Terça-feira, 16.04.19

O ex-embaixador castelhano na ONU e diplomata acreditado em Lisboa,aquando do assalto esquerdista à Embaixada na Palhavã, diz que os socialistas pediram apoio ao Caudilho para poderem fugir de Portugal em caso de golpe comunista.

56457757_2309903699283276_3948524968932802560_n

mn

 


tags: , ,

publicado por porabrantes às 15:21 | link do post | comentar

Terça-feira, 05.03.19

 


tags:

publicado por porabrantes às 08:28 | link do post | comentar

Quinta-feira, 01.11.18

45146043_1998341213586224_9095601492852736000_n

 


tags:

publicado por porabrantes às 16:12 | link do post | comentar

Sexta-feira, 24.08.18

correia

Dar um erro factual num texto é uma azar que acontece aos melhores. Mas um Editorial dum matutino de referência é o espelho dum jornal e não se pode dar ao luxo de fazer coisas dessas, especialmente num assunto que não é urgente.

Para impedir isso antes havia revisores, homens cultíssimos que através dum labor excepcional evitavam essas coisas.

O ''Público'' preocupado em desenterrar o fantasma do Caudilho que, pelos vistos os atormenta, decidiu que o avô de Pablo Casado, jovem lobo da direita nacionalista espanhola, morreu na guerra civil e era republicano.

15321137952060

O médico Herman Blanco, sindicalista da UGT, parece que católico devoto, tentou resistir em Palência, ao golpe fascista e terminou condenado à morte.

Preso até 1941, foi ainda impedido pelas autoridades médicas de exercer cargos directivos.

Dedicou-se à clínica privada com êxito e casou-se com uma senhora cubana, que ainda vive. A Dona Olga.

Acabou por afastar-se do catolicismo e foi um furibundo anti-franquista, com as cautelas para sobreviver em tempo de ditadura.

No entanto tinham sido uma série de atestados passados por freiras e equiparados que o salvaram do pelotão de fuzilamento.

Nos últimos anos, devido à doença da filha voltou ao redil católico.

Ver o El Mundo.

A foto e a informação é de lá.

Zapatero resolveu desenterrar a guerra civil que estava sepultada. Há coisas em não se deve mexer muito. A não ser por profissionais, os historiadores. Quando começou a desenterrá-la, logo apareceu a história do avô dele, dirigindo pelotões de fuzilamento, contra os mineiros socialistas, que, em 1934, se revoltaram nas Astúrias.

ma

.

 



publicado por porabrantes às 08:52 | link do post | comentar

Sábado, 29.04.17

fátima franco.png

 

mn



publicado por porabrantes às 08:33 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27.01.17

 

Memórias de Raul Brandão, 1925

''Chegaram a dar ordens para a mobilização de forças, e o general Primo de Rivera afirmava que vinha até Abrantes com vinte mil homens sem disparar um tiro.''

(.p.150)

 

 

O perigo do ataque militar a Abrantes por parte de forças espanholas era tomado tão a sério, que o Plano de Defesa do Continente , encomendado em 1943 pelo tontinho do tenente-coronel Santos Costa

santos costa livro.jpg

 designava como principal ameaça ''o perigo espanhol'' e nele estava traçado que as forças do Generalíssimo atacariam Abrantes:

 

ataque a Abrantes.png

 Extracto da excelente tese do Doutor Jorge Silva Rocha 

 

tese alianças.png

Estamos a imaginar conquistavam Abrantes ( em 1945 o exército espanhol nem gasolina tinha para fazer movimentar 2 regimentos de Blindados) e a primeira coisa que faziam era uma sessão destas no ''Latas'', o cinema da Misericórdia

repu7c.jpg

e nomeavam Presidente da Câmara, o abrantino Rosa Casaco (1), grande amigalhaço do Embaixador Nicolas Franco.

rosa casaco.png

 

 

No entanto, havia falangistas como o futuro liberal Conde de Motrico ou o General Muñoz Grandes que pensavam na União Ibérica e tinham mapas destes

abrantes 1940 objectivo militar espanhol - copia.j

 Alegado mapa do Estado-Maior Espanhol, Abrantes aparece como um dos objectivos militares a conquistar.

 

ma 

 

(1) A não ser que mais alto cargo o esperasse, Rosa Casaco foi ''Ministro do Interior'' no Governo Português no Exílio (1975), enquanto o Soares Martinez era ''Ministro dos Negócios Estrangeiros'' . Foram nomeados pelo ELP que obedecia a António de Spínola.  

 



publicado por porabrantes às 16:54 | link do post | comentar

Terça-feira, 10.11.15

franco.png

franco gerald ford.jpg

Gaxália-Gutemberg

 

in

carlucci.jpg

ou seja o velho caudilho profetizava a chegada dum caudilho luso

ramalho+eanes.jpg

mn



publicado por porabrantes às 19:41 | link do post | comentar

Sábado, 06.06.15

Ant_m_esparteiro.jpg

foto do blogue do Correio das Lembranças, com a devida vénia 

O oficial de marinha das Mouriscas, António Marques Esparteiro,  foi sequestrado pelos anarquistas e comunistas que em Setembro de 1936 se revoltaram, tomando vários navios de guerra, entre eles o ''Afonso de Albuquerque'' que Esparteiro comandava, com o fim de se juntarem à Marinha Vermelha da República Espanhola que combatia o levantamento nacionalista.

FrancoJoven.jpg

 Daily Telegraph

O comandante do  ''Afonso de Albuquerque'' deixou um diário de bordo, escrito com letra miudinha'' em que conta a aventura.

'' O sequestro
do comandante
"Ao alvorecer de ontem, sublevaram-se criminosamente a bordo do Afonso de Albuquerque e do Dão algumas praças da Armada, conjuntamente com outros elementos suspeitos, a fim de se juntarem aos marxistas espanhóis", escreve a 9 de Setembro de 1936 o jornal O Século, sobre a revolta comunista da Armada. Também inédito é o diário de bordo do comandante do navio Afonso de Albuquerque, que descreve a revolta dos marinheiros. António Marques Esparteiro escreve numa letra miudinha o episódio do seu sequestro: "Desistiram da ideia de me obrigar a segui-los e deixaram-me fechado no camarote com sentinela à porta. Enquanto estiveram comigo, tentei convencê-los a bem, de desistir daqueles propósitos revolucionários, fazendo-lhes ver que ficariam perdidos."'' in Público de

O diário de bordo do bravo marujo salazarista está na Torre do Tombo.

350px-NRP_Afonso_de_Albuquerque.jpg

 

A revolta da Marinha acabou por ser esmagada pelo salazarismo.

ver aqui também

Esperamos voltar ao assunto outro dia...

mn



publicado por porabrantes às 23:02 | link do post | comentar

Segunda-feira, 22.12.14

faial 1.png

 

faial 2.png

 A Marquesa do Faial em 1918

 

 

faial 4.png

 

faial 5.png

 Os Marqueses do Faial em 1931 

faial 6.png

 

Edição da Câmara de Lisboa,'' Ana Maria Holstein-Beck, Álbuns de Família,'' mais concretamente do Arquivo Fotográfico da CML  donde se reproduzem as fotos e textos com a devida vénia

 

É uma iniciativa que se saúda da edilidade do dr.António Costa.

 

Que a Câmara de Abrantes aprenda com eles. Não percam os leitores a possibilidade de saber quem foram os Marqueses do Faial, que tanto viveram em Alferrarede e a quem essa terra tanto deve.

 

E que não se aflijam por D.António ter sido combatente por

franco.jpg

 António de Spínola também foi......

 

MN

 

 

 



publicado por porabrantes às 16:21 | link do post | comentar

Sexta-feira, 18.07.14

 

 

nos Viriatos, comandante de Tancos e também envolvido em actividades anti-nazis para ajudar os aviadores da RAF durante a 2º Guerra

 

 

 

 

foto desviada de Aterrem em Portugal

 

 

No recorte da  ''Ilustração Portuguesa'', outro ilustre aviador Sarmento de Beires, que se exilaria no Brasil, onde animou histórias deliciosas segundo conta João Sarmento Pimentel, nas Memórias do Capitão

 

Dias Leite foi um homem importante na política abrantina dos anos 40 e um dos que liquidou o grupo político de Henrique Augusto Silva Martins.

 

Uma história para outro dia...

 

mn



publicado por porabrantes às 16:51 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Chencho Arias: PS pediu a...

Caudilho regressa em Terç...

Dia de Finados

O fantasma do Caudilho (1...

Nossa Senhora de Fátima v...

O ataque espanhol a Abran...

Franco profetiza a chegad...

Anarco-bolchevistas sequ...

António Costa divulga álb...

18 de Julho, um aviador d...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10


19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds