Quinta-feira, 25.04.19

ceguinho

 



publicado por porabrantes às 12:47 | link do post | comentar

mfa 1

mfa 2

Para reler o Prec. Haveria que ver muita coisa, dos vários lados.

Sanches Osório fez o 25 de Abril no posto do comando da Pontinha ao lado de Otelo.

O Vasco de melena e pá ( Vera Lagoa dixit) estava num cómodo desterro em Ponta Delgada.

ma

 



publicado por porabrantes às 08:11 | link do post | comentar

Quarta-feira, 24.04.19

 



publicado por porabrantes às 16:16 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19.04.19

25 abril mapa expresso

Pormenor abrantino do mapa do 25 de Abril, agora revelado pelo ''Expresso''.

Os dedos e as explicações são do tenente-coronel Otelo Saraiva de Carvalho, que desconhecia o mapa.

Lá estão claros os nomes dos oficiais, comprometidos com o golpe, no RI2

 

cap. Figueira -tel 392

cap Fernandes Costa (vive no quartel)

e o nome de outros oficiais de Santa Margarida e Tancos.

Um tesouro.

E já vi fazerem a história do 25 de Abril cá no burgo, sem mencionarem os oficiais revolucionários.

ma

dedvida vénia ao ''Expresso''.

 

 



publicado por porabrantes às 21:47 | link do post | comentar

Quarta-feira, 27.02.19

O tenente-coronel de Aviação Adolfo Domínguez foi um dos militares espanhóis que em 1975 quis fazer um 25 de Abril em Castela.

 

A coisa correu mal e teve de se exilar, no caso em Portugal.

Escreveu um interessante livro de memórias,

51u0Yh8mdNL__SX332_BO1,204,203,200_

que nos conta coisas importantes sobre os seus amigos gonçalvistas (a quem censura as atitudes políticas) e sobre a família que o acolheu inicialmente, a família Moita

mary lucy fascista

 

Diz o então Capitão Dominguez : '' A sua mãe, uma idosa venerável, cheia de simpatia, tratava em vão de se se fazer entender comigo. Não sabia nada de português, mas nos meus primeiros contactos com o país não tinha tido especiais dificuldades para me fazer entender. A isso ajudavam os meus rudimentares conhecimentos de galego (...)

A Mãe do Moita, no entanto, falava muito depressa e entre dentes e era-me impossível seguir a sua conversa, que a sua filha, com grande trabalheira,se esforçava por me traduzir.

A casa tinha o sabor das velhas famílias de classe média-alta, talvez um pouco caídas em decadência. A senhora Moita tomou-me um grande carinho especial, que se manteria durante os nove meses que durou o meu exílio em Portugal.

Através da sua filha fez-me saber que antes era muito conservadora, que estava de acordo com Salazar e Caetano, mas que começou a mudar de ideias quando três dos seus filhos foram detidos pela polícia em 1974, pouco antes do golpe militar do 25 de Abril, que acabou com a ditadura do seu país.

Depos do 25 de Abril tinha-se convertido numa fervorosa democrata porque-dizia-graças à liberdade de imprensa tinha percebido muitas coisas, que antes não entendia muito bem.

(.....)

Um dos seus filhos -disse-me a senhora-era fascista. '' Que posso eu fazer? '' (.....)

Compreendemos a angústia da fervorosa democrata, vitíma dum processo de radicalização abrilista, que desgraça ter um filho fascista...

ma 

  



publicado por porabrantes às 19:00 | link do post | comentar

Sexta-feira, 31.08.18

Foi constituído arguido num processo referente à autorização ilegal duma casa de férias do banqueiro falido Ricardo Salgado, o ex-Presidente da autarquia de Grândola, Carlos Beato e quase o resto da edilidade da época.

O Beato anda agora envolvido em negócios bancários no Montepio.

1398366831_081581_1398368193_noticia_normal

O Beato mostrando ao El País uma foto com o Salgueiro Maia.

É caso para perguntar, fez-se o 25 de Abril para o Beato alegadamente andar a autorizar mansões ilegais para banqueiros corruptos???

Ver aqui denúncia do Coronel Sousa e Castro.

 

 

ma



publicado por porabrantes às 09:11 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25.04.18

franco Xarais.jpg

Nestas memórias o tenente-general Franco Xarais traça o seu percurso do PREC, onde como homem dos ''Nove'' foi decisivo.....

Há referências abrantinas, designadamente a deportação de soldados e oficiais milicianos para o RI2 por conotados com o golpismo otelista.

Entre eles um certo Ferro Rodrigues

xarais 2.png

 Há  ainda outras referências abrantinas designadamente a um ''golpe dos coronéis'' que a esquerda otelista atribuía aos oficiais dos ''Nove''.

Finalmente Xarais foi Comandante da Região Militar em que se integrava o RI2 e Santa Margarida.

mn 



publicado por porabrantes às 13:07 | link do post | comentar

orlando pereira.png

 

Já se falou aqui muitas vezes do que era o mais importante dirigente da Oposição à Ditadura em Abrantes em 1974. A Cidade  continua a dever uma homenagem ao Dr.Orlando Pereira, Advogado e dirigente oposicionista.  Para recordar esquecidos mais umas achegas bibliográficas.

mn

Biografia de um inspector da PIDE: Fernando Gouveia e o Partido ...

 
https://books.google.es/books?id=0JlLAQAAIAAJ - Traducir esta página
Irene Flunser Pimentel - 2008 - ‎Vista de fragmentos
No processo então instruído pela PIDE, estes dois, bem como Octávio Pato, António Areosa Feio e Orlando Pereira foram considerados membros do PCP, controlados pelo elemento do CC, Gilberto Florindo de Oliveira. A PIDE afirmou que esse movimento era um apêndice juvenil desse Partido, apenas ressalvando que, enquanto no PCP, tudo era secreto, no MUD J, os membros não escondiam os seus nomes, excepto os que também eram elementos daquele Partido17.
 
 
 
que se separase de mí ...
 

Vítimas de Salazar: estado novo e violência política - Página 306

 
https://books.google.es/books?id=614MAQAAMAAJ - Traducir esta página
João Madeira, ‎Luís Farinha, ‎Irene Flunser Pimentel - 2007 - ‎Vista de fragmentos - ‎Más ediciones
A prisão dos membros da Comissão Académica de Lisboa do Movimento de Unidade Democrática Juvenil (MUD J), Mário Ruivo, Castro Rodrigues, Joaquim Angelo Rodrigues, Fernando Pulido Valente, José Carlos Gonçalves, Orlando Pereira e outros1, sucedeu- -se a dos membros da Comissão Central (CC) desse movimento - António Areosa Feio, Orlando Pereira, Mário Soares e Francisco Salgado Zenha, entre outros. Mário Soares relatou o julgamento, onde ele e os seus ...
 
 
 
 
 


publicado por porabrantes às 09:48 | link do post | comentar

Terça-feira, 24.04.18

https://observador.pt/especiais/descolonizacao-o-terror-do-batalhao-em-cuecas/



publicado por porabrantes às 09:53 | link do post | comentar

Como já se sabe o Catroga tem Praça e o 25 de Abril continua num beco....

 
 
Sábado, 23.04.16

beco.png

luís alves.png

É certamente uma das melhores homenagens toponímicas ao 25 de Abril e das mais insólitas.

 

A toponímia é competência das edilidades, que aceitam sugestões das Juntas

b[1].JPG

Sede da União de Freguesias que meteu o 25 de Abril num beco (1)

 

 

 

S.Miguel e Rossio foram quase sempre feudo PS (S.Miguel menos, teve algumas juntas PSD com o saudoso Matos Gomes, que salvou o Carvalho de levar lá uns safanões a tempo do pobre povo)

 

Portanto temos de saudar a Céu

cacique.png

e o Luís Alves por manterem o 25 de Abril num beco.

 

Estou certo que o cacique integralista de S.Miguel

henrique augusto.png

nunca meteria o 28 de Maio num beco.

066_006.jpg

Século Ilustrado    

 



publicado por porabrantes às 09:26 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

A luta pela justiça socia...

O MFA no banco dos réus

Uma matança à porta do Ra...

Mapa do 25 de Abril abran...

O filho fascista da Senho...

Fez-se o 25 de Abril para...

Bibliografia Abrantina : ...

O dever da memória

Tropa de Abril : O Batalh...

O Beco 25 de Abril

arquivos

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

baptista pereira

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


23
24
25

26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds