Domingo, 03.07.11

Pouco tempo depois de ter feito uma declaração de voto favorável ao pseudocasamento entre pessoas do mesmo sexo a deputada Assunção Cristas foi convidada, pelos nossos Bispos, a dar o seu testemunho de política católica diante dos fiéis e das televisões, no terreiro do paço, em Lisboa, como preparação para a Missa celebrada por sua Santidade o Papa Bento XVI, aquando da sua última visita apostólica a Portugal.
No sítio da Inter-rede do secretariado nacional da pastoral da cultura<http://www.snpcultura.org/obs_14_ser_catolica_na_politica.html>, da responsabilidade do Bispo do Porto, Senhor D. Manuel Clemente, e do seu braço direito P. Tolentino Mendonça, deparamos, seis meses depois da visita do Papa, com um texto, no qual Assunção Cristas testemunha o que é ser “católica na política” (sic).
Hoje na revista “única” do semanário “expresso”, página 44, a agora ministra do novo governo, afirmando-se católica praticante e empenhada, que vai à Missa e Comunga, e pertencente a uma equipa de casais de Nossa Senhora, cujo assistente espiritual é o P. Tolentino Mendonça, teima obstinadamente no pseudocasamento entre pessoas do mesmo sexo, em nome de uma “felicidade”, entendida, digo eu, de forma hedonista e utilitarista, dos contraentes e da “fidelidade” à sua, dela, “consciência”, concebendo-a, interpretação minha, como uma entidade solipsista e não como um “órgão espiritual” que escuta e obedece à voz de Deus.
Que o casamento criado e instituído por Deus consista unicamente numa união exclusiva, fiel e fecunda entre um varão entre e uma mulher, até que a morte os separe é uma Verdade de Fé, Revelada por Deus e testemunhada quer na Sagrada Escritura quer na Tradição na Igreja é inegável para qualquer católico. Que a admissão do falsamente chamado casamento entre pessoas do mesmo sexo implique necessariamente a denegação daquela Verdade revelada é tão evidente que não carece de demonstração.
A Palavra de Deus testemunhada na Sagrada Escritura e na Tradição da Igreja considera os actos homossexuais como abominações aos olhos de Deus e adverte repetidamente que aqueles que os praticarem, consciente e livremente, e não se arrependerem nem se converterem “não herdarão o Reino de Deus” – que dessas práticas possa derivar alguma felicidade é um absurdo, que só pode ser afirmado por quem desconhece aquilo em que ela consiste. Uma Verdade, assim atestada e repetidamente ensinada pelo Magistério Ordinário e Universal da Igreja, não pode deixar de ser imutável, infalível e pertencente ao património da Fé. Pelo que, parece-me, podemos concluir tranquilamente que quem advoga ou promove obstinadamente o casamento entre pessoas do mesmo sexo incorre em heresia.
Grande desventura!, grande desgraça!, grande horror!, que não haja por parte dos Pastores um mínimo de caridade, de compaixão, de misericórdia para com uma ovelha transformada em loba, e em vez de a corrigirem antes lhe dão sacrilegamente a Sagrada Comunhão e a apresentam como modelo aos demais fiéis!
Oh infelizes sodomitas (é assim que a Bíblia chama a quem pratica actos sexuais com pessoas do mesmo sexo)!, que sois adulados e iludidos por quem vos devia dizer a Verdade, eminente forma de caridade, e auxiliar-vos a recuperar aquela mesma dignidade que o filho pródigo, de que nos fala o Evangelho, recuperou, depois de a ter perdido.

 

Nota: Foi-me enviado este artigo do peticionário Frei Nuno Serras Pereira, das melhores famílias do Sardoal e de Abrantes, eminente teólogo e um dos melhores canonistas lusos (o Cardeal Patriarca dixit) que publico com o máximo prazer. Recordo que durante muito tempo Frei Nuno foi assíduo colaborador da Nova Aliança, orgão oficial católico abrantino, e curiosamente deixaram de publicar artigos seus. Será que também têm a mesma opinião que a Ministra Cristas?

 

O artigo exprime a opinião do ilustre  sacerdote, e é um contributo para a discussão teológica em torno da Fé da Dona Assunção. 

 

Marcello de Noronha, católico

 

Nota: o título é responsabiidade da direcção deste blogue.



publicado por porabrantes às 09:18 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Dia do Senhor: é católica...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10


19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds