Quarta-feira, 21.02.18

cinema alferrarede simão

aqui

 

Suplemento Cultural do ESTAJORNAL

 

no mesmo media

cine alf 2.png

 

e prossegue o artigo acusando a exploração camarária do S.Pedro de ter matado o cinema de Alferrarede.

 

Os artigos são de  2005, o cinema fechou em 2001

 

Segundo Fernando Simão, que era gerente da Sociedade de Melhoramentos de Alferrarede os donos desconhecidos do cinema estão sem aparecer há 13 anos....

 

 

fernando simão.png

F.Simão na campanha PS do Assis.

 

Espantamo-nos como a autarquia deixou degradar um espaço destes durante 17  anos!

 

O Mirante conta o apoio da CM de Santarém ao Círculo Cultural Scalabitano.....a CMA dedicou-se a apoiar a RPP e coisas do género... 

 

ma 



publicado por porabrantes às 15:20 | link do post | comentar

Quarta-feira, 02.12.15

Entre os mais ilustres pegachos consta o notário Dr.Barredo

 

pego 1.png

pego sócrates lusa.jpg

Sócrates visitando a terra natal do Sr.Dr.Barredo, digno notário, terá perguntado à velhota se conhecia o Dr.Barredo?

Porque quem descreveu o tabelião foi um escritor da Covilhã a quem o agente técnico arrendou uma casa na Serra para mondar umas farra com o Santos Silva.

O escritor tinha sido colega nos jesuítas do caríssimo Fernando Simão e aliás descreveu num livro a sua visita a casa da D.Lucília Moita

Vamos continuar com as aventuras do Notário que foi o maior poeta anti-clerical do Pego

pego 2.png

Segundo me contaram o Bispo chamava-se Conceição Santos

freitas conceiçao santos.png

O pegacho continuou a fazer libações que ficaram célebres na epopeia copofónica, o Mário Semedo que foi Presidente da AVF, falava dele.......

Afinal o pai do Mário era do Gavião e jurista e conhecia quase todos os notários alentejanos

Como se vê o Dr.Barredo, digno notário,  prosseguiu, ébrio, a carreira que já anunciada em Coimbra,

pego 4.png

 

 

onde entre os repúblicos, a sua abençoada fama, era notória e muito respeitada, porque dizia sempre '' não há um cabrão dum futrica a quem não tenha posto os cornos''.

Conta isto nas suas memórias, o Dr. António Alçada Baptista,

antónio alçada.png

que por ser Advogado, tendo feito estágio com o abrantino Dr.Campos Mello (algum dia contarei o que escreveu Adelino da Palma Carlos sobre as suas andanças por tribunais da província com Campos Mello, Bustorff Silva e Ramada Curto), tratou de escrituras com o Dr.Barredo.

Leiam o Book e bebam um tinto, à eterna memória do notário pegacho.

mn   

foto gamada à Lusa



publicado por porabrantes às 12:23 | link do post | comentar

Sábado, 31.10.15

força das ideias.png

força das ideias 2.png

assis.png

António Colaço no ânimo

 

f. simão.png

O grande empresário, e benemérito Fernando Simão no apoio a Assis traduzindo o apoio das forças vivas

 

expresso.png

notícia de hoje no Expresso

 

em cima fotos da campanha da ala direita do PS  apoiando Assis cá no burgo

 

ma 



publicado por porabrantes às 09:02 | link do post | comentar

Domingo, 19.10.14

 

 

simão 1.png

 

alçada 2.png

 

a divina prosa do António Alçada neste livro de memórias, o ladrão era um cigano que vivia naquele bairro paroquial ao lado da Padaria, quando se baixa pró La Salle.

Esta forma de integrar ciganos é muito original, porque é a cacique não fez o mesmo quando lhe assaltaram a casa e lhe levaram o bólide????

Fazia como a D.Lucília, passava a ter ciganos ladrões para todo o serviço... 

 

MA 

alçada.png



publicado por porabrantes às 12:52 | link do post | comentar

Quinta-feira, 29.08.13

No T.Fiscal e Administrativo de Leiria volta a CMA a ser ré.....

 

 

 

47252 Entrada: 
10-10-2006
Distribuição: 
28-08-2013
Autor: Agostinho dos Santos Gomes 
Autor: Agostinho dos Santos Gomes 
Autor: Agostinho dos Santos Gomes 
Autor: António Maria Júnior 
Autor: António Maria Júnior 
Autor: António Maria Júnior 
Autor: Joaquim Manuel Gaspar Lopes 
Autor: Joaquim Manuel Gaspar Lopes 
Autor: Joaquim Manuel Gaspar Lopes 
Autor: Maria Helena Pedro Gomes 
Autor: Maria Helena Pedro Gomes 
Autor: Maria Helena Pedro Gomes 
Réu: Município de Abrantes 
Réu: Município de Abrantes 
Réu: Município de Abrantes 
Autor: Nazaré Pedro Lopes 
Autor: Nazaré Pedro Lopes 
Autor: Nazaré Pedro Lopes 
Autor: Ricardo Miguel Maria Pedro 
Autor: Ricardo Miguel Maria Pedro 
Autor: Ricardo Miguel Maria Pedro
Unidade Orgânica 1 539/05.1BELRA-A 

Valor: 
14.963,95 €
Outros processos [DEL.825/05

 

 

 

Desculpem a brevidade, mais ainda é Agosto......

 

 

Entretanto recomendamos que vão lendo o Cidadão Abt I e II (muito bonita no primeiro a Fernanda Mendes), o Amar-Abrantes (até ao final do mandato os Vereadores do PSD sempre na liça), e ainda os posts do Zé Luz no facebook....e claro os posts da Tubucci também no face.... 

 

Acabo de chegar de férias  e  descubro a triste notícia da morte do Sr.Fernando Simão, que foi ontem  a enterrar . As nossas condolências à família. 

MA



publicado por porabrantes às 00:17 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Terça-feira, 28.06.11

Parece mentira, mas é verdade!!!!

 

A Chefa

 

 foto PS de Abrantes

 

 

hoje superior hierárquica de Nelson Carvalho, a quem o vimos nesta foto propiciando um carinhoso amplexo à Líder, de Céu Carvalho, Pina dos Decotes, do pegacho dos Hospitais e de numerosos burocratas colocados a dedo em cargos de nomeação política, e provavelmente do milionário Júlio Bento, aparentemente desconsiderou a Tia Mary Lucy a maior pintora de Alcanena!!!!!

 

Já os nossos abalizados críticos de arte, depois de uma consulta ao maior especialista em pintura de Abrantes, o coleccionador Dr. Jorge Moura Neves Fernandes, tinham colocado a Tia Mary Lucy no seu sítio exacto no ranking da pintura abrantina.

 

 

Um bocadinho inferior à talentosa Maria Águeda, recentemente falecida, madrinha do sr. eng.Marçal (estimável rapaz, mas que continua em más companhias políticas e a quem aconselhamos acolher-se  ao paternal patrocínio político do Dr. Santana-Maia que estará pronto a perdoá-lo e a reciclá-lo politicamente, quem sabe através de explicações grátis dadas pelo peticionário dr.Belém Coelho) e que testou a favor da Santa Casa da Misericórdia, para grande desgosto da Paróquia de São Vicente....

 

  

 

Esperando que a Santa Casa faça o que deve ou seja uma grande retrospectiva da obra de Maria Águeda, de que um dos melhores quadros é uma tela que estava na Casa de Saúde e que ela ofereceu ao Dr.Manuel Fernandes, voltamos ao assunto desta crónica....

 

  

 

Parece-nos incrível que a Chefa, que nos dizem chefiar o MIAA (além da sua família, do PS, da autarquia por interposta pessoa e da imprensa e rádio municipalizada através da sua indiscutível autoridade conjugal) desconsidere aparentemente a doadora dum importante acervo artístico e atire os quadros da Tia Mary Lucy, uma das senhoras mais finas da nossa sociedade, para o sótão da III Antevisão do MIAA.

 

foto cma

 

Isso explica a perplexidade do intelectual e grande fotógrafo Miguel Tavares Simão ao estar aqui melancólico e perdido na cerimónia da abertura da expo, sem ter sequer um burocrata municipal a fazer-lhe as honras da casa.

 

O intelectual Miguel Simão ter devia acabado de descobrir que os quadros da Tia Mary Lucy tinham sido escondidos no coro alto de Santa Maria do Castelo, um sítio quase inacessível para os visitantes e sem condições para se poder gozar a beleza e o drama interior que ecoam nas telas da nossa querida e inspirada poetisa.

 

não se faz !!!!!! 

 

Esta falta de chá da Dona Isilda é monumental, quase tanta como a deselegância da sua subordinada Maria do Céu quando acusou o representante do povo dr. Santana Maia de trabalhar para a acta..... 

 

Manifestamos a nossa solidariedade à Família Simão e ao seu patriarca, o incansável e venerável benemérito Fernando Simão face a este acto de grosseira deselegância.

 

Marcello de Noronha, amigo da Tia Mary Lucy 



publicado por porabrantes às 10:24 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25.05.11

 

A pintora de Alcanena, Maria Lucília Moita Simão, nossa amiga, mulher do industrial e benemérito Fernando Tavares Simão e mãe do peticionário Pedro Tavares Simão, Administrador da Renova e grande proprietário, foi justamente homenageada pelo bom povo de Alcanena e pela sua edilidade, através da inauguração no dia 14 na Biblioteca Local de uma exposição sobre a vida e a obra da nossa amiga.

 

A petição esteve representada na inauguração na pessoa do aristocrata Arq. Doutor António da Fonseca Ataíde Castel-Branco.

A petição não concorda com as coordenadas estéticas defendidas pela Tia Mary Lucy em relação ao miserável, inacreditável, inarrável e criminoso projecto do licenciado alentejano Carrilho da Graça, cuja mediocridade artística é digna do Guiness, mas expressa o seu respeito pela obra da Mary Lucy,pela sua ilustre família materna (onde se destaca o anti-fascista e resistente Luís Moita) e pela benemérita Família Simão.

 

 Univ Autónoma

 

 Esta prova da tolerância da petição significa que atacamos as ideias e os actos e não as pessoas.

À nossa querida amiga Tia Mary Lucy, que é uma Santa, bem como à Vila de Alcanena exprimimos os nossos parabéns.

Marcello de Noronha

  

 



publicado por porabrantes às 19:43 | link do post | comentar

Segunda-feira, 02.05.11

Boa parte dos autarcas da Ditadura não ganhavam um tostão. 

 

 

 

Imagemfoto http://www.forum-numismatica.com/

 

 

 

Tenho naturalmente algumas discordâncias em relação à questão ética de que qualquer colaboração com um regime ditatorial  significava a sua legitimação.

 

Eu acho que um homem de bem não devia caucionar uma Ditadura que assassinou portugueses de lei como Humberto Delgado, Marques Godinho ou Dias Coelho.

 

Mas as coisas são como são e tenho amigos que pensavam que a intervenção nos órgãos municipais em Ditadura era apenas um serviço à sua terra e que isso não os comprometia com o regime.

 

Pecavam por ingenuidade, e ingénuos foram pessoas que estimo ou estimei como Fernando Simão (Vereador da Ditadura), Eurico Consciência (Presidente da Câmara de Meda) ou António Bandos que foi membro da Comissão de Toponímia Municipal (1) no mandato do nosso falecido amigo Esteves Pereira.

 

É a minha opinião, e neste blogue as opiniões são livres.

Isso (o referido acima) não obsta a reconhecer o trabalho empenhado das pessoas citadas, certamente a título gracioso, na defesa das suas terras e em particular de Abrantes.

E também não obsta a reconhecer que alguns edis da Ditadura como Esteves Pereira foram melhores Presidentes que os da Democracia.

 

Sobre Esteves Pereira não tenho a mínima dúvida.

 

Postal antigo-Raimundo Soares.

 

Não foram só os edis do antigo regime que prescidiram de ordenados e alcavalas em troca da honra e do serviço de governarem os seus municípios.

 

Vejam este recorte:

 


 

 

No Correio de Abrantes de 3 de Agosto de 1974 diz-se que o Dr. Correia Semedo abdicou do vencimentos de 8 contos e tal que era o seu ordenado como Presidente da CMA.

 

A crise em 1974 não era nada comparável à actual.

 

Por isso vem a petição requerer à Exma. Sr.ª Dr.ª D.  Maria do Céu Albuquerque que abdique do seu ordenado como fez  Correia Semedo.

 

Não lhe pedimos só isso.

 

Pedimos-lhe a dispensa dos serviços do Pina da Costa e da Chefa.

 

Os serviços que eles desempenham podem ser com vantagem exercidos por pessoal de carreira dos quadros do município.

 

Os dois têm trabalho assegurado nas Escolas onde são professores.

 

Se o Povo tem de ser esmagado com tributos, alcavalas, taxas, cortes nas reformas, subsídios sociais, direitos adquiridos, tudo graças à governação desastrosa do sr. Sócrates, que parece ser um caso de tribunal, segundo sugere o Doutor Catroga, a Câmara e o PS devem emagrecer.

 

A D.Maria do Céu não precisa de emagrecer. Está magrinha. Como o Sr Bispo também está. Embora a Diocese de Portalegre comece a engordar graças aos subsídios ao clero amigo da Presidente.

 

Marcello de Noronha 

 

(1) Eurico Heitor Consciência, Comissão Municipal de Toponímia, Correio de Abrantes, 3 de Fevereiro de 1973. No mesmo número um tal Alves Jana disserta sobre o ''Animal Racional''. Será um animal racional quem vota em algum destes 2 ? Ou um ''animal masoquista'' ?

 



publicado por porabrantes às 11:13 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Treze anos à procura dos ...

O Notário mais alegre do ...

A Força das Ideias

O cigano ladrão e a famíl...

Mais trabalho pró Dr. Ben...

Chefa desconsidera Tia Ma...

Tia Mary Lucy homenageada

Deve Maria do Céu Albuque...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10



25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds