Terça-feira, 17.07.18

freitas

carta cónego freitas

Abrantes, 14-6-1951

 

Meu caro Amigo,

Obrigadíssimo pela sua carta e tudo o que ela quer dizer. Apesar de tanto na carta de agradecimento como em todas as outras escritas a agradecer os parabéns dos Superiores: Monsenhor Conégo Moura (?), Mons. Félix, etc e dos Colegas, ter sempre frisado que considerava a distinção concedida extensiva ao laborioso clero do Arciprestado de que eu sou fortuito chefe de equipa e portanto portador do troféu, isso não foi nem podia ser com o fim do óbulo do Arciprestado assim honrado, houvesse de ser chamado a suportar os encargos das vestes. No entanto a sua ideia é cheia de beleza e a concretizar-se seria uma expressão de unidade e teria um significado sacerdotal admirável e as vestes encomendadas seriam uma presença moral de todo o Arciprestado, em dias de festa e actos oficiais. Mas por causa dessa vez que se calou e na primeira homenagem de Bodas Sacerdotais empreendidas a favor do sacerdócio, que devia ser exaltado na pessoa do que primeiro fez essa celebração, foi falar dizendo do próprio homenageado (!) que massacrou durante uma boa meia hora dizendo-lhe da sua discordância de tais coisas, a ponto do homenageado explodir, perante mim num desabafo de choro, que nunca mais me esquecerá, é que eu manifestei a minha relutância em receber homenagens deste género mas nem por isso deixei de promover em anos seguidos, fugindo com o corpo dos gestos não humanos do bípede (por favor da natureza). Isto é único!

No entanto, para que se não atraiçoe o seu pensamento nem o de muitos e se não perca o significado nem se julgue que a minha recusa é motivada pela soberba e abominável desprezo e antipatia contra os colegas independentemente do que estes façam ou promovam, aceito se assim o entender de murça que V.Exa Reverendíssima poderá encomendar ao Cónego Manuel Filipe ou outrem, pois vários têm de vir para os titulares de Portalegre e até serão mais baratos assim.

Há um grupo de rapazes amigos (serão do Benfica) que me oferecem a facha e senhoras que me oferecem o Roquete. Não tenciono pensar no caso.O resto dir-lhe-ei oralmente.

Um abraço amigo

P.Freitas

 

transcrição MP

O destinatário pediu reserva de identificação e autorizou a publicação, após a sua morte, como documento para a História da Cidade.

O Cónego foi muitos anos Arciprestre de Abrantes até cerca de 1974, director da ''Nova Aliança'' e ainda outro dia foi elogiado pelo Graça.

O visado pelos insultos era o Padre Luís Ribeiro Catarino, um santo e pároco de S.João, até cerca de 1978.

padre catarino machado

mn



publicado por porabrantes às 21:41 | link do post | comentar

Domingo, 21.08.16

ig de s.pedro.png

Ao contrário do que reza a legenda do livro não se vê o cemitério, mas vê-se a casa do Dr.Apolinário Oleiro,

dr. apolinário oleiro.png

homem bom e culto, distinto Advogado e que desempenhou outras profissões jurídicas, de velha família abrantina e eminente bibliófilo.

 

Também se vê o terreno vazio onde depois se construiria a Universidade dos Quinchosos e ao lado da casa os restos da  demolida Igreja de S.Pedro.

 

Esta terrra tem para as pedras velhas e seculares um triste destino, o camartelo, e nunca ouvi a directora do Dom Lopo, in illo tempore, escrever sobre esse fado, as reclamações devem constar do Diário intimo inédito.....

 

 

 

A foto vem no livro

espólio fotos.png

que faz um magnífico retrato dum velho Portugal, que já morreu, e onde há mais fotos da região, esta é da Foto Beleza de Santarém.

 

Reproduz-se com a devida vénia para chamar a atenção para a obra e para corrigir a legenda. 

 

Já agora a talhe de foice encontrou-se o rol dos Advogados que exerciam na comarca de Abrantes em 1951

advogados 1951.png

agradece-se à Ordem dos Advogados ter colocado on-line esta relíquia e a anterior e não seria mau que fosse organizada uma merecida homenagem ao Homem de Cultura que foi o Senhor Dr. Apolinário.

 

ma

vai isto dedicado ao amigo Manuel Bougard que é neto do Dr.Apolinário

 

sobre o assunto



publicado por porabrantes às 19:28 | link do post | comentar

Terça-feira, 05.07.16

1951.jpg

 mn



publicado por porabrantes às 15:48 | link do post | comentar

Domingo, 31.01.16

postal de alvega.png

132_001.jpg

Mandado da '' pitoresca aldeia'  de Alvega em 1951. No postal, o Castelo Santana e o bom povo. Também lá está uma Igreja e nessa época 

1921 n.s remédios ardida na década de 60.jpg

 

1921

 

a imagem de Nossa Senhora dos Remédios ainda existia. Ardeu na década de 60.

Também lá esteve posteriormente 

Escola primária alvega agostinho baptisa e d.bern

Agostinho Baptista e D.Gonçalo Mesquitella (Gov. Civil e responsável por uma série sucessiva de eleições aldrabadas) que faziam o favor de inaugurar uma Escola Primária.

 

Não vi estas fotos na Galeria do Centenário, manhosa exposição de 100 anos de vida abrantina.

 

Quanto ao Mesquitella além de aldrabar eleições, assinou o Regulamento Policial do Distrito de Santarém que ainda há uma década estava em vigor.

 

Não foi o  Mesquitela que assinou o “Regulamento Policial das Meretrizes no Distrito de Santarém”, porque este saiu em 1896.

 

No tempo do Mesquitella as meninas já estavam em autogestão.

 

 

ma

 

sem um amigo nosso de Alvega estas fotos não veriam a luz. Preferiu ele o anonimato, mas aqui vai o nosso agradecimento. O postal é de nossa responsabilidade

  



publicado por porabrantes às 12:48 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Homenagem ao Cónego Freit...

Dia do Senhor: A Igreja d...

Excursão da tropa ao Cast...

Postal do Capitão Francis...

arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds