Quinta-feira, 8 de Maio de 2014

Hoje vamos fazer 2 ou 3 três posts sobre arqueologia e naturalmente falaremos sobre a Filomena Gaspar e o Oeesterbeck, não esquecendo alguns outros protagonistas.

 

 

Vai ser feito um curso, aqui divulgado  pelo ITM, coutada do Oeesterbeck, cujos responsáveis são:

 

 

''Dra. Filomena Gaspar, arqueóloga da Câmara Municipal de Abrantes (CMA)

Doutor Gustavo Portocarrero, investigador da CMA-projecto M.I.A.A./ Centro de Estudos “Francisco de Holanda”, FBA- U.L./ Instituto Terra e Memória

Doutora Ana Cruz, directora do Centro de Pré-História do Instituto Politécnico de Tomar/ Instituto Terra e Memória

Doutoranda Ana Graça, Centro de Pré-História do Instituto Politécnico de Tomar/ Instituto Terra e Memória/ Universidad de Extremadura

Doutoranda Anna Luana Tallarita, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro/ Instituto Terra e Memória/IADE

Docentes visitantes

Prof.Doutor Dragos Gheorghiu (Universitatea Nacionala de Arte, Bucuresti), Roménia. Leccionará Arqueologia Pública e a Arte como Meio de Divulgação da Arqueologia

Dra. Katarzyna Jarosz (Międzynarodowa Wyższa Szkoła Logistyki, Wrocław, Polonia). Leccionará Comunicação Social da Arqueologia

Abrirá o módulo a conferência :

Relação entre Arte e Arqueologia

Ministrada pelo Escultor João Charters de Almeida, antigo professor na Faculdade de Belas Artes do Porto, doutor Honoris Causa na Universidade de Lisboa, Universidade Aberta de Lisboa e Universidade do Porto.''

 

A apresentação que se faz da História do  Castelo de Abrantes é tão medíocre que nem me apetecia comentar, mas ao conter inverdades que danam o prestígio de investigadores credenciados  merece correcção, como também merecem severa correcção os crassos erros científicos cometidos.

 

 

Não mencionar as investigações de Diogo Oleiro, Maria Amélia Horta Pereira, e da Direcção Geral dos Monumentos Nacionais nos anos 60 ou é crassa ignorância ou constitui deliberado acto de falsificar a História.

 

Reunir uma equipa científica pluri-nacional e de várias  universidades para chegar à conclusão que no castelo de Abrantes se descobriram :''

 achados de época romana, como uma estátua templária encontrada debaixo da Igreja de S. Maria do Castelo e algumas árulas e moedas.''

 

a) Quais são as árulas? Onde é que foram descobertas? Em que contexto? Onde estão?

 

Ou não foram encontradas no Castelo???? Ou terá sido comprada alguma num conhecido comerciante de velharias?Qual é o número de depósito no Inventário do D.Lopo dessas árulas? 

 

b) Para as moedas digo a mesma coisa? Qual é o relatório científico que descreve esse contexto? Ou será que é o caderno de apontamento de Diogo Oleiro (que certo colaborador do Jornal de Alferrarede sabe tão bem como eu onde está) que descreve esse achado? Qual é o número de depósito no Inventário do D.Lopo dessas moedas? 

 

c) Como é que os romanos podem construir estátuas templárias? Era Gualdim Pais, filho de Décio Júnio Bruto?

 

 

ainda outra nota, publicam umas fotos decorativas sobre escavações no Castelo, mas a realidade na prática é esta:

 

 

 

 parada abel hipólito- cidadãos por abrantes

 

e estas 

 

parada abel hipólito- cidadãos por abrantes

 

 

 

como não há enxadas, externalizam-se....

às vezes   os buracos à Firma da Filomena Gaspar (Ozecarus) 

 

como foi o caso dos  da Rua Grande...quando encontraram uns silos....

acontece que a Filomena Gaspar é funcionária camarária e pelos vistos tem uma enxada privada lá na firma....

 

e já agora foi essa firma que fez o levantamento arqueológico do Casal Curtido ( tá tudo isto ligado? tá pá!!!!!)

e mantém um curioso protocolo de cooperação com o IPT onde manda o Doutor Oeesterbeck que analisaremos um dia destes....

 

MN

 

e para corarem de vergonha mantêm fora dos cursos a pessoa que sabe mais de arqueologia na cidade, o Senhor Dr.Álvaro Batista,  

 

 



publicado por porabrantes às 09:59 | link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

A sprayada ou o pesado fa...

Câmara deixa a Rainha à e...

Os abrantinos, cidadãos d...

Inauguração do serviço te...

O processo da taberna de ...

Folha cismática ataca Bis...

O caso do emigrante migue...

Era um falsificador Avell...

Candidato a Santa Maria d...

Porque é as instituições ...

arquivos

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds