Terça-feira, 08.06.21

Maurício de Oliveira, abrantino, foi com Chico Mata, o mais importante jornalista cá do burgo na Imprensa Nacional.

Mas também foi o autor involuntário duma das maiores ''gaffes'' da história do jornalismo.

Quando era um dos dirigentes da ''Capital'', de que foi chefe de redacção e depois Director, agonizava Salazar, no HCVP, na gíria ''Covil do Velho Pirata'', na designação oficial, Hospital da Cruz Vermelha.

Todos os dias, como hoje fazem os avençados do caciquismo, era mandado  um ''press-release'', indicando o que o Ditador papara ao almoço.

Comida de doente às portas da morte.

E aquilo era colado numa folha e mandado para a tipografia,onde era impresso.

Jornalismo de fita-cola e propaganda governamental.

O Maurício telefonava todos os dias para uma tasca, no Bairro Alto, para saber qual era a ementa do almoço, compunha uma nota com a encomenda e mandava lá o contínuo buscar as viandas e o combustível (tinto & bagaço), porque almoçava na redacção.

A ''Capital'' não tinha tipografia e mandava a papelada para imprimir ao ''Século'', que estava em frente.

Quando o tipógrafo compunha a primeira página, verificou que Salazar nesse dia almoçara '' uma sopa, um bife, um café e um bagaço''.(1)

Lá pensou isto é impossível, o homem está a morrer e telefonou para a ''Capital'' ,para saber se havia engano.

Tinham trocado a ementa do Pai da Pátria, pela encomenda do Maurício na tasca da esquina.....

ma

(1) História contada pelo Jornalista Daniel Ricardo, no livro ''Memórias Vivas do Jornalismo, Fernando Correia da Silva & Carla Baptista, Caminho, 2009

       



publicado por porabrantes às 12:36 | link do post | comentar

Domingo, 25.04.21

O mais importante fascista abrantino foi o Prof. Manuel Rodrigues, honrado na sua terra, com um monumento.

Segundo este documento da polícia política entregue a Salazar, havia boatos que o Rodrigues conspirava para fazer um 25 de Abril....ou novo 28 de Maio

rodrigues 1.png

rodrigues 3.png

Era 1936. Oportunamente Salazar desfez-se do Rodrigues, com amabilidade, enviando-o pastorear grossos interesses financeiros 

ma

 

 



publicado por porabrantes às 18:09 | link do post | comentar

Quarta-feira, 07.04.21

ortega.jpg

Governa bem, Salazar? pergunta Julian Marias

''Governa bem, é fácil governar 8 milhões de mortos'', responde por carta, José Ortega y Gasset, filósofo domiciliado na Av.5 de Outubro, nº 10 

Era 1946. 

ma

 



publicado por porabrantes às 18:48 | link do post | comentar

Quarta-feira, 27.01.21

judeu alfredo a.png

judeu alfredo da silva.png

De como o poeta modernista, latifundiário de Avis, astrólogo, arqueólogo amador,   (ainda hoje as ''Grandes Vias da Lusitânia'' são insubstituíveis), genealogista, etc fulmina o maior industrial de Portugal (e de Alferrarede) por ''hebreu'' e mais longa lista de políticos, negociantes, intelectuais  e etc.

E dedica o livro a um amigo seu, Fernando, a quem classifica também como ''judeu''.

Toda a vida partilhou com Fernando e António Botto, a boémia e os projectos literários bem como com outros ''judeus''....

Só saiu este volume, porque, no segundo, Saa provava que Salazar era judeu e proibiram-no, segundo escreveu José Augusto França. (1)

 Alfredo Esaguy, judeu autêntico, numa dedicatória dum livro, chamou-lhe : ''o novo inquisidor (do martinho) dos judeus''  (2)

Só para acabar, Pessoa, que fez um CV, onde se definia como meio-judeu, por ascendência marrana, tem um poema anti-salazarista....onde o Prof. Salazar é acusado de ser judeu.

mn

(1) e (2) Pereira, Elisabete J. Santos, ''Mário SAA (1893-1971):Um intelectual português na sociedade do século XX ''

htpp://hdl.handle.net/10174/19145



publicado por porabrantes às 17:54 | link do post | comentar

Segunda-feira, 25.01.21

salazar pretos.jpg

Dizia o fascista e populista Adriano Moreira:

Senhor Professor Doutor Oliveira Salazar nao se deve referir a essa gente como '' pretos''. 

Os tempos mudaram.....

ma


tags:

publicado por porabrantes às 16:28 | link do post | comentar

Quinta-feira, 21.01.21

supico.png

c.bode 2.jpg

 

Carta de Salazar a Supico Pinto desculpando-se. Pub por Franco Nogueira no volume IV da sua biografia do Ditador.  Talvez fosse tempo de alguns borra-botas aprenderem com Salazar, e pedirem desculpa pelas porcarias que fazem.

mn



publicado por porabrantes às 21:35 | link do post | comentar

Quinta-feira, 31.12.20

legiao portuguesa.jpg

O que esta gente gosta é de caudilhos e caciques! 


tags:

publicado por porabrantes às 20:02 | link do post | comentar

Sábado, 12.12.20

antónio margues granja.png

Faltava a ficha prisional de António Marques Granja, um dos cérebros do atentado a Salazar, de quem já se falou aqui amplamente.

In ''Presos Políticos no Regime Fascista 1936-39'', Comissão do Livro Negro sobre o Regime Fascista, 1982 

Já agora a comissão era composta por José Magalhães Godinho, Fernando Piteira Santos, Teófilo Carvalho dos Santos, Joaquim Barradas de Carvalho, Raul Rego, José Carlos Vasconcelos e mais tarde o César de Oliveira. (1)

(1) Joana Rebelo de Morais, Comissão do Livro Negro Sobre o Regime Fascista: Em busca da verdade?, tese no ISCTE 2016



publicado por porabrantes às 19:00 | link do post | comentar

Quarta-feira, 11.11.20

Já se viu aqui que o abrantino Pires Cardoso durou pouco como Ministro do Interior.

E porquê?

Voilá! Não tinha suficiente brutalidade para aguentar  a responsabilidade dum Ministério onde se torturava nas cadeias (o homem, alma cândida de democrata cristão,'' desconhecia'' estas coisas quando foi para chefe dos torcionários.).

pires cardoso.png

(1)

Ou seja depois duma violenta discussão com Salazar, o Cardoso apanhou um AV e teve de ser hospitalizado....

Tudo porque Salazar mandara prender o António  Sérgio, o eminente historiador Jaime  Zuzarte Cortesão, o monárquico Vieira da Almeida ou seja o estado-maior intelectual da candidatura Delgado. 

E isso era demais, para a filantrópica candura do católico Cardoso. Ah sim, disse o Botas, já chega de copinhos de leite, metam esse brutamontes do Schultz....

ma 

 

(1) Luis Bigotte Chorão, Asilo político em Tempos de Salazar, Os casos de Humberto Delgado e Henrique Galvão, Edições 70, Lisboa 2019

 



publicado por porabrantes às 16:21 | link do post | comentar

''Ao Dr. Augusto de Castro. Começo por felicitar vivamente V.Exa pelo seu artigo de hoje e por agradecer-lhe a preciosa colaboração nesta campanha em que estamos empenhados (...)

O Dr.Ribeiro Lopes escreveu-me de África, e também de Lisboa, algumas cartas recheadas de interessantes considerações  acerca de vários aspectos da questão de Goa. Incitei-o a publicar um ou dois artigos que pudessem ser publicados em jornal de grande tiragem, e lembrei-me do ''Diário de Notícias'' Ainda não vi os artigos, que espero que sejam bons. No caso de o ''Diário de Notícias'' querer ter a amabilidade de prestar um mais patrótico serviço publicando-os, não sei, V.Exª verá-como devem ser apresentados. Assinados? Como sendo da casa? Dando-se a impressão de serem de origem oficial?  (.....)''

António de Oliveira Salazar

artur ribeiro lopes.png

Nova carta do Ditador: 

''Ao Dr. Augusto de Castro. Muito obrigado pela publicação em fundo do artigo do Dr.Ribeiro Lopes (...)''

Salazar recomenda (ou ordena) que o oficioso matutino, dirigido pelo mundano diplomata e razoável escritor, Augusto de Castro, publique os artigos do abrantino e ex-republicano Ribeiro Lopes, por certo uma das únicas pessoas da terra, que foi amigo de Pessoa, o outro foi Botto, a quem Salazar também protegeu.

Ribeiro Lopes tinha sido republicano e aderira à ditadura e foi um incansável propagandista do Presidente do Conselho e o dinheiro do SNI pagava essas obras. (1)

.

statesman 2.png

A forma cortês e civilizada como Salazar manda publicar os artigos, a maneira de combinar com Augusto de Castro a forma de vender o peixe governamental e lusitano (era 1957 e Nehru começava a acossar Goa),  é a tradução de  como o Poder controla jornalistas venais.

Só que nas terriolas, os caciques fazem isto muitas vezes duma forma mais rústica e boçal.

Pode-se dizer mal de Salazar, mas era um homem extremamente bem-educado. E cultíssimo. Bem, o seu amigo Cerejeira era muito mais culto que ele.....

ma

Os trechos das cartas de Salazar são retirados da obra de Franco Nogueira, Salazar IV O Ataque (1945-1958)      

(1) Ribeiro Lopes passou à Oposição em 1958, tendo papel influente na candidatura Delgado



publicado por porabrantes às 10:30 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

O bagaço de Salazar

O 25 DE ABRIL DO FASCISTA...

Governa bem, Salazar?

O empresário judeu de Alf...

Subsariana populista abra...

Salazar pede desculpa na ...

Haja quem mande !

Presos políticos : Antóni...

Salazar quase mata Minis...

Salazar impõe editoriais ...

arquivos

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

celeste simão

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

duarte castel-branco

espanha

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

frança

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Agosto 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds