Quinta-feira, 03.09.20

Em 1909, um urso duns ciganos ''sérvios'' ou seja zíngaros matou um pobre pegacho em Constância (recorte do ''Abrantes'')


tags:

publicado por porabrantes às 14:03 | link do post | comentar

Quarta-feira, 02.09.20

Foi ontem dada luz verde na CMA para iniciar procedimento de despejo duma casa no Cabrito, em tempos adquirida pela autarquia para alojar uma família cigana, oriunda da demolição judicial de S.Macário.

Segundo a imprensa, neste caso o Mirante, a autarquia comprou em 2017, por 56.000 euros uma casa, no Cabrito, para alojar uma família da ''comunidade cigana'', vinda do bairro marginal de S.Macário, que crescera por tolerância dos socialistas com a marginalidade e com a infracção reiterada das normas urbanísticas.

A casa compunha-se de 3 quartos, no piso inferior, WC, cozinha e quintal e mais e ainda um primeiro andar com WC, cozinha.

O arrendatário pagava 31,84 €

Foi criado um plano de intervenção social com os moradores para os ''civilizar''  que consistia em '' Tem como objetivos específicos educar para a higiene e saúde; educar para  ensino/formação/empregabilidade; promover relações ajustadas entre as famílias ciganas e todas as outras do concelho; incentivar a participação mais ativa do encarregado de educação na formação dos filhos, promovendo
a diminuição do absentismo e abandono escolar; alterar mportamentos e atitudes face ao emprego.''

O pelouro da Celeste Simão, era o responsável pela obra civilizatória.

Em Março de 2018 começou lá viver a família vinda das barracas. 

Em Julho de 2018, uma vizinha queixou-se à autarquia, contra os novos habitantes, referindo alterações de ordem pública, ruído nocturno, danos num automóvel, roubo numa casa e invasão de propriedade particular

Em Setembro de 2018, arrombamento (com participação à GNR), danos por arma de fogo etc

Outras foram levantadas nas redes sociais.

Em 11-7-2019 houve novas queixas contra os moradores,

Em 19-7-2019 a GNR informou a autarquia que o titular do arrendamento apoiado era alvo dum mandato de captura para cumprir pena e se se encontrava a monte. Que havia queixas dos vizinhos e que estes tinham receio em as formular por escrito. 

Os técnicos de intervenção social verificaram que as crianças do aglomerado familiar tinham elevado absentismo  e falta de aproveitamento escolar.

A casa tinha sido ao longo tempo vítima de falta de conservação e apresentava vidros partidos etc.

Esta situação que datava de Agosto de 2019.....foi deixada arrastar até agora. As várias diligências dos serviços autárquicos foram fracassando ao longo deste tempo,

A Vereadora do Pelouro não reportou as queixas dos habitantes  aos restantes Vereadores ao longo destes anos (pelo menos não constam das actas).

A Junta do Rossio não fez eco dos protestos populares em público.

Os Jornais acho que não falaram do assunto.

A pacífica população do Cabrito foi sujeita a padecer insegurança durante 2 anos, devido a uma política de intervenção social mal desenhada, que fracassou.

A Vereadora não apresentou desculpas aos cidadãos molestados e prejudicados por uma política errada.

Aliás ontem quando o Vereador da Oposição Silveira pediu um breve esclarecimento, o Presidente ficou muito nervoso

São políticas destas (e as da Avestruz) que levam votos ao Ventura.

 

ma

 

 

    

  

 

 



publicado por porabrantes às 18:08 | link do post | comentar

celeste_2.png

Dedicado à piedosa D.Celeste, que querendo integrar os ciganos, montou uma confusão no Cabrito (como se verá)

118214694_636412503919230_2865081970981836077_n.jp

Desordem dos Kikos com os Ezequiéis

 
no blogue 

História social, antropologia dos ciganos

de VTS.....( um grande blogue)

o cigano inocentado levou um coice duma besta, no Rossio, e morreu devido aos maus-tratos dos médicos da Santa Casa. Manuel Fernandes denunciou os factos....e foi expulso da Santa Casa ....

ma



publicado por porabrantes às 15:37 | link do post | comentar

Quinta-feira, 18.06.20

PSP fez operação no bairro cigano do Flecheiro e resgatou canídeos em condições sanitárias degradantes. Um cão estava metido dentro dum frigorífico....

''O Comando Distrital de Santarém da PSP, através da Brigada de Proteção Ambiental da Divisão Policial de Tomar, em conjunto com a Câmara Municipal de Tomar (serviços veterinários municipais), realizou hoje, dia 16-06-2020, uma acção de sensibilização e fiscalização direcionada para a legalização e vacinação de canídeos na cidade de Tomar.

Foram efetuadas várias notificações para a regularização da situação dos canídeos que não possuíam chip nem vacinas em dia e foram recolhidos 8 (oito) canídeos - 4 (quatro) adultos e 4 (quatro) cachorros.'' 

 

 



publicado por porabrantes às 07:43 | link do post | comentar

Segunda-feira, 11.05.20

''El parentesco gitano está impregnado de seis elementos absolutamente fundamentales: una fortísima tendencia, no invariable, a la patrilocalidad bastante claramente seguida en la práctica cuando conviven parientes en un área próxima, que es lo más común; una fuerte ideología de propiedad de los hombres sobre los hijos de las mujeres y sobre ellas; una androcracia consistente;
una priorización de las relaciones entre hombres en la construcción de la vida social; la autoridad última paterna y, por fin, una ideología machista verdaderamente traumática. Lo más común es encontrar asentadas familias con fuerte tendencia patrilocal y con esos otros atributos señalados. En algunos casos esas familias, cuando han encontrado un emplazamiento y unas condiciones ventajosas, se configuran como grandes familias que reúnen a un viejo o bien a un grupo de viejos hermanos y sus respectivas familias extensas preferentemente patrilocales pero anexionando a ellas a alguna hija y su marido, alguna hermana y su cuñado, o alguna mujer viuda cercanamente emparentada. Esta misma estructura (familia extensa patrilocal o fraternal, bien por sí sola o bien nucleando entorno a sí a algunos parientes, especialmente por matrimonio) puede constituirse como comunidad dispersa, asentándose cada familia componente en distintos emplazamientos y formando un grupo de parientes de tres o cuatro generaciones, disperso pero solidario con muchos aspectos de la vida, viviendo o a un < podemos ir andando>, una veces, y con cientos de kilómetros de distancia, otras. Ofrece grandes posibilidades de ayuda mutua, cotidiana en el ámbito local, coyuntural entre los dispersos. Este grupo de parientes está además articulado por aquellos principios que dan prioridad al varón, marido y padre, de manera que está penetrado por una línea que se dibuja a lo largo de varias generaciones y emplazamientos que vincula a los hijos con el padre.”

Teresa San Román(1997), la diferencia inquietante: viejas y nuevas estrategias culturales de los gitanos. Siglo XXI de España Editores. Pág. 87-88


tags:

publicado por porabrantes às 11:14 | link do post | comentar

Sábado, 02.05.20

à freguesia socialista da Marinha das Ondas, explicar que o povo socialista não se deve portar assim. 

ma


tags:

publicado por porabrantes às 22:14 | link do post | comentar

Domingo, 19.04.20

Este estudo de 2020, do IHRU -Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana, CARACTERIZAÇÃO DAS CONDIÇÕES
DE HABITAÇÃO DAS COMUNIDADES CIGANAS RESIDENTES
EM PORTUGAL, identifica o numero de ciganos em Portugal e as suas condições de alojamento.

Dá-nos informações preciosas que o caciquismo nunca foi capaz de disponibilizar.

Há cerca de 37. 000 habitantes ciganos em Portugal e representam 0,35% da totalidade dos portugueses.

Há cerca de 37% a viver em barracas. 

E 46% dos ciganos vivem em habitação social.

A estimativa para o concelho de Abrantes oscila entre 100 a 500 residentes ciganos.

Os dados do censo de 2011 estimava uma população de 39.000 habitantes no concelho.

Ou seja a população cigana anda bastante abaixo de 1% da população residente. Segundo o estudo não chega a 0,5%.

Em Abrantes existem entre 11 a 25 famílias a viver em barracas, em Tomar onde há números certos são 53.

Mais de 50% dos ciganos de Abrantes vivem em barracas. Em  Tomar e Constância, 100%, na Barquinha 93%.

Contudo, ocupa  a comunidade cigana, no caso abrantino, um peso desproporcionado na ocupação de habitação social, que não é totalmente pública.

A Santa Casa é proprietária dum parque relevante em termos locais,de habitação social.

 A CMA tem 24 fogos. Parca habitação social, como já se disse.

Quase para terminar,  os ciganos que representam menos de 0,5% dos abrantinos e ocupam 26% da habitação social local.

No total do país só representam 3% das pessoas a viver em habitação social.

has.png

A CMA gastou nos últimos anos cerca de 50.000 € em habitação social (para realojar uma família de S.Macário) , o mesmo que gastou a comprar um Mercedes à pindérica.

E a pergunta: pagam os ciganos a renda das casinhas?

Uma pessoa residente em habitação social informou-nos, no meu bloco sou a única que pago, os ciganos não costuma pagar.

ma

devida vénia ao IHRU para o gráfico



publicado por porabrantes às 11:40 | link do post | comentar

Quarta-feira, 18.03.20

La policía escolta hasta Portugal a una caravana de nómadas que intentaba acampar en Badajoz

(Hoy com a devida vénia)

La Policía Local siguiendo la caravana por la avenida de Elvas. /PAKOPÍ


publicado por porabrantes às 19:45 | link do post | comentar

Quinta-feira, 20.02.20

O ghetto cigano de São Macário está de novo nas manchetes. O MP da Ponte de Sor acusa 10 marginais de tráfico de droga.

ghetto

Ao longo de décadas a autarquia socialista abrantina permitiu a criação e o alastramento dum bairro marginal onde proliferou o tráfico de drogas e a insegurança.

A coisa só terminou quando os tribunais mandaram demolir as barracas.

Enquanto isso, por motivos políticos e de falso e beato humanitarismo, de que é excelso exemplo a Dona Celeste, olhava-se para o lado, apesar das queixas do povo e dos edis da oposição e de várias sentenças judiciais visando os marginais por agressões a vizinhos e patifarias semelhantes.

Como se sabe há um Conselho de Segurança com actas secretas.

ma 

 



publicado por porabrantes às 07:52 | link do post | comentar

Terça-feira, 14.01.20

A reverentíssima comunidade cigana de Campo Maior resolveu retirar o vídeo caló ''Puta da GNR''

puta da gnr

Mas há cópia

modelar

modus operandi 2

Disponível no site indicado.

mn 


tags:

publicado por porabrantes às 22:05 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Urso dos ciganos mata peg...

CMA despeja fugitivo à ju...

O mais famoso ajuste de c...

PSP resgata matilha cigan...

Uma ideologia machista ve...

Mandem a Celeste Simão

Ciganos ocupam 26% da hab...

Espanhóis expulsam cigano...

Tribunal acusa gang de S....

Vídeo Kultural caló

arquivos

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

frança

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds