Quinta-feira, 26 de Abril de 2018

Em 2015 foi adjudicada à Territórios Criativos, por proposta da cacique da CIMT isto

 

N.º 09 - Proposta de deliberação da Presidente do Conselho Intermunicipal remetendo

para aprovação do Conselho Intermunicipal a proposta para realização de um estudo sobre as Comunidades Ciganas dos Concelhos de Abrantes, Entroncamento e Tomar – Processo

 

estudo ciganos.png

Dos resultados disto não temos notícia em Abrantes, nem na CIMT

 

O Estudo também não foi divulgado...

 

Mas temos no Entroncamento

Resposta aberta ao Deputado Municipal Pedro Gonçalves:

 

Caro Pedro Gonçalves


Como é do seu conhecimento e é possível verificar no relatório do Observatório de Segurança (Conselho Municipal de Segurança de 29 de junho de 2015), os crimes tipificados como "Contra as Pessoas" tiveram, na nossa cidade, um decréscimo de 11,5%, enquanto que nos concelhos vizinhos (Torres Novas e Abrantes) observou-se um acréscimo de 7,6% e 15,2% respetivamente.


Estamos, no entanto, conscientes de que certas áreas, devidamente sinalizadas, merecem atenção especial, fruto das suas especificidades socioeconómicas e da prática reiterada de comportamentos desviantes.


A Câmara Municipal do Entroncamento vê com agrado e valoriza o envolvimento da estrutura local do CDS PP no assinalar de um problema que está devidamente identificado pelo município e em relação ao qual temos estado a trabalhar desde o início do mandato.


Recordo-lhe que o Conselho Municipal de Segurança tem reunido regularmente no final de cada trimestre e tem feito a análise detalhada dos índices de criminalidade no Concelho, debatendo as questões da segurança e apresentando caminhos para ultrapassar os problemas identificados.


Nos últimos dois anos este Conselho Municipal de Segurança já reuniu por 6 vezes, o mesmo número de vezes que reuniu nos últimos doze anos do executivo anterior.


Como certamente será do conhecimento do CDS do Entroncamento, até pela sua participação no Conselho Municipal de Segurança e pela postura responsável e apresentação de contributos válidos que tem caracterizado a sua atuação na Assembleia Municipal, a autarquia, em conjunto com a PSP local e distrital, ao longo destes dois anos e meio, tem tido intervenções sistemáticas no sentido de devolver a autoridade democrática às zonas da cidade onde no passado se aceitava todo o tipo de comportamentos.


Poderia apontar inúmeros exemplos, mas refiro-lhe apenas as nossas intervenções ao nível dos bairros socias da cidade ou ao nível do mercado semanal de forma a exigir o cumprimento das obrigações de cidadania e das regras municipais de utilização dos espaços.


Onde antes se assistia a comportamentos desviantes em habitações e demais espaços camarários, verificamos hoje cada vez mais atitudes de respeito e cidadania. Não atingimos a situação desejável, mas concordará que se evoluiu muito.


O efetivo da esquadra do Entroncamento tem sido aumentado e rejuvenescido. Temos assistido a um reforço do patrulhamento com recurso a meios operacionais do comando territorial da PSP. Este esforço e colaboração da PSP vai-se manter e se necessário aumentará.


Foram realizadas melhorias na atual esquadra da PSP, não obstante o esforço que estamos a desenvolver para desbloquear o processo da construção da nova esquadra.


Temos vindo a desenvolver políticas ativas de inclusão.


No âmbito do CLASE – Conselho Local de Ação Social apresentámos uma candidatura ao Contrato de Local de Desenvolvimento Social que foi aprovada e já está no terreno. Este projeto inclusivo tem um financiamento de 450.000 € e vai-se desenrolar durante três anos.


Estamos a desenvolver um estudo sobre a questão da Etnia cigana com o ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, que envolve anualmente os concelhos de Tomar e Abrantes e é coordenado pelo Prof. Roque Amaro.


A recentemente aberta Escola do Bonito constitui uma realidade de integração que realçamos.


Estamos a devolver o espaço do bairro Frederico Ulrich à cidade. Primeiro fizemos passar o traçado da Ciclovia Verde, uma via que é estruturante para ligar a cidade de norte a sul num corredor pelo interior do bairro.


Estamos num processo de fixação de associações da nossa terra naquele espaço, através da atribuição de imóveis para sede. Desta forma aumentamos a afluência pública e a segurança. São disso exemplos o Núcleo de Andebol do Entroncamento (NAE) e a casa de função do Contrato Local de Desenvolvimento Social (CLDS 3G).


Estas são algumas das medidas já tomadas e em processo contínuo de consolidação que temos vindo a desenvolver. Mas temos consciência que não chega.


A segurança do Entroncamento é um processo que precisa de continuar a ser trabalhado por todos os parceiros, em especial pelos que fazem parte do Conselho Municipal de Segurança. Como diz e bem, o Entroncamento merece mais de todos nós pelo que saúdo a sua disponibilidade para em conjunto contribuirmos para uma cidade em que todos tenhamos direitos e deveres iguais e onde todos se sabem respeitar nas suas diferenças. Uma cidade para as pessoas.


Cordiais cumprimentos
Jorge Faria
(Presidente da Câmara Municipal)

 

(...) devida vénia à CM Entroncamento  

 

Portanto seria melhor que 3 anos depois a cacique divulgasse o estudo, as medidas implementadas e a avaliação dos resultados......

 

Que é para não implementarem só medidas avulsas, como as últimas compras de casinhas....

 

ma   



publicado por porabrantes às 21:07 | link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

A vóvó narco-traficante o...

Camionistas da pesada

Requisição Civil das beat...

O militar abrantino que r...

Deputado do Bloco defende...

O Bilhete de Identidade d...

Aviso : assaltos no Tapad...

Parque Infantil ou depósi...

Morreu o dono da Victor G...

ARQUIVO MUNICIPAL AO ABAN...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10


18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds