Segunda-feira, 27.05.19

sara cristina

26 de Abril

O assunto já tinha sido aqui abordado

Porque é que a nomeação de Sara Cristina Morgado e outros andou por este labirinto kafkiano?

Quais as consequências jurídicas?

mn 



publicado por porabrantes às 15:56 | link do post | comentar

Quarta-feira, 04.04.18

(...)A opção em tornar, com carácter mais permanente, o antigo mercado num ponto de confluência de culturas ou de construir um novo, pensado especificamente para a sua função mais nobre de abastecimento de produtos, foi consciente e reveste-se hoje,nesta inauguração, de uma afirmação de liberdades e de colocar ao serviço das

populações um novo espaço, funcional, digno, vivo, dinâmico e apelativo, que fidelize cidadãos ao comércio tradicional.(...I

 

Sara Morgado em declarações numa tese de Mestrado de Mariana Marques Henriques, ''Os mercados do século XXI''

 

Daqui se retira que tornar o antigo mercado ''num ponto de confluência de culturas'' é arrasá-lo e torná-lo numa rotunda.

Aí confluem as culturas, passa um Hyunday Kona coreano ao lado da carroça dos burros dos ciganos e ao lado do Mercedes despesista da cacique

Daqui se retira ainda que, que o pedido do regresso dos comerciantes ao velho mercado é......prova que o bunker não fidelizou coisa nenhuma.

Estamos desactualizados, substituam a carroça por um Mercedes cigano mais caro que o caciquista, propriedade dum empresário cigano, vendedor de pó...de arroz...naturalmente

 

mn  

 

 

 

 



publicado por porabrantes às 18:22 | link do post | comentar

Quarta-feira, 01.02.17

 

Nas eleições para Ordem dos Arquitectos triunfou a lista A, da qual tinhamos dito que

que era composta pelos melhores arquitectos de Portugal.

 

A lista B que tinha como mandatário Carrilho da Graça foi derrotada.

 

Dessa lista fazia parte a funcionária municipal Sara Morgado e o arq. Pedro Costa

 

20120686_vmEnc.png

As eleições caracterizam-se por uma elevadíssima abstenção,  e por reclamações da Lista B por irregularidades processuais, que não foram admitidas,  depois de um parecer do consultor jurídico da Ordem.

 

O Sr.Dr.Saraiva de Lemos reduziu a pó e em bom latim a tentativa dos reclamantes.

venire.png

(devida vénia à Ordem dos Arquitectos)

 

 

A Lista B apresentou a sua candidatura cá na terra  no sinistro Bunker e parece que aquilo dá azar..-

bunker artur falcão.jpg

Foram derrotados, coitadinhos. Apresentamos os nossos pêsames ao licenciado Carrilho da Graça.

Carrilho espantado.jpg

Um dos melhores ''amigos'' do licenciado, o Prof. Arq. Doutor D. António de Castel-Branco (Abrançalha) apresenta a sua candidatura à CMA, no próximo sábado às 11 horas, na R.de S.Pedro, desta cidade.

acb paf.jpg

Estamos à espera de ver lá o Pedro Costa, a Sara Morgado e o licenciado alentejano.

ma 

 

a foto do Bunker é do Artur Falcão, a outra é da PAF



publicado por porabrantes às 16:23 | link do post | comentar

Terça-feira, 13.12.16

Vai haver eleições na Ordem dos Arquitectos. Há duas listas, na B está o licenciado Carrilho da Graça que é mandatário da coisa.

Na lista A estão simplesmente os melhores arquitectos deste país.

A lista A é a única que se candidata a todos os órgãos da Ordem, em todo o país.

Ou seja tem uma visão abrangente de Portugal, enquanto a B tem uma visão reducionista deste país.

Concorrem pela B a funcionária municipal Sara Morgado e o ex-candidato dum partido fundamentalista e ultramontano a Deputado, Pedro Costa.

pedro costa jpg.png

pedro costa 2.png

A Lista B, onde está uma funcionária municipal, viu-lhe ser cedido pela autarquia o Bunker. Não sabemos, nem temos de saber, se foram exigidas contrapartidas monetárias por esta cedência. Tudo o exigiria, porque a CMA não pode, nem deve, tomar partido numa pugna entre arquitectos.

Mas há que ser compreensivo, como o Bunker está sempre às moscas, por mais amigas das Barbies que lá metam, há que dar utilidade àquilo.

Que perore pois a Lista B, no meio dos nabos.! (1)

A ver se está lá o Albano Santos, que foi testemunha contra a cacique no caso Dias.

Esta edilidade é tão compreensiva com o Carrilho da Graça, que lhe fez uma adjudicação milionária a dedo e comprou 6 mil euros de livros, sobre o mandatário da lista B.

 

mn

(1) Dos nabos, das nabiças, das couves-flor, das barbies, das batatas e dos grelos...tetc.

 



publicado por porabrantes às 19:28 | link do post | comentar

Terça-feira, 27.09.16

Em 23 de Junho os deputados do Bloco inquiriram a CMA sobre isto:

colaboradora.png

 O prazo para responder é de 10 dias. O caciquismo teve a falta de educação de levar mais de um mês a responder, delegando aparentemente essa responsabilidade na ''colaboradora'' Sara Morgado, sendo o ofício assinado pelo Vereador Caseiro Gomes.

colaboradora sara.png

 

Ao fazê-lo ofendeu, pela demora, um órgão de soberania.

 

Que respondeu?

 

Parte das questões colocadas e às quais se dá resposta são as seguintes:

1. Quantos parques infantis se encontram sob a responsabilidade desta Câmara Municipal?

''São 28 os espaços de jogo e recreio cuja entidade responsável é a Câmara Municipal de Abrantes, dos quais encontram-se encerrados 5 para a realização de obras de manutenção.''

Da resposta descobrimos que em nenhum parque existem equipamentos específicos para que as  crianças com mobilidade reduzida possam brincar....

 

parque 2.png

O caciquismo diz que prevê, de forma faseada, introduzir esses equipamentos, mas, em Abril, inaugurou o da Bemposta, e não está lá nada destinado a miúdos que tenham mobilidade reduzida.

Só devem ter parido o plano faseado, depois de receberem o requerimento dos Senhores Deputados Carlos Matias e Jorge Falcato Simões  

Leia a resposta toda aqui.

Quanto à existência no mapa de pessoal autárquico do lugar de ''colaboradora'', ou lá o que isso seja, verifica-se que é omisso quanto a essa função.

Os deputados devem ter ficado a pensar que estes colaboradores colaboram a passo de caracol, porque tardaram mais de um mês a responder a umas perguntas a que a Lei lhes dá 10 dias para o fazer.

ma 

finalmente chamam Doutor ao Deputado Carlos Matias, quando é Engenheiro...

 

 

 



publicado por porabrantes às 10:01 | link do post | comentar

Terça-feira, 12.07.16

 

 

photo.jpg

 

Era 28 de Janeiro de 2005 e o dr. Pedro Marques, ao tempo dirigente laranja abrantino, escrevia assim:

populista.png

Ficamos a saber que Armando Fernandes era um grande mestre (aposto que D.António Castel Branco anda pelas esquinas a repetir isto em ucraniano, ou num português repleto de ''slang'' gringo.)

 

E fico a saber que o Barroso tinha problemas dialécticos-éticos com o populismo.

E também sérios problemas éticos com os conflitos de interesse, acrescento eu.

liberation.png

O Liberation, o jornal que foi de Sartre, e é hoje dum Rothschild arruma o Barroso como um homem ''sem fé, nem lei''.  

O Senhor Dr. Pedro Marques, mais D.António Castel-Branco, trouxeran para a política abrantina tipos da craveira do Senhor Dr.João Pico, pouco populistas...

populismo 2.png

Escrevia o que foi Vereador laranja pela mão do Marques e do Fernandes e que quase chegou a nº 2 do CDS pela nobre mão de D.António Abrançalha.

Pico acrescenta que a decoração do Hotel Equador foi feita pela Senhora sua esposa....

populismo 3.png

Depois dum post arrasador destes, 500 contos a mais ou a menos, podem fazer-se odes ao populismo.

Vi o Barroso fazer muitas odes, todas a canalhadas várias.

Estou como o Liberation; era um tipo sem fé, nem lei.

Quanto a quem foi ao Hotel Equador, é digno de andar aos abraços (como andou) a João Pico.

ma

já agora foi a esposa do dr.Marques, ao jantar dos trolhas no Hotel Equador? Fico a aguardar os comentários da arquitecta Sara Morgado   

     



publicado por porabrantes às 11:59 | link do post | comentar

Quarta-feira, 11.05.16

Charters 2.png

 A Oposição insinua-o. Transcreve-se do blogue do PSD parte da intervenção do deputado municipal laranja, Dr.Diogo Valentim, na Assembleia Municipal: (...)

Outra situação que pretendemos desmitificar está relacionada com a doação de parte do acervo do espólio do ilustre arquiteto Charters de Almeida. Primeiro que tudo, reconhecemos o Arqt. Chartes de Almeida como uma referência nacional em termos de escultores portugueses contemporâneos. Segundo ponto, somos favoráveis à necessidade de existir um plano de intervenção/reabilitação profunda do edificado urbano, nomeadamente no edifício carneiro, e a necessidade de lhe atribuir uma funcionalidade estratégica para a cidade, contudo, quando a Sra. Presidente fala em doação de parte do espólio do respetivo arquiteto, esquece-se de mencionar que o mesmo, arquiteto, em apenas três prestações de serviços nos últimos dez anos arrecadou cerca de 200 mil euros, dividido pelas seguintes intervenções:

Por isso Sra. Presidente, a bancada do PSD entende bem a sua estratégia de aliciamento para atingir as suas ambições, os seus desejos, os seus sonhos, contudo é preciso relembrar, que é mais uma vez à conta dos contribuintes Abrantinos, que o Arq. Charters de Almeida vai doar parte do seu espólio para instalar no Edifício Carneiro. É caso para se dizer “…que uma mão lava a outra”.

Sra. Presidente tendo em conta que se prevê a contratação de serviços por parte do prestador João Charters de Almeida e Silva para a “conceção e elaboração de projeto de execução, para implantação de um monumento escultórico, em local a designar, que simbolize a elevação de Abrantes a cidade”, e tendo em conta que foi o mesmo que cedeu parte do seu espólio – o que se confirma através da adenda efetuada ao protocolo assinado entre a CMA e Charters de Almeida no passado dia 29 de Março - é importante questionar a Sra. Presidente se não estão em causa os pressupostos de inviabilidade de convite previstos no art.º113º nº5 do CCP a Charters de Almeida para a prestação de serviço em causa? Poderemos estar perante uma ilegalidade? E passo a ler o preceito legal em questão: “Não podem igualmente ser convidadas a apresentar propostas entidades que tenham executado obras, fornecido bens móveis ou prestado serviços à entidade adjudicante, a título gratuito, no ano económico em curso ou nos dois anos económicos anteriores, excepto se o tiverem feito ao abrigo do Estatuto do Mecenato.”

Já agora Sra. Presidente, independentemente de sermos favoráveis a necessidade de reabilitar o edificado do centro histórico, somos completamente contra, à necessidade de despender 92 mil euros no projeto de arquitetura adjudicado ao arquiteto Victor Mestre. Dado o elevado montante em causa gostaríamos de saber se o projeto está ou não incluído no financiamento comunitário?

Esta situação vem confirmar mais uma vez, que a Sra. Presidente não acredita nos profissionais de excelência que tem ao seu dispor. E pode ter a certeza que se o PSD fosse “governo” em Abrantes, valorizaria de forma inequívoca e exemplar os seus profissionais/colaboradores, responsabilizando-os e levando-os a serem parte integrante de projetos marcantes e de relevância para a cidade e para o nosso Concelho.(...)

 

E naturalmente sugere-se que a Senhora Presidente da Câmara peça um parecer ao Dr.Rebordão Montalvo, assessor jurídico da CMA e homem sabedor, para saber se o contrato não enferma dos vícios denunciados.

 

Porque se pediu um para saber se a Senhora Arquitecta Sara Morgado não se encontrava em situação de conflito de interesses, porque se encontrava casada com o Vereador laranja, dr.Pedro Marques que votou a favor da adjudicação ao célebre arquitecto Carrilho da Graça, mais razão agora haverá para pedir outro.

 

 

 

E peça ainda outro parecer ao Conselho Superior do Ministério Público para comparar.

 

ma 



publicado por porabrantes às 16:09 | link do post | comentar

Segunda-feira, 15.02.16

Ao lado do Tribunal e em frente do Edifícios S.Domingos, onde estão as Conservatórias de Registo Civil e uma Notária, o SPGL e o melhor restaurante da Cidade, bem como alguns escritórios de Advogados, um privado mantém há anos um terreno vedado ao abandono, que conspurca uma das entradas da Cidade

terreno s.domingos.png

Em primeiro lugar este tipo de vedações estão permitidas pelo Regulamento do PUA, no Centro Histórico,diz-nos a arq.Sara Morgado?

terreno s.domingos 2.png

A erva seca que se acumulava dando origem a um matagal. era no Verão passado um perigo para fogos, foi notificado o dono para a cortar?

Quem era o dono disto, agora parece que é dum banco e se vende por 365.000?

 

Porque não se expropria, para construir equipamento público, em vez de destruir as muralhas para construir mercados imaginários?

 

Que ligações políticas teve?

 

Lembram-se da polémica levantada pela construção do edifício S.Domingos?

ma 

 

fotos: portal imobiliário

 

 



publicado por porabrantes às 12:59 | link do post | comentar

Quarta-feira, 04.11.15

 E tinha o Zé Luz toda a razão, como é que a Sara Morgado e o Eduardo Campos meteram no forte pulso do primeiro Afonso, a bandeira de Nuno Álvares?

Não tinha dado por ela, de quadradinhos só leio Astérix e Tintin e o nobre José Abrantes

 

 

 

 

nacionalidade.png

 

sn 



publicado por porabrantes às 19:25 | link do post | comentar

Sexta-feira, 26.06.15

 

 

 

Resolvi ler as actas da Assembleia M. do Sardoal que estão on-line, as de Abrantes não estão desde meados de  2014. Porquê? Têm medo dalgo?

Na acta de 28-6-2014, o deputado PS Paulo Falcão interroga Miguel Borges para saber se o funcionário municipal arq. Bexiga está em TER ou seja sujeito a medidas de coação de termo de identidade e residência e se o processo tem a ver com a actividade autárquica.

M.Borges responde isto:

bexiga 1.png

bexiga 2.png

Entre 2002-2005 foi Presidente da Câmara Fernando Moleirinho e haverá responsabilidades políticas além das penais que o DIAP está a averiguar.

moleirinho.png

bps com a devida vénia

 

O Paulo Falcão fez a pergunta necessária no âmbito da fiscalização política e o Miguel Borges esclareceu-o frontalmente. Chapeau para os dois.!!!Tudo ficaria por aqui, quando atacou, ético, o ''jurista'' Anacleto:

bexiga 4.png

baptista.jpg

bexiga 5.png

Os comentários são óbvios. O ''Jurista'' Anacleto confunde um Tribunal Popular, como aquela porcaria que ''julgou',' no PREC, o Zé Diogo à porta do Tribunal de Tomar,  com os órgãos de investigação criminal, dirigidos por magistrados de carreira, como é o caso do DIAP.

Foi o DIAP, dirigido por um magistrado, que meteu o 44 à sombra e meteu o Bexiga com TER.

Um assunto relacionado com irregularidades urbanísticas, na Câmara laranja do Moleirinho, está naturalmente sob a alçada do escrutínio dum órgão de controle e fiscalização como a Assembleia Municipal.

E poderia caber, em tese, o Município constituir-se assistente para coadjuvar a acção do DIAP.

Como a Diocese de Portalegre se deveria ter constituído assistente no caso da falsificação de drogados ou a de Santarém no caso do padre da Golegã, condenado como miserável pedófilo, enquanto era assistente espiritual dos escuteiros e se dedicava a apalpar donzelas impúberes.

Falta a imprensa: desde 2002 que o Bexiga anda às voltas com o DIAP, segundo se constata pelo que disse o dr. Borges, e a imprensa calada.

E não me venham dizer que a Imprensa (no caso a folha da Hália e a Nova Aliança) não podia ter investigado e noticiado o assunto.

A Hália foi deputada municipal PS no Sardoal e o Anacleto é subdirector da Nova Aliança.

Não noticiar casos como este é faltar à ética (gloriosa palavra), é fazer reinar um manto cúmplice de silêncio sobre o que se passa nas autarquias.

Falta a Exma. Senhora Arquitecta Sara Morgado, que está nos órgãos da Ordem dos Arquitectos. Atreveu-se ela a criticar a Eurico Consciência, em 2002, quando o caso Bexiga começava a mexer-se. Respondeu-lhe, demolidor, o Advogado:

eurico 1.jpg

 

eurico 2.jpg

Espero que os órgãos da Ordem e a Senhora Arquitecta mandem abrir um inquérito ao arq. Bexiga. É o mínimo.

 

MA

Desconheço a evolução posterior do caso Bexiga. Fico à espera, ressalvando naturalmente a presunção de inocência do homem    



publicado por porabrantes às 10:30 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

As célebres nomeações

O Bunker enquanto confluê...

O Bunker dá azar- Lista c...

Arquitectos no meio dos n...

Onde brincam os miúdos de...

Sem fé, nem Lei

É ilegal o contrato do Ch...

Um matagal em frente do E...

Câmara de Abrantes despre...

O processo do arquitecto ...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10

18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds