Domingo, 19.06.16

passarinho.png

Desporto em Abrantes

 

É de recomendar aos redactores que verifiquem melhor os currículos para justificarem a atribuição de medalhas

O primeiro professor de ginástica na EICA e no Colégio de Fátima foi o tenente João Duarte Marques

brigadeiro marques.png

Mais tarde oficial-general, deputado da Nação, etc...

Porque se continuam a inflacionar os currículos ainda veremos sustentar que a Rev.Madre Santos Costa

madre santos costa 2.png

fundou o Colégio de Fátima, quando foi uma das envolvidas na Comissão de Extinção do Colégio, Amém.

Se a CMA quer continuar a inventar currículos sugerimos: o Manuel Dias mais o Zé Molhinho foram os dirigentes da campanha Delgado em 1958, foi o Vasco Ramires que ganhou medalhas nos Jogos Olímpicos e não o Mena e Silva; foi o Luizinho Fernandes que fundou o La Salle e não o pai dele.

Este também não foi Deputado do fascismo, era um dirigente do MUD e a Pintasilgo é que viu a Virgem que lhe distribuiu um terço certificado, e não uma pastora analfabeta chamada Lúcia, que por acaso viria a ser Doroteia, com o pesado fardo de varrer o pátio e descascar batatas num  Colégio galego da Ordem.

a redacção 

fotos: Desporto em Abrantes; nossa, Médio Tejo



publicado por porabrantes às 09:29 | link do post | comentar

Segunda-feira, 30.05.16

eica identificar.jpg

 O ensino privado abrantino da época estava menos fascizado.

ma


tags: ,

publicado por porabrantes às 21:46 | link do post | comentar

Terça-feira, 10.05.16

berta santos carvalho.png

A drª Berta Pessoa Santos Carvalho foi uma das grandes professoras abrantinas na EICA, onde colaborou directamente com outra grande Mestra, a D.Maria Justina Bairrão Oleiro.

Uma morte precoce levou-nos uma grande docente e senhora.

Era irmã do nosso amigo dr. Jorge Pessoa Santos Carvalho, historiador, residente em Belgrado e do jurista abrantino dr.Victor Santos Carvalho. Acho que não temos espaço para recordar todas as professoras abrantinas, mas ao recordar estas duas, fazemos uma homenagem a todas. Já agora temos algures as notas das alunas fundadoras do Colégio de Fátima. A drª Berta foi a melhor de todas elas. Quando descobrir o recorte, publica-se.

mn    



publicado por porabrantes às 14:21 | link do post | comentar

Quinta-feira, 21.04.16

(...)

Principalmente os da EICA (Escola Industrial e Comercial de Abrantes), porque fui seu aluno quando tudo estava em aberto e a sua orientação e aconselhamento foi importante para desenvolver em mim uma personalidade e uma expectativa da vida. Escrever aqui o nome de alguns desses professores é o mínimo que posso fazer para expressar o enorme reconhecimento que tenho pela sua acção. Por todos, aqui vão alguns desses homens e mulheres, do meu tempo, que deram sentido ao ensino como forma de aprendizagem para a cidadania: Maria Justina Oleiro e os padres Jana e Narciso, cujas aulas de Religião e Moral eram um estímulo ao desenvolvimento de uma cidadania responsável; José Vasco, cujas aulas de Higiene abriam horizontes aos espíritos juvenis, de forma elevada; Eurico Heitor Consciência, professor «emprestado» que transformou o Direito Comercial, de terra árida e seca, numa orquestra em que todos gostavam de tocar; Esteves Pereira e Luís Alves, que foram capazes de transformar as aulas de Contabilidade em espaços de aprendizagem dinâmicos; Maria Helena e António Bandos, um casal que soube ensinar que a História não era «histórias», mas coisa vivida; Oliveira Martins, que complementava a exactidão da ciência com o seu enorme exemplo para os alunos; Mário Passarinho e Palma Borges, que transformaram as aulas de Educação Física em momentos lúdicos; Luís Ribeiro, que tornou a Economia Política em coisa de gente; Hélder Tiago e Hélder Miguel, professores muito jovens à procura de espaço; Ferraz Diogo, professor maduro, comprometido; e tantos outros, que a escassez de espaço não permite aqui citar, mas cuja acção foi igualmente empenhada.Uma última palavra para o Director, ao tempo, Américo Santo. Um homem que, percebo-o hoje, de forma clara e sem que nem ele, provavelmente, se desse conta, fazia o impossível: fechar todas as portas fazendo que com algumas delas, ao mesmo tempo, se mantivessem abertas.Um dia, uma professora, oriunda da Escola Veiga Beirão, em Lisboa, que fazia na EICA o seu ano de estágio profissionalizante, dizia, bem alto, a toda a turma em que eu me encontrava: «Eu já andei por muita escola e nunca vi nada assim!» Referia-se, com alguma insatisfação, ao carácter extrovertido dos alunos. Ao seu destemor em colocarem questões nas aulas. À sua permanente insatisfação por uma escola melhor e mais aberta. Os alunos daquela Escola Técnica queriam compreender, saber mais. Estar na escola como estavam em sua casa, nas ruas da cidade, nos cafés, nos locais onde a cidade se vivia; esta atitude era potencializada pelo facto de os professores serem também as pessoas que encontravam nas ruas da cidade, nos cafés, nos locais onde a cidade se vivia, os pais dos seus amigos, os conhecidos dos seus pais. (...)

o amigo Estêvão de Moura no Público

 

O Doutor Estêvão de Moura foi, se bem me lembro, funcionário do Escritório do Dr.Consciência, em Lisboa. Quando se doutorou o seu ex-Professor dedicou-lhe um artigo, no Jornal de Abrantes, que se  chamava ''Uma Ode ao Doutor Estêvão''.

 

com a devida vénia ao Estêvão e ao Público, O título do artigo é ''Reinventar a comunidade e a escola'' (2003) 

 

mn



publicado por porabrantes às 15:55 | link do post | comentar

Sexta-feira, 25.03.16

eica.jpg

a redacção


tags:

publicado por porabrantes às 20:02 | link do post | comentar

Segunda-feira, 21.12.15

Lembram-se deste clérigo (diocesano de Portalegre) que alegrou as páginas da imprensa com grandes capas, que alucinaram o Povo de Deus e encheram de espanto a opinião pública laica?

 

 

 

milheiro valente tribunal.png

Jornal de Notícias

 

milheiros valente jn.png

refiro-me, como já adivinharam ao visionário P.Milheiro Valente, que tinha uma indústria de venda de cruzes luminosas, regia um convento ''cismático'' e propagandeava videntes apocalípticas, que o Cardeal Ratzinguer considerara fora da ortodoxia católica?

 

Pois bem a história da EICA,

eica símbollo eica facebook.jpg

do dr. Joel Sabino, narra que o fundamentalista alucinado dirigia os retiros de alunos desta Escola nos anos 60, na Casa de Santa Zita

zitas.jpg

sob os auspícios desse Apóstolo da Mocidade Portuguesa e Arauto da Imaculada Conceição, Padre Narciso, que algum dia chegará aos Altares e sob indicação expressa do Bispo D.Agostinho de Moura, um fofo frade que Roma escolhera para salvar a Diocese do trabalho de '' demolição dos espíritos'', que fizera o Senhor Dom António Ferreira Gomes, segundo palavras exactas dum Arcipreste num Jantar em Casa do Dr.Armando.

retiro 2.png

 

  O industrial de aparições era Secretário de Vocações na Diocese, por escolha do fascista Agostinho de Moura.

d. agostinho.jpg

RTP, Agostinho penetra na Diocese, face ao júbilo do bom povo e à reverência dos caciques fascistas, o carro era do Senhor Rui Sequeira, exportador de caroços de azeitonas para Jerusalém para fazer terços genuinamente ''made in Terra Santa''.

 

 

 ma

 



publicado por porabrantes às 09:34 | link do post | comentar

Segunda-feira, 09.11.15

eica identificar.jpg

Fogoso, o sacerdote levantou-se para cantar as virtudes da Pátria e de Salazar. À civil o capitão Machado contém-se. João Duarte Marques, de uniforme militar (também podia ser o da Legião ou o de professor de ginástica), pensa que diria o meu conterrâneo, Rolão Preto, desta Igreja sempre pronta a lamber as botas ao Ditador?

A verborreia salazarenta do tonsurado não comoveu o Provedor da Santa Casa. O Dr.Agostinho Baptista não resistiu a uma soneca.

Mas uma senhora entrou em calores com a épica do Abade e vá de puxar do leque.

A foto é duma cerimónia na EICA. Talvez dos anos 50.

ma

O brigadeiro Marques era um dos mais divertidos homens que conheci. Vai à sua memória.Foi ele um dos que tirou este homem da cadeia

manuel fernandes.jpg

e quem o meteu lá  foi o pai político de  Agostinho Baptista.

João Duarte Marques foi o 1º professor de ginástica do Colégio de Fátima e da EICA, mas também foi Administrador das Fundições do Rossio, Comandante de Infantaria 2 e Deputado da Nação, bem como chefe da Legião   

 

mn



publicado por porabrantes às 18:18 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.10.15

Calhou falarmos da EICA. Pois um portal imobiliário anuncia a venda da Casa  que foi residência do histórico Director da EICA, Sr. Dr.Américo Santo.

É por trás da CMA, no coração da velha Abrantes e a casa tem as qualidades e defeitos das residências burguesas do século XIX da nossa terra.

O portal diz isto:

 

''Área Terreno: 170m² Ano de Construção: 2014 A 'Casa do Professor' datada de fins do século XIX, mantendo ainda alguns elementos da anterior edificação que remonta ao século VIII, com estilo senhorial tem uma área total de 960 m2, compreendendo em cada piso 230 m2 e quintal com uma área descoberta de 170 m2, fica localizada no centro histórico da cidade de Abrantes (Ribatejo) é constituída por casa com três pisos e sótão. O r/c compreende: um verdadeiro espaço e polivalente amplo adequado para garrafeira, salão de jogos, atelier, arrumos com 205 m2 com teto em vigas antiquíssimas de madeira, biblioteca com escritório com 25 m2 e pequeno hall de entrada guarnecido a azulejos da época e garagem com capacidade para três viaturas. O acesso ao primeiro andar faz-se por escada em madeira, sendo o mesmo constituído por 5 salas, 1 casa de banho, 1 cozinha, 1 despensa, 1 quarto e acesso direto ao quintal com um grande terraço, árvores de fruto, espaços ajardinados, cisterna e anexos para arrumos. No segundo piso: 7 quartos, 1 casa de banho e cozinha. #ref:1846''

casa zúniga.png

Só um pormenor duma das velhas cisternas, impecavelmente conservada, típica dos quintais duma vila escassa em água.

casa zúniga 13.png

A forma como os proprietários conservaram a casa é uma prova de amor à cidade, que dá lições ao poder público e ao cónego das seringas.

 

A casa andou ainda associada à família do militar Abel Malhou Zúniga, que acho que estava ligada à do director da EICA.

 

Preço 300.000 euros, um bocadinho caro.

 

mn. 

 

fotos dum portal imobiliário



publicado por porabrantes às 22:33 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.10.15

 

 

Já falei aqui deste livro interessante sobre a EICA,

 

 

joel sabino eica.jpg

 

 

eica sabino 2.jpg

Devo dizer que é um instrumento muito útil para saber como se viveu em Abrantes nas décadas de 50 e 60 e como era o ensino na Cidade e ainda como um notório fascista se dedicava a organizar a Mocidade Salazarista e daria no dia 26 de Abril em ardente burocrata comunista.

Não vou dizer o nome, é pai dumas raparigas do meu tempo, aliás como diria o meu amigo Orlando  ''umas boazonas''.

Mas se o livro revela dados importantíssimos por exemplo para saber como se mantinha a ''disciplina escolar'' na Eica, também cai na insensatez de revelar nomes de alunos envolvidos em processos disciplinares, quando as pessoas estão vivas e até se encontram com facilidade na Internet, como encontrámos uma das jovens alunas envolvidas

Que tipos de castigos havia?

sexo na eica 2.jpg

Em 1962 um aluno/a foi suspenso por 8 dias por blasfémia. Ou seja ''palavras ofensivas a Deus'' .

O delito de blasfémia só existe em países islâmicos hoje em dia, mas ainda há pouco estava em vigor no Reino Unido e os safardanas dos mulás tentaram fazer condenar quem criticava Alá.

Participou o P.Narciso no julgamento do blasfemo?

padre narciso.jpg

 

Não se sabe, o livro não diz.

 

No La Salle nunca houve julgamentos sumários contra quem dissesse:

 

ME  CAGO EN DIÓS!!!!

Quanto muito o Rev. Irmão Ramiro

ramiro.png

 

dizia, agressivo :

 

TE DOY DOS HOSTIAS,

 

JODER, SI HABLAS

 

COMO LA PASIONARIA!

 

Tudo isto seriam memórias juvenis, se o livro não viesse divulgar dados pessoais de alunas apanhadas alegadamente, por um miserável bufo, a fazer desenhos satíricos numa retrete.

 

sexo na eica 3.jpg

As pessoas estão vivas e têm direito à  sua privacidade. Há leis sobre isto e há tribunais. Como é que se comete um erro garrafal destes num livro que é meritório????

Como é que a CMA apoia uma edição onde se revelam dados pessoais sensíveis de abrantinos?

mn

é a primeira vez que censuro um texto, os cortes são nossos



publicado por porabrantes às 17:37 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Sexta-feira, 16.10.15

padre narciso.jpg

Ministra abre a nova Eica, depois do restauro socrático

 

 O Alves Jana publicou uma vez no Primeira Linha um artigo gabando as actividades anti-fascistas do P. Narciso e os seus alegados problemas com a DGS. Nunca exibiu uma prova documental. Um recente livro, que vamos abordar com vagar, denuncia o papel do Narciso na fascização da juventude abrantina, como activista pertinaz  da criminosa organização neo-hitleriana Mocidade Portuguesa

eica.jpg

O livro é muito interessante mas tem erros clamorosos. Diz que o Infante D.Henrique era templário.

narciso.jpg

 

Se a informação é correcta o Rev. Narciso, além de bom homem foi um um excelente fascista,  e teve um activo papel na fascização da juventude abrantina.

 

Traria debaixo da batina um cinto com o S de Salazar?

 

na

Ed.Associação dos Antigos Alunos da Eica/ apoio CMA    



publicado por porabrantes às 13:49 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

A inflação dos currículos

Ensino público abrantino

Professores abrantinos no...

Eurico Consciência, profe...

Antigos alunos da EICA

O arguido Abade Milheiro ...

Provedor da Misericórdia ...

Vende-se casa do director...

O desenho satírico nas re...

Esteve o Padre Narciso ao...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds