Quinta-feira, 02.05.19

jorge

No Público.

 



publicado por porabrantes às 13:11 | link do post | comentar

Segunda-feira, 18.03.19

miguel urbano

Miguel Urbano Rodrigues, director de "O Diário, queixou-se em 1981 de agressões da GNR, contra jornalistas do seu jornal, em Sacavém.

A queixa foi dirigida ao Conselho de Imprensa, onde estava o dr. Jorge Moura Neves Fernandes, como representante da Associação de Imprensa Não-Diária. Foi ele o  relator do relatório mais Artur Duarte Fernandes.

O caso foi mandado arquivar pelo CI.

mn 



publicado por porabrantes às 14:06 | link do post | comentar

Quinta-feira, 21.09.17
Sábado, 24 de Dezembro de 2011

      

 

O sr.dr. Jorge Moura Neves Fernandes, meu amigo, dirigiu durante muito tempo o Jornal de Abrantes, com um breve interrupção, enquanto aquilo esteve entregue a  um tal Anacleto Baptista.

 

O meu amigo Jorge Fernandes usou durante algum tempo um pseudónimo, velha tradição da Imprensa portuguesa, de Manuel Viterbo.

 

Há um ano ou dois quando trespassou o Jornal para as mãos dos tipos que empregam um tal Júlio Bento, entendeu reunir parte da sua intervenção jornalística, valente e incorrecta politicamente, num livro com a sua assinatura, a do filho de Manuel Fernandes,

 

 

desvendando quem era Manuel Viterbo, num livro que ofereceu aos amigos e que leva o nome de Tribuna da Semana.  

 

Para mim, um dos melhores artigos da sua vida é este, que temos a hora de reproduzir:

 

 

 

 

 

 

 

 

 É uma das nossas prendas de Natal para os nossos leitores.

 

Pecou o dr. Jorge Fernandes, quando escreveu isto?

 

Pecou!!!!

 

Por excesso de caridade apostólica com esse tipo chamado Graça.

 

Graça oficial.png

 

Boas Festas

 

Marcello de Noronha 



publicado por porabrantes às 10:38 | link do post | comentar

Quarta-feira, 23.08.17

espanto.png

mário semedo.jpg

Por causa deste artigo, uns ''arrivistas, populistas e medíocres gestores de orçamentos exíguos'' (Mário dixit) quiseram processar Mário Semedo e por extensão o director do Jornal

jorge m.neves.jpg

dr.Jorge Fernandes ...

 

 Aos ''''arrivistas, populistas e medíocres '' respondeu Eurico Consciência, defendo-te à borla.

 

Ao artigo, respondeu a folha clerical, dirigada pelo Graça, mentindo na primeira página, dizendo que a obra já estava aprovada em Bruxelas.

 

Que fique para a História, um artigo dum valente.

ma



publicado por porabrantes às 19:10 | link do post | comentar

Quinta-feira, 10.08.17

Um homem que foi toda a vida um Senhor às 19:19, 10/08/2017 :

É com grande pesar que acabo de ler a notícia do falecimento do Dr Jorge Fernandes com quem trabalhei ao longo de vários anos no Jornal de Abrantes.
Seguindo as pisadas do meu avô Carlos Silvares de Carvalho e a convite do sr Engenheiro José Carreiras que também aí integrou a redacção, pude contactar semanalmente com o Dr Jorge Fernandes pessoa com quem muito aprendi.
Sempre encontrei no Dr Jorge um defensor acérrimo do património de Abrantes e da região em particular.
Semanalmente acertávamos a paginação do jornal, tendo o Dr Jorge revelado amiúde um cuidado extremo nos títulos e entradas jornalísticas e no seu conteúdo. Tinha o Jornal de Abrantes prestígio e regras de conduta editorial que procurava seguir e respeitar quase religiosamente.
Do Dr Jorge Fernandes guardo a marca da simpatia, do professorado, de um Senhor de Abrantes do seu tempo, mas cuja memória o tempo não apagará.
O Jornal de Abrantes perdurou durante muito tem po com a sua linha conservadora e ficou para a história tal qual. A mesma água não passa duas vezes debaixo da mesma ponte, diz o dito.
Para além do se vasto curriculo o Dr Jorge integrou também uma Irmandade na Sé Catedral. Chegou a convidar-me para secretário da assembleia geral da Fundação Portuguesa de Cardiologia na qual punha tanto empenho.
Seria uma injustiça não referir o seu apoio permanente à redacção do Jornal em matérias altamente sensíveis como a poluição decorrente da Central do Pego ou mesmo da CAIMA.

O Jornal de Abrantes nunca se vergou ao poder autárquico ou outro que fosse.

Com o Dr Jorge Fernandes nunca tivemos na redacção presidentes de Câmara ou assessores a telefonar-nos.

Fiquei triste com o falecimento do Dr Jorge.

Paz à sua alma.


publicado por porabrantes às 20:09 | link do post | comentar

Quarta-feira, 09.08.17

jorge m.neves.jpg

Faleceu ontem em Lisboa, com 89 anos, o grande abrantino Dr.Jorge Manuel Moura Neves Fernandes, casado com a Senhora D. Maria Fernanda Fernandes, e irmão do Sr. Dr. Luís Moura Neves Fernandes.

O falecido era filho do Dr.Manuel Fernandes e da Senhora D.Maria Vírgínia Moura Neves, pertencendo às grandes famílias cujos serviços à Comunidade, marcaram um período histórico em que Abrantes era uma cidade marcante no Ribatejo e mesmo a nível nacional.

Advogado de profissão, jurista de reconhecido mérito, exerceu a sua carreira profissional em Lisboa, onde era muito conhecido na sua vida social e desempenhou diversos cargos de intervenção cívica designadamente nos corpos sociais do Grémio Nacional da Imprensa Não Diária e da Associação patronal da Imprensa (por exemplo ao lado de Francisco Pinto Balsemão) e era actualmente Vice-Presidente da Fundação Portuguesa da Cardiologia.

Na nossa cidade foi, ao longo de muitas décadas, Director do Jornal de Abrantes e

seu proprietário, colocando esta folha ao serviço da Comunidade e numa posição crítica face à desastrada gestão socialista, que conduziu Abrantes ao marasmo e ao declínio.

Reuniu parte dos artigos escritos nesse semanário, sob o pseudónimo Manuel Viterbo, no livro ''Tribuna da Semana'', em edição fora do mercado, que ofereceu aos seus amigos.

tribuna da semana.jpg

A sua verve e o seu talento literário combinam-se aí para recordar episódios saborosos da vida abrantina e para desancar incapazes relapsos e contumazes em actuações ímpias e indefensáveis.

Foi ainda Jorge Fernandes, um cidadão interveniente na cidade estando ligado à administração da Casa de Saúde, da Assembleia de Abrantes, do Hotel Turismo, do Colégio La Salle, do Teatro S.Pedro e duma vasta casa agrícola, vítima das ocupações selvagens do gonçalvismo.

Na política, foi dirigente local do CDS e deputado à Assembleia da República, eleito pela Aliança Democrática.

Como homem de cultura, foi um profundo conhecedor da pintura naturalista portuguesa e um coleccionador esclarecido  e apaixonado.

O enterro deste nosso amigo

jorge.jpg

celebra-se hoje para jazigo familiar em Abrantes.

Recordar o percurso do Dr.Jorge Fernandes é lembrar um espírito insubmisso, pouco adepto do politicamente correcto, capaz de meter no seu lugar grande parte dos borra-botas que fizeram da vida pública forma de enriquecer-se, em vez de servir, e ainda evocar um homem que foi toda a vida um Senhor.

As nossas condolências à família.

a redacção

ps- em sua homenagem recordaremos alguns trechos duma prosa implacável....mesmo com aqueles que cantavam o conto do Vigário        



publicado por porabrantes às 16:19 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Quarta-feira, 24.05.17

Fez anos o grande abrantino dr.Jorge Moura Neves Fernandes, ex-Deputado do CDS e ex-Director do Jornal de Abrantes ao longo de décadas.

Encontrámos este recorte histórico

cónego galamba.png

(semanário do Distrito de Leiria)

Depois de darmos os nossos parabéns ao Dr.Jorge, convém salientar a personalidade do Cónego José Galamba de Oliveira, que foi homenageado pela Igreja, em 2003.

galamba.png

Conhecido pela sua actividade no Santuário de Fátima e na vida jornalística, teve uma grande intervenção na resistência anti-comunista em 1975 (e já agora em 1974)

Segundo o jornalista Miguel Carvalho, Monsenhor Galamba teve um papel destacado em Leiria:

galamba 4.png

(1)

O Senhor Cónego teve problemas de família. O sobrinho e a irmã foram presos quando se encontravam a orar na Capela do Rato, mais o primo da Tia Mary Lucy, o ex-padre Moita e o Francisco Louçã.

Nesta entrevista, o dr. José Galamba conta  isso e diz que  ''  Vi o Marcelo Rebelo de Sousa, fura-greves, pendurado pelo pescoço a pedir clemência''

Nós por acaso não vimos.

ma

imagem: Escola Profissional de Leiria, fundada pelo bondoso sacerdote

O livro do Miguel Carvalho é indispensável

 

 

 

(1) _Miguel Carvalho, Quando Portugal ardeu, Oficina do Livro,2017



publicado por porabrantes às 18:16 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27.05.16

a-mad-dog-looking-back-and-urinating-on-a-red-fire

O Sr. Dr. Eurico Consciência oportunamente convocou a cãozoada para urinar (o Ilustre Advogado usou o castiço ''mijar'') na palmeira.

 

convocacão.png

convocacão.png

Publicado no Jornal de Abrantes, onde dirigia as operações o dr. Jorge Moura Neves Fernandes, das melhores famílias do Concelho.

jorge m.neves.jpg

 ma



publicado por porabrantes às 20:39 | link do post | comentar

Sábado, 20.09.14

 

SAR o Príncipe Sixto de Bourbon-Parma jura fidelidade à Bandeira da Legião Espanhola, eficaz e brutal corpo de elite do exército castelhano, onde alguns abrantinos combateram por Franco durante a Guerra Civil de Espanha.

Sixto é francês e por ascendência materna é quase português, é na prática um Bragança.

Foi particular amigo do grande abrantino Dr.Jorge Moura Neves Fernandes, segundo contou este nosso amigo nas colunas desse jornal. Distinguiu-o ainda como uma importante condecoração da Casa de Parma

    

 

A foto está datada de 20 de Setembro de 1965, 20 de Setembro é a data da criação da Legião.

O pai de Sixto, Xavier de Bourbon-Parma, apodreceu em Dachau com judeus, socialistas como Leon Blum, comunistas e gaullistas por ter o grato prazer de dinamitar SS (s).

Lá tinha as suas razões.

Era filho da Infanta D.Antónia de Portugal, e neto de el-Rei D.Miguel I

Foi ainda camarada de armas do Marquês de Abrantes, nas fileiras belgas, em 14-18 contra os boches

 

MN

 

fotos: cortesia de SAR Sixto de Bourbon-Parma



publicado por porabrantes às 23:15 | link do post | comentar

Quinta-feira, 15.11.12

A CMA processou uma imobiliária falida de Leiria a  Agrupol Imobiliária, S.A.  depois de anos de contencioso e negociações acerca duns terrenos nas imediações do Pavilhão Gimnodesportivo de Abrantes nas traseiras da Escola Solano de Abreu.



O processo que já foi agendado no Tribunal de Abrantes arrasta como intervenientes grande parte da ilustre família Moura Neves e Fernandes, incluindo as filhas do Dr.Luís Moura Neves Fernandes, Medalha da Cidade e Presidente da Liga dos Amigos dos Hospitais.


Também está como interveniente o nosso amigo, Dr.Paulo Falcão Tavares, Presidente da Tubucci, casado com uma Senhora da Família Moura Neves

 


E ainda o antigo proprietário e director do Jornal de Abrantes, o nosso amigo Dr. Jorge Moura Neves Fernandes até Abril de 2012 Presidente da Assembleia Geral da Hotel Turismo de Abrantes SA

 



O dr. Jorge é o Patriarca da família Moura Neves Fernandes , actualmente é um jovem e dinâmico grande proprietário e Advogado octagenário , filho do grande benemérito Dr.Manuel Fernandes



fundador do Colégio de Fátima, do La Salle, do Teatro São Pedro, da Casa de Saúde, do Hotel etc....



A lista completa dos intervenientes incomodados pela inépcia dos serviços jurídicos municipais é esta:

 


Interveniente Principal Nuno Miguel Delicado Moura Neves 
Interveniente Principal José Guilherme Neto de Almeida Moura Neves 
Interveniente Principal Maria Manuela Barreiros Martins Moura Neves 
Interveniente Principal Carlos Alberto de Moura Neves Fernandes 
Interveniente Principal Fernando Manuel Moura Neves de Almeida Fernandes 
Interveniente Principal Maria de Fátima Ferreira Ferrão de Almeida Fernandes 
Interveniente Principal Jorge Manuel de Moura Neves Fernandes 
Interveniente Principal Marta Lauret de Oliveira Fernandes Pereira Pinto 
Interveniente Principal João Hipólito Lino Neto Pereira Pinto 
Interveniente Principal Vera Lauret de Oliveira Fernandes 
Interveniente Principal Maria Margarida Neto de Almeida Moura Neves Telles Varela 
Interveniente Principal José Telles Varela da Costa 
Interveniente Principal Ana Cristina Netto de Almeida Moura Neves 
Interveniente Principal Pedro Gonçalo Moura Neves Vicente 
Interveniente Principal Ana Margarida Moura Neves Vicente 
Interveniente Principal Maria Sofia Moosmaier Cordeiro Moura Neves 
Interveniente Principal Miguel Moosmaier de Moura Neves 
Interveniente Principal Maria Filipa Moosmaier Moura Neves 
Interveniente Principal Maria Madalena Moosmaier Moura Neves de Matos Heitor 
Interveniente Principal Luis Manuel Ferrão de Matos Heitor 
Interveniente Principal Rita Maria Proença Lisboa Moura Neves Tavares Falcão 
Interveniente Principal Paulo Gabriel Falcao da Silva Tavares 
Interveniente Principal Maria Inês Lisboa Moura Neves 
Interveniente Principal João Paulo Moura Neves Vicente



A acção em processo ordinário tem o número  861/09.8TBABT e corre no 3º juízo desta comarca.



O Réu actualmente em processo de insolvência é uma grande imobiliária de Leiria (curiosa cidade, diria Eça de Queirós, enquanto se lembrava do Cónego Amaro)  ligada a 



AGRUPOL, LDA


cujos sócios gerentes eram os Snrs Artur Manuel Fernandes Borda D’Água e Albertino Lopes Guapo e de que actualmente é Administrador da Insolvência o Sr. Wilson José Gabriel Mendes da Marinha Gande.


A Agrupol exercia em Abrantes actividades imobiliárias na Urbanização dos Carochos cujo bonito aspecto é este:


 

 

 

 

Jota Pico 

 

 

Há ainda aparentemente segundo o ex-Vereador João Pico outros processos relativos e conexos a este caso relacionados com o saneamento urbano e a desastrosa gestão de resíduos desta cidade, onde se roça o crime ambiental.

 

 

Pois bem o contencioso da CMA com a Agrupol que se arrasta pelo menos desde o ano 2000 (ainda era Vice-Presidente o Eng.Couceiro, homem sério e grande abrantino) há muito que poderia ter sido resolvido.

 

Deixaram arrastar a coisa até que   a empresa entrou em insolvência!!!!

 

 

E agora recorrem aos Tribunais incomodando terceiros e pessoas com mais de 80 anos como o sr. dr. Jorge Fernandes, a quem os municipais e a Cidade devem tantos favores.

 

A falta de coordenação política, o desleixo e a incompetência são a marca desta gente.

 

Marcello de Noronha  

 



publicado por porabrantes às 10:40 | link do post | comentar | ver comentários (6)

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Missa por alma do Dr.Jorg...

Jorge Moura Neves Fernand...

Jorge Moura Neves Fernand...

Arrivistas, populistas e ...

A morte do Dr.Jorge Moura...

Um homem que foi toda a v...

O Reverendo Cónego Galamb...

Jornal de Abrantes apela ...

O legionário amigo do Dir...

CMA envolve família Moura...

arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds