Terça-feira, 04.07.17

Em 4 de Julho de 1937, um comando libertário, a que se associaram alguns comunistas, como o abrantino de Alferrarede,

granja.png

faziam ir pelos ares o carro de Salazar.

O cérebro era Emídio Santana.

Passaram 80 anos.

A cacique condecora fascistas.

Granja e Emídio queriam matar o chefe dos fascistas

O Portal Anarquista recorda o atentado

 

E nós recordamos o abrantino, Granja, que mais sofreu pela Liberdade, depois do General Marques Godinho.

 

E recordamos, Emídio, o Libertário, que viu Abril, e que fez um manguito ao estalinismo.

 

 

ma

 



publicado por porabrantes às 20:38 | link do post | comentar

Sábado, 01.07.17

alfredo pimenta.jpg

Alfredo Pimenta foi um terrível polemista, e um salta-pocinhas em matéria política, anarquista,republicano histórico, depois da República, passou-se para a Direita Republicana e mais tarde seria monárquico radical. Como monárquico recusou aderir ao Integralismo e foi sempre ''manuelista'' ou seja fiel ao Rei liberal, D.Manuel II a quem censurava ser liberal e que defendia que devia ser absolutista.

O João Chagas satirizou com verve esta evolução. O filho, Alfredo Manuel Pimenta, esteve ligado familiarmente a Abrantes e foi o Advogado da Iniciativas de Abrantes contra a Santa Casa, em vários processos.

manuel fernandes 2.png

 Alfredo Pimenta foi um erudito historiador e um salazarista crítico e um fanático apoiante das potências do Eixo, durante o 2º conflito mundial.

Nas suas cartas a Salazar foi capaz sempre de sempre um crítico ( pela extrema-direita) mas nunca escondeu as suas opiniões.

Salazar devia-lhe um lugar de deputado. Pimenta desistira de ser candidato pelos monárquicos, para apoiar a candidatura de Salazar pelo Centro Católico. Salazar foi eleito.

nazis.jpg

Em 1943, o Cardeal Patriarca D.Manuel Cerejeira condena Pimenta como ''escritor perigoso'', devido à sua propaganda nazi, porque este escrevera um artigo em que declarava que não havia perseguição religiosa no ''Reich''.

A nota do Cardeal foi lida em todas as missas.

Por carta de 18-8-43, o Dr.Manuel Fernandes solidariza-se com Alfredo Pimenta, condena o Cardeal Cerejeira, mas declara-se aliadófilo.

CCerejeira_4-200x300.png

 

Era óbvio. Os inimigos de Manuel Fernandes eram  o lixo integralista abrantino. E estes eram germanófilos...

 

ma

       



publicado por porabrantes às 12:56 | link do post | comentar

Sexta-feira, 26.05.17

salazar pego.png

 pede um leitor pegacho, admirador de Salazar, a publicação desta foto histórica.

 

Publica-se com o melhor gosto, consultada a data deve dizer-se que foi feita sendo Henrique Augusto Silva Martins, Presidente da Câmara.

 

ma 


tags: , ,

publicado por porabrantes às 18:18 | link do post | comentar

Quinta-feira, 27.04.17

blogues.png

blogues 2.png

Era 13 de Maio de 1931

blogues 1931.png

E o Bispo de Portalegre, Frei Dom Domingos Frutuoso pousava com os colegas com o Padre Mateo, Apóstolo do Sagrado Coração de Jesus, o homem a quem no seminário, Salazar, confidenciara querer ser primeiro-ministro dum soberano absoluto, como Pombal.

 

Há uma carta, citada pelo P.António Marujo no Público, em que Lúcia diz que o manholas era o Escolhido de Deus para salvar Portugal.  

 

A história do Padre Mateo é contada por Franco Nogueira, na sua biografia do rústico feitor do rectângulo

 

Ao menos a Dona Florinda Marujo, de Alcaravela, ficou melhor da úlcera.

 

.Voz de Fátima,13 de Maio de 1931

 

mn



publicado por porabrantes às 20:14 | link do post | comentar

Sábado, 01.04.17

manuel rodrigues.png

 O Diabo dedica 2 páginas a analisar a relação entre o ditador e o Manuel Rodrigues, o catedrático e ministro, natural da Bemposta, que chegou a ser visto como o delfim de Oliveira Salazar.

diabo mr.png

 mn



publicado por porabrantes às 08:12 | link do post | comentar

Quarta-feira, 28.09.16

É costume (aliás em parte resultado do escrito neste blogue) ligar Henrique Augusto da Silva Martins ao Integralismo Lusitano. É verdade, mas também é verdade que a cúpula do Integralismo passou à Oposição ao fascismo, logo nos anos 30, e foram os quadros intermédios e algum mais destacado, caso do Pedro Teotónio Pereira, que aderiram ao dr. Salazar.

Como o Henrique Augusto.

Mas não se pode construir uma linha divisória na cisão que dividiu a sociedade abrantina nos anos 30-60, que parta do simplismo Integralistas versus partidários de Manuel Fernandes.

Num dos poucos discursos que fez na Assembleia Nacional, o Dr.Manuel Fernandes traça uma justa homenagem a um dirigente integralista,  Hipólito Raposo, que fora demitido da função pública, entre outras coisas por ter definido a ''Salazarquia'' como ''Salazarquia, poder que se exerceria à semelhança do caracol dentro da espiral ou do cágado dentro da concha…” –

hipólito raposo.png

Manuel Fernandes evoca a grave doença que pôs em perigo de vida o oposicionista monárquico, em 1937, e que o levou a ser tratado na Casa de Saúde de Abrantes. Pelo que sabemos, através de correspondência particular, as relações entre o futuro dirigente estado-novista abrantino e alguns dirigentes do Integralismo ou do Legitimismo foram relativamente estreitas.

Embora se desse pessimamente com os integralistas do Silva Martins e bem com maçons locais como Diogo Oleiro ou Ramiro Guedes.

mn

ps-Mas não nos expliquem que M.Fernandes foi um democrata, não, foi um salazarista até ao fim....até orquestrar a burla local nas eleições de 1958, que roubou a vitória ao General Delgado...

Fonte: Diário das Sessões, 1958

 



publicado por porabrantes às 16:35 | link do post | comentar

Sexta-feira, 16.09.16

salazar amante.png

Extracto do livro de Diane Ducret

 

diane Ducret.jpg

A Câncio protesta  hoje no Diário de Notícias, contra o Saraiva por desvendar a vida sexual de alguns políticos. Tadinha.

Mas pior estava o Prof. Salazar que tinha de aturar uma amante que não tomava banho e o Inspector Rosa Casaco que tinha de suportar o cheiro da gaja.

Odor corporal disfarçado pelos melhores perfumes de Paris.

Será que o Saraiva fala de alguém que não tomava banho?

Vou ler o que diz Diane Ducret, sobre Rachele Mussolini.....a nora do ferreiro socialista e ateu de Predapio, tomaria banho regularmente?

mn

 

.

 



publicado por porabrantes às 23:31 | link do post | comentar

Segunda-feira, 01.08.16

antónio marques granja.png

António Marques Granja foi o abrantino, de Alferrarede, envolvido no atentado libertário contra Salazar, organizado pelo anarquista e dirigente sindicalista Emídio Santana, em 1937.

Passou largos anos numa penitenciária por lutar pela Liberdade.

Já se falou aqui dele. Estava ligado ao PCP, segundo Santana, mas  terá agido à margem das estruturas bolcheviques segundo o dirigente da CGT.

O Pacheco Pereira, na sua biografia de Cunhal, considera que a explicação não é tão linear, e que serviços secretos da República Espanhola (então combatendo a ''Cruzada'' nacionalista) e eventualmente do Komintern podem ter intervido, no apoio à  onda de ataques bombistas que pouco antes visara centros de apoio lusos aos militares espanhóis sublevados.

Essa interferência processar-se-ia à margem e sem conhecimento do aparelho do PCP. É uma hipótese que traça Pacheco, mas que não está confirmada.

Em 2013, foi editada esta obra de João Madeira, que ainda não tivemos tempo de ler.

joao madeira atentado.png

 Um episódio do programa da RTP ''Antes da Pide'', de Jacinto Godinho,  relatou a história e dele se retirou a imagem da ficha do resistente de Alferrarede.

António Marques Granja, foi depois do General Godinho, o abrantino que mais fez para derrubar o fascismo e que mais caro pagou.

Um homem a quem devemos respeito e que ensinou os doutos revolucionários de cadeirão. À bomba, naturalmente.

ma

créditos: RTP 2, programa citado e Colectivo Libertário de Évora (livro)

  



publicado por porabrantes às 08:56 | link do post | comentar

Domingo, 12.06.16

alfredo da silva.png

Alfredo da Silva em carta a Paes Borges, Madrid, 2 de Maio de 1926

alfredo da silva e salazar 2.png

al salazar.png

 Muito bom o livro, o excerto transcrito está neste livro,

 

falta o soba

afonso costa.jpg

Alfredo da Silva exilado em Madrid, desce frequentemente a Abrantes, onde pernoita em Alferrarede, dirige o amplo negócio da CUF, dá instruções, tem esperanças na questão dos Tabacos e espera o resultado dum golpe. O 28 de Maio.

ma

 



publicado por porabrantes às 23:16 | link do post | comentar

Domingo, 03.01.16

carta da pide a salazar 2.png

Como é sabido Salazar despachava directamente com o salafrário que dirigia a Pide fosse Agostinho Lourenço, fosse Silva Pais.

 

agostinho lourenço.jpg

cap. Lourenço (imagem do blogue Histórias do Nosso Tempo com a devida vénia)

 

 

As cartas dirigidas por Santos Costa ao Brigadeiro Marques Godinho (1) serviam como prova do móbil do crime de homicídio involuntário, atribuído por Adriano Moreira, ao Ministro da Guerra, o maior humanista de Alcafazes, donde era natural e onde gostava de privar com Aquilino Ribeiro.

 

O móbil seria eliminar provas de eventuais actividades a favor da Alemanha Nazi, praticadas por Santos Costa.

 

 

 

Vejam-se as penhoradas cartas do escritor a agradecer certo favor ao Ministro, que andam publicadas na Correspondência de Santos Costa.

 

Veja-se ainda isto que é o que resulta duma busca sumária

santos costa godinho.png

Como é que Santos Costa, monárquico da ala dura, era amigo dum homem que andou metido no regicídio?

 

Sobre as ligações entre Santos Costa e Costa Gomes, ver este artigo, no Público, do tenente coronel Jorge Alves Martins . Já se falou aqui da protecção que Costa Gomes deu a Santos Costa depois do 25 de Abril.

 

O Capitão Agostinho Lourenço era irmão do Coronel Júlio Lourenço, Comandante do Grupo Misto de Artilharia Montada nº 24, no Castelo, que foi quem meteu a cunha para que Rosa Casaco entrasse para a PVDE.

 

 mn

 

(1) Marques Godinho ainda era Brigadeiro quando Santos Costa lhe escrevia. Desempenhava o cargo de Governador Militar dos Açores



publicado por porabrantes às 19:29 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Postal para saudosistas

Dois vetados em entrar no...

Cento e oitenta votos con...

Salazar e a homenagem ao ...

Bibliografia abrantina: A...

Dia do Senhor : Salazar, ...

Limpando Abrantes em 1934

28 de Maio

Foi torturado o General M...

Exposição a Salazar

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds