Terça-feira, 02.02.21

const.png

O barbeiro-cirurgião Constâncio nunca apreciou os amores da filha, Maria Manuela com um valdevinos de prodigioso talento e azarosa vida, chamado Manuel Maria Barbosa du Bocage.

E para acabar com a história terá recorrido aos bons serviços do Intendente da Polícia, Pina Manique, para meter o poeta numa enxovia, conta Teófilo Braga (1).

Em 1797, o amante da filha do cirurgião é preso por fazer versos sediciosos.

const 5.png

Ou seja Manuel Constâncio além de médico famoso, terá sido um bufo

desalmado.

ma

(1) Teófilo Braga, História da Literatura Portuguesa-''Os Árcades''. O poema é de lá retirado

O medalhão é retirado de João Frade, Madalena Botelho-Os Medalhões da Faculdade de Medicina de Lisboa, Acta Médica Portuguesa, 1995

   



publicado por porabrantes às 09:29 | link do post | comentar

Segunda-feira, 26.10.20

Há por aí uma página de conteúdos patrocinados pelos caciques e animada pelo ex-secretário da pindérica que atirava foguetes dizendo que tudo funcionava bem no Manuel Constâncio, o povo, essa entidade sofredora, que tem de aturar a falta de recursos, informa-se lendo o Correio nas tascas. E que diz o matutino? E o que faz? O que diz pode ler-se a seguir. O que faz chama-se jornalismo.

cmm.png

 

 



publicado por porabrantes às 08:20 | link do post | comentar

Quinta-feira, 08.10.20

Foi Manoel Constancio de estatura mediana , de compleição secca , e caracter melancholico ; honrado , inteiro , sincero , e independente ; desprezador de honras e distincções a ponto que nem o habito de Christo , ( de que tinha vencido quatro de direito ) quiz trazer ;não tolerava affrontas , e tampouco injustiças feitas aos outros . Fallou franco até no Paço ; viveo sempre entre os grandes estimado delles ; e tratando- os com maior familiaridade nunca foi adulador nem empregou
o valimento senão em fazer bem e em desfazer despotismos de prepotentes. Poucas graças obteve da Côrte , e essas mesmas quasi que foi preciso que amigos poderosos , e até ministros de estado , as solicitassem por elle . Foi observador exacto dos deveres da religião,
mas inimigo declarado da superstição e da hypocrisia.

Francisco Solano Constâncio, homem de bons costumes,

Paris, 1819



publicado por porabrantes às 11:55 | link do post | comentar

Quarta-feira, 05.08.20

Manuel Constâncio quis ser enterrado na sua Quinta do Vale da Lousa.

quinta sardoal 3.jpg

Agora parece que a Quinta foi vendida, corre por aí o boato que querem desenterrar o famosíssimo cirurgião abrantino.

Como a Franco.

Pode o Sr. Presidente do Sardoal, onde está a Quinta, impedir que Manuel Constâncio sofra o mesmo destino que o Invicto Caudillo?

File:Manuel Constâncio - Manuel da Costa (attrib.).png - Wikimedia ...

Pode a autarquia local defender e classificar este imóvel que já devia estar classificado, como o está, a Quinta do Bom Sucesso, graças aos cuidados da família Anadia?

ma

 



publicado por porabrantes às 17:27 | link do post | comentar

Quarta-feira, 06.03.19

Está à venda a histórica Quinta de Vale de Lousa, no Sardoal, que foi propriedade do físico-mor do Reino Manuel Constâncio

O preço é de 1 milhão de euros e a quinta tem 512 400 m² 

Iquinta sardoal 2

quinta sardoal 3

 

 

 

fotos do portal imobiliárioquinta sardoal 8

mn

 



publicado por porabrantes às 18:18 | link do post | comentar

Quarta-feira, 10.10.18

Manuel Constâncio dá o nome ao Hospital e encontra-se intimamente ligado à história desta terra.

Nao vale a pena gastar mais linhas sobre o assunto.

O património duma terra deve ser preservado e amado. É competência das autarquias, no caso a CMA e a Junta de Abrantes fazer isso.

Manuel Constâncio legou ao povo das Sentieiras esta fonte

fonte sentieiras joao lopes constancio

Foto gamada ao blogue https://historiasabeirario.blogs.sapo.pt/outonomania-81027 do caríssimo João Lopes, um espaço de imensa qualidade

 

fonte sentieiras 2 joao lopes constancio

A fonte que é um valor do nosso património está cheia de lixo, aviltada por uma construção bastarda e ao abandono.

 

Mesmo uma humilde fonte faz parte do património e deve esta (e outras) ser urgentemente preservada.

 

mn 



publicado por porabrantes às 15:12 | link do post | comentar

Domingo, 10.12.17

as chmy

Gostaríamos de ver respondida a pergunta do Vereador. As pessoas interessadas podem contactar o Vereador para o tel e mail assinalados.

E a nossa pergunta é terá visto o Secretário de Estado isto?

P6-F1-800x630

Foto Almonda com a devida vénia

Os corredores são sítios para armazenar doentes?

mn



publicado por porabrantes às 16:10 | link do post | comentar

Quinta-feira, 01.09.16

enfermeiros.png

devida vénia ao Mirante

mn



publicado por porabrantes às 13:19 | link do post | comentar

Segunda-feira, 27.06.16

forreta.png

 Chamava-se Domingos Dias mas era conhecido pelo ''Manteigueiro''

 

''Domingos Mendes Dias, natural da povoação de Medeiros, freguesia e comarca de Montalegre, província de Trás-os-Montes, que destinou a luxuosa moradia a sua residência. Muito jovem ainda, fugiu aos pais e começou a vida em Lisboa como aguadeiro, depois foi marçano de mercearia e a seguir ao terramoto já se classificava «negociante da  praça de Lisboa».''

 

Um grande artigo de Mário Costa, no Boletim dos Amigos de Lisboa, ''Olissipo''

manteigueiro.png

 

  ma

 



publicado por porabrantes às 19:53 | link do post | comentar

Segunda-feira, 28.09.15

Ordem médicos.png

 O ex-barbeiro e sangrador Manuel Constâncio foi um vulto essencial na Idade de Ouro da Cirurgia Lusitana.

Natural de Abrantes, com vastas propriedades na terra, que se transmitiram até há pouco aos seus sucessores, Constâncio é o patrono do hospital local.

Já foi aqui citado várias  vezes.  Muitas vezes referido nos tratados de história da medicina portuguesa, o protegido do Marquês de Abrantes, foi abordado numa perspectiva fiável na bibliografia abrantina por Eduardo Campos e pelo dr.José Vasco. E ainda como consta num link por um médico de raízes abrantinas, com vasta preocupação pela história da medicina lusa, o dr. Luís Damas Mora.

páreoManuel Constâncio o Páreo Português

Autor: Augusto Gonçalves Correia de Castro
Organização: José Vasco e Eduardo Campos
Ano: 1993

 

ma



publicado por porabrantes às 15:29 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

O Bufo das Sentieiras (17...

SNS espalha covid pela re...

Retrato de meu Pai por Fr...

O desenterro de Manuel Co...

Quinta do Vale de Lousa à...

A fonte do Dr.Constâncio

Os corredores são sítios ...

Duas castas de trabalhado...

O cliente mais forreta do...

Conferência sobre Manuel ...

arquivos

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

celeste simão

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

duarte castel-branco

espanha

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

frança

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Maio 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds