Segunda-feira, 27.05.19

O dr. Jorge do Carmo António, abrantino, professor de física em Timor,ganhou o ''Prémio do Ensino Secundário'', dado pela Sociedade Europeia de Física.

60471266_144420706690414_479639673916882944_n

 

O galardão destina-se a premiar quem se tenha destacado  na disciplina e tem relevância que a sua acção se  estenda a nível internacional.

O professor, de 52 anos, é natural de Água de Casas, Fontes.

Os nossos parabéns.

Ler aqui entrevista à Lusa do premiado.

CV do docente

mn

foto: facebook



publicado por porabrantes às 09:14 | link do post | comentar

Sexta-feira, 22.09.17

Queremos agradecer ao amigo timorense Akatu da Costa ajudar a divulgar este blogue em Timor.

 

akatu

mn



publicado por porabrantes às 22:41 | link do post | comentar

Sexta-feira, 02.06.17

gomes 2.png

Como é que se vai entregar a chefia das secretas a um tipo destes???

 

mn

 

o artigo destaca o papel do diplomata Francisco Alegre, filho do vate, que se portou em Timor como um valente...



publicado por porabrantes às 09:32 | link do post | comentar

Sexta-feira, 26.05.17

uma abrantina enterra o marido

 

carrascalão.jpg

carrascalão 2.png

carrascalão 3.png

carrascalão 4.png

 Enterro do eng.Mário Viegas Carrascalão.......malhas que o Império teceu, impressionante a homenagem das autoridades e do povo de Timor....a um dos Pais da Pátria.....

carrascalão 5.png

 

De novo os nossos pesâmes à Senhora D. Helena Stoffel Carrascalão e à família.

mn

imagens do face do Sr.Pedro Carrascalão,com a devida vénia



publicado por porabrantes às 22:53 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19.05.17

Faleceu o eng. Mário Viegas Carrascalão, vulto importante da política timorense. O falecido deixa viúva a Senhora D.Helena Stoffel Carrascalão, que é natural da nossa cidade.

18341682_10155315267464140_4061938472465327712_n.j

foto do facebook do filho Pedro Carrascalão com a devida vénia.

Os nossos sentimentos à família enlutada.

ma


tags:

publicado por porabrantes às 07:52 | link do post | comentar

Quinta-feira, 14.07.16

maggiolo 74 timor fretilin.png

 

 

''Comício da FRETILIN nas ruas de Dili distinguindo-se em primeiro plano um militar português (Maggiolo Gouveia?). 1974. -Arquivos Nacionais de Timor'' (1)

 

Não vou contar como é que Maggiolo conseguiu o lugar que tinha em Timor. Foi com uma sonora e mortífera cunha abrantina. Quando o contar será com o documento para publicar aqui.

 

Já li tanto disparate sobre Timor, que só me faltava ler isto em espanhol do ex-empregado da Lena, Alves Jana

 

 

xanana.png

aqui, onde o homem disserta sobre a incapacidade dum ex-aluno dos Jesuítas em falar a língua de Camões

 

xanana 2.jpg

Xanana no Seminário, de jesuítas portugueses e espanhóis, com uma dedicatória para ele 

 

 

Xanana Gusmão é filho de dois antigos professores primários, o Sr Manuel Gusmão e a Srª D. Antónia Henriques Gusmão,  aluno dos jesuítas até aos 16 anos, cumpriu o serviço militar no exército português (foi cabo), funcionário público da administração colonial lusa em Timor....e tinha dificuldades em falar português para o douto Alves Jana !!!!!

Eis o Comandante Kay Rala Xanana Gusmão  na guerrilha contra o ocupante, passando das linguas asiáticas ao mais perfeito português, quando lhe dava na guerrilheira gana.

 

A biografia oficial diz assim: ''

Kay Rala Xanana Gusmão nasceu em Laleia, no Distrito de Manatuto, em 20 de Junho de 1946, durante o período de Administração Portuguesa. É aqui que passa a sua infância juntamente com um irmão e cinco irmãs. Aprende a Lingua Portuguesa com o seu pai, Manuel Gusmão, professor de escola. É em Ossu, Viqueque, que frequenta a escola primária Santa Teresa, completando posteriormente os estudos no Seminário de Nossa Senhora de Fátima em Dare, e, mais tarde, no Liceu Dr. Francisco Vieira em Díli.

Quando ingressa no Liceu em Díli, começa também a trabalhar como topógrafo, dando também aulas na Escola Chinesa de Díli. Em 1966 ingressa na Administração Pública tendo sido recrutado em 1968 para o Exército Português, onde serve 3 anos, tendo atingido a patente de Cabo. Em Abril de 1974, ingressa no jornal A Voz de Timor.''

 

(Governo de Timor)

 

 

xanana.png

 

 

 

 

ma

(1) Agradeço a algum leitor que confirme se é o Maggiolo que está na foto, temos sérias dúvidas, como os timorenses 

   

 Imagens e alguma informação retirada Last Days of Portuguese Timor de Sara Niner, cuja leitura se recomenda antes de chamar a um estadista ''iletrado'''' . Há esta biografia de Xanana, da Autora, em português.

 


publicado por porabrantes às 21:36 | link do post | comentar

Sábado, 19.03.16

beijja mao 2.jpg

 Se calhar não há país mais católico que Timor. Mas as autoridades da República não beijam a mão aos Bispos.

Viva Timor!

ma

foto Governo de Timor



publicado por porabrantes às 12:23 | link do post | comentar

Sexta-feira, 04.09.15

 Enquanto pouca gente se preocupava com os refugiados católicos e animistas  timorenses do Vale do Jamor, fugidos a um genocídio desencadeado contra católicos e animistas por parte duma potência muçulmana, D. Duarte estava lá.

vale do jamor.jpg

 

Esperei para ver os autarcas de Lisboa resolverem o problema.

Vi a Ordem de Malta e o Luís Moita e o CIDAC apoiarem os refugiados e  denunciarem o genocídio.

Vi a Vera Lagoa e poucos mais jornalistas (quero destacar Francisco Sousa Tavares) denunciarem a situação.

Vi poucos activistas denunciarem a matança. Escapa-me algum nome. Já gostaria de ter visto os senhores Bispos pedirem o julgamento em Haia de quem matou em Timor.

E mataram 250.000 cidadãos de Portugal, porque os timorenses eram de jure portugueses.

Timor reconheceu D.Duarte como cidadão timorense.

Vamos ver quem é o Bispo que vai conseguir a nacionalidade síria.

Algum foi à Síria?

untitled.png

Hoje começo a pensar que el Hassad é o menor dos males na Síria

sn

foto da Real Beira Litoral



publicado por porabrantes às 16:54 | link do post | comentar

Terça-feira, 10.06.14

 

(Em memória e louvor do Tenente-Coronel MAGGIOLO GOUVEIA e de mais sessenta Portugueses, fuzilados em Timor pelos facínoras comunistas da FRETILIN) (1)

 

 

 

 

 

Tu viste, do céu? … 
Assististe, Senhor, 
à chacina de Aileu 
(algures, em Timor) ?! …


Viste a morte cruenta 
e sangrenta 
- tal como aquela que se dá às rezes…- 
que sofreram 50 ou 60 
Portugueses?!


Viste como esses perseguidos 
se persignaram, em português,
por môr de Dili 
- e à hora da morte, unidos, 
ali ajoelharam 
uma última vez 
diante de Ti? …

 

 


E viste, viste também 
(à flor da ilha que lhes foi berço 
e lhes foi cova duradoura), 
a Tua Santa Mãe, 
Nossa Senhora?! …


Não deixaste sequer de reparar 
que, mal a oração final 3/5
por ali se pronuncia - 
eles todos, em coral, 
desataram a cantar 
ao Coração Virginal 
de Maria
! …


Finalmente, 
puseram-se de pé.


E à frente 
de tão nobre gente, 
há então quem dê 
um último e ardente 
testemunho de fé.


É o Tenente-Coronel 
MAGGIOLO GOUVEIA 
- que não cura de salvar a pele, 
Mas a epopeia!

 

 

 


Em nome de todos, disse isto, 
Senhor!, 
às fardas cruéis 
que os iam matar:


Morremos por CRISTO 
e por TIMOR 
podeis 
disparar
”.

 

Rodrigo Emílio

 

 

Nota (1):

 

 

 

(1). Segundo indícios recolhidos por D. Ximenes Belo, estes fuzilamentos terão ocorrido em 23-12-1975.

 

Os restos mortais de Maggiolo Gouveia seriam trasladados para Portugal/Mação, em 18-8-2003, com a presença do Ministro da Defesa Nacional. Tal resultou depois das diligências feitas por uma comissão de apoio à família, constituída pelos Coronéis José Pais, Morais da Silva, Manuel Bernardo e Nuno Roque e da ida do seu filho Dr. Rui Maggiolo, a Aileu/Timor, para identificação do corpo.

 

com a devida vénia de http://ultramar.terraweb.biz/06livros_RodrigoEmilio_Reuniao_de_Ruinas.htm

 

um dia depois de terem caiado os nomes dos mortos de Portugal, no Jardim da República desta cidade 

 



publicado por porabrantes às 09:32 | link do post | comentar

Sábado, 19.04.14

 

 

Era possível governar Timor sem montar uma guerra civil? Era! O coronel Alberty Correia (na foto, em 1970) governou Timor sem a montar. Era possível descolonizar Timor sem montar uma guerra civil? Era, mas um grupo de MFAS irresponsáveis ajudou a montá-la. E durante anos enquanto o implacável governo indonésio fazia um genocídio, Portugal de Abril olhava para o lado e um dos poucos que se preocupava com o assunto era D.Duarte de Bragança que criou as condições para ajudar os timorenses refugiados no Vale do Jamor. E o Luís Moita que através do CIDAC dizia que havia uns heróis que resistiam nas montanhas mauberes aos genocidas.

Os timorenses são agradecidos, D.Duarte foi o único português a quem foi dada a nacionalidade timorense por decisão unânime do Parlamento Timorense.

O General Alberty Correia era Ministro do Exército a 25 de Abril de 1974.

O tipo que governava Timor e que fugiu para Ataúro chegou a um altíssimo cargo militar quando regressou. É a ética de Abril, não responsabilizar ninguém por coisa nenhuma. Por isso estamos como estamos. 

   

 

 

A segunda foto mostra um deportado português, o sr.Manuel Viegas Carrascalão, de São Brás de Alportel, da CGT, dirigente anarco-sindicalista, enviado para Timor, pela Ditadura. Está com a mulher,a Dona Marcelina que aí conheceu. Transformou-se num próspero plantador e é o pai dos numerosos manos Carrascalão, que animaram a política local, alguns na UDT e que terminaram aliados ao Xanana, na luta pela libertação de Timor, actualmente a única ex-colónia, juntamente com Cabo-Verde, que tem um regime político decente.

 

 

Um dos manos Carrascalão casou com uma abrantina e a Dona Marcelina  teve netos de sangue abrantino. São as malhas que o Império, Salazar e Abril teceram.

 

Créditos: Fotos roubadas a um site do facebook sobre Timor



publicado por porabrantes às 18:04 | link do post | comentar

ASSINE A PETIÇÃO

posts recentes

''Prémio do Ensino Secund...

Dever de Cortesia: Timor

Questões de Estado

Nas montanhas de Timor

Eng.Mário Viegas Carrasca...

O seminarista José Alexan...

O Estado e a Igreja

O Rei e os refugiados

que não cura de salvar a...

As malhas que Abril teceu...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

tags

25 de abril

abrantaqua

abrantes

alferrarede

alvega

alves jana

ambiente

angola

antónio castel-branco

antónio colaço

antónio costa

aquapólis

armando fernandes

armindo silveira

arqueologia

assembleia municipal

bemposta

bibliografia abrantina

bloco de esquerda

bombeiros

brasil

candeias silva

carrilhada

carrilho da graça

cavaco

cdu

chefa

chmt

cidadão abt

ciganos

cimt

cma

cónego graça

constância

convento de s.domingos

cria

duarte castel-branco

eurico consciência

fátima

fogos

gnr

grupo lena

hospital de abrantes

hotel turismo de abrantes

humberto lopes

igreja

insegurança

ipt

isilda jana

jorge dias

jorge lacão

josé sócrates

jota pico

júlio bento

justiça

mação

maria do céu albuquerque

mário soares

mdf

miaa

miia

mirante

mouriscas

nelson carvalho

nova aliança

património

paulo falcão tavares

pcp

pego

pegop

pico

pina da costa

portugal

ps

psd

psp

república

rocio de abrantes

rossio ao sul do tejo

rpp solar

rui serrano

salazar

santa casa

santana-maia leonardo

santarém

são domingos

sardoal

saúde

segurança

smas

sócrates

solano de abreu

souto

teatro s.pedro

tejo

tomar

touros

tramagal

tribunais

tubucci

todas as tags

favoritos

Passeio a pé pelo Adro de...

links
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10

18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
blogs SAPO
subscrever feeds