Segunda-feira, 21.01.19


                         

Quinta-feira, 5 de Abril de 2012

 a barca

 

 

 

 

apresentamos um documento essencial para a história da RAL e foi-nos cedido, como outros, por uma conhecida  intelectual abrantina, da Amoreira, muito ligada ao marçalismo primário... 

 

  

 

 

é a acta número trinta e um da RAL, CRL

 

 

      

 

É um documento curioso. Começam a aprovar 3 actas de reuniões anteriores, coisa pouco habitual. Quando se aprova uma acta duma reunião costuma ser na seguinte, isto dá ideia que tinham existido 3 reuniões um bocadinho ad-hoc.

 

A seguir aprovam por maioria com abstenção da Fernanda Mendes

 

 um Protocolo de Acordo Negociável com Albano Santos. Como se sabe (a acta não o diz) o alvará radiofónico foi parar às mãos não do Albano, mas da Media,  On, LDA onde o Albano detinha apenas uma quota de 20%, estando os 80% restantes nas mãos do Betão ou seja da Sojormédia, SGPS, LDA.

 

 

 

 A acta não permite saber (coisa curiosa) o montante da transacção, a  cooperativa estava crivada de dívidas  e tinha sido alvo duma penhora pelo fisco. 

 

 

A Sojormédia era (é) o holding da Lena para os media (hoje numa situação financeira delicada) e o Albano ficava na RAL ''privatizada'' na mesma situação que o Armandinho

 ribatejo, onde escrevia a Dona Edite

 

e os outros sócios do Ribatejo quando a Lena aí irrompeu. Nas mãos ( no que se refere à tomada de decisões empresariais) de pessoas como os que eram gerentes da Media-On, António Barrocas Rodrigues, Joaquim Barroca Vieira Rodrigues, etc....

 

Por isso,   Albano Santos viria mais tarde a abandonar a Media-ON...  

 

Quem foi sentenciada nesta reunião, cuja acta transcrevemos, foi a Fernanda Mendes, que viria a ser despedida.....

 

Anoto finalmente que dos sócios fundadores da RAL só estiveram nesta reunião.....:

Augusto Martins e José Inácio......

 

e representado o falecido Sousa Casimiro.

MA

PS-Quem quiser fazer  uma leitura política que a faça. Eu já a fiz. Oh...larilas, como dizia o meu barbeiro quando passava uma gaja boa em frente da montra do seu estaminé..... 




publicado por porabrantes às 23:34 | link do post | comentar

Sábado, 17.11.18

ral colaço 2

Foi o  amigo António Colaço. Dantes havia rádios livres, depois houve rádios camarárias. Depois donos das rádios com pulseira electrónica. Na foto o Sousa Casimiro e o Graça Vieira. Escapa-me um dos presentes.

Finalmente a Rita Colaço, ganhou um dos prémios Unesco de jornalismo com Jamaika. Parabéns

ma

mn

gamado ao António



publicado por porabrantes às 16:11 | link do post | comentar

Quinta-feira, 21.01.16

colaço.jpg

Há 35 anos nasceu uma Rádio Livre. Muita gente trabalhou à borla lá. Por Abrantes e pelos concelhos vizinhos. Mas há dois nomes incontornáveis o caríssimo António Colaço e o saudoso Sousa Casimiro.

Vão perdoar os que não menciono, mas quero fazer uma menção especial para o Senhor  Vergílio, que trabalhava (depois de reformado dum posto subalterno militar) no Dr.Consciência e que fazia lá os ''discos pedidos'' ou coisa semelhante.

Era uma jóia de homem.

Hoje há uma rádio do poder. Ontem houve uma rádio livre. Era outra coisa. A primeira era a Voz de Abrantes, a seguinte é a voz dos manda-chuvas.

ma

gamei a foto do António no facebook, mil desculpas



publicado por porabrantes às 21:52 | link do post | comentar

Terça-feira, 03.03.15

ral.jpg

 cortesia do António Colaço, fundador da RAL

 

albano.jpg

 o gajo que comprou uma Rádio Livre a meias com a distinta família Barrocas Rodrigues,

 

1-alves.jpg

 o comissário político da Rádio Antena Livre, já propriedade da Lena

 

e a notícia que não ouvi na Antena Livre:

''Da lista de buscas a fazer constou ainda a casa do administrador do Grupo Lena, António Barroca Rodrigues. Elementos da PSP revistaram a casa no centro de Leiria também na quinta-feira, mas tinham apenas um mandado de busca. Não havia qualquer mandado de detenção em nome do administrador. Foi apreendida diversa documentação. Entre os papéis apreendidos há movimentos bancários e de compras de ações, segundo a fonte contactada pelo Observador.

António Barroca Rodrigues é sócio do amigo de José Sócrates, Carlos Santos Silva, também arguido no processo, na empresa XMI – Management & Investments S.A. – uma empresa que presta serviços ao Grupo Lena.

A documentação apreendida serve de prova e poderá determinar o futuro do inquérito: termina com arguidos formalmente acusados ou com um despacho de arquivamento?

O processo em fase de inquérito investiga crimes de corrupção, branqueamento de capitais e fraude fiscal.'' (observador)

 

 

ler aqui

 

É colaborador da Antena Livre  algum raiano da Galiza a quem informamos que se quiser tratar de assuntos consulares espanhóis, o consulado de Espanha mais próximo de Abrantes é o de Leiria, cujo cônsul é o

 

Mr António Barroca Rodrigues

 

para falar pró consulado pode usar estes e-mails

antonio.barroca@grupolena.pt

carmen.i.alves@grupolena.pt

 

leiria.png

 MA

que tenha cuidado o dr.Juiz Carlos Alexandre com ordens de busca pode haver imunidade diplomática...

 



publicado por porabrantes às 08:09 | link do post | comentar

Terça-feira, 03.06.14

 

 

mais uma página para a história da RAL no blogue http://jpn.c2com.up.pt/

 

 

donde se retirou a foto

 

sn


tags: ,

publicado por porabrantes às 17:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 13.02.14

 

 

 

Os tempos mudam, o António Castel-Branco agora está no PSD, o amigo Burguete no Céu, do  Felizardo Guerra estive a ler uma queixa que fez ao Conselho da Revolução....que está na Torre do Tombo.

 

Mas há mais .... mandaram-nos (um dos que figura nesta lista) um comentário, esta é a nossa resposta :

 

 

    

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Há mais?

 

Há!

 

Muitos cumprimentos à sociedade civil e ao meu amigo Sr.Dr. Eurico Consciência que foi o 1º Presidente do Conselho Fiscal da Cooperativa que detinha o alvará da RAL . 

Finalmente espero que a última cooperativa radiofónica cá do burgo, a Tágide consiga sobreviver.

 

Estou farto de rádios da Sociedade Civil.

 

MA



publicado por porabrantes às 18:12 | link do post | comentar

Segunda-feira, 29.07.13

Uma interessante tese de mestrado na UBI-Universidade da Beira Interior, da autoria de Daniela Baltazar da Silva destaca o papel pioneiro de Abrantes no movimento das Rádios Livres e o papel do nosso amigo António Colaço.

 

 

Das rádios livres passámos às rádios domesticadas.

 

 

Onde Betão rima com patrão.

 

 

Naturalmente aqueles pobrezinhos que acham que podem falsificar a história com benta presunção sem que a verdade venha ao de cima, neste caso via Universidade, ficarão muito tristes.

 

 

Podem auto-homenagear-se de novo  e auto-colocarem novas medalhas de lata ao pescoço.

 

 

Quem quiser ler umas páginas de história onde Abrantes foi pioneira pode fazê-lo aqui

 

 

Os nossos parabéns ao António Colaço e à Daniela, e ainda uma lembrança pró saudoso Sousa Casimiro.

 

 

AA



publicado por porabrantes às 21:53 | link do post | comentar

Quinta-feira, 29.11.12

Recebemos este comentário que passo a publicar: 

 

Augusto RosaMartins  disse sobre Bruxa do pego rogou praga ao padre (exclusivo) na Quinta-feira, 29 de Novembro de 2012 às 00:27:

     

A entrevista que ela deu a uma rádio, foi á RAL-Rádio Antena Livre, CRL. ainda estava nas Arreciadas o Colaço a foi buscar no seu Citroen 2 cv, ou Diane, ainda tenho comigo uma frase que ela disse na entrevista "As pessoas me chamam bruxa, porque não sabem o que é uma médium, o Colaço junto com Alves Jana a foram levar a sua casa ao Pego, quando a deixaram e voltavam para suas casas tiveram 2 furos, uma ainda lhes valeu a roda sobressalente quando foi a outra tiveram que recorrer a amigos.sei de outra com a GNR onde ela disse que o Jeep não ia andar, e não andou mesmo nem sequer o motor trabalhou, eu costumo dizer "a pessoas que não acreditam em bruxas lhes garanto que elas existem" eu conheço uma pessoa de Arreciadas que diz que todas as noites mas mais á 6ªfeira que briga com elas na cama, um dito popular diz que para sabermos quem elas são, que se deve colocar uma tigela com arroz, que quando elas entram derrubam a tigela e têm que apanhar todos os baguinhos um por um e ai nós conhecemos quem são, experimentem, outra, quem não ouviu de noite chamar da porta de casa o seu nome, são elas para nos amedrontarem, para elas se irem embora basta fazerem figas com os dedos da mão, fazendo com que o polegar fique entre o dedo indicador e o médio,mas isto resulta mesmo até para o mau olhado ou quebranto.depois digam que eu não avisei.

 

 

Caro leitor:

 

Obrigado pela sua saborosa contribuição sobre uma entrevista na saudosa RAL do nosso comum amigo António Colaço.

 

Um abraço para si e para o António, em memória duma Rádio que servia o concelho e que teve triste destino.

 

MA



publicado por porabrantes às 13:25 | link do post | comentar

Terça-feira, 05.06.12

 

 

A verdade a que temos direito era o slogan dum jornal dirigido por um homem que escreve muito bem, o Miguel Urbano Rodrigues, mas um jornal que mentia sistematicamente ao serviço do estrangeiro ou seja da URSS.

 

 

Chamava-se o Diário e era um Avante quotidiano. Ou melhor era um atraso diário.

 

 

A verdade a que temos direito não é o que nos querem meter na cabeça tipos como Alves Jana, mas aquilo que realmente se passou.

 

 

Na história da Ral-Rádio Livre e não da emissora actual que é uma espécie de Emissora Nacional ao serviço do sistema clientelar que tem  no agente técnico Bento a sua benta expressão Alves Jana não existiu....

 

 

 

 Os que fizeram a Rádio Livre não eram papagaios ao serviço  do patrão.....

 

 

Em homenagem ao António Colaço, peticionário actívíssimo, aqui vai mais um capítulo da História da Ral-Rádio de Homens Livres

 

 

 

 

 

     

 

 

 

 

 

 A história é feita por homens livres em cada dia que passa e não por cronistas serviçais à moda da Zahara.

 

 

MN

nota: Expresso 25 de Junho de 1983



publicado por porabrantes às 13:45 | link do post | comentar

Sábado, 07.04.12

 Reexistir por Abrantes

 

 

 

O Cidadão Abt

disse sobre Das parecenças.... na Sexta-feira, 6 de Abril de 2012 às 22:13:

 

     


Jerónimo Jorge, o ex (R)al e ex Folha Gratuita, presume-se de que.

No nº de Março 2012 figurava o mail na redacção e no nº de Abril 2012 nem uma coisa, nem a outra.

Há um vazio e um déficite de notícia para com os ouvintes que durante anos se habituaram às suas locuções.

Como órgão de comunicação social que se designa ser, o difusor hertziano 89.7 FM deve ter emitido a informação sobre a misteriosa ausência do radialista em voz-off !!!

Compreende-se que o grupo LENA-comunicação pretenda produzir informação de terceiros mesmo quando os próprios tenham matéria de facto para fazerem manchete no éter e nas páginas dos jornais locais! 

Vamos brincar às noticiazinhas para os menos esclarecidos, e de preferência que não perturbem o institucionalizado.

Já preconizava o Rei Herodes: 
Ou te calas ou vais praticar geocaching para a ribeira do Codes.

 

 

Ò cibernético Cidadão, o velho ditado do Rei hebraico, é muito apropriado........

 

Ou te cagas disse o Rei a João Baptista, o profeta judeu e não o do souto,

ou ....

 

 

 

Não se calou o tipo que no deserto bíblico se alimentava de gafanhotos,

 

ao contrário do profeta de Lagarelhos que cada vez que fala larga gafanhotos......

 

e rodou a cabeça profética pela escadaria para passar a figurar como decoração no artesanato católico

e na mesa de cabeceira da lânguida Salomé

 

 

 

 

Como o Jerónimo Jorge não foi decapitado aqui fica o convite para  que nos conte a história. Porque a Voz do Dono não a contará, seja como seja.

M.Abrantes

 

sublinhados meus 

 



publicado por porabrantes às 18:00 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

a Ral, a venda

O melhor jornalista radio...

35 anos de fundação da RA...

Livro sobre a RAL

Piratas

Dia da Rádio (dedicado ao...

para a história da ral

Uma entrevista pegacha do...

Ral: a verdade a que temo...

Como dizia o velho Herode...

arquivos

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10


20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds