Domingo, 26.05.13

 

 

Com os cumprimentos do Noronha ao chefe.

 

 

MN

 

Por muitas velas que ponham a um S.Pedro em Lagarelhos tá visto que o Santo é do Sporting



publicado por porabrantes às 20:53 | link do post | comentar

Sexta-feira, 20.04.12

 

 

 

Elefante Branco - fachada

 

Este é o Trombinhas onde o Miguel dialoga com as brasileiras. Para leitores pouco informados ficam aqui os dados:

Rua Luciano Cordeiro 83-A
Lisboa
tel. 213579861.

 

O Miguel diz que este é o único Elefante Branco que adora.

 

 

Vem esta conversa a propósito de um possível elefante abrantino que muitos políticos cá da terra adoram:

 

O MIAA!!!! aqui na versão carrilhista que viola o PUA descaradamente, Podiam ler o regulamento?

 


É absurdo fazer um projecto destes, pagar adiantamentos enormes ao gabinete do Carrilho e à pandilha do Baptista Pereira e não haver estudo.

 

O PSD diz que não há.

 

Que diz a CMA? Que não há mas que talvez haja:

 

''Por outro lado, não é de todo verdade que a Câmara Municipal não fez um estudo de viabilidade, porque o mesmo está a ser feito ''

(Maria do Céu Albuquerque)

 

Ou seja gasta-se um montão de dinheiro num projecto que não se sabe se é viável, quanto custa, quanto vai custar ao longo dos anos e se a CMA tem massas para o sustentar....

 

E depois encomenda-se o estudo só para calar a boca à oposição. Bonito serviço!!!!

 

Era como se o Abrantes tivesse ido dialogar ao Elefante Branco com uma brasileira monumental e no fim do diálogo, arfante e suado, dissesse:  desculpa ò menina, o diálogo foi muito caro,  o meu Visa tá caducado e vê lá se me fazes uma borla....

 

Mas o Miguel é um dialogante, mas não é tonto.....

 

Finalmente a D.Maria do Céu é uma portuguesa típica. Gosta tanto de elefantes brancos, como o Guterres e o Sócrates e o resto da classe política, : ''Também não há pretensões por parte do executivo à sustentabilidade financeira do mesmo, o que sabemos não ser uma realidade no que toca também a outros museus, salvo raras excepções.'' .

 

Isto o MIAA nunca dará dinheiro, porque a Cultura em Portugal é sempre deficitária, e é um :


 

O único Elefante Branco que dá dinheiro e favorece a cultura luso-brasileira é aquele onde o Miguel costuma dialogar com as brasileiras, enquanto eu estou nos exercícios espirituais da Obra.

 

Marcello de Noronha






publicado por porabrantes às 16:20 | link do post | comentar

Sexta-feira, 06.05.11

 

Miguel Abrantes participou no Ralicross de Montalegre, com o Saab 9.3 turbo, de Eduardo Veiga. Mas a sorte não esteve pelo seu lado, pois problemas de transmissão, levaram-nos a desistir, no final da primeira sessão de treinos.

 

Até aí, fica o segundo tempo conseguido na referida sessão de treinos, o que era auspicioso para a estreia de Miguel Abrantes, que esta época está incluído na equipa de Eduardo Veiga.

 

A transmissão do Saab, que é um dos pontos fortes do carro sueco, esteve pouco colaborante nesta estreia, não deixando que Abrantes continuasse em prova, pois só lhe permitiu dar algumas voltas ao circuito de Montalegre.

 

Pelo pouco que foi dado ver a todos os presentes, Miguel Abrantes parece ter conseguido uma rápida habituação ao potente Saab 9.3 turbo, ficando no ar a promessa de bons resultados, em futuras provas.

 

Neste momento, e ainda em estudo, está a participação no Ralicross Internacional de Montalegre, prova pontuável para o Campeonato da Europa de Ralicross. Primeiro há que saber da possibilidade do Saab ficar pronto, depois, qual será o piloto que o conduzirá. Se Eduardo Veiga ou Miguel Abrantes.

Publicado por velocidade às 22:29
velocidade   é um blogue no Jornal de Notícias publicado por Armando Fonseca Júnior 
O Miguel é ás. Mas o Snr. Armando  como todos os nortenhos, em especial os da raia, tem problemas com a língua pátria. Veja-se o caso extremo do galego da Amoreira. Cada prosa é um chorrilho de galegadas.....
O Blogue diz que o Miguel se chama Arantes, ora chama-se Abrantes como se pode ver no corpo do artigo. Para a próxima mais cuidado, caro Armando.
Colocado por Suzy de Noronha, gaja boa, admiradora de bólides, sem conhecimento do Chefe!

 



publicado por porabrantes às 13:30 | link do post | comentar

Quarta-feira, 13.10.10

A página do PS onde manda a Chefa (do PS e da famíla Alves Jana, excepto do historiador rebelde que aderiu à petição) inseriu um texto sobre a grande preocupação da Máxima Autoridade Socialista.

 

Estava para lhe chamar tia Isilda, como chamo Tia Lucília à mulher do meu Tio Fernando (Simão), milionário, homem culto, pessoa de bem e filantropo.

 

Mas para uma Suzy de Levi e de Noronha chamar Tia a uma Senhora que não seja da sua família, exigem-se várias condições que a Chefa não cumpre.

 

Por exemplo, ter uma casa destas

 

 

Casa Moita em Alcanena, propriedade da Tia Mary Lucy. Arquitecto Raul Lino.

 

 

Ter anti-fascistas na família e inclusivamente algum comunista, excentricidades que ficam sempre numa família ''in'' como são os Moitas.

 

Recordamos o escritor comunista Urbano Tavares Rodrigues, primo da Tia Lucy, recordamos o ex-padre progressista Luís Moita na mesma situação e alma do apoio do povo português à resistência em Timor através do CIDAC (1).

 

Recordamos que o nosso amigo Pedro Moita Tavares Simão, grande proprietário e industrial é um dos signatários da petição.

 

Quem cria emprego como o Pedro na Renova, sem favores políticos e proteccionismos fiscais como aqueles que goza o Barão Vermelho, está com a petição.

 

Parasitas que vivem da cunha partidária e do favoritismo político não a assinaram.

 

 

Portanto não posso chamar Tia Isilda à Chefa.

 

Tenho de lhe chamar Comissária do Povo Isilda Jana.

 

Também não lhe posso chamar Camarada porque a minha militância de judia anti-sionista impede-me de acamaradar com descarados cúmplices do genocídio do povo palestiano, porque o PS está na mesma internacional que os sociais-militaristas de Barak....

 


O líder dos sociais-militares de Israel, o sinistro Barak, um Sharon de 3ª

 

 

Que preocupa então à Comissária do povo pegacha????

 

A fome?? O desemprego? A insegurança??? O futuro laboral do sr.Gomes Mór?

 

Não o que a preocupa a ela e ao PS de Abrantes é o problema angustioso dos ''Decotes das Deputadas''

 

Trata-se dum artigo surrealista do ex-VPC que recordado dos sermões seminarísticos lançou uma campanha pela moralização que o PS fez sua.

 

Como temos poucas Deputadas cá da zona, resolvemos investigar o decote das nossa políticas.

 

É uma coisa que me interessa, dada a especialidade académica em socialites.

 

Antes disso, uma panorâmica generosa sobre o decote:

 

in http://www.tecontei.com.br


Luciana Gimenez, uma socialite brasileira, mãe duma criancinha made in Mick Jagguer, adora decotes. Deve ser para disfarçar as pernas que precisam de restauro.

 

Sexy ou não? O decote gigante de Salma Hayek in http://starlounge.pt.msn.com

Salma HayeK também adora mostrar o peitoral. Para mim está out com este trapinhos

 

Podia continuar mas passo às políticas ou mulheres dos ditos:

 

Eis a doce Carla Bruni com um decote in

 




 

Eis a ex-deputada mais bonita do Distrito, com mais classe, com um decote sugestivo numa fotografia oficial, actual Governadora Civil que só perdeu as eleições em Alpiarça devido à péssima gestão do anterior PC socialista.

 

A Sónia não tem medo dos decotes.

 

O Pina de Costa mais o Lelo tripeiro têm. O PS de Abrantes acha que os decotes são um grande problema político.

 

Quando a Governadora Civil vier cá, para alegria dos olhos do meu Chefe Miguel Abrantes, especialista em brasileiras, a Chefa mandará um ofício para Santarém dizendo que a Drª Sónia não pode exibir um bocadinho do seu charme porque o Dr.Pina da Costa fica muito perturbado????

 

Pina dos Decotes, o moralizador (foto A Barca)

 

 

Lelo, a quem Jaime Gama meteu na ordem, o pai da polémica dos decotes (foto DN)

E finalmente (ou quase) para o dr. Miguel Abrantes, conhecido noctívago especializado em relações luso-brasileiras, uma prenda:

o mais out decote do Brasil. Até a Dilma é mais in......

 

Ò Dr.Miguel, há brasileiras e brasileiras. Porque não prefere o produto made in Portugal ?

 

Suzy Levi de Noronha, bomba luso-hebraica,

 

(1) Centro de Informação e Documentação Amílcar Cabral



publicado por porabrantes às 18:28 | link do post | comentar

Sábado, 31.07.10

Recebemos este e-mail que pensamos ser do dr. Castro Nunes mas não vem assinado certamente por lapso:

 

 

 

arteminvenite@gmail.com (IP: 82.154.41.66) disse sobre Correspondência arqueológica 2 no Sábado, 31 de Julho de 2010 às 02:50:

 

Caros Senhores.

A minha resposta a este comentário vosso foi aqui publicada e agora retirada.
Insisto, pois:
O silêncio é de ouro? O meu não... nem se compra nem se vende...
O barulho é mais... de ouro.
E ficamos por aqui. A prudência aconselha...
Espero que seja reposto. Caso contrário repor-se-á algures...
Cumprimentos.

 

 

 

Caro dr.Castro Nunes:

Só lhe respondo agora, porque o seu comentário chegou durante o meu horário de trabalho, às 2.50 da manhã, quando eu me encontrava em diálogo cultural com uma esplêndida brasileira, no Trombinhas, dando os dois cabo desta garrafa de

 

 

Parece-me que houve um equívoco da s/parte.

 

 

O seu comentário continua on-line, aqui

 

Desfeito o equívoco aconselho o dr. Castro Nunes a fazer como eu, a essas horas da madrugada o trabalho e a cultura são mais importantes que a net.

 

Cumprimentos

 

Miguel Abrantes

 

 




publicado por porabrantes às 13:25 | link do post | comentar

Terça-feira, 27.07.10

O Dr.Eurico protestou outro dia num jornal regional acerca da derrocada da estrada sita nas Barreiras do Tejo, acesso essencial à cidade e no atraso monumental da sua reparação.

 

Nas actas da CMA há material para comentar a coisa, o que faremos um dia destes.

 

Mas desde já dizemos que o atraso é inconcebível......

 

Mas há sempre quem esteja pior:

 

''Estrada Nacional nº 244 - Chão de Codes


A  foto documenta os efeitos do  desmoronamento da referida estrada, que limita a circulação a metade da via, com a inerente insegurança. Ocorreu   há alguns anos, não posso precisar, mas presumo ter sido durante o ano de 2005. Passados estes anos lá continua a mesma limitação e não se vislumbra o momento da sua reparação. Será que a CMM faz (fez ) a necessária pressão  junto da Empresa Estradas de Portugal ? O estado  actual  da referida e importante via de circulação que rasga o Concelho demonstra o desleixo das  entidades responsáveis. De qualquer modo, sendo a estrada de uma ou outra entidade, nada justifica tal  “esquecimento”, que  põe em causa a segurança  de quem a utiliza.''

 

in blogue Vozes Livres do Mação

 

Isto é os políticos rupestres conseguem trazer a filha do ''Doutor'' Lula a comer maranhos, coisa estúpida porque a menina tá gorda, e não conseguem reparar ou fazer que reparem a estrada!!!!!

 

Devem achar que fica assim mais rupestre, para gosto de Luiz Oeesterbeck.......

 

Dirá o leitor '' Com o mal dos outros, posso eu bem!!!!''.....

 

Que treta de consolação.....

 

Marcello de Ataíde,

(um destes ainda me chateio com o plebeísmo do Miguel Abrantes...)

 



publicado por porabrantes às 22:00 | link do post | comentar

Domingo, 25.07.10

Escreveu aqui o meu amigo Miguel Abrantes um texto em relação aos disparates proferidos no blogue Pico do Zêzere pelo Reveredo Vigário do Pinhal onde se profetizava uma guerra civil se a crise continuasse em Portugal e se os ''ricos'' católicos não começassem a fazer penitência ou seja a abrir os cordões à bolsa.

 

O Vigário está no direito de fazer as profecias que entender enquanto o Ordinário Diocesano não o mandar calar.

 

Não estava no entanto no direito de se candidatar a Vereador por estar impedido pelas Leis da Igreja e da República.

 

E o  Ordinário Diocesano, um Santo, certamente por desconhecimento não aplicou a pena canónica merecida.

 

A profecia é uma profissão arriscada. Se um profeta como o foi o Padre Malagrida S.J. incomoda o Poder pode terminar mal.


Execução de Malagrida . Ler aqui mais sobre esta imagem. Retirada do blogue ruitavares.weblog.com.pt

 

 

Pombal, da mesma seita que o meu Amigo Miguel, mandou-o queimar por dizer que o terramoto de Lisboa de 1755 era castigo divino.

 

Todas as organizações têm os seus crimes, incluindo a Igreja Católica.

 

E naturalmente as várias tendências maçónicas.

 

Nós defendemos a manutenção do edifício dum Convento cuja Ordem Religiosa esteve implicada na organização dos massacres de Lisboa contra a comunidade judaica, exactamente quando D.Manuel I estava em Abrantes.

 

A diferença entre mim e o Miguel é que eu reconheço os crimes cometidos pela Igreja Católica e o Miguel continua a sustentar que o dr. Afonso Costa nunca fez disparates.

 

Tem toda a razão o dr.Miguel Abrantes quando se insurge contra a política clerical da nossa Hierarquia que é vítima não só da cultura do secretismo mas dos vícios da Raça.

 

Havia que ter prestado contas aos investidores católicos da falência da TVI e procurar compensá-los.

 

É natural que quem foi como diz o Miguel ''aldrabado'' na sua boa fé se sinta revoltado quando o discurso dum Bispo se resume  em falar em dinheiro.

 

E é com espanto que eu vejo outro Bispo, D.Januário Torgal, apoiar as palavras infelizes de D.Carlos Azeredo.

 

A nossa crise não é material, é de valores, como escreveu acertadamente São José Maria Escriva de Balaguer, patrono da Obra, e parece-me que os nossos Pastores falam demasiado de dinheiro e oram pouco.

 

Esquecem-se que a oração é um telefone directo para Deus, como disse o Santo.

 

E disse mais: ''Rejeitemos, portanto, o pensamento de que a Igreja - esquecendo-se do sermão da montanha - procura a felicidade humana na terra, pois sabemos que a sua única tarefa consiste em levar as almas à glória eterna do paraíso; rejeitemos qualquer solução naturalista, que não valorize o papel primordial da graça divina; rejeitemos as opiniões materialistas, que procuram tirar importância aos valores espirituais na vida do homem; rejeitemos de igual modo as teorias secularizantes, que pretendem identificar os fins da Igreja de Deus com os dos estados terrenos: confundindo a essência, as instituições, a actividade, com características similares às da sociedade temporal.''

 

Fala ainda o Miguel dos títulos aristocráticos dos Bispos. Tem razão. São José Maria viu reconhecido pela Graça de Deus e de Franco um título de Marquês e imediatamente numa prova de humildade o cedeu a um familiar.



O exemplo do Santo devia ser seguido pelos nossos Pastores.

 

Regresso a D.Januário, estive a ver todos os vídeos disponíveis sobre a manifestação católica contra o casamento gay e não o vi lá.

 

Estaria num desfile militar?

 

Também não vi D. Carlos Azeredo. Estaria a tratar da tratar da contabilidade do Patriarcado?

 

Era isso mais importante que serem os Bispos a guiarem o povo católico na defesa dos Valores?

 

Fala ainda o Miguel da responsabilidade da Obra, o Opus, na crise do BCP!

 

Touché!

 

Por mim o senhor Jardim Gonçalves já devia ter sido irradiado da  pia associação. Provavelmente só foi paternalmente admoestado e e está sujeito a uma penitência severa.

 

É suficiente?

 

Tenho dúvidas.

 

Mas, permita-me o Miguel opinar que a nova administração, onde brilhou um tal Vara e parece mandar o ''Comendador'' Berardo tem feito uma gestão pouco brilhante.

 

Diz finalmente o Miguel Abrantes que não dá esmolas. Tem razão.

 

As esmolas não são necessárias, o que é necessária é a Justiça!

Com um abraço para o Miguel e a crença que é da discussão que sai a Luz.

Marcello de Ataíde



publicado por porabrantes às 22:59 | link do post | comentar

Sábado, 10.07.10

O Mirante publicou esta manchete:

 

''Tribunal de Contas arrasa organização do centro Hospitalar do Médio Tejo'' (9 de Julho)

 

que é parecida com a nossa:

 

''Público arrasa gestão de Gomes Mor'' (15 de Junho)

 

Mérito do Sr.Dr. Miguel Abrantes. Parabéns ao Miguel!!!! Aliás hoje é dia de parabéns como se verá......

 

 

Marcello de Ataíde



publicado por porabrantes às 14:00 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

O leão pergunta a Miguel ...

Pico adora elefante branc...

a raia dá azar a Miguel A...

A Comissária do Povo e os...

Um equívoco

Há sempre quem esteja pio...

O apelo às esmolas de D.C...

O Mirante confirma-nos co...

arquivos

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Maio 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9






mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds