Domingo, 15 de Novembro de 2020

Há alguns anos a Construtora do Lena, implicada em Abrantes no caso Júlio Bento e a nível nacional, no caso Sócrates, com o seu ''padrinho'' acusado de corromper outro socialista (os da Lena adoravam socialistas),  faziam  cá vários investimentos, um deles comprar um Jornal e transformá-lo num pasquim liderado pelo esposo da Chefa e outro comprar uma Virgem de Fátima e oferecê-la ao burlão e falsificador José da Graça. A Virgem, paga pelo dinheiro dos alegados corruptores dum primeiro-ministro, é esta:

  

altar ns fat.png

Veio substituir outra, legada pelas senhoras da piedosa família Moura Neves que foi a que se tornou responsável por esta péssima intervenção, num monumento nacional que passou por entaipar Deus Pai: 

deus pai 2.png

Para fomentarem a superstição mariana, tão denunciada por Sua Excelência Reverendíssima, D. Domingos Frutuoso, Bispo desta Diocese e pelo seu sucessor D.António Ferreira Gomes, com a colaboração de um ou dois cónegos vândalos, destruiram e esconderam belíssimos frescos medievais, únicos no concelho , que estão quase irrecuperáveis.

deus pai.png

 

Diz a técnica que danificaram pinturas antigas, de difícil restauro. Ver minuto 14, 39 do vídeo da DGPC. 

Tudo isto deveria fazer reflectir sobre os perigos das intervenções piedosas em monumento nacionais por parte de amadores e de cónegos analfabetos.

A técnica diz que não sabe donde vieram as peças. A Igreja não tem arquivo? Pergunte ao Dr. Luizinho.  Havia umas tábuas quase iguais que residiam na retrete do Jornal de Abrantes, na R.Actor Taborda 

mn

fotos : excertos do vídeo da DGMN, Virgem da Lena- JAL 

 



publicado por porabrantes às 18:06 | link do post | comentar

9789724422640_1573122563.jpg

Neste interessante livro, o Autor estuda as implicações políticas e diplomáticas do asilo político solicitado pelo General Delgado na Embaixada do Brasil, ao tempo sita ao lado da sede da Pide na Baixa, na António Maria Cardoso.

E as do capitão Galvão na da Argentina e os seus precedentes, como a concessão de asilo dada por Portugal a conspiradores integralistas brasileiros (um grupo ultra-conservador e católico integrista, a que esteve associado na juventude, o reputado sociólogo Gilberto Freyre), que preparavam um golpe contra o nacional-populista, Getúlio Vargas.

Para o caso abrantino, encontramos a transcrição da denúncia dum bufo, que revela que o político e advogado abrantino Artur Ribeiro Lopes, passara à Oposição delgadista, depois de ser um confidente de Salazar e deputado da Situação largo tempo.

ribeiro lopes.png

A cena passa-se  na Livraria Portugal, perto do Chiado, e tem a ver com o convite ao dirigente do Labour, Bevan,  para visitar o país e denunciar a farsa eleitoral.   

A resposta do regime é a prisão de António Sérgio, Vieira de Almeida e Jaime Cortesão, três dos mais importantes intelectuais lusos, que tinham sido o cérebro da candidatura Delgado e quem o General chamava depreciativamente ''Os Barbas''.

Artur Ribeiro Lopes era grande amigo da Senhora D.Maria Justina Bairrão Oleiro e a filha, D.Teresa casou-se, salvo erro, com o farmacêutico das Caldas da Rainha e grande coleccionador de arte (e notório reviralhista)  Maldonado de Freitas.

Morreu em 1965.

Além de Advogado ligado aos interesses coloniais, dizem-me que nos anos 30 foi proprietário duma das mais conhecidas cervejarias da Cidade, nos baixos do Palacete Falcão.

mn 

 

 



publicado por porabrantes às 17:08 | link do post | comentar

black power.png

Estava o padre do Entroncamento a dizer a missa e um africano interrompe a cerimónia.

No Eol 

Quanto a isto, haverá que julgar o negro e pô-lo na fronteira, se for estrangeiro 

ma



publicado por porabrantes às 16:42 | link do post | comentar

125259730_10223623082996297_7902794081864928630_o.

 



publicado por porabrantes às 15:31 | link do post | comentar

Este jornal americano noticia o falecimento duma senhora tramagalense que vivia há 60 anos nos States e traça a sua biografia


tags:

publicado por porabrantes às 10:19 | link do post | comentar

tramagal cac.png

 

No facebook o sr. Simão esclarece o cacique, e  o importante é que se revela é que os Hospitais são um sítio ideal para apanhar Covid.   
 
Luís Fernando Vilela Simão
icono de la insignia
''Para esclarecimento: Nesta entrevista ao Vitor  Victor Hugo Cardoso Cardoso , cerca do minuto 4, foi dito que existiu o funeral de um idoso de 97 anos com covid 19 e que estava num lar. Como tal, só posso depreender que seria o meu pai, Francisco Simão. Esclareço que no lar não existiu qualquer surto, onde ainda está a minha mãe! Informo que na noite de 18/19 de Outubro teve que vir ao Hospital de Abrantes com dores na zona abdominal. Fez teste de covid, dando negativo. Esteve em observação e, passados 3 dias, foi enviado para cirurgia em Tomar, com novo teste negativo. Entrou em Tomar com novo teste negativo! Esteve numa enfermaria de 4 camas e fez vários exames, começando a recuperar porque a "pedra" desceu e os valores das análises estavam a ir aos valores normais. O excelente médico que o acompanhou, Doutor Diamantino, estava somente à espera de um exame (que lhe foi favorável), para depois lhe dar alta. Entretanto houve um "surto" de Covid na hemodiálise em Torres Novas e um dos internados na enfermaria do meu pai ia aí fazer tratamento. Um dos pacientes da enfermaria teve alta e foi testado antes de sair, dando positivo. Então foi feito o teste a todos e ...todos positivos. Foram, então, encaminhados para o H. de Abrantes onde, ao fim de 10 dias o meu pai acabou por falecer. Só para que fique esclarecido que no lar onde estavam os meus pais não existiu nem existe qualquer caso!''
(sublinhados nossos


publicado por porabrantes às 10:08 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Os grandes políticos riba...

CMA não ganhou ainda caso...

O aumento ilegal das tari...

O mercado

Quem dorme com quem?

Escavações abrantinas de ...

Para calarem os gajos

Tejo não é candidatável a...

Outro arqueólogo ''abrant...

A representação democráti...

arquivos

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

frança

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Janeiro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds