Domingo, 20.12.15

''Eu, em nome do SOS-OBSERVATÓRIO DO RIO TEJO gostava de pedir a todos os amigos do Ambiente e do Rio Tejo para comparecerem no "Travessão" junto ao Rio Tejo dia 22 Terça-Feira pelas 10 Horas e 45 Minutos pois virá de Lisboa Entidades do Governo verem as Obras e falarem sobre o assunto. Por isso quantos mais estivermos presentes mais força vamos ter para vencer a "Batalha" do "Travessão e da Poluição do Tejo. Obrigado

(Presidente SOS-TEJO Arlindo Consolado Marques )''

 

 

Apoiamos naturalmente este acto em defesa do Tejo

 

central pegop.jpg

 a redacção



publicado por porabrantes às 22:26 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Sexta-feira, 18.12.15

A cacique abrantina teve hoje palavras inadmissíveis, na reunião camarária, contra o movimento popular, animado pela SOS OBSERVATÓRIO TEJO, contra as autarquias vizinhas como a do Mação, contra  deputados  a nível nacional como Duarte Marques, contra deputados municipais como Armindo Silveira.

Mais que isso, as suas palavras atentam contra a Constituição.

As palavras da cacique revelam tal sectarismo  que constituem uma clara afronta aos interesses colectivos, que se traduzem pela qualidade de vida, pelo direito à defesa dos nossos recursos nacionais e ainda ao direito constitucional à qualidade de vida. 

Diz a Constituição: 

Artigo 66.º
Ambiente e qualidade de vida

  1. Todos têm direito a um ambiente de vida humano, sadio e ecologicamente equilibrado e o dever de o defender.
  2. Para assegurar o direito ao ambiente, no quadro de um desenvolvimento sustentável, incumbe ao Estado, por meio de organismos próprios e com o envolvimento e a participação dos cidadãos:

 

  1. a) Prevenir e controlar a poluição e os seus efeitos e as formas prejudiciais de erosão; 
    b) Ordenar e promover o ordenamento do território, tendo em vista uma correcta localização das actividades, um equilibrado desenvolvimento sócio-económico e a valorização da paisagem; 
    c) Criar e desenvolver reservas e parques naturais e de recreio, bem como classificar e proteger paisagens e sítios, de modo a garantir a conservação da natureza e a preservação de valores culturais de interesse histórico ou artístico; 
    d) Promover o aproveitamento racional dos recursos naturais, salvaguardando a sua capacidade de renovação e a estabilidade ecológica, com respeito pelo princípio da solidariedade entre gerações; 
    e) Promover, em colaboração com as autarquias locais, a qualidade ambiental das povoações e da vida urbana, designadamente no plano arquitectónico e da protecção das zonas históricas; 
    f) Promover a integração de objectivos ambientais nas várias políticas de âmbito sectorial; 
    g) Promover a educação ambiental e o respeito pelos valores do ambiente; (..)

Bolsa a cacique:

cacique.png

 

 

Se um organismo independente, como a APA. apanhou os empreiteiros da multinacional a cortar o Tejo, duma forma que coloca claramente em causa o aproveitamento racional dos recursos naturais, impedindo a sua capacidade de renovação e a estabilidade ecológica, e desrespeitando o princípio da solidariedade entre gerações, só temos de apoiar a APA e os que denunciaram a forma como os da PEGOP se aproveitam irracionalmente dum recurso natural. 

Nós não queremos deixar um Tejo morto aos nossos filhos e netos, não queremos privar de pão os pescadores da Ortiga, não queremos servir os tipos da Endesa ou da Caima.

elena_salgado_a_endesa.jpg

 

Queremos um Tejo vivo, com peixes e não com com diques ilegais como os  da PEGOP ou o do Aquapólis.

Ao agir assim, como agiu, segundo a reportagem, Maria do Céu Albuquerque, despreza um património milenar que é nosso, que é o Tejo.

Ao agir assim, está a mostrar-nos que o único caminho decente que nos resta, é derrotá-la politicamente.

central pegop.jpg

 

Quanto mais depressa, melhor !!!!

ma 

 

devida vénia ao Jueves, o Charlie de Castela, onde mostra uma ministra que mal abandona o lugarzinho, arranja um tacho

à   SOS OBSERVATÓRIO TEJO pela foto

ao Médio Tejo.net  e ao Mário Rui Fonseca pelo relato da reunião

 

 

 

 

  

 



publicado por porabrantes às 16:58 | link do post | comentar

Segunda-feira, 14.12.15

Colocado no facebook pelo deputado do círculo de Santarém, Duarte Marques, PSD:

 

'' Assunto rio Tejo - Resposta oficial que recebi há momentos do Presidente da Agência Portuguesa do Ambiente 'a APA promoveu uma deslocação ao local, de técnicos da APA/ARH Tejo e Oeste e elementos da GNR/SEPNA, para observação das condições de escoamento com a execução da obra verificando-se que:
· a água apenas passa por percolação através do núcleo de pedras considerando os reduzidos caudais no Tejo;
· a rampa para peixes já existente, não foi desta vez intervencionada, verificando-se contudo que não existe caudal suficiente para a sua transposição.
Na sequência desta vistoria os técnicos reuniram com o engenheiro responsável pela obra por parte da Tejo Energia, tendo sido acordado efetuar, de imediato, e como medida cautelar, no dia de hoje, 14 de dezembro, um canal, ao lado da rampa para peixes, com dimensões que permitam garantir a continuidade do escoamento em superfície livre, assegurando igualmente a passagem de peixes e pequenas embarcações de pesca.
A APA, no âmbito das suas competências, irá ter em particular conta, por exemplo, a conectividade fluvial, a preservação das galerias ripícolas, o escoamento natural da linha de água e as condições de segurança e operacionalidade da infraestrutura. Para o efeito, vai assegurar a realização urgente de uma reunião com a empresa e técnicos responsáveis pelos projetos para que sejam garantidas as condições exigidas nos pareceres e autorizações emitidos por esta Agência e para reavaliação eventual das soluções técnicas adotadas.''

 

Recorde.se que a D.Maria do Céu e os da Pegop tinham dito que estava tudo em ''ordem''.

 

Agradecemos aos Ambientalistas, em especial ao Sr.Sebastien de Mattos, à SOS OBSERVATÓRIO DO TEJO, ao Deputado Duarte Marques. à Imprensa e a todos os que agiram esta vitória. 

 

Defender o Tejo é um imperativo 

ma 



publicado por porabrantes às 22:40 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

Manifestação em defesa do...

Defender o Tejo

Deus não dorme!

arquivos

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carlos marques

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

diocese de portalegre

duarte castel-branco

eucaliptos

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário semedo

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds