Sexta-feira, 19.03.10

 Sustentou e sustenta Jota Pico que a compra dum terreno à empresa  do Sr.Amândio Mendes podia trazer água no bico, porque Mendes pertencia à Comissão de Honra de D.Maria do Céu Albuquerque.

 

 

Já respondemos à cabala montada por Jota Pico e pelos defensores de Carrilho  (entre eles um ex-vereador de nome abeatado e os interesses do grupo de construção a que está ligado)

 

Mas  Jota Pico  publicou insidiosamente isto: 

 

 

Como se isto fosse prova dalguma coisa.

 

Agora acaba de ser inaugurado em Lisboa uma nova obra com assinatura de Carrilho.

 

 

 

 

 

 Foto Público-Núcleo Museológico do Castelo de São Jorge

 

  

fez parte Carrilho da Graça da Comissão de Honra de António Costa nas autárquicas de Lisboa.

 

VAI PICO INICIAR UMA CAMPANHA NO MESMO ESTILO DA CITADA CONTRA CARRILHO DA GRAÇA?

 

 

 

DEIXAMOS A PERGUNTA.

 

MIGUEL ABRANTES

 

 

 



publicado por porabrantes às 11:40 | link do post | comentar

Quarta-feira, 10.03.10

 

 

 

Não contente por ter atacado covardemente o Sr. Dr. Humberto Lopes, o chefe do lobby pró-miia e admirador do Sr. Dr. Nelson Carvalho (especialmente na sua actuação na escolha do Carrilho e no despejo da Liga dos Amigos de Abrantes e em certas actividades  que o MP investiga), Jota Pico resolveu atacar o nosso amigo e grande militante da Defesa do Património Abrantino, José Eduardo Marçal.

 

O ataque é naturalmente encomendado, neste caso não pelo Padre rústico que quer canonizar Jota Pimenta, mas pelas forças ocultas que utilizam o blogue Pico do Zèzere para destilar infâmias.

 

Reproduzimos o vergonhoso vómito do cacique sertanejo, pedindo desculpa aos nossos leitores, gente culta e de hábitos higiénicos pela má qualidade da prosa, produto da leitura frequente de textos de Fernando Baptista Pereira (apesar de Pico secretamente o odiar por ser Baptista com P): 

 

''QUANDO UM EX-GOVERNADOR CIVIL ESCREVE NUM JORNAL DO DISTRITO "QUE JÁ NÃO EXISTE CRIME DE DELITO DE OPINIÃO" E NO MESMO TEXTO ACABA A DEFENDER UM AMIGO QUE LANÇOU ATAQUES CANALHAS A TODOS OS QUE TIVERAM UMA OPINIÃO CONTRÁRIA À DESSE AMIGO ( E FAVORÁVEIS AO MUSEU DE ABRANTES), É CASO PARA PERGUNTAR: -O EX-GOVERNADOR NÃO ESTARÁ A DEFENDER UMA COISA E O SEU CONTRÁRIO?! CONVENHAMOS,QUE É IMPERDOÁVEL NUM EX-GOVERNADOR  .'' ( ler mais aqui )

 

 O nosso comentário a única coisa que é perdoável a uma pessoa na perspectiva de

 Pico é  fazer publicidade na revista da PIDE-DGS como fazia o Rei dos Trolhas do Pinhal.

 

O próximo atacado será o Senhor Presidente da República ou o Snr. Eng. Mira Amaral por estarem ao lado do Snr. Eng. Marçal na fotografia que publicamos?

 

Miguel Abrantes

 

Nota: Verificámos na Internet que o Sr. Eng. Marçal além da nossa petição, assinou outra que pedia à Assembleia da República um referendo acerca da Lei do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Exercer os seus direitos cívicos e defender uma tradição portuguesa motiva também os ataques satânicos do porta-voz no Pinhal do lobby Gay. Da mesma forma que enxovalhou Santana-Maia, Pico não perdoa a quem pensa duma forma diferente da cartilha dos seus patrões.  



publicado por porabrantes às 19:20 | link do post | comentar

 

Prometemos e cumprimos! Não somos como o porta-voz oficioso do Carrilhismo que prometeu depois de ser sovado nos últimos dias não falar mais em coisas que não percebe por não ter feito a instrução primária com a grande pedagoga D. Alice de Brito!!!

 

Já voltou a mentir, a mando do patrão e do padre rústico e sabe-se lá a mando de mais quem!!!

 

Depois de infamar Maria do Céu Albuquerque, Amândio Mendes e de chamar barrigudo ao Director do Jornal de Alferrarede (como se ele fosse um exemplo de beleza física capaz de figurar como modelo nos anúncios de roupa branca da Maria), o colectivo neo-fascista Pico do Zêzere ataca de novo António Castel-Branco.

 

Nós, sem comentários, publicamos o importante artigo do político e universitário abrantino eng ( do IST)  José Eduardo Marçal, naturalmente com a devida vénia ao Ribatejo:

 

  Foto Mirante

O eng. Marçal com o Snr. Presidente e o eng.Mira Amaral.

 

Museu Controverso

Por: José Eduardo Marçal

Desloquei-me com familiares e amigos a Salamanca com o intuito de visitar o “Museu Arte Déco e Arte Nova da Casa Lis”. A notável colecção de peças de arte expostas, desde peças de Lalique até Fabergé, coloca este museu a um nível ímpar na Península Ibérica.

Na sequência da visita, reflecti sobre o controverso museu que alegadamente se pretende construir em Abrantes. Tenho sérias dúvidas sobre a sua viabilidade e concretização. Desculpar-me-ão, mas começo a estar cansado de que ciclicamente os nossos autarcas apareçam com grandes parangonas, revestidos do papel de mensageiros evangélicos, anunciando a “Boa Nova” e os megas investimentos que vão ser colocados no concelho. Só lhes falta a barba branca, o cajado e o olhar possuído do Charlton Heston, para a “coisa” ficar mais credível.

 Mas concentremo-nos no projecto do museu. Em primeiro lugar para que serve o museu? Para ser um lugar de exposição e divulgação do nosso património cultural? Para ser uma referência de Abrantes? Para honrar o nosso passado histórico/cultural? Se forem estas as premissas o meu apoio é claro. Caso apenas se pretenda afagar o ego de alguns, expresso desde já o meu desacordo. Não deveria aproveitar-se esta oportunidade para exibir igualmente peças e obras relevantes de outros vultos da cultura abrantina e com isso honrarmos a nossa história local? Abstenho-me de indicar nomes, mas de certeza que os abrantinos que me lêem se estarão a lembrar de alguns.

Importa repensar todo o projecto cultural subjacente ao museu. E o que dizer em relação ao invólucro proposto? Desde já manifesto a minha preocupação pelo conceito estético. A patente falta de integração urbanística é evidente e urge encontrar uma solução mais feliz. Não sendo só da responsabilidade do arquitecto as grandes opções do projecto, deixem-me colocar uma última questão. Quem são os técnicos que asseguraram a Coordenação de Segurança e Saúde do Projecto? São reconhecidos como possuindo o nível exigido pelas suas organizações profissionais? Termino, manifestando a minha solidariedade ao Arquitecto António Castel-Branco, também ele uma voz crítica do projecto. A confirmar-se o que afirmou em outro periódico local, tal situação não é admissível e merece o nosso repúdio. Julgamentos por delitos de opinião são coisa do passado. Espero que a Ordem a que pertenço nunca entre por estes caminhos.

* Engenheiro Civil, Coordenador da Especialização de Segurança do Trabalho na Construção da Ordem dos Engenheiros

 



publicado por porabrantes às 11:28 | link do post | comentar

 Jota Pico (o verdadeiro), o líder local do CDS, segundo nos confidenciam o próximo candidato da ala neo-fascista do PP à Distrital de Santarém contra Herculano Gonçalves, o caudilho do Pinhal, o moralista que defende os gays, o insigne articulista expulso do Jornal de Abrantes pela nova direcção neo-seminarística, o guia ideológico da conversão do Souto num reduto de talibans salazaristas sob a pia bênção do presbítero do Pinhal, o devoto da Senhora do Tojo, o recordista de postas de pescada por minuto na blogosfera abrantina, o mais devotado e melhor defensor de Carrilho da Graça, o pai da arquitectura neo-socrática não se deve confundir com os vários Picos que proliferam pelo blogue caceteirista Pico do do Zêzere, especialmente com o presbítero que prepara a canonização em vida de Jota Pimenta.

 

O presbítero espera conduzir uma peregrinação de 500 soutenses e alguns milhares de gratos habitantes da Reboleira  a Roma, onde na Praça de São Pedro, se porão a gritar ''Jota Pimenta, Santo Súbito!!!! com tal intensidade que Sua Santidade virá à Janela e não terá outro remédio que canonizar a primeira empresa da história.

 

Mas, o presbítero não ficará por aqui e exigirá ser recebido em audiência por Sua Santidade e entregará ao Sucessor de Pedro mais processos de canonização estes a título póstumo: Barbieri Cardoso, Rosa Casaco, major Silva Pais, General Santos Costa e António de Oliveira Salazar.

 

Entregará também um estudo teológico onde prova que foi a milagrosa Virgem do Tojo que apareceu em Fátima e que a Irmã Lúcia se enganou na identificação, por ser míope, como se prova pela foto.

 

Quando o Santo Padre chamar a Guarda Suíça para tentar convencer o homem a desandar, um voluntarioso catequista berrará : ainda falta uma coisa.

 

E Jota Pico (o verdadeiro, não um dos múltiplos salazaristas e neonazis que assinam com este pseudónimo) entregará um estudo propondo a demolição da Basílica de São Pedro para no lugar ser construído um cubo basilical de 400 metros de altura, da responsabilidade do arquitecto lusitano Carrilho da Graça, muito famoso pelas Igrejas que edificou na Lusitânia.

 

O Santo Padre espantado perguntará : Estão doidos e o Património?

 

O presbítero então sacará um dossier e dirá : Esta é a 3ª parte do Mistério da Senhora do Tojo, que me foi revelado quando paroquiava o Pinhal.

 

O Santo Padre deita as mãos à cabeça porque quase deixa cair a Tiara. É amparado por Sua Eminência, o Cardeal Bertone que está branco.

 

Bertone dispara: Isso não pode ser, o Carrilho apoiou o casamento gay.

 

O presbítero diz: Miguel Ângelo era maricas.....

 

Cá fora os peregrinos entoam palavras de ordem: Pico só há um !!!! O do Pinhal e mais nenhum!!!

 

Berlusconi é avisado da confusão e manda os carabinieri invadir o Vaticano para resgatar o Santo Padre e restaurar a ordem.

   os valentes carabinieri

 

No dia seguinte o ''Observatore Romano publica na primeira página: '' Presbítero e talibans do Pinhal excomungados por heresia''.

 

Toda a imprensa mundial relata a história escandalizada pela ofensa à Santa Sé.

 

O blogue Pico do Zêzere publica : A culpa toda foi do Arquitecto António Castel-Branco''

 

Miguel Abrantes 



publicado por porabrantes às 09:09 | link do post | comentar

Terça-feira, 09.03.10

 

Nos últimos dias têm-se verificado a adesão à petição de várias personalidades, entre as quais queremos destacar a Senhora Doutora Isabel da da Veiga Cabral (Mirandela), técnica superior do IGESPAR (organismo oficial de tutela do património), especialista em Património Mundial

( UNESCO).

 

 

Estamos muito honrados pela adesão de tantas personalidades de relevância nacional, enquanto o MIIA só encontra apoio no lobby que o defende cujo porta-voz é o blogue neo-fascista Pico do Zêzere, coordenado por um padre rústico do Pinhal e alguns extremistas de direita, a soldo de interesses inconfessáveis.

 

Continuamos a receber inúmeras mensagens de apoio a António Castel-Branco e de condenação da atitude pidesca dos interesses contrários ao Património de Abrantes.

 

Miguel Abrantes  



publicado por porabrantes às 16:21 | link do post | comentar

 

Já agradecemos aqui ao Snr. Rev Cónego José da Graça na sua qualidade de Sub-Director da Nova Aliança o seu apoio ao Arq. António Castel-Branco enquanto culpado de ter exprimido o sentido de indignação de cerca de novecentos portugueses, a maioria deles católicos, pelo atentado ao património cultural e religioso da Cidade de Abrantes que é protagonizado pelo projecto de arquitectura estalinista (como o definiu um dos maiores arquitectos americanos) de Carrilho da Graça para São Domingos.

 

 

 

 

 

Agora vimos pedir ao Sr. Cónego enquanto Arcipreste de Abrantes que nos diga se houve autorização do Sr. Bispo de Portalegre para que o Rev. Padre Rosa que se candidatou pelo CDS-PP a Vereador tomasse essa atitude.

 

No caso de não haver autorização eclesiástica, foi comunicada ao Sr. Bispo esta situação?

 

Vimos ainda respeitosamente pedir ao Sr Cónego, enquanto Administrador da Fundação Ernesto Lourenço Estrada a sua opinião acerca dos ataques injuriosos realizados por Fernando Baptista Pereira contra o Arq. António Castel-Branco, num artigo publicado no Jornal de Abrantes, sob responsabilidade do ex-seminarista e activista católico Alves Jana.

 

Considerando que Fernando Baptista Pereira foi indicado por essa Fundação à CMA como museólogo do MIIA, está o Snr, Cónego,  enquanto Administrador da Fundação Ernesto Lourenço Estrada, na disposição de recomendar ao Conselho de Administração da Fundação o imediato afastamento de funções de Fernando Baptista Pereira, devido à má imagem que que dá à Fundação?

 

 

Ou seja que esta criatura deve ser pura e simplesmente demitida?

 

 Perguntamos ao Snr. Cónego, enquanto Jornalista, o que pensa da atitude tomada pelo ex-seminarista Alves Jana, enquanto Director de Jornal, ao recusar possibilidade a António Castel-Branco de se defender nas mesmas colunas das injúrias do  Fernando Baptista Pereira. 

 

É esta atitude (a de Alves Jana) compatível com a ética jornalística?

 

 

Perguntamos ainda ao Pastor do Arciprestado de Abrantes o que pensa da atitude do Arq. Carrilho da Graça ao subscrever a petição a favor dos casamentos de pessoas do mesmo sexo?

 

Está isso de acordo com a doutrina expressa pela Conferência Episcopal Portuguesa e por Sua Santidade?

 

Considera o Rev. Cónego José da Graça que Carrilho faz parte do lobby a favor da destruição do casamento tradicional, base da nossa civilização, lobby denunciado por Sua Eminência, o Senhor Cardeal Patriarca?

 

Miguel Abrantes, Coordenador da Petição 



publicado por porabrantes às 10:43 | link do post | comentar

 Estamos à espera que a Excelentíssima  Senhora Eng. D. Manuela Ruivo Valle e Azevedo, Presidente da C.P.C.  do PSD e porta-voz do PSD na Assembleia Municipal  manifeste a sua solidariedade com António Castel-Branco, que a apoiou na campanha eleitoral como membro da  Comissão Política da sua Candidatura a Presidente da Assembleia Municipal  , seguindo a corajosa tomada dos seus ilustres antecessores na chefia do Partido, Snrs. Solicitador Anacleto Baptista e sobretudo do Sr. Eng. José Eduardo Marçal   !!!!!

 

Foto Amar-Abrantes

 

Também estamos à espera que a Srª Engenheira pergunte na Assembleia Municipal:

 

a) É admissível segundo o PUA a volumetria proposta por Carrilho da Graça para o MIIA?

 

b) Pode a C.M.A. exibir o visto do Tribunal de Contas para o contrato celebrado com o atelier de Carrilho da Graça?

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 10:32 | link do post | comentar

Domingo, 07.03.10

 

O enorme apoio que a petição conseguiu implica a passagem a novas formas de organização e luta que não é compatível com a uma militância baseada na simples carolice.

 

Vão ser dados novos e importantes passos nesse sentido, que em seu devido tempo noticiaremos.

 

Todas estas novidades encherão de júbilo os amigos de Abrantes e do nosso Património.

 

Porque recordemos São Domingos é nos termos da Lei um imóvel de interesse público e ao sê-lo a sua defesa pertence a todos os portugueses.

 

Porque recordemos que se fosse o Convento de Cristo a estar ameaçado, que é Património da Humanidade, a sua defesa caberia não só aos cidadãos de Tomar e aos portugueses, mas à UNESCO e todos os cidadãos do Mundo.

 

Salientamos como enorme vitória do movimento de defesa de São Domingos a retirada unilateral por parte da CMA do ajuste directo com o atelier  da edificação dos novos Paços do Concelho que ameaçava a actual sede do IPT, imóvel classificado.

 

É obvio que a falta de sensibilidade pelo edificado em São Domingos, a monumental desconsideração do  referido atelier para com o tecido urbano da Cidade revelada no projecto do MIIA e a forte contestação popular, de que fez eco num Jornal local o Presidente da Freguesia de São João, tiveram uma importante influência nesta decisão.

 

 

Naturalmente os interesses do lobby pró-Carrilho  que são defendidos pelos porta-vozes de que são expoentes Baptista Pereira, Luiz Oeesterbeck e   João Pico ficam avisados de que se não nos intimidaram até agora recorrendo ao delírio, ao insulto e à mentira, não o conseguirão de forma alguma.

 

E avisamos o Sr. João Pico de que as ''ameaças físicas de agressão''  feitas  pela criatura no blogue Pico do Zêzere  contra o Arq. António Castel-Branco estão registadas aqui e terão a resposta legal merecida.

 

. ''Desta vez já não o deixarei escapar-se no dobrar da esquina da Barão da Batalha, como costuma fazer mal me vê ao longe. Não lhe quero fazer mal. Só a obrigá-lo a dobrar a língua, a pedir desculpa e talvez nem lhe dê o merecido pontapé no cu''  ''. (ler mais aqui)

 

Sendo João Pico, Presidente da Comissão Concelhia do CDS-PP  será conveniente que os restantes membros dela assumam se são ou não coniventes com João Pico, para os efeitos legais devidos.

 

Também convém que a Comissão Concelhia do CDS-PP  assuma se é responsável por todos os textos publicados no Abrantes Popular, incluindo as alusões a Amândio Mendes e a outras personalidades,  para os efeitos legais devidos.

 

Se ela não se assumir como responsável teremos de chamar à responsabilidade  o Senhor Herculano Gonçalves e eventualmente Paulo Portas.

 

Finalmente anotamos a coicidência da queixa sem fundamento apresentada por Carrilho da Graça contra António Castel Branco, na Ordem dos Arquitectos, com as ameaças de João Pico, o seu grande defensor abrantino e no pinhal.

 

Dada a situação que necessita de uma resposta profisional, a petição nomeou um Coordenador, o Snr. Dr. Miguel Abrantes que assumirá desde já a responsabilidade da redacção do blogue desde já excepto dos textos devidamente assinados.

 

Como sempre, as portas desde blogue estão abertas ao debate cívico e a correspondência pode ser enviada  para o nosso e-mail.

 

   Pela Petição

   Miguel Abrantes 

 

   



publicado por porabrantes às 17:11 | link do post | comentar

Sexta-feira, 05.03.10

 

 

Como é sabido Nelson Carvalho anunciou em finais de Julho a contratação sem concurso público do atelier de Carrilho da Graça para o projecto duns novos Paços do Concelho.

 

A medida não era tão aterradora como seria de esperar.

 

Nelson de Carvalho poderia ter anunciado a  contratação sem concurso público do atelier de Carrilho da Graça para o projecto duma residência oficial do Presidente da Câmara.

 

Coisa que existe em Lisboa e só foi usada por Santana Lopes, um conhecido adepto da pompa e circunstância.

 

Agora, a Presidente anunciou isto: Nº 19 – A Presidente da Câmara apresentou, para aprovação, a minuta do Acordo de Colaboração para assessoria técnica ao Concurso Público de Concepção para Elaboração do Projecto dos Paços do Concelho de Abrantes – século XXI e realização de um workshop designado “Abrantes século XXII”, a realizar no mês de Julho de 2010, com a temática Requalificação Territorial, a celebrar entre a Câmara Municipal de Abrantes e a Ordem dos Arquitectos.

Reconhecendo a urgência de deliberação imediata sobre este assunto, foi dado cumprimento ao disposto no Artigo 83º da Lei nº 169/99, de 18 de Setembro, na redacção dada pela 5-A/2002" w:st="on">Lei nº 5-A/2002, de 11 de Janeiro.

 

Acta de 15-2-2010.

 

Ou seja traduzido em português não-burocrático já não haverá ajuste directo para os novos Paços do Concelho com o atelier de Carrilho e haverá Concurso Público.

 

Elogiamos a Presidente por fazer o que deve, o que é sensato e sobretudo por cumprir a Lei 

Elogiamos a Presidente por dar uma sonora bofetada ao autoritarismo caciquista de Nelson Carvalho que o levou à triste situação processual em que se encontra.

 

Na reserva do Ministério Público.

 

Imaginamos a cara de Carrilho!!!

 

  Foto Tsf

 

O conhecido humorista Carvalho que chamará no seu blogue à D.Maria do Céu?

 

 

Finalmente para que não sejam tudo elogios à Presidente (que herdou um campo de minas espalhado pelo ''Comendador'' Carvalho) , dizemos que não verificamos qualquer necessidade de uns novos Paços do Concelho !!!!

 

E lembramos que a Lei também se aplica ao ajuste directo a Carrilho do projecto do MIIA!!!

 

Por isso:

concurso público para o MIIA, já!!! 

Por abrantes



publicado por porabrantes às 11:34 | link do post | comentar

Quarta-feira, 03.03.10

 

 

Confessamos que estamos preocupados com a D. Ana. Parece que engordou outra vez. Ai o Natal !!! Ai a viagem a Paris!!!!

 

Anuncia-nos que vai deixar a D. Isabel do Carmo e numa viragem à direita terapêutica (ai se o marido sabe) e volta ao médico de sempre.

 

Porque não o Dr,Talón que é uma jóia de moço?

 

Mas o que gostámos é do piropo da D.Ana  ao Secretário de Estado Elísio Summavielle que nos visitou e que vimos no Castelo disfarçado de Almeida.

 

Veja-o lá para o fim.....

 

Também vimos a Srª Presidente vestida com uma Opa do Senhor dos Passos.

 

Disse-nos o simpático Elísio que isso do MIIA era para avançar, mas que estava preocupado com a atitude obstrucionista do Guilherme.

 

Para os iniciados é o boss do T. de Contas, para os literatos o cronista do Jornal de Letras ao lado do sebastiânico Miguel Real, excelente moço.

 

O Guilherme Oliveira Martins com visitas ou  sem elas, não dá Visto cá por aquela palha.

 

Ao pé dele, o Sousa Franco era uma jóia.

 

Vimos também carnavalesco o marido da Dona Ana que vai ficar fulo quando nós divulgarmos o que diz ela sobre a nova equipa, capitaneada pelo Elísio, '' 

 

Uma frase por tudo o que se passa no país e na Museologia portuguesa

 
As pessoas que falam muito, mentem sempre, porque acabam esgotando o seu stock de verdades. Millôr Fernandes ''

 

Aí a D.Ana é muito rabina....

 

Na festa procurámos o Sr.Cónego e não o vimos. O Doutor Candeias também não, dizem-nos que queria ir vestido de Vasco da Gama, mas que o Alberto João não emprestou a fatiota.

 

Resta dizer que o Elísio nos confidenciou que tem recebido centenas de cartas protestando contra a carrilhada...

 

E receberá mais..... 

 

J.P.

 



publicado por porabrantes às 23:23 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Dos bunkers estalinistas ...

Comentários aos seleccion...

Fim do luto

A visita papal

O galã mais sexy das Penh...

As (novas) obras do MIIA

Núcleo Monárquico de Abra...

Dia Nacional dos Centros ...

Au-Au !!!!

clero católico apoia peti...

arquivos

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carlos marques

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Abril 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds