Quinta-feira, 3 de Outubro de 2019

celeste

Celeste chama a GNR para reabrir Escola do Tramagal

Infelizmente já não há o Copcon.....

copcon

E o Azeredo Lopes não pode ajudar....

mn 

 



publicado por porabrantes às 20:00 | link do post | comentar

carreiras

O nosso amigo e grande abrantino eng.José de Albuquerque Carreiras é um dos coordenadores duma obra já clássica sobre a Ordem de Cister, a que Afonso Henriques escolheu como parceira para criar depois da Cruzada contra a barbárie , um Estado europeu e cristão, Portugal.

Ou foi Cister que escolheu Afonso, o claro varão, que levou a Guerra Santa até Silves?

Naturalmente com aliados mouros, homens que recusavam o fanatismo almorávida e levantavam a cimitarra contra os bárbaros que chegavam do Magreb.

Como herdeiros da brilhante civilização que Abderraman, o Califa, erguera em Córdoba. 

mn


tags:

publicado por porabrantes às 19:43 | link do post | comentar

9534309_ZkAzF

RIP.

mn



publicado por porabrantes às 17:29 | link do post | comentar

Resolveu o Vereador Luís Dias, regressado de Dubrovnik, em missão tramagalense, onde a comitiva se portou assim,

ligia marques dub

armar em cabo de esquadra, tentando policiar um almoço numa associação de Alvega, em instalações cedidas pela autarquia

dias 1

A menção policial (já não se pode almoçar em paz, só beber cerveja croata (12º graus) sentada na rua, quando acompanhada pelo Dias, em viagem paga pela autarquia, refere-se ao art 2 º do Decreto-Lei n.º 406/74, que regula a liberdade de associação.

Um almoço não é uma actividade política, portanto não está abrangido, pela comunicação prévia.

E o Vereador está obrigado à neutralidade na campanha eleitoral.

E na pré-campanha, desde a data em que Marcelo marcou as eleições.

Portanto não se podia pronunciar sobre este assunto, nem comentar os almoços de pacatos cidadãos.

Se ele pode dedicar-se a fazê-lo, nós também podemos comentar as cervejolas croatas.

Já agora foi objecto de comunicação prévia isto?

26 agosto ps

E para ser mais papista que o Dias, a letra da lei proíbe a propaganda eleitoral por parte de autarcas, quando seja mencionado o seu cargo.

E aqui claramente foi.

ma 

extracto da reportagem do médio tejo 

 

  



publicado por porabrantes às 13:20 | link do post | comentar

Diz o ''Mirante'' que o Graça das seringas recorreu contra o Bispo.

A ''Nova Aliança'', que já foi órgão católico e que agora é da seita cismática, não diz nada.

Os paroquianos e os abrantinos não merecem explicações do cismático.

Ocupa as Paróquias um padre afastado pelo Bispo e ao fazê-lo viola a Lei da Igreja e da República, como já nos habituou.

cónego bombeiros

 

Mesmo que tenha recorrido, tal recurso não tem efeitos suspensivos no referente ao desempenho da administração das paróquias, e o pároco, apesar de conservar tal título, até à resolução do recurso, não pode ocupar a residência paroquial, dizer missas lá ou fazer qualquer outra função paroquial, nem administrar os bens paroquiais.

1747

E não pode fazer contratos em nome da Paróquia, todas essas funções passam para um Administrador Paroquial.

O Código Penal já foi usado pela Hierarquia para afastar, apelando às forças da ordem, párocos que se recusavam a sair e os artigos usados foram deste tipo.

SECÇÃO IV
Usurpação de funções
  Artigo 358.º
Usurpação de funções
Quem:
a) Sem para tal estar autorizado, exercer funções ou praticar actos próprios de funcionário, de comando militar ou de força de segurança pública, arrogando-se, expressa ou tacitamente, essa qualidade;
b) Exercer profissão ou praticar acto próprio de uma profissão para a qual a lei exige título ou preenchimento de certas condições, arrogando-se, expressa ou tacitamente, possuí-lo ou preenchê-las, quando o não possui ou não as preenche; ou
c) Continuar no exercício de funções públicas, depois de lhe ter sido oficialmente notificada demissão ou suspensão de funções;
é punido com pena de prisão até 2 anos ou com pena de multa até 240 dias

 

 

Artigo 348.º
Desobediência

1 - Quem faltar à obediência devida a ordem ou a mandado legítimos, regularmente comunicados e emanados de autoridade ou funcionário competente, é punido com pena de prisão até 1 ano ou com pena de multa até 120 dias se:
a) Uma disposição legal cominar, no caso, a punição da desobediência simples; ou
b) Na ausência de disposição legal, a autoridade ou o funcionário fizerem a correspondente cominação.
2 - A pena é de prisão até 2 anos ou de multa até 240 dias nos casos em que uma disposição legal cominar a punição da desobediência qualificada.
   
    

   

A Constituição dá eficácia interna ao Código de Direito Canónico. E por isso a desobediência a ele, pode levar a sanções penais.

E no caso de um homem sobre o qual pende pena suspensa, nova condenação penal pode implicar a conversão da pena suspensa em prisão efectiva.

Apelou o Bispo de Portalegre à comunhão e a resposta que levou foi o da confrontação.

Apelou o Bispo à unidade e a resposta foi a dissidência.

Esqueceu-se o Bispo de apelar à Autoridade, embora tenha denunciado as mentiras que os amigos do burlão espalham:

''E o que lhes disse a eles, sinto-me no dever de o dizer, no essencial, a toda a comunidade abrantina pois estão a correr algumas notícias que não correspondem à verdade.''.

 

mn   



publicado por porabrantes às 08:45 | link do post | comentar

INFORMAÇÃO RELEVANTE SOBRE FREGUESIA DE MOURISCAS:

1 - A Junta de Freguesia de Mouriscas tem, salvo qualquer erro ou omissão, protocolo/s com a Câmara Municipal de Abrantes, através do/s qual/quais recebe a/s respectiva/s verbas:

- Para espaços verdes (jardim da igreja...);
- Para limpezas de caminhos;
- Para o posto médico;
- Para a escola primária;
- Para o DECIR (meios de prevenção de incêndios);

Também tem no orçamento do ano corrente verbas atribuídas para alcatroar 4 ruas (Rua Heitor Chamiço, Rua dos Cascalhos, Rua nas Entre-Serras e Rua do Casal Pita - parte não alcatroada - e para o alargamento do cemitério.

Os alcatroamentos ainda não avançaram, supostamente por razões técnicas (foi informado pelo Executivo na última Assembleia de Freguesia - 26-09-2019).

As obras do alargamento do cemitério estarão paradas e não têm, por agora, um prazo para o seu final (foi nformado pelo Executivo na última Sessão de Assembleia de Freguesia de 26-09-2019, a uma pergunta colocada pela CDU). Bastante estranha esta resposta tão curta e seca...
As obras começaram a ser executadas por ajuste directo, e mais recentemente foi pessoal da própria JFM !!??(conforme foi informado nas duas últimas Assembleia de Freguesia - Junho e Setembro de 2019).
O Agimos já pediu uma cópia do contrato por ajuste directo, aguardando-se o envio do mesmo por parte do Executivo.
As obras de requalificação da escola básica (EB.1/JI) são parte de uma empreitada lançada directamente pela CMA, a quem compete realizar este tipo de trabalho.

Outra informação a publicar brevemente, nomeadamente um ponto de situação sobre os e-mail/requerimentos apresentados ou a apresentar pelo AGIMOS.

Somos a favor de uma informação mais abrangente e transparente aos mourisquenses.

Saudações.

Publicado pela AGIMOS

No Portal Base não há nenhum ajuste directo da Junta sobre o cemitério. E é obrigatório



publicado por porabrantes às 00:08 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

De quem são as águas da R...

Fonte da Amieira é públic...

Vamos já comer umas morce...

Como a Abrantaqua encheu ...

Dez anos para responder a...

Há poetas que não gostam ...

Vagas no Supremo Tribunal

Comunicado dos Amigos do ...

Três anos para responder ...

CNA arrasa política agríc...

arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds