Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019

Drago Cabreira, Barão da Batalha, bem conhecido cá na terra até teve algumas preocupações humanitárias sobre presos abrantinos (como se verá) mas como Governador de S.Julião da Barra, mandou chicotear selvaticamente um preso com 200 pranchadas.

E foi acusado em 1857 de abuso de autoridade e ofensas corporais.

Safou-se graças a levantar o problema da incompatibilidade dos tribunais civis e militares.

batalha

Colecção oficial de legislação portuguesa 1857

mn



publicado por porabrantes às 22:14 | link do post | comentar

''Torres Novas — É extraordinária a alegria com que os

povos recebem o desenvolvimento das vias ferreas. A saber:­

A abertura  da secção de Santarém a Abrantes na linha de leste

foi motivo para que singulares demonstrações d’este senti-­

mento apparecessem em muitas povoações, que bem com-

prehendem os benefícios que hão de auferir da viação acce-

lerada. Para mais o provarmos pedimos venia ao Jornal

do Commercio  para transcrever o que da villa de Torres

Novas lhe escrevem a sirailhante respeito. É o seguinte:

 

 

«Não obstante ser um dia em que este povo, eminente-

mente agrícola, se emprega nos trabalhos do campo, quan­

do o comboio chegou á nossa estação, que fica a distancia

de cinco kilometros d’esta. villa, já ali se achavam para mais

de 600 pessoas d’este concelho, entre as quaes se contavam

os membros da camara municipal, administrador do conce­

lho, muitas senhoras e cavalheiros, e a philarmonica tor-

rejana, que receberam os viajantes, fazendo subir ao ar

muitas dúzias de foguetes, tocando a philarmonica o hymno

do nosso augusto soberano; ao qual e a Sua Magestade a

Rainha e á carta constitucional se deram estrepitosos vivas!

«Seguiu o comboio para Abrantes, levando em uma das

carruagens a philarmonica e mais de 240 torrejanos de

am­bos os sexos até Abrantes; e se mais bilhetes e carruagens

houvesse maior seria o numero dos viajantes. Immensas

pessoas, muito a seu pezar, ficaram na estação até á volta

do comboio, que foi recebido com mais foguetes, indo a

philarmonica, durante a curta demora do mesmo comboio,

collocar-se ao lado da carruagem em que íam o sr. duque

de Loulé

loulé

 

 

e o sr. ministro do reino, tocando o hymno real,

e rompendo novamente os vivas a Suas Magestades. Assim

terminou tão memorável dia de verdadeira alegria para este

bom povo.»

Era 1862

Fonte: folha oficial



publicado por porabrantes às 17:58 | link do post | comentar

Alegadamente uma construtora em 2004, em conivência com a CMA usara um terreno alheio para depósito de materiais.

O dono meteu-nos no Tribunal e pedia  uma indemnização de '' 21.499,00 €, valor este acrescido dos juros de mora vencidos a contar da citação e até integral pagamento ''

O processo foi de recurso em recurso e o Autor já morreu, sendo agora representado pelo herdeiro.

O STA acaba de  decidir contra a empresa (e a CMA), que alegava que o caso estava prescrito.

Os factos deram-se em 2003.

Arrasta-se pelos Tribunais há 16 anos.

Tudo isto merece  uma reflexão séria, a da quase impotência dum cidadão para lutar contra a Administração nos Tribunais.

Sem justiça pronta, o Estado de Direito é mera ficção.

mn 


tags: ,

publicado por porabrantes às 17:14 | link do post | comentar

escola de aspirantes 1949

Segundo o vendedor a foto é abrantina.

mn



publicado por porabrantes às 11:10 | link do post | comentar

morte de d.luís

 


tags:

publicado por porabrantes às 09:20 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Família Falcão apoia Sant...

Santa Greta no Vaticano

É a administraçao pública...

Conferência:As alterações...

A ignorante cacique nome...

Silicália: a causa das co...

Uma bofetada na cara da c...

Exército recupera 490 par...

Floresta : sem plano em v...

A Tectânia tem mais 30 di...

arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds