Sexta-feira, 16.04.21

missa anacleto

O Anacleto dispensou os serviços da Junta do Sardoal:

''A Junta de Freguesia de Sardoal informa toda a população que o boletim da Santa Casa da Misericórdia deixou de ser impresso na junta de freguesia de Sardoal após renúncia do protocolo por parte da Santa Casa da Misericórdia de Sardoal.
Este apoio que a Junta lhes prestava ascendia a mais de um milhar de euros por ano.
O Presidente da Junta de Freguesia de Sardoal
Miguel Alves''
 
Não consta que o Anacleto vá pedir um empréstimo ao seu amigo burlão, o Graça das falsificações de documentos ......


publicado por porabrantes às 22:08 | link do post | comentar

Sábado, 27.02.21

155434241_3774078092680078_7852883964569785573_o.j

A assistência domiciliária do Anacleto custa 866

Ah leão!

Com estes preços, como é que a Misericórdia está falida?

Divulgada no face pelo sr. António José Mendonça.

ma



publicado por porabrantes às 21:23 | link do post | comentar

Sexta-feira, 04.12.20

alves.png

O Sr.Alves é Presidente PS da Junta do Sardoal. 

O post ia ilustrado com esta cara, com outra foto 

anacleto 4.png

 



publicado por porabrantes às 23:46 | link do post | comentar

igreja santa casa sardoal.png

Vista antiga da Igreja da Santa Casa do Sardoal

igreja santa casa sardoal 2.png

Vista actual, vénia à CM Sardoal 

Querem roubar as fotos, sff...

ma



publicado por porabrantes às 09:36 | link do post | comentar

Quinta-feira, 03.12.20

anacleto 4.png

Informa o nosso colega sardoalense que a Casa do Anacleto está com salários em atraso, só receberam metade do que tinham direito

'' (...)  É urgente regularizar os prazos de validade dos trabalhadores, que neste mês receberam apenas a metade e ficaram sabendo por meio de nota informativa. Anacleto Batista, que deveria mostrar a cara, está escondido: um péssimo gerente(...)  diz o Sardoal, Cultura e Progresso, nosso estimado colega...

mn 



publicado por porabrantes às 09:08 | link do post | comentar

Domingo, 29.11.20

anacleto 4.png

Reproduzimos com a devida vénia, o post do Colega Sardoal Cultura e Progresso sobre a degradação e uso político da Santa Casa do Sardoal, pelo Anacleto, o amigo dilecto do burlão José da Graça: 

 

SANTA CASA DA MISERICÓRDIADO SARDOAL, UMA BOMBA PRESTES A EXPLODIR
Perante a grave situação que a Santa Casa de Misericórdia apresenta e num exercício de responsabilidade e compromisso político com o Sardoal, os vereadores eleitos do partido socialista decidiram reunir-se com o Director Distrital da Segurança Social de Santarém, em delegação ao vereador Pedro Duque a representação.
A preocupação é máxima, tendo em conta a situação e as consequências que a falência da Instituição pode ter ao nível social e económico e essencialmente nas valências e serviços que presta à população.
Os principais aspectos da reunião são detalhados a seguir.
RELATÓRIO DA REUNIÃO
O Director fez questão de que não pretendia de forma alguma ocultar qualquer informação acerca da Instituição apesar da gravidade de algumas situações.
Apresentou-se munido de uma ficha de acompanhamento da SCMS, que é normal ter relativamente a cada parceiro com quem a Seg. Social tem protocolos.
Nessa ficha enunciou um conjunto de irregularidades técnicas e funcinais, apuradas numa recente inspeção dos serviços, tais como:
- Falta de qualidade das refeições fornecidas;
- Desconformidades nos quartos onde os idosos estão internados com excesso de utentes por unidade;
- Incumprimento de inúmeras regras de manutenção dos locais de internamento, com especial destaque para os cuidados em matéria de prevenção do COVID;
- Inexistência de actividades complementares de ocupação dos internos;
- Incumprimento dos rácios de Técnicos e de pessoal credenciado, em diversas áreas, designadamente, fisioterapia, animação, motricidade, etc..
- Internamento de utentes em vários locais (pelo menos 3) dispersos do Lar Principal, sem qualquer licenciamento para o efeito (Infracção Grave);
- Declaração em duplicado de vários utentes para várias valências em simultâneo, o que obrigou ao reembolso de avultadas verbas por parte da SCMS à Seg. Social (atenção que esta matéria é suscetível de ser crime na obtenção de comparticipações do Estado);
Por outro lado referiu que sempre que se reúnem com os Provedores, e têm que o fazer com alguma regularidade, o Sr. Anacleto, procura sempre intervir em matérias de âmbito nacional, ou seja está sempre muito mais empenhado em debater e criticar sistematicamente o Governo, acusando-o de insuficientes comparticipações do que em abordar a situação particular de SCMS.
A este prepósito, diz o Dir. Reg. que o Provedor não tem qualquer razão até porque em 2019 as comparticipações aumentaram 3,2% e em 2020, 5%, portanto valores bem acima da inflação.
Ainda disse que recentemente teve uma acesa discussão com o Sr. Anacleto, onde lhe disse que a SCMS era a única que se queixava da viabilidade e sustentabilidade de determinadas valências em todo o Distrito e que todas as outras SCM ou IPSS, ao longo do tempo, umas mais rápido e facilmente que outras, foram adaptando as suas estruturas às valências que proporcionam às população e prestavam na generalidade serviços com melhor qualidade que a SCMS.
Também disse que lhe tinha dito, que a gestão da SCMS supostamente até deveria ter sido mais facilitada, atendendo aos donativos de privados que recebeu e que muitas das suas congéneres nunca receberam, mas prestam serviços de qualidade, em termos legais e sustentáveis financeiramente.
Disse-lhe que era evidente que o problema da SCMS resultava unicamente da sua gestão, pois tem por exemplo um rácio de praticamente dois funcionários por cada utente, o que a torna insustentável.
(Neste ponto, lembrar que a SCMS nas últimas décadas foi um elemento político sempre ao dispor do PSD, ainda mais quando a Câmara deixou de poder contratar mais pessoal, pois havia ultrapassado os limites legais, a SCMS foi quem cumpriu muitas promessas eleitorais do PSD de Sardoal).
O Sr. Diretor referiu a este propósito que chegou a dizer ao Sr. Anacleto que estranhamente e perante a evidência de que a SCMS tem uma estrutura demasiado pesada para as valências que dispõe, nunca viu a SCMS tentar atenuar esse desequilíbrio alargando o leque de valências com um conjunto de programas de apoio que a Seg. Social dispõe em várias matérias, designadamente relacionadas com a ocupação de tempos livres dos utentes e no alargamento dos serviços a prestar em matéria de apoio domiciliário, o que possibilitaria alargar o valor das comparticipações sem que tivesse que efectuar qualquer contratação de mais pessoal, bastava afectar pessoal superavitário de determinados setores a estas novas valências.
Neste caso, insistiu, dizendo que os técnicos da Seg. Social insistem constantemente com a SCMS, para aderir a estes novos programas, e que inclusivamente informam que caso seja necessária alguma formação, a Seg. Social tem protocolos com o Instituto de Emprego, que assumiam este encargo, mas ainda assim, a resposta é invariavelmente negativa. Parece que estamos no tempo do “Orgulhosamente sós”.
O Provedor recentemente veio para a comunicação social alegar que a Seg. Social também culpa da situação financeira da SCMS, pois devia disponibilizar um maior número de vagas para utentes protocolados.
O Sr. Diretor comentou que ele próprio teve acesso a esse artigo que de imediato lhe telefonou e o convocou para uma reunião de urgência em Santarém, que entretanto o Sr. Anacleto, já adiou duas vezes.
Neste capítulo, referiu que o Provedor mentia descaradamente, pois a SCMS nem tem utentes suficientes para ocupar as vagas protocoladas e apresentou os seguintes dados:
Lar
- Capacidade SCMS
70
- Acordo com Seg. Social
44
- Utentes
39
Apoio Domiciliário
- Capacidade SCMS
80
- Acordo com
Seg. Social
60
- Utentes
46
O Sr. Diretor afirma que estes números acordados/protocolados com a segurança social, podem ser revistos a qualquer momento, aliás é frequente que assim seja, o que acontece é que a SCMS tem vindo a perder imensos utentes nos últimos anos e que considera que a fraca qualidade do serviço prestado e com pouca humanidade, tem afastado eventuais interessados.
Referiu que por vezes fica a ideia que a gestão da SCMS se torna como que “bafienta”, amorfa, conformada e sem iniciativa o que é pena pois dispõe de alguns bons técnicos, só que a direcção corta-lhes as pernas para poderem inovar.
Referiu que nesta altura está em curso um programa “PARES” com comparticipações de pelo menos 75% dos investimentos elegíveis e que se destina a novas edificações, ampliações ou remodelações já existentes e que pelo menos até aquela data a SCMS não tinha manifestado a intenção de aderir.
Disse também que teve conhecimento que recentemente o Sr. Anacleto foi convocado, com carácter de urgência, para uma reunião com o Sr. Bispo e que o Coordenador Distrital das Misericórdias também foi convocado.

bispo (2).png

 

(Nesta altura já se vislumbram manobras nos bastidores por forma a que se crie uma lista, mais uma vez, proveniente de um circulo restrito de pessoas, maioritariamente afetas ao PSD).
O nosso papel e responsabilidade é denunciar esta situação,
com autorização do Director Distrital da Segurança Social, para tornar pública esta reunião.
NOTA FINAL
Agradecemos ao Sr. Pedro Duque as informações que a opinião pública em geral e os sardoalenses em particular têm direito de saber.
Sentimos um gosto amargo na boca e uma grande indignação. Agora que cada um tira suas próprias conclusões.''
Sardoal
Cultura&Progresso
(imagens nossas)
 
Comentário: o Anacleto reedita o tonsurado das seringas
 
 

 



publicado por porabrantes às 15:37 | link do post | comentar

Terça-feira, 24.11.20

Sem convocatória na página oficial e sem convocatória no face, com o Presidente da AG  (o Miguel Borges) em estado grave e internado, graças ao Covid, os anacléticos (ou seja a seita do Anacleto, o que ousou dizer que o burlão era um homem honrado), vão fazer uma AG da   quase falida Santa Casa do Sardoal.

Fazemos nossas as observações de Sardoal Cultura e Progresso :

 
SANTA CASA: INCONGRUÊNCIA APÓS INCONGRUÊNCIA
Não é mais falta de nível e capacidade, pensamos que há má intenção por parte da direção da Santa Casa em sua tentativa desesperada de se manter a qualquer custo, quando as suspeitas são cada vez mais alarmantes:
- A Assembleia Geral é convocada no sábado, dia 28, às 14h00, quando é necessário o confinamento às 13h00.
- O Presidente da Assembleia é atualmente afetado pela Covid e não pode e não deve estar presente no evento.
- A Ordem de Trabalhos é calculadamente ambiguo é redigida de forma que reflita o controle absoluto para que certas questões possam ou não ser levantadas, sempre a critério da Mesa.
Tudo é mediado e nos parece vergonhoso essa atitude que põe cada vez mais em evidência o absurdo em que está mergulhada a direção da Santa Casa.
Nem mesmo a menor sombra de dignidade permanece.
Sardoal
Cultura&Progresso 

122143436_181740143520302_8141878123473189999_o.jp

 

  



publicado por porabrantes às 21:07 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.10.20

Artigo do Jornal de Abrantes noticiando a morte do Abílio Mattos e Silva que construiu o Teatro Gil Vicente

Uns constroem, outros destroem

ma

roubado ao site do face que homenageia o artista plástico Abílio Mattos Silva     



publicado por porabrantes às 13:49 | link do post | comentar

Quarta-feira, 07.10.20

santa casa sardoal.png

O Bispo mandara fechar as capelas à noite, para impedir festejos heterodoxos  e a Mesa indignada demite-se. Era 1927.

Agora só se demitirão empurrados.

Pode o Bispo de Portalegre empurrá-los outra vez?

  bispo.png

ma 

recorte do jornal anti-jesuítico Baluarte, dirigido pelo antifascista e  informador da PVDE, Leonel Ferro Alves 



publicado por porabrantes às 18:40 | link do post | comentar

Quinta-feira, 20.08.20

alves.png

Miguel Afonso Alves, P. da Junta do Sardoal (PS), pede nesta intervenção, disponível no face, a demissão de Anacleto Batista de Provedor da Santa Casa local e adianta que a Misericórdia apresentou resultados negativos de 443 mil euros.

Ou a destituição do solicitador ... 

Sublinha que o Anacleto, invocando o Regimento da AM, se recusou a elucidar  a Oposição.

ma   



publicado por porabrantes às 11:26 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Anacleto passa ao ataque

Anacleto pratica caridade...

Anacleto faz despedimento...

A Santa Casa do Sardoal ...

Casa do Anacleto com salá...

SANTA CASA DA MISERICÓRDI...

A última jogada dos anacl...

O Provedor do Sardoal que...

Mesa da Santa Casa do Sar...

O que é que ele lá está a...

arquivos

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

cacique

candeias silva

carrilho da graça

cavaco

cdu

celeste simão

chefa

chmt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

coronavirús

cria

crime

duarte castel-branco

espanha

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

frança

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9


23
24
25
26

27
28
29
30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds