Terça-feira, 23.07.19

O MP abriu uma investigação sobre a criminosa destruição das ruínas de Santa Amaro, imóvel classificado, na Rua Marquês de Pombal.

Na sequência da investigação do MP foram chamados a declarar membros do executivo municipal e vários técnicos dos serviços da autarquia.

santo amaro grua

A acção do MP prende-se com a tutela do património, que é imperativo constitucional.

A destruição de imóveis classificados é crime público, nos termos do art 213º nº1 alínea d), do Código Penal.

santo amaro 18-7-28

santo amaro 28.5-19

Aguardamos com interesse a actuação do MP

A impunidade na destruição do património começa a terminar.

ma

acta de 28-5-2019



publicado por porabrantes às 15:10 | link do post | comentar

Quinta-feira, 06.06.19

santa amaro 1971 faria de almeida

Imagem do filme de Faria de Almeida 1976

O Vereador Armindo Silveira voltou a protestar porque não lhe entregam os documentos pedidos sobre a Ermida de Santo Amaro, criminosamente destruída por uns pato-bravos.

Parece assim que os caciques querem ocultar as responsabilidades pela destruição dum imóvel classificado.

Sabemos que há outros documentos pedidos (Vale da Fontinha e Teatro S.Pedro) que não foram entregues no prazo legal.

Ou seja os caciques não respeitam a Oposição.

ma



publicado por porabrantes às 22:18 | link do post | comentar

Quarta-feira, 29.08.18

 

santo amaro acta

Só hoje ficou disponível a acta de 24 de Julho, referente ao caso de Santo Amaro.

Nela, preto no branco, o Vice-Presidente diz que ''não há qualquer ilegalidade''.

Se não há,  porque foi movido o processo de contra-ordenação, que só pode ter como motivo o sancionamento duma ilegalidade, como reconhece a autarquia nos documentos a que tivemos acesso????

Porque escondeu isso o Vice-Presidente?

Quem protege?

santo amaro 5

 mn

 



publicado por porabrantes às 10:56 | link do post | comentar

Terça-feira, 28.08.18

Em 27-7-2018, a Antena Livre divulgou estas declarações do Vice Caseiro Gomes, na sequência duma intervenção de Armindo Silveira, começou por dizer que o processo de Santo Amaro, foi desde o início de Abrantes, acompanhado pela CMA.

Como é que se atreveu a dizer isso?????

 

Vamos ver o  tipo de acompanhamento da CMA

em 6 de

Esta comunicação data de 6-11-2017 e foi feita pelo então Director da Divisão de Ordenamento e Urbanismo ao Vereador Caseiro Gomes.

Ora a CMA tinha uma queixa formal da Tubucci, a prestigiada Associação de Património, datada de 10-9-2017.

Ou seja, verifica-se que durante quase dois meses a CMA não fez nada, os fiscais não levantaram nenhum auto sobre o ilícito praticado.

Prova-se que , ao contrário do afirmado pelo Vice-Presidente, o assunto não foi acompanhado pela CMA desde o início.

Isto é os  prevaricadores tiveram dois meses para continuar  a demolir, como selvagens e vândalos.

santo amaro 9

 

Em 15-11-2017 foi notificada a Outeiro das Mós, LDA para se abster de continuar a façanha. Mas o envio da notificação quase não produziu efeitos, porque a empresa só a recebeu à segunda tentativa em   17 de Janeiro de 2018.

E tinha tal notificação, segundo os serviços, ''carácter de urgência''.

Que se passaria se não fosse urgente?

Ou seja tiveram mais 2 meses para continuar a demolir.

Porque não mandaram um fiscal ou  a polícia à obra, notificar os tipos, explica o eng. Caseiro Gomes???

Continua nestas declarações o Caseiro Gomes, a dizer que não há ilegalidade neste assunto, disse preto no branco '' que não foi cometida qualquer crime ou ''qualquer tipo de negligência  ''.....

Como é que o Vice pode dizer isso se foi aberto um processo de contra-ordenação contra a Outeiro das Demolições, pela própria autarquia?

dec

 O Caseiro Gomes vem culpar os blogues e armado em professor de ciências autárquicas mandou o Armindo consultar o processo.

Ele é que devia consultá-lo para saber que a promotora foi brandamente sancionada.

Porque apesar de ser responsável pelo pelouro de urbanismo e pelos assuntos jurídicos, parecia desconhecer o processo contra a Outeiro das Demolições Ilegais....

Tratada com luvas de seda e elogiada pela autarquia!

A autarquia optou por uma contra-ordenação e ao que sabemos não comunicou ao MP o caso, que  poderia preencher o tipo penal de crime de dano qualificado

 Artigo 213.ºDano qualificado

1 - Quem destruir, no todo ou em parte, danificar, desfigurar ou tornar não utilizável:
a) Coisa ou animal alheios de valor elevado;
b) Monumento público;
c) Coisa ou animal destinados ao uso e utilidade públicos ou a organismos ou serviços públicos;
d) Coisa pertencente ao património cultural e legalmente classificada ou em vias de classificação; ou
e) Coisa ou animal alheios afetos ao culto religioso ou à veneração da memória dos mortos e que se encontre em lugar destinado ao culto ou em cemitério;
é punido com pena de prisão até cinco anos ou com pena de multa até 600 dias.
2 - Quem destruir, no todo ou em parte, danificar, desfigurar ou tornar não utilizável coisa ou animal alheios:
a) De valor consideravelmente elevado;
b) Natural ou produzida pelo homem, oficialmente arrolada ou posta sob protecção oficial pela lei;
c) Que possua importante valor científico, artístico ou histórico e se encontre em colecção ou exposição públicas ou acessíveis ao público; ou
d) Que possua significado importante para o desenvolvimento tecnológico ou económico;
é punido com pena de prisão de dois a oito anos.
3 - É correspondentemente aplicável o disposto nos n.os 3 e 4 do artigo 204.º e 2 e 3 do artigo 206.º e na alínea a) do n.º 1 do artigo 207.º
4 - O n.º 1 do artigo 206.º aplica-se nos casos da alínea a) do n.º 1 e da alínea a) do n.º 2.

 

 E ao não fazê-lo, além de abrir a possibilidade de outros vândalos destruírem monumentos nesta terra, dá clara amostra que não tem consciência cultural acerca do valor do património edificado desta terra.

Podemos admitir que um Vereador seja inculto, mas caberia ao Luís Dias que é o Vereador da Cultura, esclarecê-lo sobre o valor dos monumentos.

Curiosamente está o dr. Dias muito caladinho neste processo....

Os elementos a que tivemos acesso permitem muito mais considerações sobre este assunto.

E iremos fazê-las.

Porque Santo Amaro é um caso exemplar da destruição do nosso património, e dele devemos retirar as consequências ajustadas a Direito.

ma

 



publicado por porabrantes às 18:00 | link do post | comentar

santo amaro grua

CMA abriu um processo de contra-ordenação à promotora Outeiro das Mós pela demolição ilegal da Ermida de Santo-Amaro em 2017.

Porque é que o Caseiro Gomes não informou disto o Vereador Armindo Silveira quando este levantou a questão????

Porque é que o Caseiro Gomes defendeu entusiasticamente os promotores????

Porque é que não embargaram obra?????

Porque é que o Vice ou a cacique não divulgaram isto e o não levaram à sessão????

dec

 mn

extracto de carta da autarquia à Tubucci

 

nota: assunto a tratar

  



publicado por porabrantes às 13:55 | link do post | comentar

Sexta-feira, 17.08.18

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Por problemas técnicos do Sapo blogues, saiu truncado o comentário do Dr.Álvaro Batista, distinto arquéologo municipal, vítima da sanha ignara da perseguição política.

Apresentamos as nossas desculpas ao dr.Álvaro e publicamos a parte que só hoje nos chegou:  

'' «...E depois diz que sabe que querem construir umas garagens ''por conversa''. A administração pública rege-se por documentos escritos e não por conversas. Se calhar de café...». Em relação a isto não direi se quer as minhas fontes que não foram de café, mas de dentro da própria Câmara e os dois intervenientes que falaram em garagens, sabem bem que quando falei em garagens não foi por acaso. Meus senhores, eu não falo por falar.

Se quem me informou foi mal ou bem eles é que têm o dever de repor a verdade. Para que não andeis aí a lançar areia para os olhos dos outros e ainda insinuar que o meu blogue será talvez porco ou sequer de credibilidade duvidosa, na vossa opinião, que não o é, e eu respeito o outro como ser que tem direito à sua opinião e direito de viver, falar, dizer de sua justiça, o que acontecerá se ali forem construídas garagens? Lembrem-se daquilo que escrevi: não disse que porque não agora depois do mal feito porque senão construírem garagens porque até era uma mais valia?

Disse ou não disse? Por acaso disse, mas ainda não tinha lido o Portal do Arqueólogo respeitante à ermida.

Diga o PS o que disser, o facto é que a ermida não deveria ter sido destruída, ponto. Mas, também quem se importa de uma ermida rasca, cheia de ervas, com mau aspecto?

 

santo amaro 1

 

 

 

Certamente que não é o PS abrantino, pelos vistos, porque esse senhor empreiteiro até vai arranjar mais uma casitas, não é?

Abomino gente hipócrita e muito menos quando pretendem fazer dos outros aquilo que eles realmente não são.

 

Quando me quiserdes falar positivamente sobre o que deve ser feito pela arqueologia do concelho, estarei plenamente disposto a que falemos pois é urgente que se delineie estratégias de acção para os tempos futuros pois é uma vergonha o que aqui se tem passado desde 1977 e muito mau para o futuro arqueológico e mesmo museológico.

Aí estarei ao vosso dispor como único detentor de habilitações de arqueólogo nessa câmara, e mestre como sabeis, quer queirais quer não. Isso ninguém mo pode tirar, nem mesmo a inutilidade.

Aí estarei ao vosso dispor como único detentor de habilitações de arqueólogo nessa câmara, e mestre como sabeis, quer queirais quer não. Isso ninguém mo pode tirar, nem mesmo a inutilidade....

 

 

Estou faltando com o dever de ética a alguém e a mim, será que me não tendes talvez faltado ao respeito e à ética?

Não tenho espólio arqueológico para doar ao Museu?

Não iniciei eu a Carta arqueológica do Concelho de borla?

Dizei-me se não fosse a minha actividade neste concelho como no de Constância que saberíeis da arqueologia concelhia? Nada.

Isto denota quanto foi e é benéfico o arqueólogo amador no campo quando as edilidades se preocupam com outras coisas, que não a arqueologia. E ao demais não andamos aí com detectores de metais a esburacar tudo quanto é sítio arqueológico. Recolhemos, salvaguardamos, contactamos o IPPC quando necessário, fizemos o dever de arqueólogo, trabalhamos e não andamos por aí a abanar o rabo feitos de suma importância.

 

Fizemos aquilo que gostávamos e fizemos bem e faríamos de novo. Por ventura não sabeis que antes de para aqui vir morar em 1980 para o concelho que estive em Castelo Branco e foi aí que no centro de Juventude tivemos iniciação à arqueologia com o Dr Francisco José Ribeiro Henriques?

Como podíeis saber? Sabeis que foi graça à nossa actividade como João Caninas, Francisco Henriques arqueólogos amadores então que muit0 fizeram pela Carta arqueológica de Vila Velha de Rodão?

 

E o que dizer do Dr Chambino do Rosmaninhal (C. Branco) a sua actividade de defesa e inventariação de arqueossítios na área? Isso para além de recolha de espólio de extrema importância? Também não podíeis saber que achei e doei ao Museu de Castelo Branco Francisco >Tavares Proença Júnior a Ara a Juno, outra a Lointi, Vorti aecio e bem mais materiais que íamos recolhendo e levamos para o Museu onde sempre fomos bem tratados pelo então director do Museu o Dr. Salvado, pai do nosso colega Salvado do Fundão? Não podíeis saber isso e muito mais. Ali trataram-me bem nunca tive razão de queixa e aqui é isto?

Talvez no meio disto tudo tenha que repensar sobre onde deverei doar o meu espólio, se não ao Museu Nacional ou informar aDGPC, sabe-se lá.

Estou ainda furibundo devido ao vosso tratamento como cidadão, mas como sócio do PS, não é assim que se trata alguém do partido. Ou isso é corrente no Partido abrantino?

 

  Agora sim finalizo

 

Álvaro Batista

 

 

 

Nota da redacção:-Disposiçao gráfica nossa.. A devido tempo responderemos ao Álvaro

 

 



publicado por porabrantes às 16:30 | link do post | comentar

Segunda-feira, 13.08.18

Ficámos de comentar as atabalhoadas respostas do Vice, em representação da maioria, dadas as constantes faltas da cacique, sobre Santo Amaro.

santo amaro 8

 

Trabalhando sobre as suas declarações, em sessão camarária, é de espantar a acusação feita contra o Vereador A. Silveira de ele andar a denunciar situações ,seguindo blogues.

Não que os blogues, este e o do dr. Álvaro Baptista, não tenham denunciado a situação, e no nosso caso reafirmamos todas as acusações e opiniões expressas.

E se não fossem os blogues, metade da história não se sabia.

Porque temos uma imprensa demasiado serviçal e demasiado habituada a receber subsídios e contratos de publicidade.

Quem denunciou a situação à cacique e ao Caseiro, foi a Tubucci-Associação para a Defesa do Património da Região de Abrantes, em 12 de Setembro de 2017.

O Armindo referiu que foi a 19 desse mês que foi a denúncia da Tubucci, foi antes . Foi antes, foi a 12.

A 19-09-2017 foi a Câmara a responder à Tubucci.

Diz o Caseiro, patético,‘’ nós desde o início acompanhámos o processo’’

Ora em 19-9-2017 a situação era esta:

Tinha sido passado um Alvará à Outeiro das Mós, Lda. com o nº 35672/PUB, que não abarcava o espaço do imóvel classificado e estando este espaço como classificado, na ‘’Planta de Implantação do Projecto de Arquitectura’’ como ‘’Zona sem intervenção’’ (carta da CMA `Tubucci, de 19-9-2017).

amaro caseiro

 

A CMA dizia ainda, no mesmo documento, assinado pela técnica Patrícia Domingos Amaral, que o alvará não titulava nenhuma intervenção nessa área.

Isto era a 19 de Setembro, quando já estava demolida a Ermida, como é vem agora o Caseiro Gomes, dizer que desde o início a autarquia mais a CMA acompanhou a especulativa intervenção dos empreiteiros?

Como ousa defender prevericadores?

Se eles estavam acompanhados pela autarquia e pela DGPC, porque não informou a autarquia logo a Tubucci, em 19-09-2017 ?

Qual é a data do parecer que a Ediestreito tem e que a autarquia não tinha?

É posterior à demolição ou anterior?

E mesmo que tivesse o parecer, não tinha alvará a 19-9-2017, segundo confessava a técnica Patricia Domingos Amaral?

Como é que pôde demolir?

Como é que se pode demolir, sem licença da autarquia?

Metido em todas estas contradições, resolveu atirar a culpa para os blogues.

Porque não referiu a Tubucci ao Armindo Silveira, o Vice-Presidente?

Que queria esconder????

Isto dava pano para mangas e não vamos  gastar aqui os cartuchos todos.

O Caseiro nem sequer foi capaz de identificar correctamente o edifício classificado, referiu que este se estendia até aqui......

envolvente santo amaro

Estes edifícios não estão classificados

 

E depois diz que sabe que querem construir umas garagens ''por conversa''. A administração pública rege-se por documentos escritos e não por conversas.

Se calhar de café.

Finalmente recebeu ele este documento e ainda não foi capaz de responder.

E já passou o prazo.

Parece-nos que ele está tão seguro do que diz, como a cacique quando arrendou imóvel alheio .... até 2025.

O Teatro de S.Pedro....

Ou vai o Sr.Vice-Presidente sustentar que foi um blogue que assinou o contrato com a MEO?

Ficamos a aguardar a próxima intervenção do Vereador Armindo Silveira.

 

mn

 

 

 



publicado por porabrantes às 13:57 | link do post | comentar

Quinta-feira, 02.08.18

O dr.Álvaro Batista responde ao Caseiro Gomes e mete-o encostado à parede.

 

A ele e à maioria.

santo amaro 9

 

Face às contradições do Gomes, a cacique devia retirar-lhe o pelouro do urbanismo.

 

Devia aprender com a Catarina Martins, que terminou por forçar a demissão do Robles

 

Transcrevo parcialmente o que diz o arquéologo, encostando o Gomes  a uma parede municipal, :

 

(...)

 

Aqui importa afirmar que não temos nada de conhecer os processos perante as alíneas 5 e 6 do esclarecimento dado à Tubucci. Ou disseram uma coisa ao proprietário e outra à Tubucci? Ou os processos têm coisa diversa do esclarecimento dado à Tubucci? A alínea 4 também é clara pois não houve qualquer licenciamento para a área referência da pela Tubucci. Para bem da edilidade (e aqui é os serviços que licenciaram a obra e fizeram o parecer sobre o lado da ermida)  é precisamente ela que tem o dever de FAZER O DEVIDO ESCLARECIMENTO E PUBLICAR OS PROCESSOS, clareando a questão, elucidando assim o eleitorado, pelo dever de transparência e reposição da verdade. O facto é que é claro que jamais os serviços camarários deveriam ter apenas indicado o cunhal como elemento classificado, mas sim todo o edifício, conforme está na Lei, ponto. A existir erro foi da Câmara (serviços) simplesmente. Agora afirmar que nós pretendemos insinuar que a Câmara esteve com facilitismos não é verdade e se estiveram o problema não é nosso. Nós como cidadãos com direito à cultura e sua fruição achamos que temos o direito e o dever de nos manifestar quando está em causa o Património Cultural'' (...)

 

Ler o post arrasador do nosso colega. 

 

mn



publicado por porabrantes às 09:19 | link do post | comentar

Quinta-feira, 26.07.18

armindo am

O Armindo Silveira cumpriu o seu dever cívico de indagar na sessão da CMA sobre a criminosa destruição da Ermida de Santo Amaro.

O Vice-Presidente não conseguiu responder à pergunta, que fez o Vereador da Esquerda. 

 

Porque é que  a cacique deixou destruir um imóvel classificado?

 

Disse o Vice, ver aqui, a reportagem da Paula Mourato, que a DGPC ''abalizou as intervenções e  que o ''empreiteiro'' (sic) cumpriu as recomendações da DGPC.

O empreiteiro (que não foi identificado) é aparentemente a Ediestreito, Lda e o dono da obra, titular do alvará, a Outeiro das Mós, Lda

santo amaro licença

A relação da CMA tem sido feita, segundo os documentos, com a dona da obra.

Diz o Vice que eles cumprem todas as recomendações, ora isso não é verdade....

rep cma

 

Não podiam intervir na capela e intervieram dando cabo de tudo, com uma sensibilidade de ignaros especuladores imobiliários

 

santo amaro grua

Especificamente a autarquia disse-lhes que não se podia demolir e como abutres lá mandaram a grua

dem

Portanto  não cumpriram as recomendações e agiram violando a Lei, o PUA, o PDM e não sei quantos mais documentos legais

 

E a CMA parece dar-lhes cobertura.....

 

O que é vergonhoso....

 

E em termos de política de defesa do património é o outorgar a qualquer pato-bravo licença para destruir o pouco património que nos resta.....

 

A política cultural desta gente é o pato-bravismo......

 

mn 

 

fotos :Tubucci, carta da CMA à Tubucci (extractos)



publicado por porabrantes às 08:23 | link do post | comentar

Quinta-feira, 19.07.18

santo amaro 18-7-28

foto de 18-7-2018

Apesar da tutela ter avisado que era preciso estudar as ruínas da Ermida de Santo Amaro, a empreiteiragem já deu cabo quase do que restava e meteu lá um aparelho para continuar as façanhas.

Disse a CMA

resposta cma

mas deve ter dito isto à Outeiro das Mós, para inglês ver, porque aparentemente a fiscalização não viu nada, só viu a Tubucci e o Álvaro Batista, e assim prossegue com a conivência dos edis a destruição dum imóvel classificado  nesta terra.

É a lei da selva!

Naturalmente espera-se que o Armindo Silveira leve o assunto à CMA.

mn



publicado por porabrantes às 19:16 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

MP investiga destruição d...

A destruição da capela de...

Porque se ocultou o proce...

A inércia camarária e o ...

Patos-Bravos das demoliçõ...

O dr. Álvaro Batista resp...

Caseiro Gomes e a demoliç...

Cacique devia retirar pel...

Armindo Silveira interpel...

A Lei da Selva na Rua Mar...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10


20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds