Domingo, 30.12.18

páreo

Este livro foi editado pela CMA por esforço de Eduardo Campos, que pediu ajuda ao saudoso Dr.José Vasco.

páreo luso

Neste estudo sobre Manuel Constâncio, Candeias Silva mete o livro na bibliografia e reproduz a capa, sem citar nem José Vasco, nem Eduardo Campos.

Não é novidade, é evolução na continuidade.

mn

imagem da Livraria Suméria, um bom alfarrabista

 

 

 



publicado por porabrantes às 16:25 | link do post | comentar

Terça-feira, 15.05.18

A 16 de Maio de 1969 o Diário de Lisboa dá grande destaque ao Congresso Republicano de Aveiro, que começara no dia anterior, pela pena dos enviados especiais Raul Rego e Urbano Tavares Rodrigues.

Destaca entre os telegramas de apoio  recebidos pela organização, o  do dr José Vasco (Abrantes).

Naturalmente não temos culpa que nenhum alfaiate abrantino tenha mandado para lá um telegrama nesse dia.

Na organização a nível de Santarém, o nome abrantino era o  do dr. Orlando Pereira.

 

mn



publicado por porabrantes às 19:40 | link do post | comentar

Domingo, 06.05.18

"José Joaquim Brito Ribeiro Vasco"

1-de-julho-de-2017

 

Description level
File File
Reference code
PT/TT/PIDE/E/010/106/21188
Title type
Formal
Date range
1953-05-12 Date is certain to 1953-05-15 Date is certain
Dimension and support
1 doc.
Physical location
PIDE, Serviços Centrais, Registo Geral de Presos, liv. 106, registo n.º 21188
Creation date
11/01/2008 0:00:00
Last modification
29/04/2011 21:52:18
 
 
 
Refere-se ao Dr.José Vasco, que foi um grande médico abrantino e Presidente da Assembleia Municipal
 
ver aqui no Ephemera
 
Agradece-se ao Dr.Pacheco Pereira a amável referência. Devia-se ter agradecido antes, mas só agora se deu por ela.
 
 
 
 


publicado por porabrantes às 23:01 | link do post | comentar

Segunda-feira, 18.01.16

Fundação Mário Soares destaca abrantinos

Ainda não fui ver o site, mas faltam aqui pelo menos, o Dr. José Vasco e a esposa. Pelo menos, o já falecido e dirigente do MUD Juvenil em Coimbra, Dr. Alberto Vilaça, no seu livro "O MUD Juvenil em Coimbra" tem uma grande lista dos dirigentes do MUD

Rui Lopes

 

Caro Rui,

Faltam bastantes, caso da D.Dalila Marques Maia  e do marido, e do irmão dele  o Dr.Gilberto Vasco, que foi médico em Abrantes e depois se mudou para a Figueira da Foz.

O caro Silêncios e Memórias destacou a D.Dalila, a partir do blogue abrantino Marca de Água. Entre os comentaristas que a recordaram estava o saudoso Dr.José Vasco.

26.4.09

branca5 disse...

OBRIGADO CLARINHA ,PELO RESUMO DE VIDA DA DALILA.
PARA O PAULO E ELSA UM BEIJO GRANDE DO PAI.
JOSÉ VASCO

26.4.09

 

 

O Silêncios e Memórias do Prof. João Esteves  tem a bondade de fazer uma referência ao nosso blogue

dalila.png

 

A ficha prisional da presa política Dalila Maia está aqui. 

Só por curiosidade refere-se que a D.Dalila foi despedida da Coimbra Editora (diz o Marca de Água) por motivos políticos. Entre os sócios da Editora que editava os discursos de Oliveira Salazar estava o ditador. E outros professores da Academia de Coimbra, especialmente da Faculdade de Direito.

mn.



publicado por porabrantes às 21:32 | link do post | comentar

Segunda-feira, 28.09.15

Ordem médicos.png

 O ex-barbeiro e sangrador Manuel Constâncio foi um vulto essencial na Idade de Ouro da Cirurgia Lusitana.

Natural de Abrantes, com vastas propriedades na terra, que se transmitiram até há pouco aos seus sucessores, Constâncio é o patrono do hospital local.

Já foi aqui citado várias  vezes.  Muitas vezes referido nos tratados de história da medicina portuguesa, o protegido do Marquês de Abrantes, foi abordado numa perspectiva fiável na bibliografia abrantina por Eduardo Campos e pelo dr.José Vasco. E ainda como consta num link por um médico de raízes abrantinas, com vasta preocupação pela história da medicina lusa, o dr. Luís Damas Mora.

páreoManuel Constâncio o Páreo Português

Autor: Augusto Gonçalves Correia de Castro
Organização: José Vasco e Eduardo Campos
Ano: 1993

 

ma



publicado por porabrantes às 15:29 | link do post | comentar

Segunda-feira, 15.12.14

Muitos miúdos abrantinos, como eu ou o historiador dr.Jorge Santos Carvalho, passaram as férias estivais na Figueira da Foz desde 1956-7 e sempre que tinham dores de barriga ou outras maleitas recorriam à assistência amiga e sábia do médico dr. Gilberto Vasco.

Esteve este episodicamente em Abrantes e daqui foi para a Figueira, tendo herdado o seu consultório o dr. José Vasco, médico tão bom como ele e anti-fascista como o irmão.

Só por evidente lapso é que o histórico laranja Sr.Daniel Augusto António, numa entrevista à Zahara do Gaspar, conduzida por José Eduardo Alves Jana, é que pode situar o dr. Gilberto em Abrantes, depois de 1958.

Aliás neste documento da resistência (1958)  quem figura na comissão política da candidatura Cunha Leal, aqui conduzida por Vergílio Godinho, é o dr. José Vasco já então residente na cidade.

Não é por nada mas este blogue, que fala da Srª .D.Dalila Marques Vasco, mulher do dr.Zé Vasco diz exactamente o que dizemos. O dr. Gilberto, que tinha uma paciência de santo para aturar os miúdos, residia na Figueira.Para melhor biografar a D.Dalila vejam também este post, que foi feito pela família e é naturalmente a família que conhece melhor a sua trajectória.

Já agora, neste artigo do saudoso Mário Semedo, já aqui publicado, 

oposição mário semedo.jpg

   há uma achega para esta história.

 

E vão-me perdoar mas a história faz-se com documentos, a trajectória de Orlando Pereira na Oposição é tão grande que o encontramos já na direcção académica do MUD juvenil em 1947.

mud orlando pereira.png

(Fundação Mário Soares)

 

Finalmente tenho dúvidas que o sr. Daniel Augusto António se recorde deste nome que foi activo na constituição do MUD em Abrantes e também na campanha do General Delgado, o Advogado dr. Aníbal Ribeiro Martinho.

O sr.Daniel e o Jana recordam-se do dr. Aníbal como um feroz anti-comunista, simpatizante do CDS lá por 74-75, mas ele esteve e temos prova documental disso na campanha abrantina do General Coca-Cola , que aliás era tão anti-comunista como o capitão Henrique Galvão.

O que não encontrei ainda foi prova documental que nenhum dos entrevistados do Jana estivesse activo contra a Ditadura em 1958.

MA

ps-ao lado de Orlando Pereira assina o manifesto estudantil lisboeta o artista plástico Dias Coelho, amigo de Duarte Castel-Branco, vilmente assassinado pela PIDE

 



publicado por porabrantes às 18:12 | link do post | comentar

Domingo, 01.05.11

 

 

Dizem-nos que ninguém das autoridades camarárias, incluindo o actual Presidente da Assembleia Municipal esteve presente no funeral civil do democrata, grande médico e único anti-fascista que desempenhou o cargo de líder da Assembleia abrantina.

 

A ser verdade é uma descomunal falta de educação.

 

Não faço mais comentários.

 

Miguel Abrantes 

 

agradecemos ao peticionário a quem o clínico salvou a vida aos 11 anos o envio desta foto. Foi a sua forma de se associar à nossa homenagem. Haverá que falar de política (na qual participou o ilustre clínico, mas agora não é o momento)



publicado por porabrantes às 22:12 | link do post | comentar

Sábado, 30.04.11

A nossa leitora Ametista teve a gentileza de se associar à homenagem que a petição realiza à figura do Sr.Dr.José Vasco, recentemente falecido.

 

Transcrevemos o texto que a Ametista nos enviou


Ametista disse sobre A morte do Dr.José Vasco no Sábado, 30 de Abril de 2011 às 19:20:

 

     

Antes de mais os meus pêsames à família.
Grande senhor o Dr. José Vasco, talvez deva a ele o facto de hoje existir.
Quando na década de 60 sendo eu bebé, e tendo uma doença estranha no sangue que nenhum outro médico conseguia descobrir os meus pais a ele recorreram.
Na altura o meu pai empregado camarário, a mãe sem emprego e uma irmã recém nascida, ele arranjou a melhor maneira de eu ser internada no hospital Dona Estefânia e, sempre me acompanhava quando tinha alta. É o primeiro médico de que eu tenho memória.
Muitas vezes a ele recorri.

 

Obrigado!!!

 

Marcello de Noronha

 



publicado por porabrantes às 21:10 | link do post | comentar

Cubierta delantera

 

Recebemos do nosso amigo Rui Lopes outro comentário ao passado político coimbrão do Advogado, dirigente comunista e memorialista da História da luta contra a Ditadura, Alberto Vilaça e da sua relação com o nosso amigo já falecido dr. Zé Vasco ( também se fartou de me tratar das maleitas infantis ! obrigado Doutor!)

 

Aqui fica:

''Não achei em nenhum dos Livros do Dr. Vilaça referência ao Dr. José Vasco, aquilo, disse-me o Dr. Alberto Vilaça pessoalmente. 
O Dr. Alberto Vilaça, em criança, referia num dos seus livros, ao passar debaixo da varanda dos pais dele um desfile não sei se da legião portuguesa gritou vivamente em acto provoctório: VIVA A REPÚBLICA!
Na campanha do General Humberto Delgado, a PIDE pretendia que o General não chegásse ao Hotel Astória, no Largo da Portagem, onde a multidão o aguardava. Numa das conferências, a filha do General, Iva Delgado, disse que a GNR lhe barrou o caminho à entrada de Coimbra, quando, logo a seguir, surge um jovem Advogado de Coimbra, Alberto Vilaça, que disse apenas: General, siga o meu carro, passaram de carro por escadas, ruas estreitas, por todo o sítio inimaginável e chegaram à Portagem! O General chegou à varanda do Hotel com uma capa de estudante ao ombro, e foi aplaudido pela multidão, e o chefe da PIDE em Coimbra, o famoso inspector Sacheti! fervia de raiva ... 
O Dr. Alberto Vilaça, defendeu em Tribunal muita gente que teve problemas com a PIDE, acho que chegou a ser preso em pleno tribunal (à semelhança do Dr. Manuel João Palma Carlos) e, além de ser interrogado, foi preso pela PIDE várias vezes, é o que sei ... pois o Dr. Alberto Vilaça também já cá não está para falar ...''

 

 

 

Dizia o Rui que não encontrava nos livros do Dr.Vilaça referência ao Dr.Zé Vasco. O livro de que falávamos é o da capa reproduzida acima e foi editado em 1997 pelas Edições Avante.

 

Há nele alguma referência ao dr. José Vasco como militante comunista em Coimbra nos  anos 40, ao seu irmão Dr.Gilberto Vasco que foi o primeiro pediatra de Abrantes e depois foi um conceituado médico na Figueira da Foz e ainda à primeira mulher do dr. Zé Vasco, Srª D.Dalila Marques Maia, que também foi foi militante oposicionista nos anos 40 em Coimbra e cuja ficha na Pide-DGS consta aqui .

 

 in http://marcadagua-pt.blogspot.com/2009/04/dalila-marques-maia.html

 

 

Neste blogue podem encontrar uma descrição da vida da D.Dalila e uma homenagem emocionada dos seus filhos e nossos amigos Srs. Drs. Paulo e Elsa Vasco.

 

Só para finalizar numa cidade que produziu gloriosos anti-fascistas por milagre depois do 25 de Abril de 1974 nunca vi o Sr. Dr. José Vasco nem a sua mulher gabarem-se do seu passado político.

 

Gente com classe, é feita doutra massa....

 

Um abraço ao Rui

 

Miguel Abrantes 



publicado por porabrantes às 17:16 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Evolução na continuidade:...

Cronologia: O telegrama

Dever de cortesia: Epheme...

Os abrantinos silenciados...

Conferência sobre Manuel ...

O médico da Figueira

Dr.José Vasco

Ametista homenageia José ...

Ainda o Sr.Dr.José Vasco,...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds