Terça-feira, 19 de Abril de 2011

 

 

O Sr. Dr. Abrantes como sabem deu-me carta branca para responder ao acólito beato do Rev. Graça. Considero que a resposta da petição já foi dada pelo seu coordenador e reservo o meu direito de responder a título pessoal para o exercer quando o entender.

 

Quero só falar das boas maneiras e da boa educação.

 

É natural que uma pessoa se exceda de vez em quando, mas na Obra aprendemos a controlar-nos.

 

 

Há coisas inadmíssiveis e este ministro socrático ultrapassou, quando exibiu a cornamenta, os padrões médios de conduta admissíveis na Casa da Soberania Nacional.

 

O resultado foi que teve de se demitir.

 

Podemos dizer que houve pelo menos um Ministro do Sócrates que foi responsável.

 

Irresponsável é o dirigente  do Banco Alimentar contra a Fome que ainda não se demitiu depois da fífia revelada por Santana-Maia....

 

Irresponsáveis são os hierarcas que permitem que certos sacerdotes não cumpram as normas estabelecidas pela Igreja.

 

Querem nomes?

 

Já os disse e voltarei a repeti-los quando for necessário.

 

Como repetirei que D.Agostinho de Moura se portou mal com D.António Ferreira Gomes

 

 

Voltando ao Ministro mais responsável do Governo Sócrates e à sua ''afición'' pela festa brava, direi que foi uma falta de educação monumental, própria dum idiota, este gesto para responder a uma observação dum representante do povo.

 

Não é infelizmente um caso único nos anais da vida parlamentar lusa. Vejam este caso que afectou um deputado abrantino.

 

(...) O Orador: - Sr. Presidente, Srs. Deputados: O meu voto em relação ao projecto de lei n.º 309/II, inscreve-se no breve quadro de referência que acabei de traçar.
A minha posição individual não traduz o menor desrespeito pelas posições alheias, mas lamento que já tenham sido hoje proferidas nesta Sala por parte de pessoas de quem, com franqueza, não esperava certas expressões em termos de se considerar que, quem não pensa de certa maneira, se encontra mergulhado na negritude de um obscurantismo sem limites.

Aplausos da ASDI, do CDS, do PPM e de alguns deputados do PSD.

Dizia eu que a minha posição individual não traduz o menor desrespeito pelas posições alheias que se lhe oponham e seria o último a negar a utilidade do debate e do aprofundamento de tema tão apaixonante quanto da maior importância social e humana.
Nesta perspectiva não considero negativa a iniciativa legislativa com que a Assembleia da República se acha confrontada.

Aplausos da ASDI, do CDS, do PPM e de alguns deputados do PSD.

O Sr. Presidente: - Para pedir esclarecimentos, tem a palavra o Sr. Deputado Anacleto Baptista.

O SrAnacleto Baptista (PSD): - Sr. Deputado Vilhena de Carvalho, quero felicitá-lo pela sua intervenção e ao mesmo tempo fazer-lhe uma pergunta tão simples como esta: não acha muito sintomático que os nossos colegas médicos tenham, no momento da sua intervenção, abandonado esta Sala?

Protestos do PCP.

O Sr. Veiga de Oliveira (PCP): - Você é um nojo!

O Sr. Octávio Cunha (UEDS): - Peço a palavra, Sr. Presidente.

O Sr. Presidente: - Tenha a bondade de aguardar, Sr. Deputado.
O Sr. Deputado Vilhena de Carvalho, que foi a quem se dirigiu o pedido de esclarecimento do Sr. Deputado Anacleto Baptista, responderá nos termos que entender. (...) 

 

 

 

Diário da Assembleia da República, nº 12-12-11- 1982

 

 

Deve ter sido um episódio tão desagradável que o ex-Deputado não o refere nesta entrevista.

 

Obviamente, o Sr.Eng Veiga de Oliveira excedeu-se nesse dia e foi um mal-educado.Mas estou certo que a conhecida caridade do Solicitador Anacleto já exerceu o perdão e esqueceu a afronta.

 

O Eng.Veiga de Oliveira que eu encontrava muito no Gambrinus devia estar chateado. A culpa era do Camarada Cunhal que o estava sempre a criticar por ter hábitos burgueses.

 

Bolas, dizia-me o Veiga: é que na cantina do partido se come muito mal.....

 

Marcello de Noronha



publicado por porabrantes às 17:05 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Esgotos a céu aberto no c...

Alá, o Clemente defende-o...

Associação de Classe dos ...

Fuzilem as mães dos liber...

Combate ao Covide na terr...

Bibliografia Abrantina: E...

7 de Agosto

A luta contra o caciquism...

Corrida na Monumental da ...

Fábricas em Alferrarede

arquivos

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

jornal de abrantes

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds