Quinta-feira, 23.02.12

O PCP prepara-se amanhã numa histórica sessão da Assembleia Municipal de Tomar para apresentar uma moção pedindo a destituição de Miguel Relvas de Presidente daquele organismo.

 

Alega o PCP que Relvas prestou um mau serviço a Tomar com a solução encontrada pró Hospital.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rádio Hertz

 

Como se sabe Relvas prestou um bom serviço a Abrantes.

 

 

Portanto é justo que a Oposição apresente uma moção dessas em Abrantes pedindo a destituição de Lacão enquanto Presidente da A.Municipal Abrantina.

 

 

Pelos maus serviços prestados à Cidade ao ter em funcionamento, enquanto era Ministro, o Hospital de Tomar que já devia ter sido fechado há muito tempo, como sensatamente fez este governo.

 

 

vagueando.forumeiros.com

 

 

Em Tomar, só há um deputado municipal da CDU e todo valente vai pedir a cabeça de Relvas.

 

Em Abrantes, isso é trabalho para um deputado do Bloco de Esquerda como o Senhor Dr. Alcino.

 

 

Não duvido que apresentará a proposta, a minha única dúvida é que bibliografia porá na dita. Damos uma sugestão: uma certidão de nascimento narrativa completa onde se prova que o Lacão nasceu numa terra alentejana, Alagoa, perto da de Carrilho dos Cubos, não sendo por isso um abrantino genético, motivo pelo qual não defendeu com unhas e dentes os interesses abrantinos quado estava no Governo....

 

 

Quem sabe se terá algum primo de Tomar????

 

Miguel Abrantes 



publicado por porabrantes às 21:02 | link do post | comentar

Segunda-feira, 16.01.12

 

 

António Lino Neto, do Mação, foi o líder da resistência católica à selvagem política de Afonso Costa e das lojas ''democráticas'' de aniquilar a liberdade religiosa em Portugal.

Como explicou Fernando Catroga em obras luminosas aquilo que queriam A.Costa e as lojas ''democráticas'' era substituir o catolicismo, alma de Portugal, por uma nova religião e para isso conspurcar a democracia, esmagando a liberdade.

Há sempre quem resista, disse Zeca Afonso.

Lino Neto foi o líder da luta pela Liberdade e o paladino da Resistência.

Uma resistência democrática, uma luta de morte pela defesa dum Portugal civilizado.

Quem honra Afonso Costa odeia a Liberdade, como quem honra Salazar.

É o caso do dr.Lacão e do doutor Candeias.

Quem honra como nós Lino Neto, reivindica a luta pela Liberdade.

É preciso separar as àguas entre democratas e totalitários.

Como em 1975, quem estava com Mário Soares defendia a Liberdade, quem estava com o gonçalvismo queria impor as grilhetas da opressão ao nosso povo.

Onde estava Lacão em 1975?

M.Noronha 



publicado por porabrantes às 09:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 09.02.11

A 17 de Dezembro na Assembleia Municipal, a notária Sónia Onofre fez  um ''repto''  aos vogais daquele organismo para que prescindissem sas senhas de presença a favor de actividades do tipo social.

 

Qualquer pessoa entende que o ''repto'' era natalício e voluntário. Mesmo que a A.M decidisse não pagar aos edis, era ilegal.

 

E seria a aprovação como aquela declaração retórica que o ex-Vereador comuna Manuel Lopes fez aprovar proibindo o estacionamento de bombas atómicas cá no concelho.

 

O Bioucas e o resto do pessoal votaram a favor mas não ligaram nenhuma.

 

Em compensação na Chamusca e nas outras autarquias da Lezíria dominadas pelo PCP estava um aviso à entrada dos limites municipais avisando da proibição.

 

Era como nos saloons do velho Oeste onde às vezes estava um aviso a dizer : Deixa a artilharia à porta.

blocas.murro.wordpress

 

Um gajo antes de entrar na Chamusca, deixava estacionada a bomba atómica na fronteira do concelho.

 

Para corrigir a drª Sónia logo interveio, paternal, o dr.Lacão para dizer que era ilegal a proposta dela.

Não era e estranha-se que em múltiplas propostas que passaram pela A.Municipal, que são pelo menos duvidosas do ponto vista legal como a modificação do PUA ( com a sotaina do Cónego de fora) o dr. Lacão tenha ficado caladinho.

 

E pergunta-se: Não sabe o Ministro que é ilegal a autorização de obras dada para o MIAA por violar o PDM e o PUA????

iol.pt

E pergunta-se:Não sabe o Ministro que pode constituir um delito essa aprovação?

foto cma

 

Portanto a Lacão, menos floreados e mais isenção.

 

Não esquecendo a atenção......

 

Miguel Abrantes, coordenador da petição



publicado por porabrantes às 12:43 | link do post | comentar

Quinta-feira, 07.10.10

O semanário de referência no Ribatejo, o Mirante diz:

 

Insegurança em Abrantes denunciada na assembleia municipal

 

Para ler a coisa com mais pormenores faça como nós e compre o Mirante!!!!

 

Esperemos que as autoridades não cortem a publicidade ao jornal por dizer a verdade!

 

Se cortam estão tramados, porque o Joaquim Emídio já mostrou ao Sr. Rosa do Céu e a mais caciques que não tem medo!!!!

 

É de malta desta que o jornalismo precisa e de não de lambe-botas, lilas e censores como o ''esposo excelentíssimo''

 

Miguel Abrantes, da Loja


 



publicado por porabrantes às 09:39 | link do post | comentar

Sexta-feira, 01.10.10

 

O melhor de Sócrates não são as ''maisons'' pirosas com que poluiu o Distrito da Guarda.

 

Nem sequer a telenovela do malfadado centro comercial.....

 

O melhor do homem (estive a ver o Diário da República e a criatura tem o pudor de não pôr Engenheiro antes do nome, como lhe pôs Sampaio no acto legislativo que deu posse como o pior Primeiro-Ministro desde Vasco Gonçalves) não foi sequer nomear o Lacão .....Ministro....

 

O melhor é isto:

Exclusivo CM

Orçamento

Corte no ordenado e aumento das contribuições para as aposentações.

Decisão de Sócrates vai implicar que 450 mil funcionários públicos percam

pelo menos um salário mensal por ano.

 

in Correio da Manhã

 

 

E o tipo, forrado a Armani, não se demite????

 

E o moralista Cavaco não o demite??? Por menos Sampaio despachou Santana.

 

E o Passos Coelho é incapaz de apresentar uma moção de censura!!! Está visto que tem o perfil ideal para Presidente da Junta de Freguesia de Massamá  (no caso de existir)!!!!

 

SE OS DITOS NÃO DESPACHAM O HOMEM, TERÁ DE SER O POVO A FAZÊ-LO!!!!!

 

MAS TEMO QUE NÃO!!!!

 

O ULTIMATO VIRÁ DE BERLIM

merkel CARTAZ PUBLICITÁRIO DE ROUPA ÍNTÍMA 

HEIL FRAU MERKEL!!!!

 

miguel abrantes



publicado por porabrantes às 20:01 | link do post | comentar

Sábado, 25.09.10

Presidentes de Juntas de Freguesia

que estão à espera dos salários

apenas conseguem sobreviver com

a ajuda dos familiares que

trabalham com eles na autarquia

Por Vítor Elias

O Governo está à espera que a Assembleia da República fixe os critérios de distribuição da verba para pagamento dos Presidentes das Juntas de Freguesia, pelo que estes continuam com os salários em atraso.

"Isto é que vai uma desgraça", explicou ao IP um Presidente da Junta. "Felizmente ainda posso contar com a ajuda financeira da minha mulher, que é secretária aqui na junta, e da minha filha, que trabalha como engenheira nos quadros da Câmara Municipal, bem como do meu cunhado, que tem uma pequena empresa de construção civil que ganha todas as adjudicações da autarquia, ou do meu avô, de 84 anos de idade, que trabalha no departamento de informática da Junta de Freguesia, onde está encarregue de digitalizar os contratos da autarquia que a minha sobrinha carimba na repartição. Se não fossem eles, passava uma fome negra, como passava o meu primo Manuel, um pobre coitado com a antiga quarta classe, antes de entrar para a administração da empresa municipal de resíduos urbanos". VE

 



in inimigo público


Tags: Ultima Hora - NoticiaInimigo Público

 

Posto por Adérito Abrantes com dita vénia

PS- O Público está cada vez pior. Ontem publicou uma foto do dr. Lacão onde havia o nítido propósito de desprestigiar o nosso querido político de referência.

 

Agora neste artigo para desprestigiar os nossos autarcas, classe mais honesta do país depois dos padres e freiras, mostra uma fotografia onde dão a um maço de dólares. Ora a moeda de Portugal é o euro, embora em breve o escudo possa regressar. Vou queixar-me ao eng. Belmiro.



publicado por porabrantes às 14:15 | link do post | comentar

Terça-feira, 03.08.10

Prostituição: Governo afirma que actual legislação "não é suficiente" 
17.12.2005 - 11h02   Sofia Branco, (PÚBLICO)

 

O Governo prepara-se para alterar a legislação sobre prostituição. Este propósito foi assumido pelo secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, Jorge Lacão, em declarações ao PÚBLICO.

"É necessário actualizar o Direito interno" nos domínios da prostituição, do lenocínio e do tráfico de seres humanos para fins de exploração sexual. Defendendo que a resolução dos problemas relacionados com a prostituição não passa apenas pela "reconversão das prostitutas", Lacão colocou o tema da prostituição na agenda da igualdade de género e afirma estar empenhado em gerar um "debate aberto" sobre este problema, a propósito do qual se assinala hoje o Dia Internacional Contra a Violência sobre Trabalhadores do Sexo.

Esta questão irá ser apresentada por Lacão ao já anunciado conselho de opinião para a igualdade de género, composto por "50 a 60 personalidades individualmente convidadas, com um empenhamento concreto em organizações não governamentais, com provas dadas na investigação universitária e com percursos e experiências de vida de reconhecido mérito". Lacão não quis avançar com nomes, dado que ainda não convidou oficialmente ninguém. De qualquer modo, "a partir do início do próximo ano", este conselho de opinião vai debruçar-se sobre vários temas, nomeadamente o da violência de género. E é neste que estão incluídos o lenocínio e o tráfico de seres humanos, mas também a prostituição enquanto actividade.

Sobre a prostituição, Lacão explicou que tenciona pedir ao conselho de opinião para analisar "dois paradigmas a desenvolverem-se na Europa", referindo-se às diferentes soluções adoptadas em vários países.

Sem querer explicitar que modelo lhe parece mais adequado, Lacão deixou algumas indicações. Na sua opinião, a regulamentação - existente na Holanda e na Alemanha, embora em moldes diferentes - "parece ter contribuído muito pouco para combater o tráfico de seres humanos". Além disso, "dois terços da prostituição continua a ser ilegal, subsistindo as desigualdades e discriminações".

Por outro lado, a configuração de um novo ilícito penal na Suécia - onde a prostituição não é crime, mas o recurso a ela, por parte dos clientes, é punido com multa e até pena de prisão - "parece estar a revelar algum êxito, porque é dissuasória a nível do tráfico", ao mesmo tempo que "eleva os patamares da dignidade da pessoa humana". "É uma solução que não guetiza as prostitutas, mas visa resolver o problema do lado dos clientes", opinou, acrescentando: "Uma procura meramente comercial do sexo implica uma ofensa à personalidade da pessoa procurada."

Em relação ao tráfico, o secretário de Estado especificou que pretende, em conjunto com os ministérios da Administração Interna e da Justiça, "consolidar o estatuto das vítimas", nomeadamente revendo a lei de imigração no que concerne à sua protecção. Em concreto, adiantou, introduzindo a possibilidade de conceder vistos de residência em Portugal às vítimas que aceitem colaborar com as autoridades na denúncia das redes de traficantes.

Jorge Lacão afirmou ainda que é necessário estabelecer uma "clara distinção entre prostituição e outras manifestações de erotismo", rejeitando "a jurisprudência que vai identificando também as actividades ligadas ao espectáculo, por exemplo o striptease, como actos sexuais de relevo". Simultaneamente, defendeu a revisão das leis da publicidade, criando "medidas mais claras em relação à publicidade enganosa e às formas de oferta de serviços pessoais não devidamente licenciados".

PELO CALENDÁRIO AQUI EXIBIDO S.EXA. O MINISTRO PODE VERIFICAR QUE JÁ PASSARAM QUASE 5 ANOS DA LEI PROMETIDA PARA ''DISCIPLINAR A PROSTITUIÇÃO''....

 

DOS 60 PERITOS EM MENINAS ESPERA-se QUE ALGUMA TENHA SIDO UMA ''MADAMA'' E OUTRO UM ''IMPORTADOR'' DE MENINAS. DEVEMOS SEMPRE FALAR COM GAJOS QUE SAIBAM DO ASSUNTO.

NÃO ME DIGAM QUE FORAM FALAR COM FREIRAS OU CLÉRIGOS.....

OS CLÉRICOS AINDA PODEM DIZER ALGUMA COISA SE FOREM CLIENTES ASSÍDUOS.

OS OUTROS PERITOS DEVIAM SER CLIENTES COM EXPERIÊNCIA NOS VÁRIOS RAMOS DO NEGÓCIO:

-CLIENTES DAS MENINAS DAS ESQUINAS

-CLIENTES DAS MENINAS DOS CONTACTOS

-CLIENTES DAS MENINAS DO ALTERNE

-CLIENTES DAS MENINAS DA ALTA

-CLIENTES DAS MENINAS PARA SADO-MASOQUISTAS

 

o TIPO DE CLIENTES DA CASA PIA NÃO DEVE SER OUVIDO DADO ESTAR EM CURSO UM PROCESSO PENAL

 

DEIXAMOS TAMBÉM OS CLIENTES DE MENORES E ''MENINOS'' PARA OUTRA COMISSÃO.....

 

PÔR OS PSPs e os GNRs a multar os clientes, tipo 100 € por uma rapidinha, 250 € por um trio e assim sucessivamente vai levar a que os dignos guardas não façam outra coisa.....

 

deixarão de ter tempo para controlar os gajos das pulseiras....

deixarão de ter tempo para ler A Bola....

deixarão de ter tempo para prender gatunos (que os senhores juízes mandam para casa)........

 

DEPOIS SE O CLIENTE NÃO PAGA A MULTA, QUE FAZEM?

PODERÁ NOMEAR BENS À PENHORA?

NOMEIO À PENHORA TODO O ENXOVAL DA MINHA SOGRA E O CANICHE DA MINHA MULHER!!!!!

QUANTO VALERÁ ISSO EM HASTA PÚBLICA?

 

o GOVERNO ACHA QUE SOMOS SUECOS E SOMOS PORTUGUESINHOS VALENTES (EXCEPTO O PICO) COMO DIZIA O EÇA DE QUEIRÓS......

 

LEU O DR. LACÃO EÇA?

UM EXCELENTE CLIENTE DAS ''LOLAS''

DE FORMA QUE RESOLVEMOS O ASSUNTO COM ESTE DECRETO:

 

ARTº 1º

ESTÁ LEGALIZADA A PROSTITUIÇÃO.

ART 2º

A PROSTITUIÇÃO REGE-SE PELAS LEIS APLICÁVEIS A TODAS OUTRAS ACTIVIDADES ECONÓMICAS.

ART 3º

ESTÁ REVOGADA TODA A LEGISLAÇÃO EM CONTRÁRIO.

ART 4º

ESTE DECRETO É RETROACTIVO A 1 DE JANEIRO DE 2009 TENDO AS PROFISSIONAIS DE PAGAR OS IMPOSTOS EM FALTA E ENTRA IMEDIATAMENTE EM VIGOR........

 

SIMPLEX, SENSATEX, LUCRATEX (AS MENINAS PAGARÃO IVA E IRS), EUROPEX (como na Alemanha e na Holanda).

 

Miguel Abrantes, especialista em assuntos brasileiros



publicado por porabrantes às 14:10 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Quarta-feira, 30.06.10

 

REPRODUZIMOS COM A DEVIDA VÉNIA ESTA NOTÍCIA DO MIRANTE, A QUE TECEREMOS OS COMENTÁRIOS ADEQUADOS:

 

Deputados municipais de Abrantes reagem a contratação de Nelson de Carvalho para director da RPP Solar

Imprimir ArtigoComentar ArtigoEnviar para um amigoAdicionar aos favoritos

“Eticamente deplorável”, “vista como uma contrapartida pelas facilidades recebidas” e de “manifesta incompatibilidade política”. Foi deste modo que alguns deputados do PSD e do Movimento Independente pelo Concelho Abrantes (ICA), com assento na assembleia municipal de Abrantes reagiram à anunciada contratação de Nelson de Carvalho, antigo presidente da Câmara Municipal de Abrantes, para o lugar de director de formação e projectos especiais da RPP Solar, empresa produtora de painéis solares. A reunião de assembleia municipal teve lugar na noite de sexta-feira, 26 de Junho e este foi um dos assuntos abordados nas intervenções proferidas antes do período da ordem do dia.

As maiores críticas foram proferidas pelo deputado Gonçalo Vieira, da bancada do PSD. “Uma atitude eticamente deplorável e inaceitável que descredibiliza junto da opinião pública os políticos e a política”, salientou numa intervenção sobre o futuro profissional do ex-autarca. Também João Viana Rodrigues dos ICA, referiu que, independentemente do impedimento legal que se possa afigurar, a aceitação deste lugar por Nelson Carvalho pode ser encarada como “uma contrapartida pelas facilidades concebidas” considerando mesmo os ICA que se trata de “uma mancha numa carreira autárquica que até deixou obra feita”. Em resposta a estas duas intervenções, a actual presidente da Câmara de Abrantes, Maria do Céu Albuquerque (PS) foi taxativa: “Nelson Carvalho é um cidadão. É uma opção que faz e a autarquia não faz qualquer comentário acerca desta matéria”.

IN MIRANTE

 

ESTAMOS PERFEITAMENTE DE ACORDO COM AS CRÍTICAS DO PSD E DO ICA.

 

Vamos esperar pela edição semanal para ver o que disseram as outras oposições isto é CDS, CDU e Bloco.

 

Quanto às da Presidente são naturalmente deploráveis (como diria o Sr. Gonçalo Vieira) e eu, que sou menos formal, diria que não têm ponta por onde se lhe pegue!!!!!

 

Será um cidadão, mas também é o ex-Presidente e é dirigente local do PS.

 

E a demonstração que não é um simples cidadão é dada pelo Comunicado do PS, assinado pela Chefa, fazendo o elogio do Sr.Carvalho e congratulando-se pelo arquivamento do seu processo, mas não tomando posição sobre a questão da RPP Solar.

 

O PS local acha bem esta atitude?

 

O Presidente da Assembleia Municipal que é jurista considera que violar a Lei é correcto?

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 15:23 | link do post | comentar

Quarta-feira, 16.06.10

Comentámos aqui o beijo-mão do dr. Lacão à repugnante ditadura angolana e ao nepotismo que grassa em Luanda.

 

Dissemos que Lacão iria tratar, entre outras tretas, da comunicação social.

 

Disemos que Lacão faz parte dum governo que se dedicou a tentar dominar e controlar a comunicação social.

 

Esta é o sangue da democracia.

 

Pois bem, o António Ferro do Sócrates, já anda a fazer das suas. Conta  o Público.

 

Talvez seja um exagero compara Ferro com Lacão. Em abono de Ferro pode dizer-se que foi amigo e protector de Pessoa, deu apoio aos arquitectos e pintores da vanguarda e foi um grande jornalista até se transformar num cão.

 

Neste. A voz do dono. Que se chamava Salazar.

 

 

Em abono de Lacão que tenho de dizer????

 

 

Rien de Rien, como cantava Edith Piaf

 

 

 

 

Que diz o Público de ontem?

 

Docente convidada para provedora

da RTP ataca Lacão

Por Mariana Oliveira

Governo quer alterar forma de nomeação do provedor da RTP, numa altura em que o processo está em tribunal

 Governo quer alterar forma de nomeação do provedor da RTP, numa altura em que o processo está em tribunal

 

O ministro dos Assuntos Parlamentares, Jorge Lacão, pediu uma reunião em Maio à professora da Universidade do Minho Felisbela Lopes, convidada pela administração da RTP para provedora do telespectador e vetada pelo conselho de opinião da empresa, tendo tentado convencer a docente a desistir da disponibilidade para exercer o cargo. 

Após a tentativa fracassar, o Governo avançou agora com uma proposta de alteração à lei que define o processo de nomeação do provedor, num momento em que a administração da RTP impugnou judicialmente o veto do conselho de opinião (CO). 

A proposta que foi aprovada a semana passada em Conselho de Ministros reforça os poderes do CO, que actualmente só podia vetar o nome escolhido pela administração da RTP. Se a alteração for aprovada na Assembleia da República, onde a proposta ainda não deu entrada, será o CO a propor três nomes para provedor e apenas caberá ao conselho de administração optar por um. 

"A RTP desconhece o diploma que reforça os poderes do conselho de opinião e não foi informada da sua alteração", diz a empresa numa resposta oficial enviada ao PÚBLICO. Um membro do CO contou ao PÚBLICO que o órgão também não foi ouvido pelo Governo.

Felisbela Lopes, especialista em assuntos de televisão e com uma vasta obra publicada sobre os media, ficou perplexa com a proposta de alteração apresentada pelo Governo "numa altura em que todo este processo ainda está por explicar". E pede transparência no processo de escolha do provedor do telespectador. Apesar da surpresa, a nova proposta é uma confirmação da interpretação que Felisbela Lopes fez da reunião com o ministro dos Assuntos Parlamentares. "A mim pareceu-me que ele me quis afastar desta polémica", disse a docente. "Mas eu não troco o meu bom nome por nada", sublinha. 

Após o CO ter rejeitado o nome da provedora (11 votos contra, nove a favor e três abstenções) em finais de Abril, a administração da RTP solicitou ao conselho a gravação da audição de Felisbela Lopes. Mas os conselheiros negaram esse pedido, argumentando que a gravação áudio apenas foi feita para ajudar a elaborar a acta, não tendo mais nenhuma finalidade. 

Os argumentos para o veto passaram pela idade e pouca experiência de Felisbela Lopes, nomeadamente na área da programação, o que, segundo uma parte do CO, poderia comprometer a força necessária para se impor ao conselho de administração da RTP, quando fosse caso disso. Mas houve quem tenha feito uma outra leitura, já que há algum tempo que uma facção do CO tentava promover um seu membro - José Rebelo - sem sucesso. 

Desde a passada sexta-feira que o PÚBLICO tenta obter esclarecimentos por parte do ministro Jorge Lacão, sem sucesso. A sua assessora, Joana Antunes, justifica o silêncio com a ausência do ministro.

Enquanto a RTP não escolhe o seu próximo provedor do telespectador, o actual, José Paquete de Oliveira, mantém-se em funções. Mas mantém suspenso o programa televisivo semanal que tinha a seu cargo. 

O conselho de opinião é formado por 29 membros que representam diversos sectores da opinião pública.

 

 

E a nossa pergunta?

 

Também irá Lacão fazer um decreto para alterar o resultado do Portugal-Costa do Marfim?

Talvez......

 

E a nossa dúvida

Será para que Portugal ganhe ou que perca?

 

Com políticos como Lacão nunca se sabe....

 

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 09:29 | link do post | comentar

Quinta-feira, 10.06.10

o 10 de Junho era o dia em que Américo Tomás distribuía medalhas aos membros das Forças Armadas que se distinguiam em acções de combate.

 

Tudo envolvido em retórica patrioteira, utilização indevida dos Lusíadas para justificar uma política suicida que conduzia inevitavelmente a um colapso no Império e na Metrópole.

 

Hoje é o dia en que Cavaco em vez de estar na Assembleia a explicar porque nomeou uma criatura como Dias Nogueira para o Conselho de Estado, anda por aí a falar em sacrifícios.

 

Na época do Cavaco infalível os Ministros foram por ele classificados como  ''ajudantes'' do Chefe. Hoje é o Chefe de Estado o ''ajudante'' do Bloco Central dos interesses e das prebendas.

 

Integrado nas ''comemorações'' do dia de Portugal o Bloco Central enviou o Ministro Lacão  não em ''missão de soberania'', mas para render um preito de homenagem do colonizado à Chefa. À mulher mais poderosa de Portugal e Angola.  Ei-la:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ajudado  pelo Embaixador Ribeiro Telles  a visita constituiu uma preparação do beija-mão que Cavaco e Silva irá em Agosto fazer à Chefa, do preito de homenagem ao Ditador José Eduardo dos Santos uma criatura que transformou o nepotismo na arte de governar.

 

Que Lacão se integre sem estados de alma na política de incensar a ditatura angolana é coisa que não nos surpreende, vinda de quem vem.

Lemos as declarações do homem, mais as do sempre diplomático Ribeiro Telles e não vimos uma condenação ou uma reticência sequer à contínua violação dos direitos do homem em Cabinda e à perseguição dos católicos no dito enclave, onde a Igreja foi capaz de se aliar ao povo na reclamação do direito à autodeterminação do território que não tem nada a ver com Angola e cujo Povo deseja o fim da exploração colonial de Luanda.

 

Também não houve nenhuma censura ou qualquer reticência à confusão entre dinheiros privados e públicos em Angola e qual a origem dos dinheiros investidos pela família presidencial em Portugal.

 

Também não houve nenhuma  reticência ou ou qualquer censura à falta de liberdade de informação e pelo contrário o Ministro Lacão assinou um acordo com a Ministra do ramo para fomentar a cooperação nos media públicos de ambos os países.

 

Jorge Lacão, ministro para os Assuntos Parlamentares e Comunicação Social de Portugal Foto Angop
Quem é que esperava de Lacão uma palavra de censura à situação dos media em Angola? Já se esqueceram de quem estava com Sócrates a almoçar, quanto rebentou o caso Mário Crespo?

 

Ministro dum governo empenhado em dominar os media, pode muito bem  encontrar-se em casa, junto da sua anfitriã do MPLA.

 

José Eduardo Agualusa. © Jorge Simão Foto de José Eduardo Agualusa (blogue pessoal do escritor)

 

Disse o Marcelo, citando Pessoa, que a nossa Pátria é a língua portuguesa. E neste blogue de defesa do Património devemos dizer que a Língua é construída pelo povo e pelos escritores. E o grande escritor angolano é Agualusa, que num livro publicado o ano passado traçou o que vai ser a Angola do futuro.

 

Em Barroco Tropical diz : ''acontece o pior. "É uma distopia", reconhece o autor. "O movimento de crescimento económico quebra com o fim do petróleo, os grande prédios que estavam em construção ficam parados, a fractura social aprofunda-se e Luanda torna-se um pesadelo maior do que já é." A referência ao filme Blade Runner, de Ridley Scott, não é inocente - o ambiente é quase de um pós-apocalipse, com um prédio abandonado onde há prostitutas e raves de kuduro; com um bar que nunca fecha e onde pára um homem que perdeu o rosto e se esconde sob uma máscara do Rato Mickey; um centro médico que é como uma prisão em forma de labirinto e onde os "doentes" estão acorrentados às camas. A Termiteira, o prédio de Falcato, é um microcosmos da sociedade - as elites vivem no topo e à medida que se desce nos elevadores desce-se também na condição humana, até chegar às galerias do subsolo, habitadas por mendigos e criminosos e onde a Menina-Cão é queimada, acusada de feitiçar'' (declarações ao Diário de Notícias de 10-6-2009, entrevista de Maria João Caetano).

 

''De acordo com ao resumo feito na contracapa, a acção passa-se em 2020. É a única referência à data. O futuro pressente-se em pequenas coisas - as referências à senhora Presidente e ao fim do petróleo são as mais óbvias. ''

 

Agualusa diz que ainda se pode inverter a situação. Portugal teria aí a desempenhar, dizemos nós, mas não é com políticos como Lacão ou Presidentes como Cavaco que ajudará Angola.

Esses, só são yes-mem da Chefa angolana.

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 18:42 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Não se pode descer mais b...

Lacão, alvo da chacota do...

Lacão nomeado Pitonisa pe...

Lacão, em bicos dos pés, ...

Parlamento chumba Lacão

Marcelo Rebelo de Sousa a...

Como dizia Barbosa de Mel...

Animalista insulta Lacão

Quando o Lacão contratava...

Uma medalha de lata pró a...

arquivos

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds