garantir que os projectos tivessem o devido acompanhamento arqueológico.(....)

 

 

 

 

Vista geral do IP6 - Abrantes/Mouriscas e do sítio arqueológico da Fonte do Sapo.

 

 

Tudo em

 

''O PATRIMÓNIO ARQUEOLÓGICO E OS GRANDES PROJECTOS RODOVIÁRIOS: METODOLOGIAS DE TRABALHO
Análise ao acompanhamento e sondagens realizadas em contexto de obra''

 

Sandra Lourenço e Gertrudes Zambujo
Outubro de 2010

Ed Estradas de Portugal

 

Comentários; esta situação teve muito que se lhe diga, com intervenção de  abrantinos, actualmente funcionários municipais. Mas  tenho perguntas a fazer (além  doutras ) e a primeira é: sendo extremamente importante o sítio arqueológico , porque não foi classificado e protegido??????

 

Porque é que não há nenhum sítio arqueológico com protecção e musealizado num concelho extremamente rico em vestígios deste tipo????

 

Porque é que se vai gastar um montão de dinheiro num museu, com peças em grande parte de origem estrangeira e não se começa pela base, que é o essencial, proteger  Aritium ou a estação romana ao lado do Cemitério de Alferrarede????

 

Não estaremos a começar a casa pelo telhado? 

 

Seremos uns perigosos fundamentalistas, talvez????

 

Mas quando as forem proteger, já as plantações de eucaliptos, as estradas, os tipos com detectores de metais terão dado cabo de tudo.

 

A propósito foram a Filomena Gaspar e o Álvaro Baptista segundo o estudo citado, os intervenientes  no caso da Fonte do Sapo. Falaremos disto outro dia.

 

Tudo isto é política? É.

 

Proteger ou abandonar é uma opção política.

 

MN, da Tubucci 

 

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 00:20 | link do post | comentar

Terça-feira, 28 de Maio de 2013

Associação Nacional de Bombeiros Profissionais

 



publicado por porabrantes às 21:28 | link do post | comentar

Andam por aí muito queixosos os serventuários (modero o vocabulário) da ''sociedade civil'' (tão civil que conta com um membro dum corpo militarizado no activo, etc) a queixarem-se de que usamos a foto do Miguel Vasco e da Paulina Pereira para fazer o que é justo, primeiro homenagear os bombeiros no seu dia,exprimir a nossa gratidão a quem nos protege, segundo apoiá-los numa luta que é desigual mas que é justa!!!!

 

 

Que se lixem!!!!!

 

 

E aqui ponho em primeiro lugar o retrato de quem iniciou um combate pela justiça

 

 

 

E agora reproduzo um comentário que nos chegou e que já está on-line, como é nosso timbre.

 

 

De Carla Vasco a 27 de Maio de 2013 às 19:43
Homenagem mais que justa a todo o trabalho que o Miguel fez, pena que não tenha tido tempo para o conseguir concretizar e por essa razão, conseguiram que a situação tomasse exactamente o rumo inverso àquele que ele sempre defendeu.


Obrigado Carla! Só estamos a fazer justiça, talvez tardia, mas justiça!!!!!

Quanto aos que se preocupam tanto com a imagem da Paulina Pereira, mas que não se preocupam com as razões da sua morte, já terão reparado que a conta da Paulina Pereira continua activa no facebook 10 meses depois da sua morte?

Que tal juntarem-se e processarem o facebook! Força Valentes!

Miguel Abrantes


publicado por porabrantes às 18:25 | link do post | comentar

Em 1 de Dezembro.......

 

 

 

  

 

Correio de Abrantes

 

 

desfilava garbosa a Mocidade Portuguesa e ia ao Castelo (eu também fui, mas não nesta fornada, não andei na velha e prestigiosa EICA)

a homenagear o melhor produto dos seminários lusos, o Prof. Salazar.

 

À cintura um cinto só um S, seria pior com dois....

 

  

 

alegadamente de Servir, na verdade a marca do Ditador.

 

O problema nesta notícia é que foram fazer uma romagem ao túmulo de D.Miguel de Almeida, o que deu o tiro que marcou, revolucionária, a hora em que quarenta conjurados avassalaram o Paço, chacinaram rancorosos o Vasconcelos, valido de Felipe de Espanha e gritaram :

 

 

Real Real por D.João IV, Rei de Portugal!!!!

 

mas Miguel de Almeida não esteve nunca nem está enterrado em Santa Maria.

 

Foi enterrado no Convento do Carmo, quem sabe porque se achava digno de ter repetido a proeza de Nuno Álvares, o da jornada de Aljubarrota.

 

E em parte era verdade, porque foi ele, velho e alquebrado , a personagem decisiva para fazer a Revolução.

 

Como estaria em 1640, se tinha participado em 1578 em Alcácer-Quibir????

 

 

Portanto levaram os cachopos da MP ao desengano para homenagear uns ossos veneráveis e inexistentes.

 

Quem foi o ''historiador'',  que serviu de assessor ao Alarcão e ao resto da ignara direcção local da Mocidade Portuguesa?

 

Como dizia o falecido Dr.Vitória, amigo da petição, que nos deu o recorte, ''além de fascista, burro''. O nome omite-se. A filha dele é nossa amiga e assinou, valente, a petição.

 

Marcello de Noronha 

 

(1) Já  não há túmulo de Miguel de Almeida porque o terramoto de 1755 deu cabo dele....

 



publicado por porabrantes às 13:52 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Como todos sabem sucederam-se face à passividade municipal  uma série de crimes na pacífica localidade da Chainça.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

AQUI COLOCA O NOME DA FOTO 

Aqueduto de Santo António (ruínas dum velho convento abrantino) foto Geocahing. 

 

Para um desses crimes as forças da ordem detiveram um suspeito para averiguações.

 

A detenção foi confirmada junto de fontes solventes.

 

Naturalmente o suspeito goza do direito à presunção de inocência.

 

Também goza do mesmo direito o alegado matador da dona Rosalina, o  Duarte Lima a monte das autoridade brasileiras, como se encontra a monte das autoridades lusas o miserável assassino dum miúdo na Madeira, esse pedófilo que continua a cantar missa cada manhã no Rio de Janeiro, e quem sabe a confessar meninos do coro, o Padre Frederico.

 

Este não goza de presunção de inocência, porque fugiu da cadeia onde cumpria pena por homicídio. Que lhe devem fazer????

Cacem o marginal, metam-no vivo num caixote e despachem-no para uma penitenciária lusa.

Não caçaram os israelitas o Eichman em Buenos Aires e o mandaram por essa via para Tel Aviv e o trataram como criminoso de guerra, antes que um carrasco judeu o pendurasse????

 

Começa a ser hoje a ser julgado por outras acusações o Duarte Lima e vamos ver se o ex-deputado laranja (já o expulsou o PSD ao menos?) cantará??? Porque cantava muito bem no afamado Coro da Universidade Católica....

 

 

Não fui eu que defendi a inocência de Domingos Duarte Lima com o argumento, certamente irrefutável, que por ser transmontano tinha de estar inocente de ter crivado de balas uma velha, como sustenta a acusação em Maringá.

 

Não fui eu que almocei com ele no Solar dos Presuntos. Nem nenhum dos membros desta redacção.

 

Miguel Abrantes   

 

 



publicado por porabrantes às 11:24 | link do post | comentar

Segunda-feira, 27 de Maio de 2013

Temos gente séria finalmente na área do petisco pós moderno. É o caso do jovem abrantino Pedro Silvério que concorre a um prémio de alta cozinha. A malta aplaude!

 

 

Força Pedro! E  a pergunta: andou a senhora Albuquerque a prometer uma Escola de Hotelaria em Abrantes e o pobre Pedro passa as passas neste caso abrantinas para chegar às Caldas.....

 

 

Não chegou a senhora haverá anos a comprar uma casa ou casarão para montar a Escola, estando por aí um tipo até já escolhido para Director?

 

 

Escola nem vê-la e o Pedro foi prás Caldas!   

 

Com a nossa vénia a Gazeta das Caldas donde é o texto e a imagem:

 

Todos os alunos do curso de Cozinha e Pastelaria da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO), já apresentaram os seus trabalhos no âmbito da iniciativa Cozinhas de Autor, mas está previsto que até ao final deste mês o restaurante de aplicação do estabelecimento de ensino promova dois dias com as melhores ementas do ano.
No último dia em que a Gazeta das Caldas fez reportagem deste evento, 26 de Abril, Pedro Silvério e Vítor Carvalho apresentaram duas ementas distintas.
Face à impossibilidade de podermos provar os pratos de ambos, optámos pelas escolhas de Pedro Silvério, que apresentou uma ementa inspirada na cozinha do chef inglês, Jamie Oliver, de quem é fã e seguidor.
O almoço começou com uma entrada de polvo de grão de bico e vinagrete de penca (couve), seguindo-se um creme de abóbora, mousse de requeijão e pinhão. O primeiro prato principal foi lombo de atum, braseado, com ratatouille e creme de alho, e o segundo foi filet mignon com puré de castanhas e cenoura, e espargos salteados. A sobremesa foi mousse de avelã com praliné de amêndoas e ravioli de Porto.
“Quis adaptar a cozinha portuguesa a uma influência mais gourmet”, explicou o jovem chef. O mais complicado acabou por ser o ter de preparar tudo no próprio dia, tendo em conta que foi a seguir ao feriado do 25 de Abril.
Pedro Silvério tem 20 anos e é de Abrantes. O aluno foi transferido este ano lectivo da Escola de Santarém, depois desta ter encerrado. A sua opção pelo curso de Cozinha e Pastelaria tem a ver com o seu interesse pelos cozinhados. “A minha avó trabalhava numa casa particular em Lisboa e cozinhou a vida toda, por isso passou-me esse gosto pela cozinha”, contou.

Mais sobre COZINHA CRIATIVA – (…)
posto por Suzy


publicado por porabrantes às 21:07 | link do post | comentar

No TCAS -No Tribunal Central Administrativo Sul

 

Eram recorrentes no processo nº 09869/13


A  Companhia Geral de Restaurantes e Alimentação, S A e Município de Abrantes




Recorrido Uniself - Gestão de Restaurantes e Empresas, Lda; Solnutri, Lda.; Nobrecer, Lda.; Eurest, Lda.; Itau, S.A. e Ica, S.A. Espécie Recurso Jurisdicional - CPTA R



Relator: Drª Ana Celeste Carvalho





Juizes Adjuntos: Drs. Cristina Santos António Vasconcelos  

 

 

 

Foi negado provimento ao recurso

 

 

Tabela de sessões de 9-5-2013

 

A coisa vem de longe e há vestígios pelas actas camarárias. 

 

O direito administrativo é complicado. Os nossos cumprimentos ao Dr.Bento Pedro

MA


tags:

publicado por porabrantes às 17:42 | link do post | comentar

João soares

 

Gostar dos avós só honra os netos. E por isso disse no facebook o dr. João Soares:

 

''O meu Avô João Soares, na Foz do Arelho há muitos anos''.

 

João Soares foi o cérebro civil da intentona de 1947, onde participou Marques Godinho. Foi Ministro da República. Pedagogo ilustre. Pai de Mário Soares.....

 

 

Mas foi também capelão castrense no início do século XX num regimento abrantino. E foi aí ou perto que conheceu o alferes José Garcia Marques Godinho. O resto está nos livros.....

 

As ligações,amigos, os velhos laços tecem sempre novos e ineperados rumos...

MN 



publicado por porabrantes às 16:11 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Presos políticos abrantin...

Presos Políticos Abrantin...

Presos Políticos Abrantin...

Uns acessos da treta à Lo...

Postal para saudosistas

Visitando o burlão

A bibliografia arqueológi...

A vergonhosa promiscuidad...

Nem os cisnes escaparam

Dia do Senhor: O retrato ...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10

18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds