Quinta-feira, 26.05.16

raimundo da silva motta.png

raimundo da silva motta. 2 png.png

O Lente abrantino de Medicina, Raimundo da Silva Motta era parco em dedicatórias ao contrário do dr.João Damas

dedicatória motta.png

Outro dia um amigo nosso, descendente dele, entrou na livraria alfarrabista do Senhor Conde de Bobone e logo teve de gastar umas massas em obras sobre a acção deste lente da Alma Máter.

 

Deixo-lhe a ele, traçar-lhe o percurso.

 

Que fique a obra que levou o Doutor Motta à Cátedra

raymundo.png

A bibliografia citada por Inocêncio (e actualizada por Brito Aranha) é parca. Basta usar um buscador para a actualizar.

 

Vou dar a palavra ao Prof. Doutor Mota, fala da decadência dos turcos por casamentos viciosos

mota turcos.png

 Aposto que os paxás de Constantinopla não leram isto....

ali be,.jpg

Ali Bey, o paxá de Tunes 

 

mn



publicado por porabrantes às 19:30 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25.05.16

siflis.png

siflis 2.png

visconde.png

afilhado.png

intimos.png

amgos.png

amigos 2.png

contemporaneos.png

A tese do médico republicano abrantino João Damas na Universidade do Porto. Na dedicatória ao Pai, o Autor sublinha que já faleceu. Omitiu-se a dedicatória à Mãe e à Irmã e aos Mestres e Colegas de curso.

O Pai de João Damas era o feitor da Casa Abrançalha, e o grande relevo na dedicatória é para este homem, o patrão do Pai e líder regenerador na Câmara de Abrantes

Visconde de Abrançalha_DSC09352.JPG

 blogue Sr.Trigueiros

 

Há uma omissão deliberada nas dedicatórias, o dr. Ramiro Guedes

RamiroGuedes.jpg

Quando apresentou tese no Porto (1900) alegadamente João Damas já participara no levantamento republicano tripeiro de 1891

Agora podem metê-los juntos

trilogia.png

Mas o dr. Damas deixou claro que não dava demasiada confiança ao dr.Guedes e ao longo da vida isso confirmou-se

Em 1900 mostrava a sua distância com o adversário político do padrinho, o chefe republicano abrantino e em 1919,  quando Ramiro Guedes é a cabeça vísivel do sidonismo no Distrito, já as suas facções se combatiam a tiros.

mn

João Damas ficou democrático, partidário de Afonso Costa

Foi o sr. dr. Rui Lopes que deu notícia desta tese no facebook, o nosso obrigado

  



publicado por porabrantes às 23:59 | link do post | comentar

raymundo mota.png

Dicionário de Inocêncio

 

 

mn



publicado por porabrantes às 23:56 | link do post | comentar

Terça-feira, 10.05.16

Zeca Afonso ficou com o último exemplar de livro abrantino. E o Autor sem nenhum, nem sequer com cópia. O dr.Manuel Victória   conta a história:

 

victória a.png

victória b.png

 

victória c.png

 O dr. Victória nunca pôde editar a ''sebenta'' que fizera, porque o cantor a levou não se sabe para onde.

O falecido professor perdoa a ''maldade'' com a bonomia dum antigo estudante de Coimbra, que acha que os ''fadistas'' ( era fadista coimbrão, nessa época, o Zeca) são uns seres a quem devemos tolerar, o que não toleramos a outros.

 

O livro, como os outros, do dr. Victória, que ele editou em modestas edições feitas  artesanalmente, para oferecer aos amigos, é saboroso.

Uma reunião de memórias coimbrãs, que relata como era a Universidade em tempos que já lá vão.

Pegar neles, especialmente no estudo histórico sobre Alvega, ''O homem de Arício'' e reeditá-los era o que devia fazer qualquer política de cultura decente.

Nunca esqueceremos o artigo que o dr. Victória publicou na ''Nova Aliança'' a condenar o pindérico cubo do Carrilhho da Graça.

ma  

  



publicado por porabrantes às 19:24 | link do post | comentar

Domingo, 24.04.16

benjamin d'urban.jpg

 

Uma parte importante do livro retrata a estadia abrantina deste oficial inglês, às ordens de Wellington.

Aqui encontram umas pistas. não só sobre ele, mas também sobre outros ingleses que deixaram memórias sobre as guerras contra Napoleão. São muitos.

Sir Benjamin foi Governador na África do Sul e uma cidade leva o seu nome.

Adivinham qual?

Durban.

mn



publicado por porabrantes às 21:54 | link do post | comentar

Sábado, 09.04.16

grémio.png

 in gazeta do caminho de ferro

 

ma 



publicado por porabrantes às 00:16 | link do post | comentar

Domingo, 27.03.16

Angola - 'ANAnGOLA - AS BRUMAS DO MATO', de Manuel

O livro do Padre Manuel Leal Fernandes, que foi capelão militar do Batalhão de Caçadores 1930, que saiu do RI 2 de Abrantes, para uma campanha ultramarina nas terras do velho reino do Congo, entre 1967-70. é difícil de arranjar, mas é um bom retrato do que foi a saga de muitos combatentes que passaram pelo quartel abrantino, vindos de todas as partes de Portugal.

 

O comandante era o tenente-coronel António Feliciano de Oliveira, da vizinha Barquinha.

 

O autor é este:

Padre Manuel Leal Fernandes (Ed autor - Porto 1997

A edição é do Autor, 1997. Comprei-o outro dia num alfarrabista, li-o e gostei. Vai para a lista de bibliografia abrantina.

 

Um companheiro dele, cita um extracto: '' Tínham-nos dito na instrução em Abrantes e em Santa Margarida, que o norte de Angola era zona de terra queimada, que todo o civil que se encontrasse era para abater(…)”.

 

 

ma

 

créditos:Livros do Ultramar

 

Um ex-combatente abrantino da Guiné, o Eduardo Castro, está de luto pela morte recente da mulher. Foi um bom amigo na defesa de S.Domingos, para ele um forte abraço de condolências.



publicado por porabrantes às 15:33 | link do post | comentar

Quinta-feira, 25.02.16

luis costa macedo.jpg

estamos à procura doutro folheto: Achegas para a História do Banco Mena & Pinto!

alguém o indica? agora estamos a ler este pode acontecer que ensine a fazer pontes

militares sobre o Tejo.

ma



publicado por porabrantes às 22:38 | link do post | comentar

Sábado, 20.02.16

capitao rodrigues vicente prontuário.jpg

 O Senhor Capitão R.Vicente além de ter identificado  que os ''Mourões'' eram restos duma ponte militar do século XIX, antes que o alentejano Salgueiro Maia, deixou-nos relevante obra da sua especialidade.

Um agente da PJ Militar se usasse este livro, teria os rudimentos necessários para interrogar qualquer rústico capitão ou tenente-coronel  em caso de crime militar e não só.

Por exemplo se um tenente-coronel tivesse tido a cobardia de não se responsabilizar por um bebé nascido de amores adúlteros, porque a mulher lhe podia bater.

Devia segundo a ética militar responsabilizar-se pela criança e no caso dalguma histérica lhe partir a cara, apresentar queixa-crime por maus tratos domésticos no Tribunal da Comarca.

Isso é o que se deduz da leitura desta obra deste grande abrantino.

ma   



publicado por porabrantes às 16:34 | link do post | comentar

Terça-feira, 16.02.16

carga de asnos.png

carga de asnos 2.png

carga de asnos 3.png

 Dedidado à memória do Senhor Couto, missionário presbiteriano rossiense e aos amigos dele, pastores ingleses e irlandeses.

ma 



publicado por porabrantes às 18:07 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Dia do Senhor: O maior es...

Genealogia da família Tav...

A obra maior da Tia Magal...

Um grande historiador ab...

À atenção da Casa de Sant...

Touros em Abrantes

Cunhal era como o Cristia...

A correspondência de Héld...

O Marquês de Abrantes em ...

O Furúnculo abrantino

arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds