Domingo, 02.12.18

artigo de São José Almeida, no Público

 

Gestão, Política e Economia – Vivências e Reflexões

mn



publicado por porabrantes às 09:49 | link do post | comentar

Sexta-feira, 14.09.18

fraude delgado catroga sábado abril 1958

Entrevista na Sábado de Sílvia Oliveira a Eduardo Catroga, Abril, 2018

 

A fraude denunciada foi realizada sendo o Dr. Manuel Fernandes, Presidente da UN/Abrantes e Presidente da Câmara o Major Machado.

 

Temos poucas memórias abrantinas e esta excelente entrevista é uma boa contribuição para as avivar. 

 

mn



publicado por porabrantes às 20:38 | link do post | comentar

Quinta-feira, 19.04.18

(...) A questão não está em se tratar do Almeida, do Catroga ou do Zé da Esquina; o escândalo, a pouca vergonha, o descaramento, o murro nos estômagos cada vez menos fartos dos portugueses, está naqueles 100 miles – que, no caso do Dr. Eduardo Catroga serão pouco mais do que trocos, dado que ele, nas administrações das várias empresas de que faz parte, tira, de certeza, muito mais do que isso.

O socialismo português fez maravilhas! E os social-democratas portugueses, entusiasmados, vão repetindo e alongando as espantosas benesses que os socialistas deram ao bom povo português. Bom e feliz, como felizes são todos os ignorantes. E os que pensam que há-de haver maneira de também fazerem 45 miles por mês ou perto disso em parte-time, porque todos somos filhos de Deus, pois então!

Cá têm porque é que todos os dias se assaltam lojas e ourivesarias e as caixas automáticas dos bancos – e será assim sucessivamente sem cessar enquanto houver ourivesarias e caixas automáticas e ordenados de 45 miles por mês  em part-time.

O quanto é que dói; não é quem, porque antes do Dr. Catroga houve o Dr. Almeida e depois do Dr. Catroga será nomeado outro Dr. qualquer. Socialista ou social-democrata ou aparentado…(...)

catroga busto.jpg

Eurico Consciência mal-dizendo numa crónica .... 



publicado por porabrantes às 14:24 | link do post | comentar

Domingo, 08.04.18

avellar machado novo.png

Não houve político a que Abrantes ficasse a dever mais que ao rossiense Avellar Machado. O abastecimento de água no cabeço, a linha férrea que revolucionou os transportes locais (e que a prazo mataria o tráfico fluvial), escolas nas freguesias, e por aí  adiante.

Para ver a sua folha de serviços consulte-se o Abrantes Cidade Florida, num artigo de Mestre Diogo Oleiro.

Oficial do exército com uma formação de engenharia, pode incluir-se na lista dos homens do mesmo tipo, que seguiram outro engenheiro, Fontes Pereira de Melo, na política, fazendo um certo saint-simonismo à portuguesa. 

Num país de bacharéis e literatos românticos, era a modernidade.

 

Foi político, nunca chegou a Ministro, capitaneou os regeneradores locais e foi naturalmente conivente num sistema eleitoral baseado nos caciques (os influentes) e na fraude eleitoral.

A maior crítica abrantina que se lhe pode fazer é que sendo vogal do Conselho dos Monumentos Nacionais (1894) deixou Santa Maria do Castelo continuar a ser um estábulo, como conta Oliveira Martins nas Cartas Peninsulares

santa maria oliveira

 

Conseguiu no fim da vida sinecuras a que hoje chamaríamos tachos ,  e teve múltiplas homenagens em vida mas não teve bustos nem estátuas, enquanto viveu.

Algumas  das homenagens foram organizadas pelo seu adversário político progressista Francisco Eduardo Solano de Abreu, designadamente a criação no Montepio duma bolsa a favor das classes artísticas (era assim que se chamava aos operários, muitos deles ainda artesãos), que levou o nome do Par do Reino, dotada com rendimentos por Solano, que hipotecou valiosas propriedades rústicas para garantir esses pagamentos,

Pelo que dizia Oliveira Martins a sua fotografia estava omnipresente em todos os sítios, incluindo nos palheiros onde se aboletavam as azémolas da tropa.

Mas só teve estátua depois de morto e bastante depois (1929)

monumento avelar machado.jpg

Não sei se foi o pudor de Avellar Machado ou a falta de verbas que levou a isto.

Mas as outras estátuas abrantinas, ao Dr. Manuel Fernandes em Abrantes, a do Comendador Duarte Ferreira, no Tramagal, a do industrial Soares Mendes no Rossio, a de António Botto, na Concavada só foram inauguradas depois da morte dos homenageados, seguindo a tradição da primeira, a de Taborda.

Agora o próprio homenageado descerra o seu busto

catroga busto.jpg

 

 Convenhamos que o inovador  espectáculo não é elegante.

mn

 



publicado por porabrantes às 18:29 | link do post | comentar

Quinta-feira, 25.01.18

O Doutor Eduardo Catroga critica a diarreia legislativa deste governo que acha que qualquer ''pintelhice'' deve ser regulada.

 

Entrevista ao Eco



publicado por porabrantes às 10:07 | link do post | comentar

Domingo, 23.07.17

chineses.jpg

chinese 2.png

Depois de fazerem  queixas a Marcelo e a Costa, os representantes da multinacional chinesa vieram com o  seu empregado Catroga até Abrantes.

Não lhes explicou o Catroga que Portugal é uma democracia e que o Presidente e o Chefe de Governo não podem interferir nos assuntos em Tribunal???

Isso é muito movimento para a cabeça duma empresa estatal, directamente dependente do comunismo chinês, mais que denunciada pela Amnistia Internacional.

 A morte na cadeia do Prémio Nobel da Paz

Liu_Xiaobo.jpg

Liu Xiaobo mandava evitar relações com dignatários duma ditadura repelente. Mas como se sabe, o que mais impera é ''money as usual''.

 

ma

foto:CMA, wikipedia, recorte do ''Expresso''  



publicado por porabrantes às 19:34 | link do post | comentar

Sábado, 20.05.17

catroga benfeitor.png

 

Correio da Manhã

 

luis alves.jpg

 Cidadão Abt

 

deve ser por isso que o Luís Alves e a cacique o querem imortalizar numa parede da cidade....

ma



publicado por porabrantes às 10:55 | link do post | comentar

Sexta-feira, 24.02.17

Diz o caciquismo que vão arranjar  o Largo de S:Miguel num investimento da CMA e da Junta e de mecenas privados.

Já se falou disso aqui.

Mas é injusto por parte do caciquismo e da Junta não agradecer a quem arranjou as massas, que foi o Senhor Doutor Eduardo Catroga, que é hoje vítima das sevícias do Lacão no Público.

Destaque-se pois o principal bairrista de S.Miguel, que se preocupou em arranjar

 dinheiro e se interessou pela sua terra.

Quanto ao timing das obras, é naturalmente ditado pela caça ao voto.

ma   



publicado por porabrantes às 21:30 | link do post | comentar

Sábado, 05.11.16

eduardo.png

Numa entrevista, ao JN, o gestor e político abrantino fala da sua vida e dispara contra o Governo.

geringonça.png

 

Revela que não o deixaram entrar na Marinha por informação da PIDE-DGS

 

Faz uma homenagem à sua professora primária de S.Miguel, D.Maria Virgínia....

 

Uma frase deliciosa: ''Como rural tinha o sonho de ter uma casa'', assim comprou e restaurou uma casa na Lapa, se calhar com vista para outra dum administrador abrantino da Renova. Este é de Alferrarede. Também se considerará rural?

 

Foi adjunto na tropa do Durand Clemente....um gajo porreiro !

 

pintelhos.png

 

 

Citações retiradas do grande blogue

search.png

 Leia a entrevista, imprescíndivel.

 

ma



publicado por porabrantes às 10:01 | link do post | comentar

Domingo, 31.07.16

mw-768.jpg

 O ''caralhês'' alaranjado do filantropo e argentário de São Miguel do Rio Torto em destaque no semanário de referência, num artigo de Henrique Monteiro.

 

Calma, o empregado dos chineses ainda não disse que a medalha centenária, que a Céu lhe deu, era uma ''pentelhice'', foda-se.

 

Mas o Senhor Doutor ainda o pode dizer...., estamos à espera

 

ma

 

Imagem : expresso com a devida vénia

 

  



publicado por porabrantes às 11:53 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

As memórias políticas de ...

Fraude eleitoral em S.Mig...

Eurico Consciência analis...

A política da memória

Catroga critica diarreia ...

Chineses queixam-se do MP

O benfeitor Catroga alcan...

O mecenas

Catroga fuzila geringonça

Eduardo Catroga em destaq...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10

21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds