Sábado, 22.09.18

Foi Álvaro um jdanovista militante e acéfalo. Jdanov foi o Ministro de Staline que condicionou a política cultural do tirano e que os comunistas de todo o mundo (excepto os italianos graças a Gramsci) obedientemente seguiram.

Sobre Pessoa, sussurou Álvaro a António Valdemar

(...)''É uma obra fraquíssima, porque Pessoa quis conformar a obra poética com a mensagem política. E o resultado foi que a obra poética fracassou completamente. A ‘Mensagem’ — insistiu — é um fracasso.''  (...) no Expresso.

O homem nunca conseguiu retirar os óculos que lhe pusera o estalinismo.

Não ver num simples verso da Mensagem.....que está aí a escrita dum génio......é não saber ler........ou só saber ler o ''Soviet Digest''.

mn



publicado por porabrantes às 11:44 | link do post | comentar

Quarta-feira, 17.01.18

cunhal.png

O dr.Cunhal cita esta declaração da eng.Pintasilgo

filha de miitar

Como se sabe a política era filha dum civil, o Jaime Pintasilgo. Portanto não terá dito isso, a não ser que estivesse lélé da cuca.

Ou seja ou Cunhal mentia ou estava com falta de memória.

É falta de educação dizer que o caudilho proleta mentia?

Ora ele escolheu para título do panfleto ''A Verdade e a Mentira (..)''

Ou seja ou ele mentia ou mentia a Engenheira.

 Ou estava um deles com problemas de memória.... 

ma



publicado por porabrantes às 16:10 | link do post | comentar

Sábado, 11.11.17
O «culto da personalidade»
 

«Partiu-se do conceito do “culto da personalidade” e adaptou-se a ele a realidade partidária nacional. O PC da União Soviética teve o culto da personalidade. O PC Português quis também descobrir o seu. (…) A luta contra o “culto da personalidade” foi assim, em larga medida, uma acção destrutiva do prestígio dos quadros mais destacados do Partido (...) O caso do camarada Álvaro Cunhal é o exemplo mais característico. Com pretexto na “luta contra o culto da personalidade”, o Avante! – durante cerca de dois anos (1956-1959) – deixou de falar do caso do camarada Álvaro Cunhal e deixou-se intencionalmente morrer a campanha que tinha eco nacional e internacional; durante esse período, em toda a imprensa do Partido, quando se faz referência ao camarada, o seu nome é colocado intencionalmente depois dos nomes de outros camaradas e de democratas de outras tendências (…)»

(Álvaro Cunhal, A Tendência Anarco-Liberal na Organização do Trabalho de Direcção, 1960)

 

devida vénia ''Avante''



publicado por porabrantes às 13:41 | link do post | comentar

Quarta-feira, 02.08.17

manuel dias chefe.png

 Era 1989........no Tramagal. Atrás de Cunhal o deputado Luís Peixoto, que foi um grande parlamentar. Na entrevista, Cunhal fustigou os críticos entre os quais estava o dr. Rolando Silva.

 

mn



publicado por porabrantes às 16:02 | link do post | comentar

Segunda-feira, 31.07.17

ac.png

ac e.png

Se bem me lembro foi aprovado por unanimidade na CMA, por iniciativa do Vereador Manuel Lopes

Manel lopes.jpg

 mn

 

 



publicado por porabrantes às 15:48 | link do post | comentar

Quinta-feira, 08.10.15

A religião implica orações e peregrinações constantes para pedir a Misericórdia do Senhor e dos Santos. Ora o Camarada Jerónimo é menos escrupuloso que o saudoso dr. Álvaro Cunhal no cumprimento estrito das suas obrigações religiosas e pouco piedoso. Ou não rezar o suficiente não consegue que Nosso Senhor e a Virgem Maria o favoreçam com as graças divinas que no caso em análise, seria um milagre da multiplicação dos votos.

Nesta pagela vemos que o dr. Cunhal, que em paz descanse, era muito cumpridor e estava sempre pronto a orar.

cunhal.jpg

 Cónego Anacleto de Vilhena, da IURD, Igreja Universal do Reino do Dólar

 

PS- parece que para contrariar as tendências laicas do Jerónimo o PCP vai candidatar a Presidente um senhor Padre

 

 

   



publicado por porabrantes às 15:16 | link do post | comentar

Terça-feira, 29.09.15

cunhal.png

As coisas são claras, tivesse os defeitos que tivesse, Álvaro Cunhal era um homem de esquerdas.

E de esquerdas duras.

Cunhal não rima com este inseguro PS.

Este PCP foi obra dele, e ele não o entregaria a António Costa.

É justa pois a observação do deputado comunista

ma

 



publicado por porabrantes às 00:24 | link do post | comentar

Sexta-feira, 21.08.15

blindado

casanova 3.png

Joaquim Vieira, Álvaro Cunhal, o Homem e o Mito

 

Não se foi procurar a versão de Mário Soares que também subiu para o tanque. Também foi convidado pelo major Casanova Ferreira?

O general Jaime Neves está no canto superior direito .

ma

 

foto do blogue de Nuno Simas, Portugal Classificado,  também o título dum livro imprescíndivel deste autor

 



publicado por porabrantes às 15:39 | link do post | comentar

Domingo, 14.06.15

Bem pode dizer o fascista Cardeal Cerejeira que «a grande fome do homem actual é uma fome metafísica». Hoje em Portugal há missas a mais e pão a menos. Com uma capitação média de 2.500 calorias, estamos no fundo da escala europeia. Em Portugal passa-se fome e muita fome.

 

Álvaro Cunhal, 1964



publicado por porabrantes às 00:01 | link do post | comentar

Domingo, 14.09.14

 

 

 

 

Que tal voltar aos clássicos?

 

''Por outro lado, a Igreja Católica, pela boca dos seus mais autorizados representantes, como o Cardeal Cerejeira, altos dignitários e imprensa, longe de uma posição de concórdia e tolerância, têm tomado uma posição política clara, pregando o ódio aos comunistas e outros democratas e aconselhando o apoio ao salazarismo. A Igreja intervém assim activamente na política, colocando-se ao lado da ditadura fascista contra as aspirações democráticas do povo português.'' ...)

(..)

O jornal O Século de 4 de Março, aplaudindo, em editorial, o discurso do Cardeal, dizia que «os sucessores de Lénine» proclamam:« Moscovo ou Roma». A verdade é que não são os comunistas que proclamam «Moscovo ou Roma» (para nós, comunistas, não se trata de «Moscovo» ou «Roma» mas

de Portugal), mas é a Igreja que o proclama. E, desta forma, não somos nós que erguemos o facho da luta contra a Igreja e a Religião, não somos nós que, como diz o Cardeal, «concentramos contra a Igreja todo o exército dos nossos militantes», mas é a Igreja que concentra o seu fogo contra os

comunistas e os democratas em geral, que se afasta voluntariamente do campo da democracia e do progresso, que se coloca voluntariamente no campo do fascismo. (...)

 

 

 (..)

''

O Vaticano e a Igreja Católica de cada país, em vez de tomarem uma posição progressiva, alinhando com os povos amantes da liberdade e da independência, preferiram alinhar com as forças da reacção, do militarismo, da expansão imperialista.''

 

No dia 13 de Novembro de 1945, o Papa declarou a um jornalista francês: «nunca fomos informados do carácter inumano da repressão nazi; só depois da libertação tivemos conhecimento da situação real». Não é esta afirmação uma tentativa para diminuir as responsabilidades do silêncio do

Vaticano perante as atrocidades nazis? Não estão o Vaticano e a Igreja Católica informados do «carácter inumano» da repressão salazarista, ou franquista, ou dos monárquicos gregos, tal como ontem estavam informados da repressão hitleriana?''

Álvaro Cunhal

 

Texto publicado pelas Edições «Avante!» em 1947.

Reeditado pela Editorial Avante em 2007, nas Obras Escolhidas de Álvaro

Cunhal tomo I, pp. 789-812.

Colocado on line em 18 de Abril de 2010

ma



publicado por porabrantes às 21:24 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Álvaro, o jdanovista, dis...

O pai da Engenheira Pinta...

Quando o Avante discrimin...

Manuel Lopes com o chefe ...

Proibidas armas nucleares...

O Jerónimo devia rezar pe...

Fala o Deputado do PCP de...

Casanova e o blindado bol...

Missas a mais

CDU dá música ao Cónego

arquivos

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds