Domingo, 11.02.18

sanches alves.jpg

Sua Excelência Reverendíssima, o Arcebispo de Évora, enquanto Presidente da Fundação Eugénio de Almeida é o responsável pela abertura ao público da Sala dos Amores

sala dos amores.png

Pormenor dos frescos- parte de foto de Miguel Manso, devida vénia ao Público.

e do resto do Palácio da Família Castro, em Évora.

Um grande artigo, sobre uma das mais impressionantes casas nobres do Alentejo, agora aberta ao público.

Sua Excelência Reverendíssima, Sanches Alves foi Bispo de Portalegre e Administrador Apostólico desta diocese.

É uma alegria que em Évora cuide o património e uma pena que em Abrantes, durante o seu pontificado, o património religioso tenha estado entregue a tipos como o Graça, que ....por exemplo destruiu o jardim de Solano de Abreu, embora isso tenha sido já com D.Antonino .

Assinale-se que a grande obra de preservação do património religioso cá da terra, vá ser feita pela Santa Casa.  

santa casa lix

Foto da Santa Casa de Lisboa. Leia aqui a notícia

Resta a pergunta, inevitável.

luis_dias_2.png

O Vereador da Cultura pode explicar porque é a CMA anda a gastar dinheiro a restaurar imóveis que são propriedade do Estado (Igreja de S.Vicente) e não arranja dinheiro para apoiar as obras de restauro da Igreja da Misericórdia?

Ou porque é que esta autarquia pactuou com as obras ilegais que destruiram o jardim de Solano de Abreu????

mn

 



publicado por porabrantes às 11:27 | link do post | comentar

Domingo, 09.04.17

sanches alves.jpg

O ex-Bispo e ex-Administrador Apostólico da Diocese de Portalegre, actual Arcebispo de Évora, tem a tutela da Caritas de Évora.

O ''Sexta às Nove'' investiga uma herança de 1 milhão de euros, deixada a esta instituição para apoiar os pobres da Freguesia do Cano.

sexta.png

O dinheiro não está segundo a viúva do testador a ser aplicado nos fins a que foi destinado.

Repete-se o caso da Caritas de Lisboa.

Terão metido a ma$$a em aplicações bancárias a 30 anos, até 2045.

As contas da Caritas eborense deixaram de estar on-line, quando a RTP se dedicou a investigar.

As contas do Centro Interparoquial de Abrantes nunca estiveram. E o Sanches Alves andou a proteger o Graça, tendo D.Antonino , que é certamente um Bispo mais evoluído, uma postura menos tolerante, embora não tão exigente como seria desejável.

Veja o programa

mn

devida vénia ao ''Sexta à Nove''

 



publicado por porabrantes às 20:25 | link do post | comentar

Sábado, 18.06.16

 

(...)O interessado AA vem interpor recurso do douto despacho proferido a 02 de Novembro de 2015 (ora a fls. 35 a 36), e que acabou por não lhe aceitar a produção de provas (no caso, a inquirição da testemunha e cabeça-de-casal, por si arrolada, BB neste inventário instaurado no Cartório Notarial pelo interessado CC – por morte da inventariada DD, residente que foi com o ora cabeça-de-casal, e falecida em 06 de Janeiro de 2014– intentando agora a sua revogação e alegando, para tanto e em síntese, que discorda da decisão tomada, porquanto “o cartório notarial, em despacho datado de 16 de Outubro de 2015, entende que a testemunha faltou à diligência”, porém, “a testemunha em causa, Sr. CC, nunca foi notificado pelo cartório notarial, em violação do disposto no art.º 247.º, nº 2, do CPC”, pois que a notificação datada de 14 de Setembro de 2015 não foi efectuada em cumprimento da legislação em vigor. E “a falta de notificação à testemunha CC e a tardia notificação ao mandatário, no próprio dia da inquirição, levaram a que o cartório notarial, por despacho, decidisse questões fulcrais neste inventário”, “devendo, assim, todos actos praticados, inclusive e posteriores ao despacho datado de 22 de Setembro de 2015, serem declarados nulos e de nenhum efeito jurídico”, aduz. São, pois, termos em que se deverá vir a dar provimento ao recurso e revogar-se a decisão. Não foram apresentadas quaisquer contra-alegações. (...)

 

 

(....)Menos ainda, salva melhor opinião, se poderá concluir pela competência ab initio do tribunal da Relação, do artigo 76º do Regime Jurídico do Processo de Inventário, como fez a Sra. Notária. Com efeito, tal normativo reporta-se, de forma expressa, a recursos para a Relação, mas das decisões proferidas pelo juiz da comarca, quer a que homologa a partilha, quer outras, subindo com aquele os recursos das decisões interlocutórias proferidas ao longo do processo (no limite, mesmo que se admitisse que as decisões interlocutórias seriam recorríveis logo para a Relação, sem passar primeiro pelo juiz da 1ª instância, o que aqui, como vimos, não defendemos, então só poderiam subir à Relação com o recurso que se interpusesse da decisão homologatória da partilha e não já, como ocorreu). (...)

 

 

(...) Assim, face ao exposto, declaro o tribunal da Relação incompetente para apreciar o recurso e ordeno a remessa do processo à comarca de Abrantes. Não são devidas custas. Registe e notifique. Évora, 5 de Abril de 2016 Mário Canelas Brás(..)

Extractos do Acordão da Veneranda Relação de Évora

 

38/16.6YREVR
Relator: CANELAS BRÁS
Descritores: INVENTÁRIO
NOTARIADO
RECURSO
COMPETÊNCIA
Data do Acordão: 05/04/2016
Votação: UNANIMIDADE

ver aqui a sentença integral

 

Já há muito tempo que não se falava de Direito!

 

mn



publicado por porabrantes às 16:16 | link do post | comentar

Segunda-feira, 11.04.16

CARTA ABERTA DE CAMILO MORTÁGUA

Carta aberta aos velhos companheiros do Partido Comunista Português.
a propósito da rejeição pelo P.C.P. do voto de censura à condenação dos activistas angolanos.

Recordados companheiros de luta:
Sei que a minha idade deveria ser suficiente para me evitar surpresas amargas devidas ao comportamento dos Humanos, (sobretudo quando colectivas).
Normalmente aceito com relativa mas forçada compreensão que as gerações que nos sucederam e nunca sofreram na pele e na alma a frustrante raiva da impotência, face ao aviltamento imposto pelos usurpadores dos poderes dos Povos, adoptem atitudes branqueadoras, de comportamentos anti - democráticos quase sempre justificados com “legítimos interesses” a defender, sejam eles individuais ou de grupo.

Em essência, é a aplicação prática da velha e dizem que “sábia”regra de:- ser forte com os fracos e subserviente com os fortes.
Compreender, compreendo, mas não posso concordar, nem aceitar, nem sequer justificar com pretensas consequências maléficas das crises dos tempos.
Companheiros e camaradas de luta. Mais de luta que de ideologia. Que têm feito vocês? Que têm ensinado aos novos dirigentes do vosso partido, outrora internacionalista e solidário com as lutas dos oprimidos de todo o Mundo?
Sim Camaradas, porquê se apagaram tão depressa as vossas memórias ?
Porquê negaram os relatos das vossas experiências, aos jovens ou menos jovens que hoje falam em vosso nome?
Porquê deixam calados , os milhares de exemplos de homens e mulheres
das mais diferentes nacionalidades, que estiveram ao nosso lado na luta pela nossa LIBERDADE, oferecendo tudo e até, em alguns casos, a sua própria liberdade e vida.
Estão de acordo em renegar esse passado? Estão de acordo em apagar da História das lutas pela dignidade Humana, os milhares de exemplos, de companheiros e camaradas, Comunistas, Socialistas, Democratas ou simplesmente Humanos, que a todos nós nos acolheram e por nós se manifestaram nas ruas das capitais da Europa e do Mundo?
Que moral é essa, que continua a ser manipulada para justificar o injustificável.
Será por uma questão de hábito?
As relações de absoluta dependência orgânica , material e estratégica,que caracterizaram o passado, não existindo no presente, não podem ser aceites como bodes expiatórios de comportamentos que denigrem e ofendem a memória dos companheiros internacionalistas(de todos os grupos) que tanto nos apoiaram. Hoje, quem vos condiciona,companheiros? - possivelmente… quem querem defender ? !
Quando em vosso nome se proclama:-

“- O P.C.P. reitera a sua consideração de que cabe às autoridades judiciais angolanas o tratamento deste ou de outros processos que recaiam no seu âmbito.
A rejeição do presente voto por parte do P.C.P. emana da defesa da soberania da República de Angola. e da objecção da tentativa de retirar do foro judicial uma questão que a ele compete esclarecer…

- Então camaradas, é verdade ou mentira, que: para serem coerentes com a vossa posição de hoje, em linguagem dos tempos áureos da vossa gloriosa luta contra a ditadura pró –fascista, vocês , em situação parecida com a actual ,diriam, qualquer coisa do género ? :

- “O P. C.P apela a todos os governos e povos democráticos de todo o Mundo para que em defesa da soberania da república Portuguesa não nos apoiem, nem interfiram na nossa luta pela liberdade e democracia.
Favor não interferir com os métodos e decisões do sistema judicial português, nem denunciar internacionalmente a tortura e absoluto desrespeito pelos direitos fundamentais dos democratas portugueses que se opõem há ditadura."

É companheiros…justificar os nossos compromissos, com os maus exemplos de outros, é coisa antiga, não pode fazer parte dos princípios orientadores duma nova maneira de fazer política.

Saudações.
Solidárias
C.M.
Abril de 2016

Com a devida vénia ao site do Bloco de Esquerda de Évora 


tags: , ,

publicado por porabrantes às 09:25 | link do post | comentar

Terça-feira, 30.06.15

Se a Senhora Dr Ana Soares Mendes, que é eborense, fosse directora dum jornal católico em Évora, publicava isto na primeira página ou não? 

 

évora.png

E já agora (pergunta complementar) identificava que os factos se passaram sobre a gestão do ex-presidente José António de Oliveira?

 

Ou ia perguntar a um diácono se transcrever informação oficial da magistratura é fazer linchamentos na praça pública?????

 

a redacção  

 



publicado por porabrantes às 22:26 | link do post | comentar

Quinta-feira, 12.03.15

directamente do Portal Citius, mais trabalho para os senhores jornalistas

 

ma

 

na Veneranda Relação de Évora, secção crime

 

133308
Fechar
 
Entrada:
06-03-2015
Distribuição:
06-03-2015
Recorrente: Ministério Público
Recorrido: Partido Socialista
Renato Barroso (Secção Criminal - 1ª Subsecção)

30/10.4TABJA-A.E1

Valor:
0,00 €
Recurso Penal
Transferência electrónica


publicado por porabrantes às 18:22 | link do post | comentar

Sexta-feira, 05.09.14

 

Brasão de Sua Santidade o Papa Bento XVI

 

''(...) O mouro na arte italiana  geralmente é retratado decapitado com os olhos vendados por um pano  branco. Diferentemente, na Alemanha, os mouros eram retratados  decapitados e usando uma coroa e representariam a vitória sobre os mouros durante as cruzadas. Essas famílias teriam adquirido os seus nomes de  ancestrais cruzados.

Um exemplo da utilização deste símbolo na heráldica alemã nos dias actuais é o brasão da Sua Santidade, o Papa Bento XVI. ''
M.CIULLA in ''O significado da cabeça de um mouro na heráldica''
http://famigliaciulla.blogspot.pt/2011/01/o-significado-da-cabeca-de-um-mouro-na.html
Desconheço se Sua Santidade tem entre os seus antepassados algum valoroso cavaleiro bávaro, como o imaginário Carl von Ratzinguer, que tenha ajudado a impor a civilização ocidental e cristã na Terra Santa, libertando aquilo de ''mouros''.
  
in http://famigliaciulla.blogspot.pt/2011/01/o-significado-da-cabeca-de-um-mouro-na.html
Carl von Ratzinguer, e o Papa são uns moderados, graças a Geraldo-Sem-Pavor temos a cabeça duma odalisca e doutro mouro no brasão de Évora
 

 

 

Um apelido de ressonâncias abrantinas, mete a cabeça de 2 fundamentalistas, cortadas por Estevão Anes, um eborense, antepassado dos Bottos, em Ceuta, como timbre heráldico.

 

Bom serviço fez ao Rei João I e a Cristo, Nosso Senhor, a espada de D.Estevão

 

Escudo e Brasão de Armas da família Boto

 

Escudo da família abrantina Botto

 

Instituto Heráldico de Roma 

 

Devo continuar?

 

Bem o brasão papal aqui está mais bonito

 

Estou à espera que uma comissão de pacifistas ecuménicos proponha mudar o brasão papal, sanear as cabeças islâmicas do brasão eborense, dizer que o António Botto não compôs nenhuma ode à heráldica da sua família, tudo isso em nome da paz com os bárbaros da djidah.
No entanto para segurança da Civilização só ficarei contente quando o Presidente Obama mandar pintar um brasão com 2 cabeças de mouros: a de Bin Laden e a deste gajo
ma
  


publicado por porabrantes às 13:16 | link do post | comentar

Terça-feira, 26.11.13

 

 

Jornal Página Um 

 

 

Quem formava, heróico e revolucionário, o núcleo local da UDP?

 

Terá sido algum jornalista abrantino que escreveu esta notícia?

 

Onde era em Lisboa a sede do Página Um?

 

Bem....cala-te boca....

 

Quem formou parte da estrutura local dos GDUPs que tentaram concretizar a nível partidário o score da candidatura Otelo?

 

Quem são os membros dessa coisa que foram parar ao PRD?

 

Quem  são os membros dessa coisa que foram parar à Direita .......e já agora ao PS de Abrantes, que também é Direita, porque é poder, e, sábio, dizia Lenine, o poder é sempre de Direita.

 

Chegaram a meter os otelistas a queixa-crime?

 

Bem, esta é a única pergunta a que não sei responder.

 

Para ilustrar o jornal do caríssimo Jorge Fagundes (não houve melhor explicadora de latim 

em Lisboa que a mãe do Dr.Fagundes) nada melhor que um vídeo patrocinado pela extrema-direita que obedece ao esclarecedor título ''Eanes enfrenta os comunas em Évora''

 

 

 

 

MA 

 

 



publicado por porabrantes às 22:16 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Dia do Senhor: O Patrimón...

Dia do Senhor: Sanches Al...

Acordão da Relação

CARTA ABERTA DE CAMILO MO...

Somos muito curiosos

Ministério Público contra...

o nobre ofício de decapit...

UDP processa Eanes (dizia...

arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds