Quinta-feira, 16.05.19

barroca

Um dos ex-donos do JA/AL, da construtora do Lena (para onde foi trabalhar o Vereador das obras abrantinas, Júlio Lena, ) que tantas adjudicações caçou da CMA e que Nelson Carvalho defendeu nas páginas do Jornal Primeira Linha, como se fosse accionista da empresa, agora acusada pelo MP, no caso de corrupção do 44

sócrates 1

faz como o Berardo e recusa-se a falar, no Parlamento, sobre Vale de Lobo.

Diz desconhecer como era a CGD, também não sabia certamente que a Lena deixou um triste rastro de negociatas em Abrantes.

Ler aqui o interrogatório ao marginal.

A omertá era o silêncio mafioso. Júlio Bento também não falou perante o MP na investigação à CMA.

julio bento

O patrão do Bento, ex-membro da CP do PS de Abrantes, ex-candidato do mesmo partido à AM, faz como o tipo que contratou directamente na autarquia abrantina .

É um direito do acusado não falar em processo penal?

É.

Mas também é uma prática da mafia siliciana. Chama-se Omertá.

ma

 

 



publicado por porabrantes às 10:39 | link do post | comentar

Quinta-feira, 14.02.19

Joaquim Barroca, um dos ex-donos do JA/RAL e antigo patrão de Alves Jana, acusado dum montão de crimes que incluem a compra dos favores de José Sócrates, foi dispensado de caução pelo juiz Ivo Rosa.

Parece que o argentário alegou problemas de liquidez, sugerimos que peça um empréstimo ao  agento técnico Bento, seu subordinado, que embolsou uns 500 mil € de proveniência desconhecida e duvidosa, enquanto era Vereador das Obras dum tal Carvalho

mn



publicado por porabrantes às 14:09 | link do post | comentar

Sábado, 19.05.18

joaquim barroca 2

Observador

 

joaquim barroca

António Ventinha, P. do Sindicato do MP ao Expresso, entrevista de Gonçalo Santos

 

Ou seja dentro do CSMP, onde possui assento, o advogado dum dos donos do Jornal de Abrantes (e anteriormente do ''Ribatejo'')  meteu uma proposta para punir os magistrados que investigam o Barrocas das contas da Suíça e sobretudo um dos alegados corruptores de Sócrates, o típico socialista da Cova da Beira e o  político preferido da cacique.

 

Se aqui não há conflito de interesses, como insinua o magistrado, vou ali e já venho.

 

Num país normal isto seria notícia de primeira página ( essa parece que é a candidatura possível do Relvas, da licenciatura falsa e de mais mil histórias alucinantes, a Presidente dum clube, cujo capital mais relevante é dum angolano que alegadamente saqueou o BESA), aqui e agora é notícia que poucos lerão, no meio do 1º caderno do semanário.

 

Resta acrescentar que esta notícia nunca sairá na Antena do Barroca ou no ex- Jornal da ANP,  a folha da Lena.

ma       



publicado por porabrantes às 13:01 | link do post | comentar

Sábado, 24.02.18

joaquim barroca 2

joaquim barroca

gráficos retirados deste artigo de  Luís Rosa, publicado originalmente no Observador.

 

O Barroca$, que infelizmente ainda não é Comendador Barroca$, mas Arguido Barroca$, podia ter feito as transferências prá Media-On, empresa onde indirectamente pesa no Kapital.

Assim a Media-ON poderia fazer publicidade à borla ao caciquismo abrantino, que pesa 33% na facturação da Antena Livre/Jornal de A., deixando assim dinheiro à Dona Céu para expropriar mais coisas.

Lista de Coisas a expropriar:

Assembleia de Abrantes

Casa do Povo de S.Facundo

Edifício do Museu MDF à Diorama, de Joaquim Dias Amaro

Campo de Futebol do Tramagal à Diorama, de Joaquim Dias Amaro

Vamos continuar a ampliar a lista

ma

    



publicado por porabrantes às 13:38 | link do post | comentar

Terça-feira, 07.11.17

(...) “O justificativo montado pelo arguido Carlos Santos Silva passava pelo aproveitamento de um terreno, sito em Angola, pertença de uma sociedade do Grupo Lena, para montar um pretenso contrato promessa de compra e venda do mesmo.” Oito milhões de euros seriam o alegado sinal, seguido de um alegado incumprimento e perda do sinal pago. Barroca celebraria com a XLM, de Santos Silva, “pretensos contratos de prestação de serviços, em igual montante”.(....)

 

 

Ou as prodigiosas aventuras do Joaquim Barroca

 

Leia o artigo de Marlene Carriço no Observador

 

ma



publicado por porabrantes às 21:34 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27.01.17

banho ao cão.jpg

Acompanham-no o agente técnico Sócrates e o banqueiro Ricardo Salgado que lavarão o lulu do pato-bravo em Santa Catarina da Serra. A rádio abrantina do pato-bravo fará cobertura em directo, com comentários da cacique (que também tem um lulu que costuma ser passeado no Largo da Feira)

ma  

 



publicado por porabrantes às 08:48 | link do post | comentar

Sábado, 19.03.16

boss lena.png

 

Num depoimento digno dum pato-bravo de Leiria, o argentário que acumulava contas na Suiça para fugir aos impostos e fazer negociatas com o testa-de-ferro do regime corrupto angolano, tenta enganar Carlos Alexandre e ousa insultar a família Marques dos Santos, antiga dona da Construtora Abrantina, atirando responsabilidades para cima dela.

O Barroca ou acha que o Meritíssimo Carlos Alexandre e o Procurador Rosário Teixeira  são uns simplórios ou já começou a abrir caminho para uma estadia atrás das grades.

Leia aqui as declarações do arguido. E depois recorde que o Graça das Seringas aceitou uma Virgem desta gente. Recorde que Nelson Carvalho escreveu um artigo no Primeira-Linha a defendê-los. Recorde que a CMA os elegeu para parceiros. Recorde que o Jornal o Ribatejo esteve nas mãos do pato-bravo. Recorde que esta edilidade subsidia as publicações do pato-bravo. Recorde que Júlio Bento ainda trabalha para eles. Recorde que o Júlio Bento foi mais inteligente que o pato-bravo. Não falou no Tribunal. 

Faça download aqui das declarações do prestigiado e pio pato-bravo.

Vénia ao Correio da Manhã

ma  



publicado por porabrantes às 13:43 | link do post | comentar

Quinta-feira, 03.09.15

 

O eng. técnico Júlio Bento, ao que parece natural da Vila do Tramagal, ex-encarregado de obras da conceituada (e falida) empresa Apolinário Marçal,aquela que construiu um mamarracho chamado Centro Coordenador dos Transportes, por acaso com assinatura de importante empresa de arquitectura (que usa infelizmente o apelido de um grande arquitecto que construiu a mansão do eng. Octávio Duarte Ferreira, actualmente à venda (1)), depois Vereador socialista ficou prudentemente calado pelo menos em certo processo, onde foi arguido, com Nelson Carvalho.

Foi arquivado o processozinho e o Bento é um florescente homem de negócios.

Mas o patrão dele falou demais e é o cabo dos trabalhos.

observador.png

 O autor desta prosa meteu atrás das grades o mano da Leonor Beleza e um secretário de estado laranja, logo no primeiro processo mediático onde  teve intervenção.

A partir daqui considerar que o Procurador Rosário Teixeira é um amador da investigação judicial ou que procura os holofotes mediáticos ou que faz perseguição política, é próprio de blogues afectos ao tonsurado das seringas ou de poetas reformados à espera de tacho.

Já perceberam que o autor da frase, citada pelo Observador, é o dr. Rosário Teixeira. Comprem a Sábado.

O Paulo Rangel veio trazer para o centro do debate eleitoral o caso ''Sócrates'' e fez muito bem. Haverá que seguir-lhe o bom exemplo.

O Joaquim Barroca perdeu uma grande oportunidade de estar calado. 

mn

    



publicado por porabrantes às 22:22 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Boss da Lena não responde...

Joaquim Barroca com probl...

A notícia que a Antena do...

A empresa familiar em San...

Da Urbanização dos Plátan...

Joaquim Barroca vai dar b...

Pato-Bravo da Lena insult...

O cabo dos trabalhos

arquivos

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds