Terça-feira, 24.07.18

A cacique faltou a mais uma reunião da CMA

O Armindo Silveira levantou a questão destas faltas constantes.

O Vice disse que a cacique estava numa reunião de trabalho do quadro 20/30 a defender interesses locais.

Eram 10.42

Mais ou menos a essa hora a cacique estava a postar no facebook

48 m 23-7-18

Se se  está numa reunião importante, não se está a postar no face....

 

Ou a menina não se consegue emancipar do telemóvel?????

 

mn 



publicado por porabrantes às 10:40 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.02.18

alteração projecto

Uma vez a CMA fez um regulamento declarando que era dona do S.Pedro, a coisa saiu em Diário da República e só por protestos deste blogue e de um cidadão foram obrigados a corrigir a infâmia.

CMA arroga-se propriedade do Teatro São Pedro

 

No documento supra a dona Céu dá o seu acordo, a um documento onde se dizem falsidades.

 

Diz-se que a Colecção Estrada e Colecção Moita tinham sido ''doadas'' ao Município e era falso.

Ou a mulher não lê o que assina ou havia outras intenções.

De qualquer forma deviam preocupar-se em não dizer-se proprietários de coisas que não são suas.

mn 



publicado por porabrantes às 19:57 | link do post | comentar

Quarta-feira, 23.11.16

 

Paulo Pires, deixou um comentário ao post Festas de Casais de Revelhos às 22:31, 2016-11-21.

''Comentário:
é com imensa tristeza que vejo um comentário como este a denegrir a Cultura Tradicional da Aldeia de Casais de Revelhos... Ainda se intitula cidadãos por Abrantes? è vergonhoso e não dignifica a Cidade nem quem trabalha pelo património Material e Imaterial da nossa Cultura... Se pretendem atacar o Município ou se eventualmente querem ocupar lugares de tacho como chamam pelo menos sejam inteligentes e respeitem os outros... Os Cobardes é que se escondem e não fazem oposição como deveriam... Cumprimentos, Paulo Pires (Presidente do Rancho Folclórico e Etnográfico de Casais de Revelhos - Abrantes -Grupo Filiado na Federação do Folclore Português e tido como um dos mais representativos da região e até a nível nacional)''

 Caro Senhor Paulo Pires.

Leu V.Exa mal. Se ler com atenção verá que no post em causa não há nada  a denegrir ninguém, excepto o fascista Alberto João Jardim.

Já agora deixe-me exprimir a minha admiração por Casais de Revelhos, o que não obsta a condenar o caciquismo bastardo e reaccionário que desgraça Abrantes. .

Tem de ser este Concelho desgraçado por uma catequista de Casais de Revelhos,

que não sabe duma minuta que fez perder ao Concelho um milhão de euros e que

enriqueceu  um tal Alexandre Alves e uma impoluta Senhora que responde pelo

nome de D.Irene de Brito?

A cobardia reside no caciquismo em não realizar um inquérito que permita apurar em quem permitiu fazer uma escritura em que um conhecido ''empresário de confiança'' ( do caciquismo de Casais de Revelhos e do PS de Abrantes)   compra uma herdade por cem mil euros,  que a edilidade comprou por um milhão de euros à nobre família Burguete.

A cacique, intimada pela Oposição, que teve em Santana-Maia Leonardo e em Belém Coelho, nomes que ficarão com letras de ouro, na história da dignidade abrantina, não ousou responder, nem mandou fazer o inquérito, e a cobardia é nossa?

Compre V.Exa. uns óculos!

Os nomes honrados dos colaboradores deste blogue, em que quero destacar, porque Justiça deve ser feita, o falecido resistente anti-fascista Mário Semedo....

mário semedo.jpg

respondem por si.

Onde é que estava Maria do Céu Albuquerque ou o Lacão, enquanto o Mário divulgava aqui o súbito enriquecimento do Vereador socialista Júlio Bento, ou enquanto o Mário organizava, com o Pai dele e com Orlando Pereira as actividades da CDE em 73?

Estavam a ensaiar viras folclóricos?   

Onde é que estava a sociedade civil enquanto o Mário escrevia isto e a PJ o ia incomodar num domingo às 8.30 da manhã?

Debaixo da cama?

Onde é que estava a sociedade civil, enquanto D.António Castel-Branco

acb mandatário.jpg

era processado infundadamente por um tal Carrilho da Graça?''

Estavam a ensaiar o vira????

Como é que se qualifica um tipo que apresenta uma queixa infundada????

Não há pachorra para aturar a base social de apoio do caciquismo.

É capaz o Carrilho da Graça e o rancho folclórico que lhe bate palmas, de justificar um ajuste directo injustificável???

Que processe outra vez o Mário e o António!!!!

Quer a sociedade civil discutir seriamente??? 

Que nos digam quem fez a minuta do Casal Curtido!!!!

Que nos digam quem plagiou Eduardo Campos!!!!!

Que nos digam como se justifica isto?

bento.jpg

 

bento 1.jpg

Escreve o Procurador Orlando Machado, sobre um processo movido a um ex-Vereador abrantino, estas palavras acusadoras e que ficaram sem réplica, e sem um inquérito...

E temos de aturar acusações, enquanto uma cacique assobiava pró lado!!!!

Francamente, não há pachorra!!!

Se tenho de me ocupar de uma natural de Casais de Revelhos, deixem-me falar da cozinheira da Senhora Marquesa do Faial!!!

apolinária dos santos.jpg

 

É a terceira à direita!

Também foi cozinheira do dr. José Guedes de Campos (querido amigo, já falecido) e de António Farinha Pereira. A cozinhar defendeu como ninguém a cultura material e imaterial dos Casais! A sua vida foi um percurso de honradez e de classe que honra os Casais!

Mas nunca dançou o vira ao sabor de qualquer cacique!

A Dona Apolinária era muita senhora do seu nariz, como ficou a saber a Marquesa e o Farinha Pereira e o sobrinho !

Vai longa a resposta, mas valia a pena lembrar quem nos defendeu, como o Mário, como o Santana-Maia Leonardo.

E resta-me lembrar o Pedro Moreira, acossado pela reacção clerical, quem como Presidente de Alferrarede, deu o melhor de si.

O bairrismo dos Casais não tem uma palavra para quem o acossa???'

Cumprimentos

ma

imagem da Senhora Dona Apolinária dos Santos, que em Paz descanse, felizmente num cemitério sem múmias, como o de Santa Catarina, retirada da Zahara, nº 27, numa entrevista onde a sua sobrinha, Senhora Dona Teresa Pombo, diz o seguinte, sobre o Cónego Graça '' Não quero nada com o Padre Graça''   

  

 

     

..

 



publicado por porabrantes às 15:58 | link do post | comentar

Quarta-feira, 10.02.16

 

suspenso concurso miaa.png

miaa lançamento 1.png

O lançamento das obras do MIAA feito outro dia já deu a barraca atrás trancrita

 

lançamento miaa.png

O tipo que abraça Carrilho da Graça não será certamente o Arq. Doutor Dom António Castel-Branco, a quem o licenciado meteu uma queixa na Ordem dos Arquitectos, que aquela Ordem arquivou, por não ter fundamento..... 

lançamento miaa 2.png

 

 

lançamento miaa 3.png

Suponho que os arquitectos abrantinos deviam ter sido solidários com António Castel-Branco. Também suponho que deviam respeitar o Plano de Urbanização de Abrantes e não arrasarem muralhas ou implementarem ajustes directos à margem da Lei.

miaa lançamento 1.png

 No lançamento do concurso, o licenciado Carrilho da Graça disse que o imóvel tinha problemas vários e que estavam à vista de todos e que por isso precisava de restauro. Pois precisa, os imóveis classificados são obrigatoriamente mantidos em bom estado, pelos seus proprietários, e o Convento está em estado ruinoso por culpa duma edilidade que o abandonou e que era dona dele.

 

artur falcao corneteriro.jpg

convento de sao domingos artur falcão ar.jpg

O que é a Arq. Sara Morgado diz a meter merdas dessas num telhado dum imóvel classificado? Viu em Queluz ou na Batalha coisas destas?

entrada s. domingos mortos dgpc.png

sao somingos artur dentro.jpg

 Quatro Presidentes da Câmara abandonaram o Convento e foram por esta ordem José Bioucas, Humberto Lopes, Nelson Carvalho e Maria do Céu Albuquerque e estes dois últimos gastaram cerca de 800.000 euros num projecto duma torre absurda, que teria chegado para reabilitar o imóvel.

 

beatriz noronha 3.jpg

Arq.Beatriz Noronha do atelier de D.António Castel-Branco, Professor catedrático de Arquitectura dirigente do PSD de Abrantes. O Bioucas espetou na cerca (protegida!) um parque de estacionamento e os outros 3 mantiveram o parque!

museu sem torre.jpg

 

A presidente disse, na alocução, que a obra poderia ser lançada em 6 meses, pois, como está expresso acima, já está suspenso o concurso por dois meses, prova alucinante da ''competência'' de quem o elaborou.

 

Imagens dum vídeo da Hertz (tocantes os abraços), da casa e do Artur Falcão.

 

Nem os azulejos dos bravos de Portugal foram capazes de restaurar, mas viajar para ir à China, a Cabo-Verde, ao Japão e mais sítios foi capaz de fazer, a cacique, à custa dos impostos abrantinos, só o dinheiro duma viagem dava para repor os azulejos no sítio. Porca miséria! Vil tristeza!

 

ma    



publicado por porabrantes às 11:37 | link do post | comentar

Quinta-feira, 28.01.16

Um dos arguidos no assalto a Casa de Maria do Céu Albuquerque anda às bolandas num Recurso na Veneranda Relação de Évora

 

mn

 

147726 Entrada:
23-12-2015
Distribuição:
04-01-2016
Recorrido: Ministério Público
Recorrente: João Luis Calado Pólvora
António Condesso (Secção Criminal - 2ª Subsecção)

10/14.0GBABT.E1

Valor:
0,00 €
Recurso Penal
Transferência electrónica


publicado por porabrantes às 23:12 | link do post | comentar

Segunda-feira, 09.11.15

Em 26-6-2015 houve assembleia municipal cá em Abrantes. Estamos em Novembro e não há acta publicada.

Ou seja não se sabe o que se passou.

Ou seja é violado o nosso direito à informação.

Mas há um montão de tempo que podemos saber o que se passou na A.Municipal de Junho de 2015 na terra dos curtumes (onde continua a cheirar muito mal) e de Lucília Moita.

Nessa reunião perorou a cacique

 

 

 

 

 

A cacique perora sobre a estratégia do desenvolvimento inteligente entre outras coisas.

Espero que isso inclua cedência de terrenos com cláusula de reversão.

A P de Abrantes parece ser mais responsável perante os eleitores de Alcanena que perante os de Abrantes.

Quanto à secretária da AM que ponha as actas cá fora. É tudo por agora.

ma   



publicado por porabrantes às 15:30 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

As faltas da cacique às ...

O seu a seu dono

A Senhora Dona Apolinária...

Concurso para S.Domingos ...

Pólvora na Relação

Do nosso direito à Infoma...

arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds