Quinta-feira, 20.02.20

O ghetto cigano de São Macário está de novo nas manchetes. O MP da Ponte de Sor acusa 10 marginais de tráfico de droga.

ghetto

Ao longo de décadas a autarquia socialista abrantina permitiu a criação e o alastramento dum bairro marginal onde proliferou o tráfico de drogas e a insegurança.

A coisa só terminou quando os tribunais mandaram demolir as barracas.

Enquanto isso, por motivos políticos e de falso e beato humanitarismo, de que é excelso exemplo a Dona Celeste, olhava-se para o lado, apesar das queixas do povo e dos edis da oposição e de várias sentenças judiciais visando os marginais por agressões a vizinhos e patifarias semelhantes.

Como se sabe há um Conselho de Segurança com actas secretas.

ma 

 



publicado por porabrantes às 07:52 | link do post | comentar

Sábado, 11.05.19

''3-Terrenos da CMA em S. Macário

Os terrenos em S. Macário onde viviam as famílias de etnia cigana e que foram realojadas pela CMA foram totalmente vedados.

Pergunto se o executivo conhece a identidade de quem vedou os terrenos e se algum particular comprou alguma parcela ou todo o terreno?''

 

Intervenção do Vereador do Bloco, Armindo Silveira, na reunião de

Reunião de 2 Maio de 2019

mn

 



publicado por porabrantes às 13:30 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Segunda-feira, 18.03.19

684533

ler no I



publicado por porabrantes às 13:42 | link do post | comentar

Terça-feira, 10.04.18

guarda chuva.png

Depois de ver a inauguração do melhoramento em S:Miguel vê-se que faltou ao evento uma delegação da Comunidade de S:Macário....

 

mn 



publicado por porabrantes às 09:44 | link do post | comentar

Quinta-feira, 07.09.17

Presentes os munícipes João Luís Guiomar e dois seus vizinhos, residentes em S. Macário, freguesia de S. Miguel do Rio Torto, que se referiram à permanência e à chegada de mais indivíduos de etnia cigana, que estão a desenvolver obras com vista à sua instalação na localidade. Aludiram ao facto de se encontrarem dispersos pelo chão fios de electricidade, com todos os inconvenientes que daí poderão advir para as pessoas que transitam no local, e manifestaram o descontentamento da população por esta situação, pedindo a intervenção da Câmara para que não permita tais obras e que procure manter a ordem pública.

 

O Presidente da Câmara fez alguns comentários acerca do exposto e disse que a Câmara ia deliberar sobre o assunto.

 

Reconhecendo a urgência de deliberação imediata sobre este assunto, foi dado cumprimento ao disposto no Artigo 83º da Lei nº 169/99, de 18 de Setembro, na redacção dada pela Lei nº 5-A/2002, de 11 de Janeiro.

 

Deliberação: Por unanimidade, à Fiscalização Municipal para ir ao local e verifique se estão a ser executadas as referidas obras, sem o respectivo licenciamento, devendo o assunto ser convenientemente acompanhado por aquela fiscalização.

Oficiar à EDP – Distribuição Energia, S.A. para que verifique e resolva a situação dos fios de electricidade dispersos pelo chão.

 

Oficiar também à P.S.P. – Polícia de Segurança Pública para que vigie o local em questão com vista à manutenção da ordem pública.

 

acta 26/2003

 

Pergunta-se ao Luís Reis o que fez para terminar com o bairro da lata.

 

ma 



publicado por porabrantes às 18:47 | link do post | comentar

Presentes os munícipes Diamantino Fouto Jacinto e outro, acompanhados pelo Presidente da Junta de Freguesia de São Miguel do Rio Torto, apresentaram as seguintes reclamações relacionadas com a permanência de indivíduos de etnia cigana em São Macário:

 

  • - Retiram a luz das linhas da EDP, não cumprindo minimamente as regras de segurança, o que pode dar origem à ocorrência de acidentes graves e até mortais.

As luzes estão ligadas de dia e de noite e têm sempre a música com o som bastante elevado, prejudicando o descanso dos outros moradores, dado que alguns até trabalham de noite;

  • - Provocam e ameaçam os outros moradores, dão tiros durante a noite, alguns conduzem sem terem carta de condução e pedem água potável aos residentes, agravando-se a situação com o aumento significativo desta população;
  • - Possuem construções em alvenaria no interior das barracas.

 

Face ao exposto, os Munícipes pretendem que a Câmara oficie à EDP a solicitar a substituição dos fios das linhas da EDP, por cabos naquela zona, para evitar este tipo de ligações, bem como uma fiscalização mais intensa por parte das forças de segurança.

 

O Presidente da Câmara explicou todas as dificuldades existentes neste processo, nomeadamente, o facto daquele espaço se situar na estrema do limite urbano da cidade, o terreno pertencer a particulares e se encontrar ocupado por aqueles indivíduos há cerca de 18 anos, conforme declararam os munícipes e também por a Câmara Municipal não ter responsabilidades na distribuição da energia eléctrica, sendo esta responsabilidade da EDP.

 

Referiu ainda que a Câmara Municipal irá oficiar à EDP, dando conhecimento das queixas apresentadas e alertando para as responsabilidades em caso de acidente, bem como solicitar à Guarda Nacional Republica e à Polícia de Segurança Pública para intensificarem a fiscalização naquela zona.

 

Acta de 21-10-2002

 

Face a isto verifica-se que houve alturas em que a CMA e a Junta de S:Miguel eram capazes de abordar a questão da urbanizaçao nómada.

 

Com Maria do Céu Albuquerque faz-se como a avestruz.

 

ma



publicado por porabrantes às 18:34 | link do post | comentar

Quarta-feira, 24.02.16

 

chaminé.png

acta de 2-2.2016

 

O Clube da Chaminé fez um muro e arrasando a inspecção municipal cai-lhe em cima

muro 2.png

foto Médio Tejo

 

Este senhor tem a vida atormentada pela construção dum muro ilegal '' abriu a janela para arejar a casa e que deu com um muro à sua frente'' e a CMA diz que pode legalizar o muro da vizinha, apesar do senhor Alves ficar com a a janela tapada.

 

Isto não assume ''particular gravidade'', mas o muro da Chaminé sim...

 

Dois pesos e duas medidas. Já agora o muro dos ciganos:

 

''S. MACÁRIO - LICENCIAMENTO DE OBRAS

Resposta ao pedido de esclarecimento dos vereadores eleitos pelo PSD

Para conhecimento, o vereador e vice-Presidente da Câmara, Rui Serrano, apresentou resposta ao pedido de esclarecimentos apresentado pelo vereador do PSD, Santana-Maia Leonardo, na reunião de 18 de março de 2013, relativamente ao licenciamento de obras em Arreciadas ( I - qual o fundamento para que o muro não tenha ainda sido demolido, tendo em conta que põe em risco a segurança de peões e veículos, e II - qual o fundamento para que se tenha consentido na edificação das construções em redor do muro ou, caso se trate de construções clandestinas, por que razão não se agiu para impedir a sua construção ou não foram as mesmas já mandadas demolir”), referindo o seguinte:

1. A demolição, quer do muro referido, quer das edificações existentes na envolvente, será precedida do indispensável procedimento de empreitada;

2. A formulação desse procedimento e, em concreto, o corpo dos elementos indispensáveis à sua formatação foi previamente equacionada juridicamente, à luz das regras do CCP (Código dos Contratos Públicos), face à precaridade das edificações a demolir;

3. Estabelecidas as orientações a que se deverá subordinar esse procedimento, aguarda a Divisão de Projetos e Empreitadas a oportunidade e a prioridade para a devida prossecução

 

 

 

E a pergunta vão dar cabo do muro da Chaminé, que é dum clube que é das poucas coisas que anima a vida associativa do ordeiro povo desta localidade, antes de darem cabo do muro dos ciganos?''

 

ma  

  devida vénia ao Amar-Abrantes do Dr.Santana-Maia Leonardo e ao Mário Rui Fonseca para a foto e ao ``Médio.Tejo.net''



publicado por porabrantes às 11:22 | link do post | comentar

Sexta-feira, 04.12.15

20151117_093958-1024x576.jpg

Foto do Mário Rui Fonseca no Medio-Tejo Digital da reunião pública da CMA a 17 de Novembro de 2015

 

 Mário Rui Fonseca Nov 17, 20159:32

09:32 – Período de abertura de intervenção ao púbico. três municípes estão presentes

 

Quem são?

s.macário 5 17-11-2015.png

 

Disseram: “Pensávamos nós ter ali uma reforma tranquila e investi tudo em São Macário depois de 50 anos de trabalho e não temos um minuto de descanso”,

 

a acta não diz isso, disse o Mário Rui Fonseca, aqui

 

pilatos.png

A acta é curiosíssima regista o nome das vítimas e oculta o nome dos prevaricadores.

Atribui a responsabilidade dos desacatos e duma situação infame que se arrasta ao longo de mais de 20 anos a uma nubelosa tribo cigana.

 

Para quem gosta das coisas claras:

se a Presidente teve conhecimentos de factos que são crime público que os comunique ao MP.

Se a Presidente teve conhecimento de  construções ilegais (que estão no terreno há décadas) que as mande demolir.

Face ao calvário das vítimas nenhum dos Vereadores da Oposição se mostrou curioso.

É (poupo no adjectivo que me apetecia) lamentável.

Carrego no buscador 

Sai isto

Mais :

mação em movimento.png

Vale a pena continuar?

mn

devida vénia ao Médio Tejo digital e ao Mação em Movimento 



publicado por porabrantes às 17:10 | link do post | comentar

Quinta-feira, 26.11.15

 

Justamente eufórica a comunidade cigana de São Macário comprou uma pipa de foguetes a um conhecido pirotécnico das Mouriscas para festejar o novo governo.

cigano.jpg

Segundo contacto obtido na comissão de festas aguarda-se apoio da  PSP para assegurar um perímetro de segurança à volta da aldeia, para que se certos elementos começarem a disparar para o ar canhotas e em último caso G-3, os vizinhos não ciganos (ou seja ''paios'') que protestem, sejam contidos pelas forças da ordem e não causem problemas.

s.macário 3.png

Com efeito numa das últimas reuniões abertas ao povo (que chatice, os políticos terem de ouvir o povo e perderem tempo que podia ser usado para negociar com a Luna Hotéis)  da CMA esses vizinhos foram à CMA ''causar problemas''.

s.macário 4.png

Leia aqui toda a reportagem do Mário Rui e divirta--se com a assombrosa prestação da cacique e com a leal oposição a tentar demonstrar que existe. Recomenda-se que leiam as actas de 2009-2013 para aprenderem a opor-se. Ou peçam por favor a Santana-Maia que regresse a Chefe da Oposição.

 

Portanto serão os pobres cidadãos de São Miguel que vivem ao lado da tribo gaulesa de S.Macário os que deverão ser contidos para não perturbar os festejos étnicos por haver alegadamente um governante cigano.

 

Mas isso não é verdade, o dr. Carlos Miguel

carlos miguel.jpg

 

não é cigano,

 

O Correio mente!

 

O dr.Carlos Miguel é filho de pai cigano e de mãe paia, coisa que segundo a sábia teoria  da Telma lhe pode acarretar ser muito mal visto entre a comunidade cigana.

telma 3.jpg

 Resta ainda um problema, deve a GNR cercar o Vale das Rãs para impedir que os ciganos daí vão à festa de S.Macário?

O patriarca de lá disse-nos que não eram bem-vindos.

 

Fontes da Justiça desmentem-nos que os ciganos actualmente detidos tenham uma saída precária para ir aos festejos.

 

Zé Peres (correspondente na Arrifana)

Créditos: Correio da Manhã, Medio tejo net, Jornal de Negócios,Voz do Betão (declarações da Telma a favor do casamento de menores quase impúberes)



publicado por porabrantes às 12:11 | link do post | comentar

Sexta-feira, 13.11.15

mas só funciona  no concelho de Tomar

 

flecheiro.png

 

http://radiohertz.pt/tomar-familia-proveniente-do-barreiro-instalou-se-no-flecheiro-mas-foi-descoberta-e-ja-nao-mora-entre-a-comunidade/

 

mas só é válida no concelho de Tomar

 

a redacção



publicado por porabrantes às 00:15 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Tribunal acusa gang de S....

O mistério de S.Macário

Comboio mata em S.Macário...

Faltaram os de S:Macário

A Urbanização cigana em 2...

Urbanização cigana

Três muros e duas varas d...

Ciganos ocupam ilegalment...

Foguetes em S.Macário

Rui Serrano tirou licença...

arquivos

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Maio 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9



25
26
27
28
29
30

31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds