Sexta-feira, 25.01.19

49702369_364142841030962_455289910882992128_n

A 11 do corrente, a A-Logos informava que a água da Fonte dos Pinheiros nas Mouriscas estava inquinada.

A análise tinha sido encomendada pela Junta, que avisou o povo.

A A-Logos noutro tempo, quando dirigida por uma tal Céu Albuquerque, não divulgou uma análise em que água do Sardoal, estava inquinada, porque a CMS não pagava.

A não divulgação mostrava o conceito que do interesse público, tinha essa mulherzinha.

523678_orig

(Fonte dos Pinheiros- imagem Filipe Rosa com a devida vénia, tirada de aqui)

O neo-liberal foi avisar a cacique que a fonte estava inquinada.

E a mulherzinha respondeu:

'' (...) A presidente diz que as fontes não são competência da Câmara nem dos SMA nem das Juntas de Freguesia a não ser colocar um aviso 'água não controlada' ou 'água imprópria para consumo'. Alguns analisam a água mas é normal que os processos demorem. E critica as populações ao continuarem a utilizar as águas dos fontanários. (...)

 

Médio Tejo

 

O neo-liberal comeu e calou.

Se o tipo quer ser um punshing-ball da cacique e ainda bater palmas, é com ele.

 

Mas o que não se admite, nem se tolera, é que a cacique desconheça a Lei  e ainda por cima ralhe com o povo:

Diz a Lei:

Artigo 16.º

Competências materiais

1 - Compete à junta de freguesia::

(...)

''

bb) Gerir e manter parques infantis públicos e equipamentos desportivos de âmbito local;

cc) Conservar e promover a reparação de chafarizes e fontanários públicos;

dd) Colocar e manter as placas toponímicas;(...) ''

Portanto é competência das Juntas manter as fontes

E já agora a Junta do Rossio tem a Fonte dos Touros num estado vergonhoso, depois de gastarem um montão de ma$$a a requalificá-la.-   

ma

 

 

 



publicado por porabrantes às 11:12 | link do post | comentar

Segunda-feira, 07.01.19

 

Uma inspecção das Finanças caçou a autarquia em irregularidades graves referentes ao IVA, que tinham de pagar à Administração Central......

A autarquia, regida pela cacique. Antunes....

caciques am

 

em vez de cumprir rigorosamente as suas obrigações tributárias, timbre de qualquer honrado cidadão, ousou, entre 2011 e 2014, não cumprir as suas obrigações referentes ao IVA.

Por actividades relacionadas com várias instalações municipais, designadamente: Centro Pirâmide, Estádio Municipal, abarracamentos conhecidos por bungalows da Aldeia do Mato (genial obra do Serrano),  Centro de Interpretação do Tejo, espectáculos musicais à borla, ousaram pedir uma devolução de IVA de 105.336,65 €.

Para isso aduziram que antes calculavam mal o IVA e que como agora já calculavam bem......deviam receber a ma$$a .....que não era deles.

A Administração Fiscal  fez-lhes uma inspecção

e (...)''Em consequência das conclusões da inspecção efectuada pela AT ao Requerente e do relatório respectivo (RIT), foi efectuada e notificada ao Requerente a liquidação adicional de IVA n.º 14449067, de 7 de Janeiro de 2016, na importância de € 105.336,65; '''  (...)

 

Enxofrados........recorreram para o prestigioso CAAD-Centro de Arbitragem Administrativa, que em 27/10/2017, tomou a decisão de chumbar as pretensões caciquistas liminarmente e de ademais os ridicularizar......

Diziam que tinham realizado os espectáculos à borla, ''investidos dos seus poderes de autoridade''.

Ora, o CAAD deu isso por não provado.

E condenou-os a pagar 3.600 € de custas do processo.

Leia aqui a decisão 

Não invocando agora os seus célebres ''poderes de autoridade'', mas sim outros argumentos falaciosos, recorreram para o STA, que confirmou a decisão do CAAD...

Já agora, um dos juízes do CAAD era o eminente fiscalista, dr.João Taborda da Gama, filho do político socialista Jaime Gama.

Diziam os caciques ......que o CAAD tinha tomado uma decisão contraditória com outra sentença.

Diz o STA: ''Não havendo entre o acórdão arbitral recorrido e o acórdão deste Supremo Tribunal Administrativo apresentado como fundamento contradição sobre a mesma questão fundamental de direito, não deve tomar-se conhecimento do mérito do recurso.''

E condena-os a pagar novas custas....

Que são pesadas....

mn

andam nos tribunais outras atribulações da CMA com os impostos...

 

 

 



publicado por porabrantes às 17:03 | link do post | comentar

Abre a discussão pública para a alteração do PDM, proposta pelo caciquismo, dito socialista, desta terra, para legalizar as construções clandestinas do aterro sanitário da Concavada, erguidas com a cumplicidade da autarquia de  Nelson Carvalho, em ''espaço agro-florestal e espaço natural ''.

O polémico aterro é propriedade da Valnor e  a cacique era Presidente da Assembleia Geral.

val 1

A CMA possui cerca de 8% das acções no valor contabilístico de 828.000 € e a empresa tem 169 trabalhadores.

Nas instalações que os caciques querem legalizar está a célula RIB, cheia de porcaria poluente, sobre a qual a cacique meteu os pés pelas mãos em 2016.

Legalizar as instalações significa passar uma esponja sobre construções à margem da lei e abrir um precedente para novas façanhas deste género no concelho.

O ordenamento territorial é uma prioridade civilizacional e ambiental e a autarquia do Carvalho violou as suas regras, consagradas no PDM.

Segue o texto do Aviso

 

Aviso 348/2019

Alteração do Plano Diretor Municipal de Abrantes

Abertura do Período de Discussão Pública

Faz-se público, para efeitos do n.º 1 e 2 do artigo 89.º do Regime Jurídico dos Instrumentos de Gestão Territorial (RJIGT), Decreto-Lei 80/2015, de 14 de maio, que a Câmara Municipal de Abrantes, referente à proposta de adequação de Instrumento de Gestão Territorial no âmbito do pedido do RERAE - Regime Extraordinário de Regularização de Atividades Económicas - alteração do PDM de Abrantes, apresentado pela Valnor - Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S. A., acionou o procedimento de alteração simplificada do Plano Diretor Municipal, nos termos que constam do Regime Jurídico com Caráter Extraordinário de Regularização de Estabelecimentos e Explorações, a que alude o Decreto-Lei 165/2014, de 5 de novembro, na sua atual redação, obedecendo ao previsto no Artigo 118.º do RJIGT, com as especificidades constantes do n.º 2 do Artigo 12.º desse Decreto-Lei 165/2014, deliberou em 13.11.2018:

Aprovar a proposta, constante das peças (relatório da proposta e anexos ao mesmo), que consiste em:

a) Alteração da Planta de Ordenamento, passando a área respeitante ao prédio, onde estão localizadas as instalações, a designar-se como espaço de infraestruturas, substituindo área maioritária de "Espaço agroflorestal" e área minoritária de "Espaço natural";

b) Introdução, em Regulamento do PDM:

i) Da alínea m) ao n.º 1 do Artigo 6.º dedicado às "Classes de espaços e seus limites", designada "Espaço de infraestruturas";

ii) Do Artigo 18.º-A, com definição da nova classe de espaço e respetivas orientações.

Proceder à abertura de um período de 15 dias úteis para discussão pública da proposta de alteração do Plano Diretor Municipal de Abrantes, contado a partir do 5.º dia subsequente à publicação do presente aviso no Diário da República.

Durante o referido período, o projeto de alteração do Plano Diretor Municipal de Abrantes e os inerentes elementos estarão disponíveis conforme n.º 1 do artigo 89.º, para consulta dos interessados na Câmara Municipal de Abrantes (Praça Raimundo Soares, Abrantes) e no sítio da internet da Câmara Municipal (http://www.cm-abrantes.pt).

Os interessados podem apresentar reclamações, sugestões, observações ou pedidos de esclarecimento, por carta e dirigidos à Presidente da Câmara Municipal ou através de correio eletrónico (email: geral@cm-abrantes.pt) referindo expressamente a discussão pública da Alteração do Plano Diretor Municipal de Abrantes, com a identificação e morada de contacto do signatário, promovendo ainda qualquer esclarecimento caso a manifestação se enquadre no n.º 3 do artigo 89.º do diploma legal acima mencionado.

Para os devidos efeitos, é publicado o presente Aviso no Diário da República, 2.ª série, nos termos do n.º 4 do artigo 191.º do RJIGT, em edital afixado nos lugares habituais, na comunicação social e na página da Internet da Câmara Municipal.

13 de dezembro de 2018. - O Vice-Presidente da Câmara Municipal de Abrantes, João Carlos Caseiro Gomes.

 

 

Já falámos muito nisto:

porabrantes em 12 de Abril 2017, 07:49 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 



publicado por porabrantes às 13:33 | link do post | comentar

Sexta-feira, 04.01.19

49447883_520978911730655_1240002378850107392_n

Depois do cónego, outro destaque pelos piores motivos....

mn



publicado por porabrantes às 22:51 | link do post | comentar

Terça-feira, 27.11.18

moura rodrigues

o representante laranja João Moura Rodrigues acusou ontem na assembleia da CIMT a cacique, presidente do órgão, de não dizer a verdade.

moura rodrigies 2

 

 reportagem do Médio Tejo

a discussão era sobre os Hospitais

cacique

 

a cacique engoliu a acusação

vamos ver se se é  capaz de levar o ex-deputado aos Tribunais, como levou Jorge Dias

ou se é só forte com os fracos....

ma



publicado por porabrantes às 18:32 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.11.18

 

vergonha dos caciques

Pela pena de  Rui Neves, o Jornal de Negócios disseca a venda em leilão da velha herdade dos  Burguetes, o Casal Curtido ao Alexandre Alves e a insolvência pessoal do ''empresário'' trazido para Abrantes pela mão do  Sr.Carvalho, como dizia sarcástico, um fidalgo de boa estirpe, chamado Manuel Alegre.

Com a cumplicidade de todos os grupos políticos um negócio inacreditável, a quem o Basílio Horta deu um Pin, com o aval socrático, fez perder honra e dinheiro ao concelho.

A cacique que, com sanha plebeia, persegue agora a Iniciativas de Abrantes,  nos intervalos do excursionismo autárquico, deu a sua miserável cumplicidade a esta treta aldrabónica, chegando a mandar dizer que tinha uma garantia de muitos milhões que a obra ia arrancar.

O Alves diz que está pessoalmente falido, mas a matriz da RPP era uma off-shore num paraíso fiscal (ver no blogue).

Quem nos garante que é verdade?

Confiamos em tropa desta?

Não confiamos!

Quem começou a fazer fortuna com os latrocínios do PREC, com a benção do PC, não merece nenhuma confiança.

E vamos acabar, antes que isto se torne demasiado agressivo.

ma



publicado por porabrantes às 13:42 | link do post | comentar

Quarta-feira, 14.11.18

A cacique pronunciou uma série de alucinantes declarações sobre o Teatro S:Pedro, que desmontaremos com o maior prazer...... 

Está a tipa preocupada com a Lei e o interesse público, diz cândida e descarada. 

Pois bem, violando a Lei e o interesse público, em 8 de Setembro de 2015, decidiu com a conivência dos Vereadores presentes à sessão arrendar o telhado do edifício até 2025, quando a CMA só tinha poderes de gestão até finais de Janeiro de 2018.  

renda

A proposta ilegal é dela, de Maria do Céu Antunes Oliveira Albuquerque, e prova que desconhecia pelo menos a data da finalização do protocolo.

 

Votaram o contrato ilegal a Celeste Simão, a cacique, o obediente Luís Dias, o sr. dr. Manana e o Luís Ablú Dias (que estava a substituir a Elza Vitório).

Portanto quando a cacique quiser falar de Lei, é só fazer um levantamento das decisões que aprovou e já agora dos pagamentos ilegais feitos aos bombeiros, referidos pelo MP numa acusação feita no Tribunal de Contas

 

mn

s.pedro castro

Foto do Eduardo Castro

 

  



publicado por porabrantes às 21:11 | link do post | comentar

Quinta-feira, 18.10.18

João Paulo Catarino,aqui a elogiar o 44, foi nomeado Secretário de Estado da Valorização do Interior .

A empresa Aeroflora detida pela mulher, Maria   da Conceição Pires Mendes Catarino, pelo papai Acácio Catarino e pela mana a Célia, foi a que vendeu as famosas oliveiras centenárias a peso de ouro que vegetam na Escola Moita.

Não sabemos se a valorização do interior passará pela instalação de oliveiras centenárias Catarino em cada rotunda de todas as parvónias.

Mas pode ser que sim.

Lamentamos que o Acácio não tenha sido nomeado Director Geral das Florestas.

acima e abaixo correio da manhã

 

mn

 



publicado por porabrantes às 15:58 | link do post | comentar

Quinta-feira, 27.09.18

chefe manda

no Mirante

 

Entre a obediência ao boss partidário e cumprir o serviço público abrantino......lá foi a senhora inserir-se na comitiva do líder ....

Resta perguntar foi no carro oficial da CMA ou de táxi pago pelo PS abrantino?

Ou como é adepta das novas tecnologias, preferiu a UBER?

Neste caso será de afirmar Costa über alles!!

 

ma

devida vénia ao Mirante



publicado por porabrantes às 10:11 | link do post | comentar

Domingo, 16.09.18

 

Publicamos este texto do  nosso amigo Artur Falcão, que cobre de vergonha o caciquismo e uma tal cacique:

cacique

Resolvi caminhar ontem à noite pela cidade. Primeiro passei no Jardim do Castelo. Uma tristeza. Sem luz. Uma vergonha!! Mas depois pensei em tantos namorados que por lá procuram refúgio e desculpei a Câmara pela falta de cuidado do mesmo. Estavam a ser amigos da malta!!! Depois fui até ao parque fronteiro ao Tribunal, com obras e mais obras e algumas pessoas de lanternas acesas, para fazerem a sua... caminhada depois de jantar ou para encontrarem os seus carros depois de um dia de trabalho. Escuridão completa. Talvez as obras sirvam de desculpa!!! Tudo serve de desculpa à nossa alegre Câmara. Depois passando no Jardim Taborda, deparei-me com três turistas espanhóis que, com as lanternas dos telemóveis tentavam descortinar e decifrar de quem era a estátua que lá estava no meio do jardim. Agora não encontrei justificação para o descaso da nossa Câmara. Tive pena foi dos espanhóis, os "burros" que nos vieram visitar e perderam o seu tempo a virem até cá. Não fossem estúpidos e fossem para outras cidades e vilas, que tantas há no nosso Portugal a saberem bem receber quem os visita. Só temos o que merecemos!!!
 
Artur Falcão
 
com a devida vénia ao amigo que postou isto no face e escolheu esta imagem, para mostrar o que a gaja, do Mercedes e das ameaças baratas à Oposição, fez a Abrantes

41719198_10218622484180132_4038182690409676800_n

 

ma

 

 



publicado por porabrantes às 16:35 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Porque não mostra os seus...

CDU critica envolvimento ...

Não fez um escabeche, mo...

Será a terra plana ?????

Mau feitio

Cacique chama cavalo ao D...

Viva a Frontalidade!

Não temos sorte nenhuma

Cacique falta à sua palav...

Cacique no Festival Hindu...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds