Quinta-feira, 20.09.18

nisa avante

ler mais

 

Se bem nos lembramos a cacique é acusada de puxar os cabelos à Vereadora da CDU....

A bandalheira, o autoritarismo, a falta de classe parecem caracterizar o ''poder local democrático''.

 

Já vimos as ameaças ao Armindo Silveira.

Agora espero ver a Esquerda Net a defender o Vereador abrantino, como o Avante defende os democratas em Nisa.

Metamos os caciques boçais no caixote do lixo.

Já agora um autarca da CDU defende o Armindo

moraes 8

Comentário na página da Tubucci a este post

 

mn

 

 


tags: ,

publicado por porabrantes às 21:54 | link do post | comentar

Sábado, 11.08.18

cdu

cdu 2

 mn



publicado por porabrantes às 09:20 | link do post | comentar

Sexta-feira, 13.07.18

cdu ab 2

ab cdu

 

 

a este comunicado, foi acrescentada esta foto duma leitora que mostra como os caciques tratam o património municipal

37095883_1609821015810773_3263549217901117440_n

nas Mouriscas, terra agora desgovernada pelo PS

 
 mn
 


publicado por porabrantes às 20:20 | link do post | comentar

Segunda-feira, 25.06.18

Em comentário a um texto de Ana Chambel Dias aqui referido o ex-candidato da CDU à CMA, eng Luís Lourenço resume assim o estado da Cidade e o resultado da governação da cacique

luis lourenço

 

abrantes florida

 

 mn



publicado por porabrantes às 09:22 | link do post | comentar

Segunda-feira, 28.05.18

COMUNICADO

No passado dia 20 de Maio, a Sr.ª Presidente da Câmara Municipal de Abrantes inaugurou a requalificação do Largo Espirito Santo em Mouriscas, obra fruto da união dos mourisquenses e dos amigos de Mouriscas que se uniram e votaram numa das propostas ao 1º Orçamento Participativo de Abrantes.

...

No decorrer da inauguração, a Sr.ª Presidente demonstrou inteção do executivo Municipal e, aparentemente, do executivo da junta de freguesia, em transferir o mercado semanal de Mouriscas do centro da freguesia para o campo de futebol das Aldeias.

A CDU reconhece que o mercado necessita de ser reestruturado e melhores condições de funcionamento. Contudo, entende a CDU que transferi-lo para longe do centro da freguesia é sinonimo de acabar com ele.

Parece-nos que a maioria PS que governa o município, e agora a freguesia, não aprendeu nada com os erros no Concelho. Basta ver, por exemplo, o que se passa no centro da cidade, em que o mercado semanal se encontra em avançado estado de degradação, bem como o mercado diário que se encontram em avançado estado de descaracterização.

A CDU Abrantes entende que, numa altura em que há uma crescente consciencialização e uma clara aposta do estado central - em termos legislativos - no sentido incentivar os mercados locais e os mercados de circuito curto, que o governo local deve ouvir as populações, criar as condições para que os pequenos agricultores (agricultura familiar) tenham espaços dignos e centrais para o escoamento das suas produções e, consequentemente, criar condições para a fixação de população.

Muitos são os exemplos no país de mercados que funcionam nas ruas das localidades, que estão organizados e que atraem compradores e turistas, sendo um dos mais conhecidos, a Feira da Ladra em Lisboa.

Assim, entende a CDU que, transferir o mercado semanal de Mouriscas para um local ermo e afastado do centro da freguesia não é mais do que a sua morte anunciada.

A Comissão Concelhia da CDU de Abrantes

Mouriscas, 21 de Maio de 2018

Foto: Antena Livre

Ver más

La imagen puede contener: 3 personas, personas sonriendo, personas de pie
 
Me gustaMostrar más reacciones
Comentar
 
devida vénia CDU

tags:

publicado por porabrantes às 21:03 | link do post | comentar

Terça-feira, 01.05.18

Estrela 2

Segundo a ex-Vereadora da CDU, drª Isabel Cavalheiro o dr.Estrela era Pide por inerência.

'' um dos professores fosse o chefe da PIDE em Abrantes, o Dr. Estrela que tinha sido secretário na Câmara Municipal, cargo que por inerência de funções fazia dele o chefe local da PIDE''

Ora bolas, houve mais secretários da CMA, também eram Pides por inerência?

A drª Isabel é formada em História, historiadora é uma coisa que fia mais fino.

Os funcionários da Pide/DGS estão perfeitamente identificados, nos quadros do KGB fascista.

Não está lá o Estrela? Porquê?

Continuando....

O Manuel Lopes (a quem voltaremos) é mais prudente, fala do Estrela e refere que se ''dizia que o Estrela era da PIDE''.

Já agora o que é que ele tem a dizer do Canais Rocha?

Ou do Álvares Pereira que entregou todo o movimento estundantil à PIDE, como refere aqui o dr. Jorge Santos Carvalho???

 

mn



publicado por porabrantes às 09:20 | link do post | comentar

Segunda-feira, 30.04.18

COMUNICADO

Realizou-se no passado dia 26 de Abril mais uma sessão da Assembleia de Freguesia de Mouriscas. A reunião estava marcada para as 21h, tendo começado meia hora mais tarde sem que, por parte da Mesa da Assembleia de Freguesia, tenha havido qualquer justificação pelo atraso.

A reunião foi decorrendo com normalidade, tendo sido abordado o atraso no alargamento do cemitério da freguesia. O antigo executivo CDU iniciou o processo de alargamento para o qual adquiriu o esp..aço e deixou em conta bancária cerca de 18 mil euros para a realização da obra. Foi com preocupação que viu serem levantadas suspeitas de que significativa parte dessa verba já foi gasta sem que a obra ainda se tenha iniciado.

Contudo, o pior aconteceu com a intervenção do público. Foram feitas graves acusações ao executivo PS, de que há suspeitas de desvio de combustíveis e de uso para fins particulares da viatura da junta.

Foi ainda afirmado que um pequeno espaço de refeições para os funcionários existente junto ao cemitério estaria a ser utilizado para a realização de “petiscos” com “excessos de álcool” com a presença do Presidente da Freguesia. Entre a população já há referência ao espaço como o “Panteão das Mouriscas” numa clara alusão aos jantares realizados no Panteão Nacional.

Ao longo dos 16 anos em que a CDU esteve à frente dos destinos da freguesia, os seus eleitos sempre trabalharam, respeitaram e dignificaram as instituições e os mourisquenses.

É com preocupação que a CDU vê, em tão pouco tempo, uma acelerada degradação da imagem da freguesia.

Mouriscas, 27 de Abril de 2018


tags: ,

publicado por porabrantes às 20:37 | link do post | comentar

Domingo, 08.04.18
 
 
CDU Abrantes
· 10 horas ·

APRECIAÇÃO DA PETIÇÃO SOBRE A NÃO DEMOLIÇÃO DO MERCADO MUNICIPAL

A CDU valoriza a iniciativa do grupo de cidadãos que apresentou a presente petição.
Em tempo oportuno a CDU em sessão camarária e posteriormente em sessão da Assembleia Municipal votou favoravelmente o Plano Urbanístico de Abrantes (PUA) onde consta a demolição do antigo Mercado Municipal, entre outros assuntos.
Na altura, o então vereador da CDU, Avelino Manana, questionou a maioria do executivo sobre o interess...e arquitetónico do edifício do antigo mercado, ao que lhe foi respondido que este não tinha especial interesse. Com base nesta informação e tendo em conta a já existência de um novo mercado municipal entendeu a CDU nada opor à aprovação do PUA.
Face ao exposto e verificando-se um interesse por parte signicativa dos abrantinos, a apreciação da CDU é que o executivo deve atender à petição para a não demolição do edifício do antigo mercado, voltando a trazer a esta assembleia uma proposta de dinamização do edifício em causa.

Abrantes, 6 de Abril de 2018

Os Eleitos da CDU da Assembleia Municipal de Abrantes

Foto: O Mirante



publicado por porabrantes às 09:59 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.02.18

DECLARAÇÃO DA CDU SOBRE O CINETEATRO SÃO PEDRO NA ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE ABRANTES

O CINE-TEATRO S. PEDRO é um dos exlibris da cidade de Abrantes. Transporta consigo toda uma cultura da arte cinematográfica, do teatro, da música e de outras artes do espetáculo.

Gerido, nos últimos anos, pela Câmara Municipal de Abrantes, fruto de uma concessão, viu findar a projeção de cinema comercial, mantendo-se no entanto, todas as semanas, às 4ª feiras, as sessões de cinema do Cine Club...e Espalhafitas, uma secção de cinema da Palha de Abrantes – Associação de Desenvolvimento Cultural, bem como de outros espetáculos e eventos.

Sabemos que a Câmara Municipal resolveu pôr fim à projeção das sessões do cine clube Espalhafitas no Cine-Teatro S. Pedro, uma decisão, no nosso entender, algo contraditória e obscura.

A CDU considera que é competência da Câmara Municipal manter e melhorar o património cultural e físico consubstanciado no Cine-Teatro São Pedro.

Não fazemos esta consideração por acaso, a maioria dos cine clubes, em Portugal, têm casa em edifícios municipais – os Cine-Teatros, o que confirma o papel que, a nosso ver, os municípios devem ter no apoio à Arte do Cinema.

Acrescente-se ainda que a saída da arte cinematográfica deste espaço irá contribuir também para uma maior desertificação do centro histórico da cidade, sabendo nós que esta é, uma das grandes preocupações da câmara.

Por outro lado a manutenção do Cine-Teatro São Pedro reveste-se de relevante importância dado que, é ministrado na Escola Superior de Tecnologia de Abrantes – ESTA, a licenciatura de Vídeo e Cinema Documental, podendo ser, se é que já não é, um espaço de enriquecimento educativo.

Face ao exposto, a CDU entende que:

• Se mantenham e desenvolvam todas as atividades artísticas – Cinema, Teatro, Música e outras, que fazem parte do património cultural do Cineteatro S. Pedro.

• O Espalhafitas continue a desenvolver as suas atividades no Cine-Teatro S. Pedro, atendendo à sua intensa e meritória atividade desenvolvida ao longo dos anos, não só a nível das projeções do Cine Clube, mas também na formação, promoção e divulgação da 7ª Arte.

Abrantes, 20 de Fevereiro de 2015

Os eleitos da CDU na Assembleia Municipal de Abrantes

 

estamos perfeitamente solidários com a posição da CDU, que é a posição dos abrantinos que defendem esta cidade e não obscuros interesses privados

a redacção

PS-Voltaremos ao assunto



publicado por porabrantes às 19:06 | link do post | comentar

Segunda-feira, 25.09.17

INTERVENÇÃO DE LUÍS LOURENÇO, CANDIDATO À CÂMARA MUNICIPAL DE ABRANTES, NA SESSÃO DA ASSEMBLEIA MUNICIPAL SOBRE OS INCÊNDIOS.

No passado mês de agosto Abrantes viu-se confrontada com a maior vaga de incêndios de há memória.

Há mais de 2 anos que a CDU previa que uma situação destas pudesse acontecer quando começou a assistir a pedidos de plantações e replantações de milhares de hectares de eucaliptos.

...

A CDU votou sempre contra estas plantações por não haver qualquer informação sobre o local, nem sobre a adequação das mesmas. Isto não impediu que a maioria PS que governa o Município tivesse aprovado TODOS os pedidos destas plantações de forma cega, sem qualquer critério, dando sinal aos agentes económicos que poderiam plantar, replantar o que quisessem pois tinham a garantia que tudo seria aprovado.

Já algumas vezes ouvimos nesta Assembleia dizer que mais vale ter eucaliptos que mato. Essa não parece ser a opinião do Secretário de Estado das Florestas, Eng.º Miguel Freitas que disse recentemente e, passo a citar: “Entre ter má floresta e não ter floresta, é preferível não ter floresta”.

E esta começa a ser a opinião de muitos. A floresta que até há bem pouco tempo era vista como fonte de riqueza e de lazer é agora vista com receio e desconfiança.

Poderíamos então dizer que o executivo camarário colheu o que plantou mas tal não é verdade. Se é verdade que quem autorizou estas plantações foi a maioria PS, quem “colheu” os frutos foram as populações. “Colheram” feridos, casas destruídas, culturas destruídas, animais mortos e, em alguns casos, vidas destruídas.

É agora altura de fazer uma avaliação dos prejuízos. Quanto custou ao município, quanto custou aos contribuintes, quanto custou ao país o combate destes incêndios, cuja dimensão é, sem dúvida, fruto de um desordenamento florestal e de uma irresponsável plantação contínua de floresta de crescimento rápido?

Outra pergunta que impera é, e agora? Agora há que recuperar a floresta, com espécies autóctones, mais resistentes a incêndios florestais para que daqui a 10/12 anos não estejam aqui outros a lamentar eventuais erros que venhamos a cometer.

Aqui parece-nos importante o papel das Zonas de Intervenção Florestal (ZIF), embora só por si não nos pareça que resolva o problema. Basta ver o que aconteceu na ZIF da Aldeia do Mato que ardeu significativamente, sem que o trabalho feito durante vários anos tenha sido impedimento para a sua devastação pelo incendio.

Abrantes, 08 de Setembro de 2017
Os Eleitos da CDU na Assembleia Municipal de Abrantes


tags: ,

publicado por porabrantes às 17:04 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Comunicado da CDU: Os Euc...

A candidata Júlia a São B...

CDU obriga a divulgar sub...

CDU denuncia familygate n...

Junta das Mouriscas (PS) ...

As estradas e a ponte das...

O Benfica e a CDU (2)

A CDU e o Benfica

Comunicado da CDU Mação: ...

Porque está a Serra de Si...

arquivos

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carlos marques

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Fevereiro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds