Sexta-feira, 13.11.15

 

. Oremus pro Pontifice nostro N. N.

. Dominus conservet eum, et vivificet eum, et beatum faciat eum in terra, et non tradat eum in animam inimicorum eius.

 

. Tu es Petrus,

. Et super hanc petram aedificabo Ecclesiam meam.

visita.png

 

 

 

batiiogla.png

 

destacamos a reportagem da Irmã

''Ir. Palmira Gomes

 

Com o coração em festa e a Casa preparada e aberta, a Comunidade das Irmãs acolheu o dom de Deus na pessoa da Ir. Paula Battagliola, que visita as Casas das FMA da Província Portuguesa de Nª Sª de Fátima, em nome da nossa Madre geral, Madre Yvonne Reungoat.

Sentimos que o seu coração também irradiava alegria, festa e um pouco de ansiedade por nos encontrar, ao jeito de Maria de Nazaré, quando se encontrou com a prima Isabel.

A Ir. Paula chegou no Sábado, 5 de Setembro, pelas 19.00h e depois de uma breve visita à Igreja dedicada a Nª Sª das Graças e seus anexos e às instalações desta Casa Paroquial, onde vivemos, na sua simplicidade e estilo pobre, jantámos em fraterno convívio.

A visita, propriamente dita, começou com a Eucaristia Dominical no dia seguinte, 6 de Setembro, participada pela Comunidade Cristã da Chainça e animada pelo seu grupo de jovens e pelo coro que anima as Eucaristias Dominicais.

Depois da Eucaristia, a Ir. Paula encontrou-se com os jovens num simpático, aberto e profundo diálogo, fazendo propostas na linha vocacional no seguimento de Jesus, e como serviço missionário de voluntariado, partindo da pequena história da "Estrelinha Verde" e da sua experiência concreta como missionária em Timor.

No almoço de confraternização que se seguiu, esteve connosco o nosso Pároco, Cónego José da Graça. Aproveitando este momento, conversámos sobre a importância da presença das FMA para o povo em geral, para as famílias e sobretudo para a Catequese de crianças e adultos e animação litúrgica.

Neste mesmo dia à tarde, a Ir. Paula, depois de um momento de oração, abriu um diálogo fraterno, simples e espontâneo com as Irmãs sobre a atividade pastoral da nossa comunidade, interessando-se por saber quais as maiores dificuldades que sentimos no nosso trabalho e quais as oportunidades que podemos aproveitar para uma melhor evangelização desta porção do povo de Deus.

Seguiu-se o diálogo particular, no encontro pessoal com cada Irmã. Na partilha da Palavra da Lectio Divina, Lc 6, 36-38 inserida na oração de Laudes do dia 7 de setembro, o tema da Misericórdia serviu de reflexão comunitária.

Durante a manhã deste mesmo dia 7 fizemos um passeio pela cidade de Abrantes e arredores visitando os lugares mais significativos e históricos da cidade, como a Igreja Matriz de S. Vicente, a Igreja de S. João, o Castelo e seu jardim, o Rio Tejo e o Centro Geodésico de Portugal em Vila de Rei.

Neste mesmo dia, pelas 21.00h a Ir. Paula encontrou-se com a Associação de Maria Auxiliadora (ADMA) partilhando, com este bom número de leigos, o tema do Congresso de Maria Auxiliadora, realizado em Turim, no Contexto do Bicentenário de D. Bosco. A Ir. Paula animou este grupo ao amor cada vez mais empenhado a

No encerramento da Visita, a Comunidade manifestou à Ir. Paula a sua gratidão pela sua presença amiga, pelo seu testemunho de vida religiosa exemplar, de missionária corajosa, de irmã simples e misericordiosa.

Neste mesmo dia, pelas 21.00h a Ir. Paula encontrou-se com a Associação de Maria Auxiliadora (ADMA) partilhando, com este bom número de leigos, o tema do Congresso de Maria Auxiliadora, realizado em Turim, no Contexto do Bicentenário de D. Bosco. A Ir. Paula animou este grupo ao amor cada vez mais empenhado a Maria, como gesto de gratidão a Nª Sª por ter escolhido Portugal para anunciar ao mundo a sua mensagem de amor e paz confiada aos pastorinhos de Fátima.

No encerramento da Visita, a Comunidade manifestou à Ir. Paula a sua gratidão pela sua presença amiga, pelo seu testemunho de vida religiosa exemplar, de missionária corajosa, de irmã simples e misericordiosa.

 

 N.º 217 julho - setembro 2015

 

da página salesiana

 

com a devida vénia

 

Lamentamos que o clero e as freiras da Chainça não se vistam de acordo com as normas canónicas. Ao menos podiam fazê-lo para receber a Ilustre Madre Italiana.

Há que combater o laxismo post-conciliar

 

mn

 

.



publicado por porabrantes às 17:08 | link do post | comentar

Quinta-feira, 08.05.14

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Igreja da Chainça Limpeza do adro.

 

Igreja da Chainça
Limpeza do adro.''

 

 

Fotos e texto anterior da responsabilidade da União de Freguesias referida

 

Como se sabe houve um tipo que sustentou, enquanto boy, que o futuro do desenvolvimento abrantino deveria ter em conta o turismo gay e erótico

 

Pois bem a Junta em causa acha que o futuro é o turismo beato e usa dinheiro público para cortar as ervas da Rev. Irmã Maria do Sameiro, certamente para evitar o lumbago do Graça das seringas, pároco local.

 

A Vereadora da CDU já disse que isto não se pode fazer, mas isso não importa, como se sabe os comunistas são contra o turismo beato....   

 

 

a redacção

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 12:28 | link do post | comentar

Quinta-feira, 29.08.13

(...)

 

 

E são os idosos quem mais sofre na pele as consequências deste fenómeno. “Cerca de dois terços (66%) das vítimas têm mais de 60 anos”, confirma o investigador, baseando-se no mais recente relatório de análise sobre este crime.

Este ano, são conhecidos pelo menos dois assaltos que se revelaram fatais. No dia 9 deste mês, em Santa Maria da Feira, Marina, de 75 anos, foi encontrada morta na sua casa, onde vivia sozinha, com ferimentos na cabeça. Na madrugada do dia 20 de Maio, Umbelina, de 83 anos, também não resistiu à investida de dois encapuzados que lhe invadiram a casa, na aldeia de Chainça, em Abrantes. Quando tentou resistir, cravando as unhas no pescoço de um dos ladrões, taparam-lhe a boca com um pano embebido em éter que lhe causou uma paragem cardio-respiratória.

 

 

(...)

 

Artigo interessante de Sónia Graça aqui

 

 

Com o título:  Aumentam assaltos a casas com arma de fogo



publicado por porabrantes às 19:29 | link do post | comentar

Quinta-feira, 30.05.13

A polícia ainda não sabe quem matou a D.Umbelina, mas parece que haja quem já sabe.

 

 

De qualquer forma a PJ através do seu Departamento de Relações Públicas já devia ter emitido um comunicado para desfazer boatos que andam por aí.

 

E os senhores jornalistas podiam investigar, dado que a  lei lhes  concede a confidencialidade das fontes. E se passassem pelo Tribunal e verificassem quem foi sob prisão apresentado ao juiz, nos últimos dias, alguma coisa deduziriam.

 

 

Ou as autoridades pediram aos jornalistas para estarem calados????

 

Não seria a primeira vez, aqui ou noutro sítio.

 

Então fala o Aníbal Melo que pelos vistos foi nomeado porta-voz do poder e diz  que os autores, segundo tem firme convicção: ''   são pessoas de cá, não são de fora”.


E aconselha as pessoas a comprarem um cão. Dou  um conselho ao Sr.Aníbal : a ADACA tem o canil cheio de cães, organize um programa paroquial de distribuição de mastins e a segurança aumentará.....


Diz o Sr.Aníbal que não há memória de uma violência assim. 

 

Parece-me que o Sr.Aníbal tem falta de memória para a crónica negra abrantina. Algum dia haverá um escriba mórbido que porá em letra de forma um calhamaço  com o título ''Sangue em Abrantes''.

  

Já se falou aqui do assassinato da D.Clemente Valejo por volta de 1936, na Correia de Lacerda. A  casa dela  estava mesmo a seguir à actual sede do Sporting de Abrantes.  A rua em 1936 era muito mais estreita e nos anos 40 parte das casas foram demolidas, para a aumentar por exigência da tropa que queria circular livremente com as peças de artilharia a caminho do castelo. 

 1968 IGRU

 

Na mesma rua no dia 17 de Junho de 2006 mataram um autarca com requintes de extrema crueldade. E foi uma mulher para que não me venham falar que a violência é hormonalmente masculina. Tenho aqui a sentença. Pesada e com a qual não concordo em parte. Fica para outro dia????

 

Ou dou-a ao futuro autor de ''Sangue em Abrantes, Capítulo I -A maldição da Rua Correia de Lacerda'' ????

 

 

Miguel Abrantes



publicado por porabrantes às 22:58 | link do post | comentar

Quinta-feira, 23.05.13

 

 

Continua a canalha a monte!

 

 

Enquanto os assassinos não estiverem atrás das grades, podemos dormir descansados como diz, seráfico, o Aníbal ???? 

 

 

Veja aqui na RTP como está uma das vítimas! 

 

Não devia estar num hospital?????

 

 

 

 

 

O que dizem as autoridades não nos serve!

 

Aliás para se informarem vão lendo este blogue:

 

 

    [<<]  [>>]
Domain Name   (Unknown) 
IP Address   83.240.159.# (Camara Municipal de Abrantes)
ISP   PT PRIME - Solucoes Empresariais de Telecomunicaco
Location  
Continent  :  Europe
Country  :  Portugal  (Facts)
State/Region  :  Santarem
City  :  Abrantes
Lat/Long  :  39.4667, -8.2 (Map)
Language   Portuguese
pt
Operating System   Microsoft WinNT
Browser   Internet Explorer 9.0
Mozilla/5.0 (compatible; MSIE 9.0; Windows NT 6.1; WOW64; Trident/5.0)
Javascript   version 1.3
Monitor  
Resolution  :  1440 x 900
Color Depth  :  24 bits
Time of Visit   May 23 2013 10:08:19 am
Last Page View   May 23 2013 10:21:35 am
Visit Length   13 minutes 16 seconds
Page Views   13
Referring URL   http://www.google.pt...8C5VSGYeeDe4EE4tdrSg
Search Engine   google.pt
Search Words   assalto em chainca
Visit Entry Page   http://porabrantes.b...sapo.pt/1558893.html
Visit Exit Page   http://porabrantes.b...sapo.pt/1559601.html
Out Click    
Time Zone   UTC+0:00
Visitor's Time   May 23 2013 10:08:19 am
Visit Number   404,128

 

 

Perguntamos nós porque não se reúne o Conselho Municipal de Segurança?

 

Porque não serve para nada?

 

Quantos cadastrados recebem o Rendimento Mínimo de Inserção dizem-nos????


O CRIA que é quem administra o RSI, pode dizer-nos????

 

Como o digno Presidente está ocupado a exterminar os Bombeiros, não nos poderá informar????

 

Quantos estrangeiros residem em situação ilegal neste concelho?

Dizem-nos do Serviço de Estrangeiros?

 

Quantas barracas ilegais há em São Macário?

 

Podem dizer-nos dos Serviços Urbanísticos da CMA cujo responsável político é o arq. Serrano e a responsável técnica, Sara Morgado?

 

Quantas barracas já demoliram este ano???

 

Os tipos que espancaram um senhor da Arrifana onde moram????

 

Recebem RSI?

 

Postaram a notícia no portal da Senhora Albuquerque e a dita foi incapaz de se solidarizar com a vítima!!!!!

 

 

Teria ido tomar chá com a mediadora que defende o casamento de menores?

 

O importante neste momento é caçar os marginais e metê-los atrás das grades, aplicar-lhes  uma justiça implacável e pedir a pena máxima.

 

Pena aliás demasiado branda.....

 

Portanto que continue a caçada até que a escumalha deixe de estar a monte.

 

Entretanto que o Aníbal nos poupe a  discursos pacifistas. Que vá almoçar com o Júlio Bento.....

 

 

A redacção

 



publicado por porabrantes às 10:58 | link do post | comentar

Terça-feira, 21.05.13

O violentíssimo assalto de ontem à casa de duas senhoras na Chainça é mais um sinal do grau de insegurança que reina neste concelho, apesar dos esforços meritórios das forças da ordem e da inexplicável brandura dos magistrados e do encolher de ombros da autoridade administrativa expresso no célebre e celerado ''parâmetro normal'', que a poesia popular já imortalizou.

 

 

A insegurança na Chaiança foi-nos assim descrita: '' Em termos de segurança ABRANTES É zero,zero e zero. Conheço a dita Rua mais propriamente na Chainça - Rua da Sociedade, e garantidamente no espaço de 200 metros conheço 6 casas assaltadas. Com a minha incluída 2 vezes''


A senhora que está em perigo de vida teve de ser transferida para Castelo Branco porque o Hospital de Abrantes não tinha camas . Além de podermos ser espancados até à morte, também somos exportados para o cu de Judas porque o Hospital funciona como funciona.


 

Também não podemos ir apresentar queixa ao Tribunal, porque um idiota que goste de se armar aos cowboys pode começar a disparar por dá cá aquela palha. E então podemos ser alvejados como aconteceu a um senhor do Pego.

 

Pode-se fazer algo?

 

Pode. Para começar divulgar a identidade de quem disparou no Largo do Tribunal.


Depois suspender os incapazes dos guardas prisionais que deixaram fugir dois marginais algemados.

 

Em terceiro lugar pode-se fazer uma rusga, já, no Vale das Rãs e em São Macário. E demolir as barracas ilegais.

 

Também se pode meter atrás das grades em preventiva os marginais apanhados a roubar cobre.

 

E pode-se assumir que as penas se devem dirigir à punição e não à reinserção. E ainda permito-me constatar que a Srª Comandante distrital da PSP é demasiado optmista

rede regional

Finalmente podemos declamar a poesia popular. Assim:

 

  

Meu filho, presta atenção
P'ra não ires pr'à prisão
Podes roubar toda a gente
Excepto a senhora presidente

Santana-Maia Leonardo



Foto: Meu filho, presta atenção     P'ra não ires pr'à prisão     Podes roubar toda a gente     Excepto a senhora presidenteSantana-Maia Leonardo

 

 a redacção



publicado por porabrantes às 12:27 | link do post | comentar | ver comentários (6)

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Visitou a Chainça a Rever...

Maio é mês de Maria (3)

O assassinato da Dona Umb...

A maldição da Rua Correia...

Continuam a monte!

O crime na Chainça

arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds